Até que profundidade terá que ir o Titanic?

“Não me recordo de estar a 10 pontos do líder à 7ª jornada. Os jogadores são os mesmos e a equipa técnica também, por isso só devia haver melhorias. A qualidade de jogo deixa muito a desejar. Não me recordo de ver o Sporting a jogar tão mal. Já vi mandarem treinadores embora por muito menos, até quem ia em primeiro…”, Cadete, in Jogo.

Eu aplaudo as palavras do Cadete e continuo com uma pergunta semelhante a matutar-me na cabeça.
Será que termos enterrado a hipótese de sermos campeões à sétima jornada, não é motivo suficiente para mudarmos?
Ou, se preferirem, depois de termos hipotecado dois dos objectivos – apuramento para a Liga dos Campeões e campeonato nacional – estamos à espera do quê? De voltarmos a ser enxovalhados nos oitavos de final de uma competição europeia? De ganhar uma tacinha de merda para dizer que o Paulo Bento conquistou mais um troféu?

Neste Titanic de merda, temos um Almirante sem tomates para despedir quem dá o peito às balas por ele, e um Capitão sem a humildade para entregar o leme a alguém que ainda possa salvar o que houver a salvar, insistindo na estafada teoria de que ele consegue dar a volta com este grupo de marinheiros desesperados e fartos de aturar quem os orienta.

Eu, em terra, só lamento que não se aproveite quase três semanas de águas mais calmas para tentar evitar que o barco fique, definitivamente, preso no fundo do mar.

35 thoughts on “Até que profundidade terá que ir o Titanic?

  1. Concordo com tudo o que escreveste, com excepção à citação de um filho da puta que com a camisola dos lampiões festejou histéricamente um golo marcado na nossa baliza. E nem sequer foi ele que o marcou.

    Tudo o que esse cabrão cagar cá para fora respeitante ao Sporting é merda. Provávelmente, uma das razões pelas quais o nosso clube está como está, prende-se com o facto de darmos muita atenção e credibilidade a alguns filhos da puta que vestem a camisola do Sporting, física ou mentalmente.

    Do Sporting sou eu, e a grande maioria dos que aqui escrevem. Os outros…

  2. O problema de se ter Presidentes e Administrações como a de JEB é que estão pouco vocacionadas para a importância da qualidade do futebol e são absolutamente orientadas para o resultado.

    Assim, perdido que está o campeonato, JEB não vê utilidade no dispêndio de mais dinheiro, preferindo que PB faça esta época em governo de gestão.

    Pelo decrescendo de exigência que temos vindo a ver, se PB conseguir o segundo lugar, uns oitavos da Liga Europa e perder mais uma taça da Liga a ser roubado, JEB vai deixá-lo continuar.

    Para a Administração do SCP, o que importa são outros valores.

    Sinceramente, não acham sintomático que o Presidente se cale ou baixe as calças em assuntos como o campeonato de juniores ou a nomeação do palhaço Gomes, mas vocifere indignado contra o fundo de jogadores dos lampiões?!

    Se é bola, se é gozarem com o Clube instituição, ele não quer saber. Faz-se um comunicado mal escrito, mete-se no site e andor.

    Mas se é dinheiro para o BES do Sr. Ricciardi, se são fundos de jogadores, toca a falar.

    É o populismo do Presidente. Acossado, abana a efígie do lampião, que rouba, é um malandro, porque sabe que contra os lampiões, não há desunião nas hostes. Como já escrevi noutro lado, o pensamento é: “gritem com eles, para não gritarem comigo”.

    É triste ver que JEB é mais lesto em mandar recados e ofender adeptos do Clube do que um Vítor Pereira que nomeia um árbitro em litígio aberto com o Clube. Nesse e nas suas decisões, o Cotonete “confia”.

    SL

    • Mais credível pq? Porque tu achas? Porque gostas do Carlos Xavier? Porque és da mesma opinião?

      Isto não é uma questão de credibilidade. É uma questão de constatar factos e, goste-se ou não, o que o Cadete disse é totalmente verdade. Pena que tanta gente, incluindo o presidente, não estejam já cansados desta verdadeira miséria.

  3. Mbo pensa em mudanças inevitáveis e urgentes no Sporting.
    Mbo analisou e solucionou.

    E Ricardo Sá Pinto é a solução!!!

    Mbo pensa que Sá Pinto tem tudo o que nos falta: Muita garra, amor ao clube, sabe motivar jogadores e adeptos e aceitaria uma proposta justa da direcção para treinar o clube.
    Mbo pensa que seria uma aposta de risco mas um risco que gostaria de provar.

  4. Também penso que esta seria a melhor altura para mudar de treinador mas para mim nunca com o Sá Pinto desculpem lá, pois seria mais do mesmo, garra só não chega. Agora com…Manuel Machado, Roberto Mancini, Avraham Grant, Gerard Houllier, Daniel Passarella entre outros…ó JEB é só escolher pá!

      • Tipo o Carlos Manuel, ou o Materazzi, ganharam várias taças, supertaças e qualificações para a Champions. Façamos duas equipas para jogar à sirumba e quem ganhar escolhe um treinador.

        Os sportinguistas queixam-se de tudo. De ter treinadores que fazem a equipa jogar, mas que nada ganham. Aí pedem um vencedor mesmo que a equipa jogue mal. Por outro lado pedem um treinador vencedor, mesmo que a equipa jogue um futebol feio, mas depois queixam-se, querem o futebol bonito de volta.

        Acreditem, num clube como o Sporting, com os problemas financeiros que temos, só vamos ter essas duas opções e teremos de viver com uma delas. Muito dificilmente teremos um treinador por muitos anos que ganhe as competições e meta a equipa a jogar bem.

        Para isso é preciso ter uma estrutura muito forte, com pessoas competentes e que estejam compenetradas nas suas funções como trabalhadores do Sporting Clube Portugal.

        Ah e falta a massa…

      • Oh Miguel, acho que podias ter ficado calado. quem te ouvir falar fica com a ideia de que o Paulo Bento já nos deu um título (no mínimo), mas que somos uns chatos do caraças e nos fartámos de ganhar a jogar mal.

        O problema é esse, rapaz: jogamos mal e não ganhamos nada! Pior, quando defrontamos equipas de merda, dá sempre ideia de que jogamos tanto ou ainda menos que eles. O jogo do Belenenses foi exemplo disso mesmo.

      • sim concordo Cherbakov, eu já não sei se são os treinos ou a táctica ou o discurso o que é certo é que algo não está a funcionar entre treinador e jogadores. Vocês aqui no cacifo já falaram muito e bem sobre este assunto. Sempre achei que o Paulo Bento é um treinador dedicado, até acho que ele daria um bom técnico adjunto no Sporting assim como o Queiroz deu um bom adjunto no MU. Se o clube tivesse muito dinheiro o melhor seria trocar boa parte do plantel mas como não tem, a solução mais barata será sem dúvida trocar de treinador.

        Miguel, o Matterazzi foi importante no pouco tempo que cá esteve pois deu aos jogadores uma boa preparação física na pré-época. Já o Carlos Manuel foi um erro assim como seria um erro apostar no Sá Pinto ou no Domingos ou no Carlos Carvalhal ou ainda no Manuel Fernandes.

      • Não acho nada que o problema esteja no plantel. Acho que temos um plantel bastante bom e muito sub-aproveitado.
        Um dos grandes problemas é que não há um único jogador que seja hoje melhor do que era há 4 anos atrás.
        O Moutinho é hoje pior jogador. O Miguel Veloso é pior. O Djaló é muito pior. O Polga é muito pior. O Adrien está exactamente igual ao que estava quando apareceu há 3 anos, as deficiências e a imaturidade ainda estão lá todas.
        Nenhum jogador evoluiu nestes últimos anos.

      • FODA-SE!!! o Scolari?!? Epah, eu sei que a equipa precisa de ir ao psicólogo, mas se o Scolari vier para o Sporting deixo de pagar quotas! Foda-se! O Scolari… deves querer o Roberto Leal na Academia, a animar os estágios antes dos jogos mais importantes…

      • Hoje um amigo meu que tem ligações à alfandega, disse-me que o Scolari está em negociações com o SCP !! Não sei se é treta ou não, porque lhe disseram isto a ele.

        Mas a ser verdade era MUITO MAU !! Tirar o PB para por o Scolari, é o pior que pode acontecer. Acredito que mentalmente ele até conseguisse fazer alguma coisa rapida com a equipa, adoptando os seus “MININOS” mas já estou a ver a bela da teimosia dele em por o Polga a titular….LOL

      • Parece-me que o Scolari era um pouco menos burro que o Bento, pelo menos quando foi o Europeu teve coragem para mudar meia equipa, independentemente dos jornalistas quererem A ou B, ele fez o que tinha a fazer para ganhar.Já o Bento…diz-lhe para não por o Polga e ele só para mostrar que manda,põe-o sempre- ” e o burro sou eu?”

  5. Hoje ao almoco perguntei-me apenas se, em Alvalade, há planos de contingencia para estas situacoes.
    Tipo, uma “shortlist” de treinadores que sejam interessantes, tenham o perfil desejado, provas de competencia no CV, alguma viabilidade económica (dadas as nossas limitacoes) e possam em caso de emergencia ser alternativas para treinar o nosso clube.

    Também acham que nao, né?

    Venha de lá entao essa lista feita aqui no Cacifo. Pode ser que alguém leia.

    Saudacoes Leoninas

    • Claro que há, eu tive acesso a alguns nomes e posso dizer aqui em primeira mão: o 1º da lista é um tal de Paulo(não sei o 2ºnome), o 2º acho que acaba em Bento,o 3º será um tal de P.B. e o 4º só sei que usa risca ao meio.

  6. Teria que ser estrangeiro e de prestigio. Scolari não seria tão mau como referem. Tem estatuto…
    Mas se eu mandasse Leo Beenhakker já estava em Lisboa..

    Saudações Leoninas,

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s