Os mistérios de Carvalhal

Por certo não serei o único a ter-me questionado se Carlos Carvalhal sabe que pode fazer três substituições por jogo, principalmente depois de ter-se queixado do pouco tempo de recuperação entre cada partida. E acredito, não serei o único a ter-me questionado sobre as razões que levam o técnico a abdicar de Vukcevic.

Não vou aqui discutir, uma vez mais, se Vuk devia, ou não, ser titular, mas não posso deixar de achar estranhas as opções de Carvalhal, senão vejamos. Em Paços de Ferreira, Saleiro surgiu como um falso extremo, ora à direita ora à esquerda, alternando com Pongolle (que, neste esquema, vai ser rotulado de fracasso num instante), numa espécie de 4-3-3 que, como seria de esperar perante tal figurino, redundou num longo bocejo.
 
Ontem, em Liverpool, o bom do Carlos, o Carvalhal, voltou a apostar no seu homónimo para descair à direita, quando decidiu abdicar dos dois construtores de jogo, Moutinho e Matias, para apostar todas as fichas numa nova espécie de 4-3-3: Mendes, Veloso e Izma no triângulo de meio-campo, Yannick, Liedson e Saleiro, no tridente ofensivo. Como seria de esperar, e voltando a jogar na posição que tantas vezes ocupou nos júniores, Yannick, pese as limitações, foi capaz de dar esticões do lado esquerdo mas, de forma ainda mais previsível, o lado direito ficou duplamente manco: manco porque Saleiro não faz a mínima ideia do que é ir à linha e centrar; manco porque Saleiro não faz a mínima ideia do que é ser um falso extremo, com a função de encostar ao segundo poste quando o ataque carrila no flanco oposto.

Perante esta (mais uma) aberração táctica, e enquanto Carlos Proveta Saleiro, esperava de forma patética que a bola lhe chegasse à cabeça, depois de um centro de Yannick, eu pensava para com os meus botões: “mas porque razão é que o Vuk não entra? Foda-se, porque é que este cabrão não põe o Vuk à direita?!? Olha esta bola centrada para o gajo… é que nem lhe metia a cabeça, era logo uma pantufada em direcção à baliza… Estou tão farto destes treinadores de merda…”

p.s. – neste livrinho de mistérios, também anotei a colocação de Moutinho como falso extremo esquerdo (alguém estranhou só atacarmos pela direita durante a primeira parte?) e o jogo a passo do Miguel Veloso, incapaz de perceber que zona do campo devia ocupar (inacreditável como ficou em campo até ao fim).

42 thoughts on “Os mistérios de Carvalhal

  1. E não é que não foste o único a levantar tais questões durante o jogo!?!?

    Porque será?

    Só encontro uma razão: O Carvalhal sabe que vai sair e está a destruir o pouco que resta do Sporting e a gozar com os adeptos.

    FDX! RUA!

  2. Esta questão dos treinadores tem várias apologias aqui defendidas por igualmente vasto nº de adeptos (há os pró Villas,os pró “alguem da casa”,geralmente protagonizado pelo M.Fernandes, os pró Machado,os pró M.José, os pró treinador estrangeiro,diria até que existem os pró caralho).Nesta suma de prós é dificil encaixar o Carvalhal que é “só” o nosso actual treinador.Vamos ser honestos e pensar,quem poderia atirar este nome para treinador do Sporting um dia?Pois eu arrisco dizer que ninguem a não ser um senhor que é,tambem por acaso,o actual presidente do nosso clube. E porque não dirão outros? Porque se olharmos para os actuais treinadores com algum sucesso em Portugal (Jesualdo,Jesus,Domingos) veremos que todos eles estavam em percurso ascendente,subindo gradualmente para clubes com ambições maiores e conseguindo atingir os objectivos a que se propunham no iniciar de época.Assim foi com Jesualdo que fez excelente trabalho em Braga e saltou para o Bessa onde aqueceu para ir de imediato para o Porto.Jesus demorou mais a alcançar um grande mas fez trabalhos bons na Amadora,Setúbal,Belem e Braga.Domingos é mais novo mas segue esse rumo,estabilizou a Académica,fez depois uma epoca tranquila e alcança o “desiderato” no 1º ano em Braga onde contra todas as expectativas luta para ser campeão com uma equipa que convenhamos,deveria andar na luta pelo 3º ou 4º lugar.Machado será o mais proximo deste trio pois faz bom desempenho na Madeira,mas já teve outras hipoteses (Guimarães) e falhou redondamente o que lhe deixa grande interrogação sobre a sua bem falante cabeça.E Carvalhal? em muitos anos de futebol Português esteve bem em dois clubes,um dos quais (Leixões) nem sequer militava na 1ªliga.Tirando isso e o seu bom ano em Setúbal, colecciona despedimentos atrás de despedimentos,más épocas em que assumiu clubes a meio das mesmas,um sem fim de fracassos que mais cedo o conduziriam a um clube da 2ªdivisão do que,imagine-se,a um grande como o Sporting.
    Seria de esperar mais que isto que estamos a ter? só alguem tão tolo quanto o nosso JEB é que poderia ter tal visão.Sim a bola é redonda e jogam 11 contra 11, mas por favor,para fazer as paredes tem de haver uma estrutura feita e o Carvalhal vai ser sempre,na minha opinião,um simples pedreiro que coloca tijolos e depois se vai embora pois mais não sabe fazer.

    • o machado ficou em 5º lugar no guimarães (2004/2005) depois de o jorge jesus ter ficado em 14º na temporada anterior.

      só em braga é que as coisas lhe correram menos bem. de resto os resultados foram sempre bons.

      • Tens razão,fez bom trabalho em Guimarães e depois veio por aí abaixo na Académica e Braga onde foi despedido sem completar a época nos dois clubes.E Voltou então ao Nacional…

      • mas conseguiu tirar tb o matias. e o veloso que andou a passear a barriga durante 94m acabou o jogo.

        acredito piamente que o carvalhal não sabe que pode fazer 3 substituições, tal como da outra vez não viu o liedson marcar 2 golos.

      • ele sabe.. mas esquece-se..
        O problema com o VUK deve ter surgido por causa do 2o golo da académica.. mas a equipa é que ficou a dormir.. são uns palhaços..

  3. Caro Cherba,

    Sobre a não entrada do Vukcevic:

    Certa vez foi colocada uma questão a um treinador chamado Paulo Bento: “Porque não joga o Carlos Martins? Ele não podia dar algo mais à equipa?”

    Respondeu o dito Bento: “O Carlos Martins não joga porque podia dar algo mais à equipa” (fodido, hã?).

    Não faço ideia se é isto que vai na cabeça do Carvalhal.

    De qualquer forma, tenho por certo o seguinte:

    – O Vukcevic podia dar muito mais à equipa (diria mesmo que não dá um décimo do que pode);

    – O Vukcevic não está motivado mas, sinceramente, depois de 3 anos, já não faço ideia do que é que pode motivar este gajo;

    – O Vukcevic tem o condão de, mais cedo ou mais tarde, deixar de ser opção para qualquer treinador; é uma constante da sua carreira.

  4. O Vukcevic não entrará tão cedo com Carvalhal porque tem a cabeça como o IC19 em hora de ponta e um umbigo maior que a rotunda do marquês. Puta que o pariu.

  5. Falta de liderança e de ideias. Mas alguma vez este gajo é treinador para o Sporting Clube de Portugal?

    Só se for para o Sporting da Covilhã.

    Ele nem com os galáticos ganhava, quanto mais com estes pernas de pau. Necessitamos de um treinador que eleve o espírito do plantel.

    Lembro-me do Mourinho e até me riu. Tanto no Leiria, benfica ou porto. Muitos jogadores medianos que com ele pareciam o Diego Maradona.

    Agora imaginem um jogador do calibre do Pôlga, com um treinador como o Carvalhal, ainda fica pior que o Paulo Madeira.

    É uma vergonha esta merda, mas enfim, estava programado. Contratozinho de 6 meses, tentar aguentar o barco e começar a planear a próxima época.

    É isto que temos, meus caros, nada mais.

    ps: No fundo, a culpa é do dinheiro, ou da falta dele. Com ele, até com o Paulinho como treinador eramos campeões.

  6. Mas serve de alguma coisa este exercicio??
    1- Como ja muitos apontaram aqui, lamento informar mas o Vukcevic NAO E UM JOGADOR FORA-DE-SERIE. E um jogador razoavel mas que nunca conseguira agarrar um lugar numa equipa de topo enquanto nao mudar de atitude. Que obsessao pelo gajo pa! Ainda por cima e feio como os cornos, senao ainda pensava que voces eram todos homosexuais…
    2- Na mesma linha, o Carlos Carvalhal NAO E UM TREINADOR MUITO BOM. Pode ser assim tipo Suficiente mais em dias de sorte, mas nao chega ao bom pequeno nem durante os sonhos em que leva o Asteras Tripolis a conquista do campeonato Grego (e da Taca, vencendo na final o treinador da decada, Fernando Santos).
    3- O nosso presidente E UMA MERDA porque com os 30000 treinadores que existem no desemprego em todo o Mundo escolheu o Carvalhal. Devia ter escolhido o Cherbakov ou o Lulinha. Dasse!!!

    SL

    • O Vuk é um excelente jogador que apanhou dois treinadores que lhe estão a foder a vida.Se o fcp ou o slb o apanham todos os que agora o criticam avidamente vão comer a merda que cagaram.Veja-se o Di maria que com o queque espanhol era um jogador vendável por 5 milhões e agora é titular na selecção Argentina e vale 3 ou 4 vezes mais que então.
      Eu recordo-me de comentar com amigos à ano e meio atrás,alguns doutros clubes,que o Vuk estava talhado para jogar em Itália,onde o jogo é decidido em pouco espaço e com a maior rapidez possivel.É um jogador explosivo que pode substituir na perfeição o Varela (que a jogar como está sai no fim de época para um grande europeu) ou o próprio Di Maria que tambem deve sair neste final de campeonato.
      Se o Varela tambem não serviu para o “grande” Paulo Bento…

      • olha,falar mal é muito fácil,até do Mourinho tu podes passar um dia inteiro a falar mal.Se não gostas do Vuk optimo para ti,telefona ao P.Bento e ao Carvalhal (que são optimos e não têm culpa nenhuma nesta merda) e combina uma tarde para ele te enrabar à vontade a ver se te passa o mau estar.

  7. E para mais quando, no seu 1º jogo, contra aquele clube que joga em frente ao Colombo, para o campeonato, em que o Vuk foi titular, sobre a direita, dois passos atrás do Liedson…
    Pensava eu que, finalmente, iríamos aproveitar as capacidades dele, mas…. Pois, parece que o Vuk, com aquela cabeça, consegue levar qualquer treinador a deixar de confiar nele!
    E eu tb tenho muito medo que ele vá acabar no Porto e que lá jogue pa caralho….

      • O Varela tambem nao tirava o lugar a ninguem e agora e titularissimo…nao sei que drogas eles tomam la em cima,mas correm e jogam sempre mais que ca em baixo…

    • Renato, a diferença é que os jogadores quando estão no porto e entram em campo, convencem-se ou metem-lhes na cabeça (não sei) a ideia de que vão ganhar custe o que custar determinado jogo, depois como até ganham aqueles em que nem jogam nada, os jogadores vão crescendo. Os nossos ficam satisfeitos com uma derrota fora por 2-1…está tudo dito, enfim penso que a culpa aqui deve ser apontada aos dirigentes que temos tido nos últimos anos.

  8. 19 de Maio de 1991.Mira de Aire.Lotaçao esgotada no Municipal.Final do campeonato nacional de juniores.Depois de derrotar o Benfica por 1-0,o V.Guimaraes encontrava o Sporting capitaneado por Luis Figo.Apos 120 empolgantes minutos recheados de boas jogadas,muitas oportunidades e emoçao a rodos,num jogo que ambos mereciam vencer,o espectaculo “transferiu-se” para as grandes penalidades.Ao 18º “penaltie”,Marco(do Sporting)atirou ao poste e assim pela 1ª e ate hoje unica vez no seu historial o Vitoria conquistou o titulo.No banco dos vimaranenses,um homem orgulhoso dos seus “miudos”:Manuel Machado.Trabalhou 18 anos na formaçao dos vitorianos.Foi coordenador,treinador,secretario tecnico e cooperou com varias equipas tecnicas dos seniores(Joao Alves,Marinho Peres,Pedro Rocha,Bernardino Pedroto,Vitor Oliveira).Foi campeao da serie A da 3º Divisao com o Fafe e estabilizou o clube na 2ª Divisao B conseguindo um 3º e 8º lugares.Agarrou num projecto de subida com o Moreirense e foi campeao da Zona Norte nessa mesma epoca de estreia no clube.No ano seguinte,ja na Divisao de Honra,era um dos principais candidatos a descida.De candidato a despromoçao foi sendo “promovido” a sensaçao,depois a “outsider” e na ultima jornada bastava-lhe um ponto para se sagrar campeao da Honra.Jogo na Reboleira.O Estrela,treinado por Jorge Jesus,ainda mantinha tenues esperanças de subir a divisao principal mas para isso tinha de ganhar e esperar por resultados de outros jogos.No final do jogo:Estrela-0 Moreirense-3.Com uns pozinhos de classe os “axadrezados” fecharam com chave de ouro epoca memoravel.3º melhor ataque,melhor defesa,equipa mais disciplinada.Na estreia entre os maiores,mais uma vez candidato a descida.No final:12º.Na epoca seguinte:9º.Depois o percurso e mais mediatico e com os resultados que a maioria do publico conhece.Na sua pior epoca(2007/2008) saiu da Academica apos a 3º jornada.Derrota em Alvalade,empate em Coimbra,derrota no Funchal.E depois o seu grande erro.Aceitar o convite do Braga.O profissionalismo falou mais alto mas ao minimo deslize a contestaçao falou mais alto.Que era vitoriano de coraçao e que estava ali para “lixar” o Braga.Ainda fez uns brilharetes na UEFA(empate em Braga com o Bayern Munique e passagem a proxima fase da competiçao)e no campeonato(empate na Luz e um empolgante 3-3 em Coimbra num dos melhores jogo do campeonato).Mas nao resistiu ao “chicote”.Passe o exagero imaginem o Toni a treinar o Sporting ou o Manuel Fernandes a treinar o Benfica.As suas equipas baseadas num grande espirito colectivo fizeram “explodir” jogadores “vulgares” como Alex(do Moreirense para o Benfica).Lino(da Academica para o Porto) e Miguelito(do Nacional para o Benfica).Rentabilizou Nuno Assis(do Guimaraes para o Benfica)Roberto Brum(da Academica para o Braga) e Diego Benaglio(do Nacional para o Wolfsburgo).Ja para nao falar dos casos mais recentes de Ruben Micael,Nene e o interesse de alguns clubes europeus de renome em Felipe Lopes.Lançou Tiago Targino na 1º equipa do Vitoria.Peço desculpa pelo longo post(e mais haveria para dizer)mas para mim este seria o homem certo para o cargo de treinador principal do nosso querido Sporting Clube de Portugal.Saudaçoes leoninas.

    • Parece um “press release” do gabinete de comunicação do Mister Machado, mas é tudo verdade. E falta acrescentar que é um homem que esteve em coma e voltou (o que tem muito a ver com o actual SCP, pelo menos na parte do coma)! É, de longe, a escolha certa (e, por isso, de certeza que não vem).

    • Lembro-me do resumo dessa final do campeonato de juniores. E lembro-me de um jogador do Guimarães que parecia que ia ser uma vedeta, e que ao chegar a senior acabou. Chamava-se Giani ou Jiani, ou coisa assim. Mas era craque.

      • Exactamente.Geani.Era o capitao dessa equipa.Dias mais tarde foi chamado pelo treinador dos seniores,na altura Joao Alves e ainda jogou no antigo Estadio das Antas.

  9. Eu acho fantásticas as teorias sobre a mentalidade do Vukcevic, às quais respondo com as seguintes questões:
    – nos dez ou doze jogos em que Vuk jogou onde gosta de jogar (e onde mais rende), qual foi o resultado?
    – Quantos golos marcou?
    – Será que a culpa é mesmo dele, ou de dois treinadores incapazes de explorar a “loucura” deste rapaz que, assim como não quer a coisa, tem um magnetismo pelo golo capaz de rivalizar com o de Liedson?

    p.s. – temos outro caso interessante, o do Moutinho. Um prazer vê-lo jogar quando lançado por Peseiro, num duplo pivot ao lado de Rochemback; um martírio vê-lo definhar em tudo quanto são posições do meio-campo (agora até a extremo esquerdo), ao ponto de praticamente exigirmos que um excelente médio saia da equipa.

    • Ate ver concordo contigo.Continuo a dar o beneficio da duvida ao Vukcevic.E irregular,capaz do 8 ou do 80 em pouco espaço de tempo,por vezes decide mal(quando devia passar,dribla e quando devia driblar,passa)mas e por isso tudo que acho que devia jogar sempre a avançado.Nao daqueles avançados fixos,posicionais mas sim em constantes trocas com o Liedson.Nao me parece claramente um orgazinador/criador mas sim um finalizador “explosivo”.Na pre-epoca deviamos ter procurado colmatar outra posiçao no plantel,contar com o Vuk como avançado e abdicar do Caicedo.Sera que o Paulo Bento quis evitar um conflito de egos no ataque(Liedson e Vukcevic)? Parece-me que aqueles dois nao se gramam muito.Quero acreditar que nao porque os interesses do colectivo estao acima dos interesses pessoais(coisa muito bonita de se dizer mas dificil de gerir).De qualquer maneira a ideia que tenho neste momento do Vuk e que a sua “cabeça” nao acompanha o seu talento.

      • São dois ídolos, Peyroteo, o suficiente para terem egos inchados e poderem chocar na dose de protagonismo que reclamam para si.
        Mas, se fossemos por aí, então ninguém conseguiria treinar Real Madrid, Milan, Man United e por aí fora. A verdade é que há, tal como, acredito, haverá quem, imensamente melhor que um Paulo ou um Carlos, consiga fazê-los dar à equipa tudo o que de muito têm para dar.

      • Cherba,acho que estou mesmo contigo nesta opiniao.A verdade e que gostava muito de ver como poderia funcionar esta dupla.Apesar de continuar com duvidas acerca da “sanidade” colectiva de Vuk(e jogando na frente essa questao seria relegada para um plano inferior).Mas como referes nao me parece que o Carvalhal me desfaça essa duvida.

      • Começa-me a parecer é que o Liedson,para aquilo que produz actualmente,causa problemas a mais(pronto,desanquem-me lá à vontade),restringe demais as opções no ataque e condiciona a forma de jogar do Sporting.Por vezes quando parece que uma equipa está mais dependente de alguem é quando depois se dá menos pela falta dele.Começa-me a parecer que se ele for ao mundial e depois alguem der uns trocos,por um jogador a caminho dos 33 anos,é de pensar um pouco…
        De resto a colocação do Vuk a avançado e aquela que para mim seria a posição mais natural do Pereirinha(def.lateral), teriam poupado uns trocos valentes neste ultimo Janeiro e poder-se-ia ter reforçado áreas onde as opções não existem (dc e dl esq.).Mas quem pensa nestas coisas actualmente?!

  10. Boa TARDE…
    Entao nao é que o Carvalhal so faz 2 substituições a minha pergunta é Porquê?
    entao nao é que antes de um jogo em paços de Ferreira temos um presidente que diz (quase) directamente que o treinador bom era o paulo bento por causa das balas !?
    a minha pergunta é Um Treinador nao deveria ser para treinar !?
    entao nao é que desde que o Sa pinto se foi embora nao ganhamos mais nenhum jogo ..a minha pergunta é sera possivel deixar alguem ir embora porque defendou os Adeptos do Sporting!?
    Onde é que vamos parar assim .. começo a ter medo …

  11. Que se fodam os problemas do Vukcevik. O Pongolle custou quase 7 milhões e está novamente lesionado.

    Caralho.

    Assim, quando é que o homem agarra o lugar? O gajo é rapidíssimo, poderia fazer uma boa dupla com o 31!

  12. Gostava mesmo que tivessem razão relativamente ao Vuk mas não creio. E nem sequer acredito que Porto ou Benfica peguem nele. A única hipótese que ele ainda tem é encontrar um “Mourinho” pela frente que lhe abra os olhos e com o qual ele se identifique…
    SL

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s