Temos homem (resta saber até quando)


Da última vez que me referi a Rui Patrício num post, escrevi o seguinte: «não quero, igualmente, deixar de elogiar o Rui Patrício. Cresce de época para época e, continuo a dizer, se tivesse à sua frente uma defesa ao estilo das que protegeram o mediano Baía, por certo não teria tantos a apontarem-lhe o dedo como sendo responsável por grande parte dos males que nos apoquentam».

Ora o jogo da passada segunda-feira, nos Barreiros, no mesmo estádio onde se estreou na equipa principal defendendo um penalti, só vem confirmar esta ideia de crescimento efectivo do nosso guarda-redes. Continua a ter falhas de concentração e a levar golos estúpidos? Sim, continua (basta pensar naquele remate de meio-campo, contra o Paços), mas é bom não esquecermos que estamos a falar de um jogador prestes a completar 23 anos, numa posição em que atingirá a maturidade e a plenitude das suas capacidades lá para os 28.

A pergunta que fica, para além da ideia de que esta evolução podia ser ainda maior se fosse treinado e treinasse com mestres na arte de defender (e não duvido que seja importante a presença do alemão nos treinos, mesmo não sendo um mestre), é: seremos nós capazes de ser pacientes e de transformar o futuro redes da selecção, num símbolo do Sporting?

69 thoughts on “Temos homem (resta saber até quando)

  1. Sempre defendi que o patricio vai ser um grande GR. Ou pelo menos tem potencial para isso! Também sempre defendi que ele devia ter cometido os erros que cometeu nas primeiras epocas fora do sporting (devia ter sido emprestado 1 ou 2 anos) e voltar já numa fase mais avançada da evolução. Isto não se verificou mas a partir do momento em que o Paulo Bento decidiu apostar nele, acho que faz todo o sentido de continuar em apostar uma vez que tem vindo a evoluir de ano para ano!
    Ainda comete erros básicos mas também já nos salvou em muitos jogos e acho que para se tornar em definitivo no melhor GR português era fundamental a contactação de um GR “peso-pesado” tipo Schmeichel! Não para lhe tirar o lugar mas para ir alternando e para ele aprender nos treinos! Lá dizia o Nelson: “aprendi mais num ano do que no resto da carreira…” (alias esse foi um dos grandes erros do Sporting! Emprestar o Nuno Santos numa altura em que podia ter aprendido com o Schmeichel e deixar cá o Tiago e Nelson…)

  2. Mbo pensa que sempre que elogia Patrício ele recompensa esse elogio com um frango por isso vou tentar pensar sem elogiar.
    Mbo pensa que Patrício está entre os guardas redes mais feios do campeonato nacional, ainda é novo mas isso não vai mudar nunca…
    De resto concordo com o post mas penso que o RP vai seguir os passos de todos os que atingiram alguma qualidade no Sporting que é sair para ganhar mais $$$$

  3. Já devia ser um símbolo, só não é por causa dos detractores que aparecem por aqui.
    O melhor guarda redes português chama-se Rui Patricio
    e é o futuro da nossa selecção.

  4. Para mim, é a surpresa mais agradável da época em Alvalade. O Alemão veio trazer-lhe o que faltava que era concorrência. Há pessoas que só funcionam assim.
    Se Paulo Bento for honesto (e eu acredito nisso) a selecção actualmente é Patrício, Ronaldo e mais 9…
    SL

  5. Caros, só não via quem não queria. O Rui Patrício demonstra qualidade desde sempre, com erros pelo meio próprios da sua idade e personalidade. É verdade que pareceu estagnar um pouco a sua evolução, a certa altura, porventura por falta de concorrência (mas duvido), mais me parece que por falta de treino adequado, e certamente pela instabilidade gerada pelas fraquezas da equipa, a começar pela defesa que que joga à sua frente, e pela impaciência/impertinência/estupidez que por vezes emana das nossas bancadas.

    É sem dúvida o melhor GR português, hoje e por muitos anos. Tem algumas lacunas corrigíveis ao nível do controlo da pequena área, mas tem potencial para grandes vôos. Veremos se no Sporting. Saibamos nós acarinhá-lo e dar-lhe valor, e já agora uma equipa condigna. Ele já resistiu a muito, pode ser que se aguente até os milhões o chamarem. Sem retrocessos na sua evolução, parece-me que não deve tardar muito.

    MTP

    • sem dúvida! O Patrício tem tudo para ser um óptimo guarda-redes e, apesar de alguns momentos em que não esteve tão bem (para mim, Beira-Mar e Paços em casa, que me lembre de repente) tem finalmente conseguido trazer mais confiança para uma defesa que está sempre “coxa” com o Polga.

      O André Santos está a estabilizar a sua qualidade de passe e distribui cada vez melhor, sempre com a força e a colocação certas (veja-se quem faz e como é feito o passe a rasgar para o Valdés no 3º golo do Liedson). Tem bom posicionamento no meio-campo e quero acreditar que temos ali um jogador a sério. Calma com as comparações com Paulo Sousa, porque isso é muita areia para uma camioneta só, mas que estou a gostar, estou!

      Sporting Sempre!

  6. Respondendo à tua questão… Não, não vamos ser capazes de ser pacientes e de transformar o futuro redes da selecção, num símbolo do Sporting.

    É mais fácil dizer que ele é uma merda na sua próxima falha.

    Algo de similar está a acontecer com o Zapater, está a jogar rigorosamente o mesmo que antes, mas como marcou uns golos é o maior, o grande handicap do Farnerud foi não ter marcado uns golitos de rajada… ainda hoje era um idolo.

  7. Creio que no golo que o Patrício sofre contra o Paços tal acontece devido ao facto de só depois de a bola ter percorrido metade do trajecto é que o Patrício se faz ao lance, por ter uma série de gajos à frente. Ou seja, quase que foi um remate fora da área (que é quando ele vê a bola) e não lá do meio-campo, salvo seja…

    Não estou a defender o gajo, atenção, estou só a tentar descrever o que terá acontecido nesse lance.

    Ainda bem que tem continuado em excelente forma, though!

    • o ultimo gajo por quem a bola passou (por acaso até lhe razou a cabeça) era um jogador do paços que por acaso até estava fora de jogo.

      na repetição um comentador apercebeu-se disso e engasgou-se. achei estranho…..ou não.

      espero que seja (mais) um infeliz lance que o ajude a melhorar!

  8. Há que elogiar quem merece… Logo o meu elogio vai para o Patrício!!!

    Concordo com o ‘post’, sobretudo com “A pergunta que fica, para além da ideia de que esta evolução podia ser ainda maior se fosse treinado e treinasse com mestres na arte de defender”…

    É por demais evidente que os jogadores do SCP só beneficiariam por ser treinados por treinadores de alto nível… Já o disse aqui por ‘n’ vezes, o SCP só conseguirá atingir a excelência quando for buscar um treinador estrangeiro e adjuntos de créditos firmados… Potenciar os jogadores que formamos na Academia e, definir um modelo de jogo “À Sporting”…

    Fico perplexo com a continuada MÁFIA do futebol português… Mas porque é que os corruptos do norte anteciparam um jogo da 20ª jornada?!? ISto só neste paiszinho… É uma vergonha este Campeonato, onde os ínvios e os corruptos reinam a seu bel prazer…

  9. O post é oportuno e acho que ainda há muitos Sportinguistas que venderiam o Patrício (ou Franguício como lhe chamam) por 7 ou 8 milhoes se aparecesse uma oferta. Esperemos que nao nos calhe nenhum desses como Presidente nas eleicoes.

    Para mim, este puto será, mais cedo ou mais tarde, o titular indiscutível da Seleccao A. Se o Sporting fosse um clube sério e percebesse que o ideal era reservar dinheiro para pagar 1 milhao de euros por época a um treinador tecnicamente excelente, se calhar já o era…

    SL

  10. Concordo com o elogio ao Patrício. E acrescento:

    Patricio, Evaldo, Carriço, Torsiglieri, João Pereira, Pedro Mendes, André Santos, Valdés, Zapater, Diogo Salomão, Matias Fernandez, Vukcevic e Liedson são jogadores taõ bons ou tão maus como os melhores dos nossos rivais. (Com excepção para o Hulk, que é claramente um jogador acima do nosso campeonato). Ou seja, com outro treinador que não o borrego do Zé do Boné, o Sporting estava na luta, e disto tenho poucas duvidas.

    PS: Digam o que disserem, mas o tempo tem contrariado as teorias da conspiração relativamente a Costinha. A verdade, é que pela mão dele são mais os certos que os errados.

    • Que-me parecer que o Evaldo está aí a mais. O rapaz é mau… muito mau. Aliás, prefiro até ver o grimi a jogar! Um gajo sempre se ri um bocado a disfunção motora do rapaz!

  11. É injusta acusação de frango no golo do Paços… A bola parte do meio campo, é verdade, mas de quem é a culpa? Do guarda-redes ou do meio campo??? Ninguém fecha, a bola parte colocadissima, com muita força, com muitos jogadores à frente, entra pelo único sítio onde podia entrar, com a trajectória a fugir do guarda-redes, e a culpa é do guarda-redes…
    Vão jogar à bola a ver se paravam aquele remate…
    Ignorantes.

      • na cozinha já eu estou, ou ainda não percebeste que sou um dos cozinheiros do “tasco”?

        não me peças é para ter paciência para estupidez e aceitar que se ache que a culpa de um golo a 50 metros da baliza seja do nosso jogador mais adiantado

      • Tu estavas na cozinha bem, mas vieste cá fora mandar vir com o rapaz… se tu tens direito a servir arroz mal cozido de vez em quando (e olha que houve aí uma altura que era cada tiro cada melro!), porque não terá o rapaz direito ao seu bitaite?

      • bem, tu estás a ver se chegas ao nível do carbonara…

        meu, há uma coisa, que não sei se conheces, chamada “democracia”. Essa mesma democracia dá ao rapaz o direito de mandar os bitaites que quiser mas, em igual medida, dá-me o direito de concordar ou não com os mesmos.

        E é essa mesma democracia que me dá o direito de cozinhar os pratos que bem me apetecer, até porque estou em minha casa, e, a ti, o direito de dizeres se está bom ou se achas uma valente merda. Que, em minha opinião, foi exactamente o que fizeste ao utilizar a democracia para meter as fossas nasais num refogado que não te diz respeito.

      • “Democracia”, tecnicamente nada tem que ver com o caso… quererias dizer “liberdade de expressão”? No caso da segunda, ela acaba (como todas as liberdades) onde começa a dos outros. Claro que estás no teu direito de discordar ainda para mais sendo esta a tua casa. No entanto, argumentaria que a tua agressividade imediata é, no fundo, um ataque a liberdade do rapaz exprimir a sua opinião. Discordemos… mas com civilidade.

        Quanto ao meter as fossas nasais no refogado, só o fiz porque me cheirou a esturro…

      • Se levares a vida toda a meter as fossas nasais em qualquer cozinha onde te cheire a esturro, o mais certo é acabares por levar com o tacho no focinho. Coisa chata, diria eu.

        Tecnicamente, a liberdade de expressão vale pouco mais que zero num estado sem democracia.

      • Certamente que me sujeito a isso… mas eu tenho por norma assumir que os cozinheiros que têm nível não se importam que a qualidade da sua arte seja aferida e comentada.

  12. foda-se claro que o primeiro golo do paços é um peru do patrício. nega-lo é simplesmente estúpido. qualquer dia se o patrício clevar um golo num pontapé de baliza marcado pelo outro guarda redes, vão dizer que a culpa é do liesdon porque não pressionou o guarda redes como devia.

    mas isso não invalida a evolução do patrício.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s