Para onde caminhas tu, meu Sporting?

“Vocês nem chegam ao Natal”.
Tal como tantos outros Sportinguistas, cresci a ouvir esta frase. Acabei por habituar-me, murmurando para mim mesmo que tal estado de coisas haveria de terminar. E terminou mesmo. Mal sabia eu que, uma década volvida, estaria novamente a embrulhar presentes e a pensar que a época futebolística está terminada.

Acontece que, ao contrário do que sucedia nas décadas de 80 e 90, olho para o futuro do meu Sporting e não vejo nada. Nada, mesmo. Ou melhor, vejo uma total ausência de respeito pela grandeza do clube que jurei defender diariamente. Nessas décadas de travessia do deserto, qualquer treinador que viesse para o Sporting sabia qual era o seu objectivo: ganhar, ganhar e ser campeão. E, caso não o conseguissem, eram os primeiros a ter a hombridade de colocar o lugar à disposição. Se, por alguma razão, não o fizessem, eram os presidentes a colocá-los nos seus devidos lugares.

“E o que é que ganhámos com essas mudanças e com a falta de estabilidade?”, poderão perguntar. Pouco, é verdade, mas foi uma dessas mudanças que nos levou a pintar o país de verde e branco. Quatro ou cinco anos passaram, e abraçámos essa dita estabilidade, apostando em treinadores que, numa espécie de tiro no escuro, pudessem revelar-se um novo Mourinho. Acontece que Mourinho há apenas um e, hoje, não chegar ao Natal é motivo para o treinador afirma que se sente perfeitamente seguro no lugar e para o presidente afirmar que confia plenamente na estrutura que escolheu para o nosso futebol.

Depois fala-se de orçamentos e da falta de capacidade financeira para comprar jogadores que façam a diferença. Deve ser por isso que praticamente só ganhámos aos dois últimos da tabela.
Depois lamenta-se a sorte madrasta que leva as bolas a embater nos postes e na trave. Mas não se lamenta a ausência de capacidade futebolística para criar situações de golo que entusiasmem a plateia e permitam ganhar os jogos.
Depois dá-se a entender que o plantel tem poucas soluções, como se não desse que pensar o facto de termos contratado dois defesas centrais para colocar um ponto final nos problemas defensivos e, hoje, termos a titular um homem a quem tinha sido aberta a porta de saída.
Depois pede-se tempo e paciência, como se não nos tivesse sido pedida a mesmíssima coisa nos últimos cinco anos.
Depois empolam-se pequenas conquistas, como se ganhar uma Taça e ficar em segundo fosse tão bom como ficar em primeiro.

Cinco anos em que, dolorosamente, nos fomos afastando de algo que faz parte da nossa forma de estar. De pensar. De ser. Tendo, ainda, que ouvir o primeiro presidente da história a viver à conta do nosso clube afirmar que somos uns maus Sportinguistas por não aceitar este estado de coisas.

Anúncios

54 thoughts on “Para onde caminhas tu, meu Sporting?

  1. Amen Cherbakov!

    Sondagem do Dia Seguinte:
    – Demissão de Bettencourt e eleições = 45%
    – Demissão da actual estrutura = 31%
    – manter tudo na mesma = 14%
    – Demitir Paulo Sérgio e Costinha = 10%

    Vale o que vale mas esta foi a sondagem mais votada do Programa Dia seguinte desde há muitos meses pelo que referiu o apresentador.

    Dá para o JEB entender que os 90% se transformaram em 10%?

    SL
    José

    • Mas faz sentido o Bettencourt demitir-se e manter-se a estrutura? Para mim a opção 1 e 2 são a mesma, o que perfaz um total de 76%.

      Eu já passei por diversas fases:
      1 – Vamos acreditar
      2 – Vamos demitir o Paulo Sérgio
      3 – Vamos pedir eleições

      Já vou no 3. O que virá a seguir?

  2. Não costumo ver esses programas de “Paineleiros”, mas hoje pagava para ver a Cara do nosso “representante oficial” no dito cujo.

    Para quem viu o programa podem explicar-me exactamente o que signifiaca a opção 2?

    SL

  3. nas decadas 80 e 90 que tambem eu cresci,mesmo nao ganhando campeonatos,tornei-me do Sporting,pela sua capacidade aglutinadora,de motivaçao,de compromisso com a vitoria,de ver o velho Alvalade xeio,de o clube respirar Sporting dos jogadores aos dirigentes,muitos mais motivos poderia dar para amar tanto o Sporting…Preocupante e foi algo que referi no meu blog,é cada um de nos que como eu aprendeu a ser do Sporting nesses tempos em que nao ganhavamos campeonatos,se fosse agora,o que vos levava a ser do Sporting?Um estadio vazio?uma equipa que nao ganha?Dirigentes,jogadores e adeptos resignados com estes resulatdos?Com tamanha falat de ambiçao?

  4. pa tenham vergonham… mas despedir o betencourt para que?! para por la quem?! pois parece-me obvio nao nao apareçe ninguem, e que se aparecer nao deve ser melhor… o homem esta a um ano e tudo isto ja é culpa dele??!!? culpa é da porcaria do antigo presidente que dedicava uma hora a uma das maiores instituiçoes do pais e da merda daquele treinador que la esteve 4 anos e que mandou para o cinema os adeptos que queriam ver espectaculos!!! agora o estadio ta vazio por culpa do betencourt e do costinha né?!?!

  5. Essa do velho estádio estar sempre cheio soa-me a delirio puro ou então são apenas sonhos de um passado semi-glorioso.A norte estava sempre cheia mas era de moscas, as centrais era a meio gás e a sul, essa sim mais composta.Tirando os jogos grandes e as competições europeias era praticamente a mesma merda que agora.
    Os dirigentes continuam os mesmos, tipos que convivem com a derrota à anos, como é o caso do Dias Ferreira, são hoje em dia quase que simbolos quando deviam ser apenas mais um, já lá não deviam estar à muito. Argumentos estafados; ” não temos dinheiro ” e tudo gira à volta desse prisma, todo o clube parece agarrado ao livro de cheques sem cobertura e às prestações do “carro e da casa” que ultrapassam o orçamento familiar. Isto quando todos nós sabemos que o futebol não é só isso, é acima de tudo paixão e alma, é qualquer coisa que está a desaparecer debaixo dos dossiers e dos euros.A mim parece-me que não será assim tão dificil, julgo que todos os Sportinguistas só precisam de sentir precisamente isso, que o Sporting tem alma.

    • Por acaso ontem era para escrever aqui sobre essa história das bancadas estarem cheias. A grande maioria das vezes estavam vazias. Lembro-me como se fosse hoje.

      Tirando jogos com o porto, lamps, boavista, guimarães e talvez o marítimo (que tinha boas equipas na década de 90, com aquele avançado canadiano Alex), o resto dos jogos eram fracos a nível de assistência.

      No arranque da temporada estavam bem compostos, depois quando o Sporting começava a patinar, o número das assistências começava a diminuir. Nas últimas jornadas, já sem nada para ganhar, então aí era mesmo miserável.

      Mas enfim, o mesmo acontece em muitos outros clubes.

      Os lamps quando andavam a perder com os Gil Vicentes e Salgueiros desta vida chegaram a ter 3 mil e tal pessoas nas bancadas.

      Só os títulos trazem pessoas aos estádios.

      Mas vários titulos consecutivos, não é uma taça de Portugal agora e daqui a 5 anos outra.

      Tudo tem uma lógica.

      • Já aqui escrevi isso vezes sem conta, mas aparece sempre alguém do “antigamente é que era”… eu vou a bola desde 86 e a única época em que vi o velhinho Alvalade consistentemente cheio foi em 2001/2002. De resto, a única época que talvez andasse lá perto foi em 1993/1994.

      • Nasci em 82 (sim, pensava que era eu que estava a dar azar!) e vou à bola desde que me lembro de ser gente. Vi Alvalade muitas vezes cheio, mas tb o vi muuuuito vazio!

      • A essas épocas que referem, juntaria a época de 1994/1995, com estádios cheios em casa e fora.

        Recordo-me bem que, na primeira volta, tivemos grandes enchentes, nomeadamente com Tirsense. Estavam 70.000 contra o Tirsense…. 70.000

        … e noutros jogos houve grandes casas, com Beira-Mar, Setúbal, Guimarães, Farense, Boavista e claro, lampiões. Tudo isto numa primeira volta em que apenas empatámos 2 ou 3 vezes. Na 2a volta veio o descalabro e algumas derrotas e acabámos em 2o num ano ao sabor da fruta.

        A grande questão está a montante disto. As pessoas não vão ao estádio em romaria porque o futebol não vale nada, os jogadores são fracos, os treinadores limitados e sabemos, à partida, que não vamos ganhar nada. Na minha opinião, nada tem a ver com árbitros bons ou maus, nem com condições de segurança nos estádios, nem com factores exteriores ao clube.

        A questão do estádio sempre cheio é, até certo ponto, um mito, uma vez que também eu fui com grande regularidade a Alvalade desde 1985 e lembro-me. A questão da total mobilização é que não.

        Nunca deixávamos de ter os núcleos envolvidos e presentes (onde estão os panos por todo o estádio de Sportinguistas de Alfândega da Fé, Alcanena, Leiria, Viseu, Seia, Guarda, Nazaré, etc, etc?), nunca deixávamos de ter a Juve Leo – enquanto principal claque – com demonstrações de vitalidade e força e enormes deslocações, e ficaria aqui a tarde toda.

        Não é à toa que precisamente em 1994/1995 foram cerca de 15.000 Sportinguistas a Santiago Bernabéu. As pessoas foram porque acreditavam que era possível fazermos história.

        Porque acreditavam elas, perguntar-me-ão? Porque tínhamos qualidade indiscutível no nosso plantel e futebol nos relvados; tínhamos um presidente – embora tenha cometido erros – que nos cativava e nos fazia sentir os melhores do mundo e tínhamos uma enorme esperança no futuro. Nessa altura não havia lugar para discursos miserabilistas e de “tanga”, nem promessas de saneamento de contas para daqui a 2 ou 3 anos para investirmos numa grande equipa.

        Por isso, mesmo que existisse a “barreira” psicológica do Natal (que para mim é um fenómeno de meados e finais da década de 80), mesmo que o sucesso não fosse o mesmo de outrora, a nossa distinção era sinónimo de honra, orgulho e respeito.

        Apenas como nota, que vale o que vale, quando vi pela primeira vez as imagens do Real Madrid – Sporting de 1994/95 no Portal Sporting Memória, passados 15 anos de ter lá ido a Madrid, reparei que o comentador inglês da Eurosport refere que o Real Madrid e o Sporting são “dois gigantes da Europa”. Dá que pensar onde foi parar este prestígio…

        Sporting Sempre

      • Concordo, mas se vires bem os núcleos continuam bem mobilizados. Claro que o futebol praticado ajuda a que se façam a estrada para fazer centenas de quilómetros, mas o que se quer dizer aqui é que esse incentivo de bom futebol existiu apenas um par de vezes nos últimos 25 anos…

        Quanto a qualidade da equipa e a jogadores com nome, é fruto do futebol que temos. Quando apenas um ou outro predestinado saía para jogar no estrangeiro devido as limitações de estrangeiros, hoje em dia só restam os que não se conseguem vender ou os que querem relançar ou acabar a carreira. O futebol é outro e ir buscar jogadores da craveira de Balakov, sacar o Cherbakov ou manter um Figo ou um paulo sousa hoje não estaria ao nosso alcance.

        Não quer isto dizer que devamos baixar os braços… temos isso sim que nos adaptar a esta nova realidade, sabendo que, por exemplo, ver um Mundial repleto de jogadores do Sporting provavelmente jamais se irá repetir.

      • 70.000 com o Tirsense? lol Não sei até que ponto isso é verdade, mas até parece que já estou a ver pessoas a morrerem sufocadas como nos jogos do Togo.

        Em relação ao resto, o que também era muito importante é que haviam vedetas a sério. Quando é que aparecerá outro Krasimir Balakov? Lembram-se quando ele ía bater os cantos? Tudo maluco a aplaudir… hoje não vejo nada disso.

      • Bom estive nesse jogo (golão de Balakov de livre) e recordo-me bem da enorme enchente e que no rascord do dia seguinte dizia que estavam 70.000.

        O estádio estava, por vezes, como nos jogos de um qualquer Togo da vida mas, sobretudo quando tinha para lá da assistência permitida de 75.000, como com o Inter (90/91), Celtic (93/94) e Real Madrid.

        Não tinha visto as vossas respostas e por isso só agora volto a isto.

        SL

  6. O Sporting-Futebol é o unico clube que é gerido como uma Empresa (com tudo o que isso tem de bom ou mau) em vez de ser gerido com uma equipa de futebol….

    o SCP não é este futebol.O SCP é andebol , futsal, João Benedito,etc….aí sim existe SCP como nós nos habituámos a conhecer.
    É dificil encontrar no mercado um Treinador que tenha experiencia de ser Campeão?Nem que seja como jogador (Paulo Bento)
    Andarmos com treinadores que só conhecem situações de não-descida não é bom….

  7. O problema comeca e acaba na falta de exigencia. Sousa Cintra podia ser um presidente impulsivo, labrego e com um QI ao nível do Luís Filipe Vieira. Mas os treinadores que contratou chamavam-se Marinho Peres, Bobby Robson e Carlos Queirós (que para o bem e para o mal era provavelmente o treinador portugues mais em alta no final dos anos 80 a seguir ao Artur Jorge). Investiu em Balakov e Iordanov tentando encontrar pechinchas e foi até ao Egipto arriscar a vida na célebre história do Ammunike.
    Despediu o Robson (no erro histórico) porque tínhamos sido eliminados da UEFA levando 3-0 no jogo fora! Marinho Peres também foi ao ar assim que ficou de fora do título, numa época em que entrámos na temporada com 11 ou 12 vitórias consecutivas e chegamos as meias-finais da Taca UEFA.
    JEB e Soares Franco contrataram Paulo Bento (que se tornaria forever), Carlos Carvalhal e Paulo Sérgio. Ninguém beliscou sequer a posicao de PB depois de sermos humilhados 12-1 aggregate contra o Bayern e hoje estar a 13 pontos do líder ao Natal é perfeitamente normal e aceitável. Gastámos 4 milhoes no Grimi, renovámos contrato com o Pedro Silva, pagámos 2.5 milhoes por metade do Postiga para termos direito a 3 meses de um avancado de qualidade, 4,5 milhoes num Izmailov com um joelho a menos e que quremos correr do clube, 6.5 milhoes num Pongolle, 2 ou 3 milhoes em Purovics e Stojkovics que ninguem sabe onde andam, 3,5 milhoes num Torsiglieri que deve ser um barrete tao grande que nem joga, entregámos 6 milhoes ao Braga por 2 laterais (um deles com 28 anos)… a lista de tiros no pé nao termina, e tudo porque o Sporting nao parece ter critério, nao tem nervo, nao tem exigencia e sobretudo nao respnsabiliza ninguém.

    • Essa do Bayern… Para mim foi aí o clique, ficámos oficialmente uns mansos depois dessa merda. Um clube sem estratégia + um clube sem cultura de exigência = espiral de decadência.

      Já agora, a capa do Record de hoje com o Maniche a dizer que não temos os mesmos recursos dos rivais cheira mal. A podre. Quem olhar para a realidade do Sporting nos últimos anos depois de ouvir mais uma vez a desculpa do dinheiro (e o fantástico argumento do “daqui a dois/três anos vamos ter condições para uma grande equipa”) só pode pensar que estão a gozar com ele.

      • Sim, essa eliminatória foi o fim de um ciclo. Na altura fiquei indignado com o facto de ter ficado tudo na mesma. Sem dúvida que começou ai, com essa apatia localizada, o descalabro…
        SL

      • Nick

        Penso exactamente da msm forma, esse foi o click…a partir daí,sem qqr repercussão no forever td é normal

      • A capa do jornal mete nojo, ele (Maniche) tambem. Um tipo que andou nos melhores anos da carreira em todos os clubes possiveis menos no Sporting e que agora tá ali à 3 meses e já anda a mandar bocas como se fosse algum Oceano, que vá para o caralho. Preferia o Oceano com 40 anos que este balofo de merda com 32, talvez ensinasse algo aos mais novos, ao contrário deste merdas.

      • Sem dúvida Phil. É um ultraje esse merdas vir cagar sentenças quando chegou ainda ontem. Mas ele acha que é algum símbolo? Um gajo que vai renovar AUTOMATICAMENTE, enquanto se arrasta pelos campos e distribui porrada por todos os lados, porrada essa que nos prejudicou gravemente contra o Guimarães, por exemplo?

        SL

      • E o filho da puta do Maniche ainda se queixa da “falta de meios”. Foda-se!! Ele que abdique do ordenado milionário que vai receber nos próximos 2 anos!! Com esse dinheiro já se compra um avançado jeitoso!
        E o que me fode ainda mais é que este cabrão vai renovar e para o ano por esta altura vão andar em negociações para rescindir o contrato!

      • Eu diria mais… essa do Bayern foi o nosso 11 de Setembro, depois dessa eliminatória o Sporting nunca mais foi o mesmo, não só pelo resultado que já de si foi catastrófico quanto baste mas sobretudo pelo que não se fez a seguir!!

      • …E não apareceu ninguém para dizer ao Maniche que a sorte dele foi mesmo o “Sporting não ter dinheiro”???

        É que se tivesse, não teria necessidade de se submeter ao fóculporto, logo Costinha não seria DD e, logo, Maniche não seria contratado…simples!

        O Sporting há muito que não tem dinheiro, mas, curiosamente gastou mais nestes últimos 2/3 anos do que em anos anteriores onde apresentou melhor plantel…

  8. Neste momento, ser treinador do Sporting é o melhor emprego do mundo!! recebes bem, tens umas horas de trabalho por dia, fazes o que queres e não tens responsabilidades nenhumas!! Podes perder à vontade que ninguém sequer questiona se te mandam embora ou não!! Tudo porque o teu chefe não gosta de mudanças (mesmo que elas signifiquem mudar de mal para bem)

  9. Realmente é estranhissimo ver um cata-vento como PMAG a dizer que nos faz falta é o dinheiro que os outros têm.

    FODA-SE!

    Dias Ferreira engasga-se todo sem saber o que dizer e viu-se bem a estratégia do cabrão guilherme do porto a defender as coisas no Sporting como elas estão. Porque será?
    Ao mesmo tempo, no outro canal, Poncio dizia que as coisas só podiam correr mal, só não esperava que fosse tão cedo, quando os dirigentes do Sporting vêm à praça publica denegrir os jogadores (J. Moutinho).

    Palavras para quê? Eles (fcp) percebem o fenómeno, os nossos dirigentes vitimizam-se e desresponsabilizam-se!

    Os responsáveis: aqueles que aceitam naturalmente um Paulo Sérgio no Sporting. Mais não digo.

  10. Os sócios só estão a ter aquilo que merecem!
    Votaram no totó que relativamente a um dos piores treinadores de sempre que por lá parassaram disse que o gajo era “Forever”, ou seja, ia ser a mesma política de futebol miserável, tentando ganhar uma taça de vez em quando para “salvar a época” e ficar em 2º lugar “para garantir do guito da champions”, mesmo que fossemos lá para sermos os bombos da festa, como acontecer com o Bayern.
    Agora aguentem!

  11. Não queria rebaixar-me a ter de comprar o record para ver se o conteudo impresso é muito diferente do que está publicado no site, mas depois do “dispensamos as críticas dos falsos Sportinguistas”, isto foi a gota de água e a minha vontade era juntar uns 30 ou 40 manos e partir a boca e o carro todos ao porquinho babe (maniche)…

    Então mas depois de épocas a passear o nome do Sporting na lama, temos de levar com a conversa do “não temos os mesmos meios de FC Porto e Benfica” e eu pergunto. De quem é a culpa????? é minha? sou eu o falso Sportinguista? Então para que temos um presidente profissional? não é para criar condições para o clube funcionar da melhor maneira possível? ou sou eu que tenho de ir fazer contratos com jogadores, agentes, bancos e instituições, em nome do Sporting?

    Este discurso está caduco, esta direcção está caduca, esta geração (c)roquete está caduca. Já chega, foda-se!

    • Viva gord_illo !!
      Ele deveria estar a Referir.se aqueles falsos sportinguistas que jogaram nos Rivais e marcaram golos ao Sporting e Festejaram … uma coisa eu digo Quem diria que quando ca estava o Paulo Bento ate estavamos bem … comparado com isto abraço

  12. “Dispensamos criticas de Falsos Sportinguistas”

    . . .
    Vou avaliar de zero a dez as Prestações dos Comentadores:
    Dias Ferreira – 5 – Porque teve a coragem de dizer que é contra o Projecto Roquette , Mas aqueles exemplos do FMI e de Portugal quem tem a culpa sao os portugueses e nao os partidos e tal..Enfim, foi pra encher chouriços, para nao dizer o que lhe vai na alma!!
    Eduardo Barroso – 7 – disse o que a maioria pensa , o Mal esta que repetiu 30 vezes nao vale a pena tanto para passar a ideia , e tocou no assunto VIllas boas que queria saber essa historia …

    abraço a todo o pessoal do blog

      • ele so tem a sua intervençao hoje LOL mas sim vai rodear e concordar com tudo ..o que o Vocalista dos Blindzero

    • Falsos Sportiguistas?!!?

      Esse porco nojento devia era estar caladinho!

      Onde estava o seu sportinguismo quando ainda jogava alguma coisinha preferiu andar a saltitar do dinamos de moscovo para o chelsea, deste para o atlético e depois para o colónia em vez de vir para o (alegadamente)clube do seu coração!?!?!

      Vai-te foder Maniche!

  13. Infelizmente (ou felizmente) não dedico o meu tempo a estes programas e não vi o referido… a primeira vista, e sem querer fazer juízos de valor, a sondagem parece-me extremamente desequilibrada na sua própria construção, pois há 4 opções de um lado contra uma do outro e algumas das opções incluem outras. Quem quer que tenha feito esta sondagem não percebe um cú do que está a fazer… a outra coisa que não sei é quem são os inquiridos: população geral? Sportinguistas apenas? Adeptos ou sócios? De que região? Lisboa apenas ou resto do País? Etc,

    Toda a gente sabe que há insatisfação com os resultados, com o treinador, com a estrutura e com o próprio presidente… no entanto, desta sondagem (se é que se lhe pode chamar isso) nada se pode tirar quanto a extensão desse descontentamento. Se isto é realmente o que se sente nas hostes Sportinguistas será fácil arranjar sócios suficientes para convocar uma AG e forçar eleições antecipadas. Tenho curiosidade em saber quem se perfilaria como candidato a seguir, mas isso já são contas de outro rosário…

      • Não que o ROC é muito verdadeiro, e não ia aparecer na ‘net’ com um ‘nickname’… Então quando ele se põe com as mãozinhas a rodar a caneta só me apetecia enfiar-lhe um banano pelas ventas que ia acordar no hospital de Stª Maria…

        Este que achas que poderia ser o ROC é só mais um defensor da corja que lá tem andado a destruir o SCP…

        Agora que está à vista a ‘ponta do iceberg’ do que esta ‘gração da divida’ tem feito no SCP socorrem-se de contra-argumentação sem sentido, só para ver se os “falsos Sportinguistas” (como disse o seboso do nuno ribeiro, vulgo maniche) não criticam…

        Mas infelizmente, no fim desta triste história que é o SCP actual, desconfio que ninguém será chamado à reponsabilidade pelo mal que tem feito à instituição…

    • Ó meu paneleiro e se as fosses chupar pra outro lado em vez de andares para aqui a lançar veneno?

      Onde é que vês que eu seja contra eleições ou que seja defensor de quem quer que seja? Quero isso sim que as coisas se processem como os Estatutos que regem o Sporting Clube de Portugal preconizam.

      Se em vez de andares pela net a dizer merda a cada post que escreves (e são muitos!) talvez já tivesses arranjado gente suficiente para pedir uma AG. Mas não, não passas de um bandalho que nada faz para além de falar e botar abaixo… resumindo, és um proxeneta da sociedade que se vai queixando da vida mas que apenas sobrevive graças a ela. Se o Sporting estivesse nos píncaros o que é que tu irias fazer para além de dizer mal?

      • Eu só lhe digo que se falasse consigo pessoalmente… E broch’Exª tivesse a coragem de me dizer pessoalmente a verborreia que acabou de escrever, uma hora depois estaria sentado no consultório do seu dentista a arranjar a fachada…

        Energúmenos como você existem muitos, salvo erro deram 90% a este nojento deste JEBardo e Cª Lda para enterrarem o SCP… Felizmente muitos já se retrataram e confessam o erro que cometeram… Contudo, existem asnos como você que por mais que as coisas estejam escarrapachadas à vossa frente continuam a não querer ver as coisas como elas são…

        O seu falso moralismo é directamente proporcional à sua estupidez… E pelos vistos tá a ter incrementos exponenciais…

        É preciso mandá-lo ou vai sozinho?

      • Epá, temos Rambo… virtual, claro. Já estou como o outro: quando quiser, meu amigo! Para ficares tão ofendido é porque te coube a carapuça…já há uns tempos, te perguntaram qual era a solução. A resposta? Nada mais do que “corra-se com os que lá estão e depois logo se vê”… dia após dia a minar, a botar abaixo, a dizer mal (porventura a desejar que o Sporting perca como já por aqui vi alguns) sem ter uma solução, um projecto, uma alternativa, uma cara sequer? Queres brincar com o Sporting?! Fá-lo no computador com os FM ou CMs dessa tua vida virtual… porque aí tu és a solução, tu és o messias de quem o Sporting precisa! Triste…

      • O que o SCP não precisa definitivamnete é de gente como tu. Pois esse tipo de gente é que senão de forma directa, de forma indirecta permitiram que estes canalhas tenham colocado o clube no estado em que está…

        Logo o triste aqui é precisamente broch’Exª…

        Já lhe disse que ideias para o SCP há muitas, contudo estar a oferece-las a estes abutres chama-se “dar pérolas a porcos”…

        Se a vergonha pagasse imposto e no berço tivesse havido alguma educação o país estaria mais equilibrado financeiramente…

        Infelizmente o que observamos é precisamente o oposto, e depois temos que aturar asnos como tu…

        “Pior cego não é o que não vê, é o que não quer ver”

        Vá curar a cegueira para longe de Alvalade, pois o mal que tu e outros asnos como tu têm feito à instituição vai demorar muitos anos a recuperar… São como nódoas…

      • Caro xupa-mos, fique sabendo que ainda tu tentavas descobrir o que era o Sporting já eu vestia aquela mágica camisola… não podias estar mais enganado quando dizes que não é de gente como eu que o Sporting precisa.

        O Sporting precisa de gente apaixonada, mas que consiga trazer um pouco de racionalidade ao fenómeno desportivo, e sobretudo do futebol. E aí, caro xupa-mos, o meu amigo leva uma abada, pois não passa de um popularucho que fala, fala mas não diz ou faz nada.

        Deitar abaixo sem pensar como se pode reconstruir depois não é nem nunca será solução para nada quanto mais para o Sporting… e é em quanto mentes pequeninas como a tua não perceberem isso que o Sporting não sairá da cepa torta.

        O Sporting é um clube democrático regido por Estatutos que devem ser respeitados acima de tudo. Se a base de apoio da actual estrutura se esfumou, então convoque-se uma AG e peçam-se eleições… de galos (ou galinhas histéricas como já por aqui se falou) à procura de poleiro (muitos dos quais estão nele sentados neste preciso momento) está o Sporting farto!

      • Acho piada a tiradas de “inteligentes” como esta “Se o Sporting estivesse nos píncaros o que é que tu irias fazer para além de dizer mal?”…

        Ou mesmo esta “fique sabendo que ainda tu tentavas descobrir o que era o Sporting já eu vestia aquela mágica camisola…”…

        Ou até esta “Deitar abaixo sem pensar como se pode reconstruir depois não é nem nunca será solução para nada quanto mais para o Sporting… e é em quanto mentes pequeninas como a tua não perceberem isso que o Sporting não sairá da cepa torta.”

        Ou ainda “O Sporting é um clube democrático regido por Estatutos que devem ser respeitados acima de tudo.”

        E por aí fora… São autênticas pérolas do “deixa-me cá tentar adivinhar” tão próprio de quem nem tem a certeza do que defende para o SCP…

        >>Se o SCP estivesse nos píncaros porque é que haveriamos de ter esta conversa? Estaria eu e tu muito mais felizes isso é certo! Contudo, e isso nunca o admitiu o SCP podia estar a ser gerido noutro modelo, isto não é a única solução, como os da ‘geração da divida’ bem tentaram e conseguiram implementar… Com os desastrosos resultados que temos observados…

        >>Como é que sabe a minha idade?!? Já no fim da década de 70 do século passado ia a Alvalade. Tenta adivinhar o euromilhões que pode ser que ganhes qualquer coisa com isso…

        >>Mentes pequeninas como a minha?!? Só se for a cabeça do instrumento que é de facto mais pequena que a outra que guarda a massa cinzenta… Ao contrário de carneiros como você aparenta ser (não é de signo astral) prezo muito os progenitores que me permitiram desde muito cedo conhecer outras realidades noutras latitudes que não este ‘rectângulozinho à beira mar plantado’ denominado Portugal, e, onde o sistema de educação previligia o desenvolvimento do espirito critico ao contrário do que se passa por cá… Por isso se calhar ao falar assim deve tar a ver-se ao espelho…

        >>Quanto aos estatutos do SCP, eu não pretendo desrespeitar os estatutos leoninos, apenas libertar o quanto antes o clube desta cambada de chulos que por lá anda a aviar-se… Quanto ao SCP ser um clube democrático, eu chamar-lhe-ia antes uma ‘democracia musculada’ altamente manietada pela banca e seus respectivos accionistas… Veja-se o exemplo da não admissão de uma auditoria externa e independente às contas da última década… Se isso é que é ser democrático, vou ali já venho…

        Por isso fica na tua linha de pensamento, que eu considero execrável, tirando alguns pontos em que inevitavelmente estamos de acordo, que eu continuarei a denunciar estes vampiros que sugam o Leão até ao tutano…

        Viva o Sporting Clube de Portugal!!!

  14. até acho que as miseráveis declarações do maniche não são culpa dele, mas de quem (devia) mandar nele. um gajo que sempre cagou para o sporting, que está cá há 3 ou 4 meses, que tá gordo como o caralho, que não joga 1% do que jogou no porto, que só dá pau, que está no topo dos mais bem pagos, que vai renovar automaticamente após 20 jogos, que com isso aumenta o ordenado em 20%……e que diz o que diz é um gajo que tem o rei na barriga e isso só é possível porque tem o amparo e a protecção do costinha e do paulo sérgio. porque faz e diz o que quer quando quer

  15. A pergunta que deixo aqui é a seguinte: o que é que mudou dos anos 80/90 (exluindo o início da década de 80) para cá? Já fizeram um esforço de memória para pensar quantas equipas do SCP jogavam melhor que esta actual? Quantos treinadores de merda tivemos? Lembram-se do Carlos Manuel… Eu infelizmente lembro! O que é que nos está a esmorecer assim tanto? Porque é que não temos a mesma união que nos permitia vibrar com equipas onde pontificavam Dominguez, Paulo Alves e outros jogadores medianos/maus? Não me estou a excluir do sentimento de frustração (que também sinto!), só gostava de entender o que aconteceu nestes últimos anos que não aconteceu nos últimos 30? Saudações leoninas

    • A internet aconteceu… o sentimento (em maior ou menor escala) esteve sempre lá. O problema é que agora cada um torna público o que sente e forma-se uma avalanche opinativa que, ao contrário do que se passava no passado, chega a comunicação social e provoca um mecanismo de feedback positivo. É a única maneira de explicar que alguém diga que prefere o passado onde chegámos a ficar dois anos consecutivos em quarto lugar a ficar em segundo e ir a Liga dos Campeões.

      • És capaz de ter razão! Agora, o que será melhor: estar a par de toda a dimensão da desgraça ou viver na eterna ilusão? Se calhar é melhor penar agora… Talvez se consiga fazer o ansiado “ano 0” e relançar o Sporting. Mas, para isso temos de bater no fundo! E não sei se estamos perto ou longe desse fundo, nem tão pouco sei se teremos forças para nos reerguer.

    • Curiosamente em Inglaterra e na Alemanha serviu precisamente para o contrário…

      O pecado n.º 1 para mim é simples: falta de cultura de adepto por parte dos dirigentes.

      • Na verdade a comunicação social (o grande poder dos nossos tempos) dá aquilo que se quer consumir! E por todos estes fóruns sportinguistas se vê a angústia com um tom de resignação cada vez maior. E lá vem o tal feedback dos media a alimentar este sentimento, com sondagens, reportagens com parangonas escolhidas a dedo (“Benfica e Porto têm mais recursos…), etc. No fim deste ciclo vicioso estará um SCP de rastos. Só espero que o consigamos levantar depois!

      • Concordo com o facto de que faltasse cultura de adepto a alguns dos presidentes do Sporting no passado… sobretudo no caso do soares franco e dias da cunha, não tanto no caso do JEB.

        Mas discordo da comparação com a Inglaterra e a Alemanha… primeiro, em Inglaterra, a grande mudança deveu-se ao dinheiro que foi injectado pelas televisões e, se fores ver, muita gente está descontente com os modelos de investimento existentes (vide liverpool e man u). Quanto a Alemanha, não tenho um conhecimento tão profundo, mas não me parece que muito tenha mudado. Já em Itália (roma, juve, milan) passou-se o mesmo que em Portugal…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s