Coração de leão

 

R – Tem sofrido muito com o Sporting?
MF – Não nego aquilo que sou: sportinguista de coração. Ver o clube afastado do título em Fevereiro é algo que magoa. Acontece. São épocas. Lembro-me que na minha primeira época no Sporting ficámos em 5º lugar. 

R – É um problema de plantel?
MF – Não acho. Se há três anos, os jovens saídos da formação eram jogadores com talento, era natural que agora, mais maduros, dessem outra sustentabilidade à equipa. Não houve evolução? Se não houve, então o problema é de quem dirige. João Moutinho, Veloso, Pereirinha, Adrien já não são meninos. 

R – Então?
MF – Às vezes é a equipa que globalmente não funciona e quem sofre são sempre os mais jovens. Vejam o que está a acontecer com o Rui Patrício. 

R – Críticas são injustas?
MF – São. Há muita gente com outra opinião, mas o Sporting está a correr o risco de perder um excelente guarda-redes. Vejam o que o Barcelona e o Real Madrid fizeram. Quando começaram, o Casillas e o Valdés deram muitos frangos. Estão lá há dez anos… O Rui Patrício está a começar e tem muita, muita qualidade. 

R – Vê-se regressar ao Sporting?
MF – Tenho dois anos de contrato com o Vitória. 

R – E se tivesse um convite?
MF – Isso não depende de mim. Recebi um convite do U. Leiria quando estava no ASA de Angola e disse que só saía se o clube o permitisse. 

R – Portanto, só se o Vitória o deixasse sair é que voltaria eventualmente ao Sporting?
MF – Exactamente. Tenho um contrato de 2 anos que quero cumprir. Estou feliz, numa cidade e num clube de que eu gosto e estou perto da minha família.

R – Admitia voltar ao Sporting para integrar uma estrutura mesmo sem ser treinador?
MF – Isso não é comigo.

R – Os adeptos do Sporting gostam de si…
MF – Não é de agora, é de há muitos anos. O problema é que só os adeptos é que gostam de mim… 

R – Acha que a estrutura dirigente não gosta de si?
MF – Não faço ideia. Neste momento, estou concentrado no Vitória. 

R – Como viu o caso Sá Pinto?
MF – Com tristeza. Gosto do Sá Pinto e do Liedson. Não sei de que lado está a razão, mas o que se passou não pode acontecer.   

R – Que culpas tem Carvalhal no atual estado do Sporting?
MF – Se calhar aconteceu a Carvalhal o que me aconteceu a mim. A mim enganaram-me, ao Carlos foram honestos e disseram-lhe que ficava até final da época e que depois logo se veria. Eu nunca teria saído do Santa Clara se fosse só para ficar meia época no Sporting. Mas prometeram-me que era para ficar ano e meio. Como aconteceu em toda a minha vida sportinguista, não assinei nada. Só que quando perdi um jogo, o contrato já era só de meio ano… Bom, o que interessa é que agora estou muito feliz em Setúbal e quando posso vou ver o meu Sporting.

Manuel Fernandes, in Record

14 thoughts on “Coração de leão

  1. Boloni outra vez??
    Se vier tem mesmo que ser só por 1 época. A segunda é invariavelmente má…

    Quanto ao Manuel Fernandes: por amor da Santa, qdo é q aqueles gestores engravatados vao perceber que ISTO é que é sportinguismo e dedicacao ao clube. Vao buscar o homem e JÁ!!!

  2. «Como aconteceu em toda a minha vida sportinguista, não assinei nada»….

    Este é que é o nosso Sporting, o resto são cantigas. Passam os bettencourt’s, os bentos, os Liedson’s, os carvalhais e o clube continua e continuará grande, cada vez maior nos nossos corações…….

    SL

  3. Se há gajo q merece um cargo “forever” no Sporting é o nosso eterno capitão!

    Talvez não como treinador, mas como director desportivo ou director p/ o futebol, ou algo do género.

    Este é o único q merece um cargo vitalício no nosso Sporting! Não tenho dúvidas disso. O Manel respira Sporting! Deste sim, teríamos dedicação total!

  4. Ponto previo: gosto muito de Manuel Fernandes.E mais sportinguista a dormir do que muitos acordados.Mas acho que gerir conflitos internos a nivel de balneario,programar a epoca desportiva,escolher e gerir um plantel,fazer mesmo de psicologo dos jogadores e funçao da equipa tecnica e em ultima instancia dos proprios jogadores.Transmitir a mistica? Tudo certo mas sera que o proprio “Manel” se tivesse jogado nestes anos pos lei Bosman resistiria ao apelo de um tubarao do futebol europeu? Acho que nem ele sabera responder com convicçao a essa pergunta simplesmente porque ja nao jogou nessa fase.Voltando ao inicio: gosto muito de Manuel Fernandes e se querem mesmo esse cargo na estrutura do futebol profissional seria o homem certo no clube certo.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s