Com Tomates (II)

(Aproveitando o mote do Silas)

 

De escassez do fruto do tomateiro, está Soares Franco a sofrer.

Não entendo o convivio que manteve com o Al Capone tripeiro no passado Sábado.

Durante muitos anos assistimos a arbitragens infames, roubos incríveis. Agora é a hora de afirmar que tínhamos razão no “luto” de Roquette, ou no “sistema” de Dias da Cunha! Chega de palmadinhas nas costas e cocktails de conveniência, chega de hipocrisia, não quero lavar as mãos, é hora de marcar posição!

 

Lá no alto do camarote, enquanto segura a cigarrilha na mão direita, o nosso mais alto dirigente devia, discretamente, pousar o copo, enfiar a mãozinha da aliança no bolso esquerdo e verificar se os ditos o acompanham ou… ficaram no bar.

Anúncios

12 thoughts on “Com Tomates (II)

  1. Não tem nada de especial, o franco já disse qual era a sua prioridade, e não é o Sporting, e como bom gestor de negócios não irá por os interesses do Sporting há frente dos seus interesses profissionais, em especial quando sair da presidência do Sporting. Assim o Sporting está oficilamente de mãos dadas com o regime do sistema.

  2. Jorge:
    resposta tipica de afirmação sem comteúdo, mas vou fundamentar a minha no seguinte. Não disse mal do clube, mas se consegue extrair tal dedução pode dizer onde. E não o disse pois não confundo o presidente com o clube, não são a mesma pessoa. Ainda não vi ele mudar de posição, mas se acha que ele esteve bem ao lado de pinto da costa então afirme-o.

  3. Com o Soares Franco, em 2 anos, já ganhamos títulos, presenças na Champions e ao que parece desapertamos um pouco o cinto da tesouraria. Deixem o homem trabalhar!
    Não é com este tipo de blogues sempre a falar mal do treinador, presidente e jogadores, que o Sporting se torna campeão. Se isto não é falar mal do clube, o que é?
    Razão tinha o Dias Ferreira. São anónimos cobardes.Comprem Game boxes e vão apoiar a equipa!

  4. Estimado Jorge,

    lamento imenso que, um pouco à imagem da Belle Sophie, entre no Cacifo a pés juntos, sem sequer dar-se ao trabalho de ler com atenção o que aqui escrevemos e correndo o risco de depois ficar lá fechado à mercê destes vilões que têm as chaves.

    Mas, já que o menino resolveu deixar o tennis court para brindar-nos com os seus disparates, deixe-me apenas dizer-lhe que quem aqui escreve tem por hábito comprar bilhete de época e apoiar a equipa. Veja bem, Jorginho, que até somos gente que nunca assobiou a equipa ou utilizou um lenço branco, mais ou menos ranhoso, para manifestar desagrado relativamente a um treinador.

    Agora não nos peça, menino Jorge, para gostarmos de scotch, de charutos ou de tennis, muito menos para ficarmos calados quando consideramos que algo vai mal no reino do Leão. E, peço-lhe encarecidamente, quando voltar a bater à porta do Cacifo traga argumentos em vez de acusações estúpidas e teorias tão desprovidas de massa cinzenta que me deixam à beira do vómito.

    Caso contrário, fique-se lá pelos espectaculares debates televisivos onde participa o seu amigo Dias Ferreira e, apontando o dedo à televisão, vá gritando, cada vez mais alto, “anónimos! cobardes!”. Pode ser que a sua rica mãezinha, incomodada por tamanha gritaria, lhe pregue o par de estalos que o menino precisa de levar, para ver se cresce e se torna um homenzinho com ideias próprias.

    Sem outro assunto
    Cordialmente
    Cherbakov

  5. Jorge,
    No dia em que o Cacifo agir de forma anonimamente cobarde para atacar direitos fundamentais de terceiros, serei o primeiro a vir aqui deixar o meu nome e bilhete de identidade para assumir responsabilidades por tudo aquilo que assinei com o heterónimo Sousa Cintra.
    Até lá, manteremos este registo de análise livre, com argumentos melhor ou pior fundamentados, mas sempre a torcer e a lutar por um Sporting maior. Seja nos temas sérios, seja nas alturas em que decidimos avacalhar o sistema.
    E entretanto, não serás tu ou qualquer Dias Ferreira deste país a dar-me lições de moral sobre como se devem, ou não, discutir os assuntos.
    Queres saber o que é um verdadeiro insulto? É ouvir o Dias da Cunha a falar sobre o nosso clube, sempre com aquela postura do “coitados, vocês não percebem nada disto”. Ou, também, obrigares-nos a ler essa tua análise mentecapta aos conteúdos deste blog.
    Portanto, se não te importas Jorge, vai bardamerda. És uma daquelas figuras que me deixam genuinamente tristes por serem sportinguistas. Assim como o Dias Ferreira ou o João Braga.

  6. Ó Jorge, agradecemos o facto de nos ter visitado. Só prova que, de facto, este tipo de blogues não interessa a ninguém, nem merece a visita de gente tão sábia.
    Depois, gostaria também de lhe agradecer o facto de ter assinado sem recorrer a cobardes anonimatos. “Jorge” é, claramente, uma corajosa publicitação da sua identidade, que nos permite, se assim o entendermos, confrontá-lo, cara a cara, com a nossa divergência de opiniões.
    Ficamos ainda muito agradecidos por ter utilizado as palavras de Dias Ferreira para defender o trabalho de Soares Franco. Se eu também estivesse a ganhar dinheiro à conta do Sporting para tratar da minha vidinha, de resto pouco recompensadora, também gostaria de ver os “jorges desta vida” a defender-me em espaços públicos.
    Finalmente, obrigado por ter generalizado a sua opinião sobre as nossas opiniões com base na leitura de um comentário no meio de mais de quatro milhões de posts que o Cacifo já tem. É que se a conivência corajosa da administração do Sporting com um condenado criminoso, não lhe assalta a alma, então esteja à vontade para o manifestar! Porque, usando o seu método, só posso defender a sua imediata suspensão por dois anos dos campos de futebol, por cumplicidade. Algo, aliás, que agradecemos, já que gente da sua laia não faz falta em Alvalade.

  7. Pois, por acaso tenho game box desde o inicio do novo estádio. Por acaso não assobio a equipa mesmo quando joga mal. Mas como sócio não abdico do meu direito de critica positiva ou negativa. Por enquanto o Sporting ainda é dos sócios, por enquanto…

  8. Caro Jorge,
    Julgo que estes “4 violinos” foram suficientemente claros sobre a nossa forma de estar.
    Gostamos, participamos, não assobiamos, mas temos opinião.
    Não é por discordarmos da direcção ou não gostarmos de determinado jogador que deixamos de sentir o Sporting. Pelo contrário.

    Esse carneirismo que nos assola há tantos anos é que permitiu chegarmos a este estado.

    -O seu Soares Franco está na direcção do Sporting há muitos anos, ao curriculum de títulos – versus – tempo de responsabilidades, também se deve acrescentar os anos que exerceu outros cargos na direcção. Dois anos é uma análise falaciosa.

    -Este ano aliviámos o cinto, é verdade, mas à conta da alienação de património. Não foi com nenhum golpe de génio do presidente.

    – Por favor não volte a citar Dias Ferreira, é uma enorme vergonha esse senhor aparecer na comunicação social identificado como “representante” do pensar leonino. Uma vergonha.

    Volte sempre que quiser discordar, é positivo para clarificar posições.
    Ou então, como diz o Cintra…vá bardamerda.

    Cordiais saudações,

    Ferenc

  9. Cito Douglas onde diz:
    “É que se a conivência corajosa da administração do Sporting com um condenado criminoso, não lhe assalta a alma, então esteja à vontade para o manifestar! ”

    É aqui que reside o problema.
    A mim afectou-me imenso ver o nosso Presidente ao lado do tal condenado a dois anos de suspensão que, com a maior desfaçatez, se apresentou no camarote VIP, certamente a convite da FPF, e se deixou ficar sem manifestar a sua discórdia com tal acto vergonhoso que imputo só e apenas aos lacaios da FPF.
    Já está na hora de alguém ter tomates!!!!

    Cito meszaros onde diz:
    “- Por favor não volte a citar Dias Ferreira, é uma enorme vergonha esse senhor aparecer na comunicação social identificado como “representante” do pensar leonino. Uma vergonha.”

    Não posso estar mais de acordo. Tem-se portado como um verdadeiro anormal.

    Perdoem-me mas hoje apeteceu-me atirar mais umas achas para a fogueira.
    Porra!! Como diria o Sousa Sintra

    SL

Deixe uma Resposta para jorge Cancelar resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s