Do banco à bancada

A emoção, transportada no brilho nos olhos, é generalizada.
Domingos sorri. Onyewu, o Capitão América, imita Bojinov, o nosso Tony Stark sem a armadura de ferro. Wolfswinkel festeja como se tivesse sido ele a marcar. Carrillo ri, como se tivesse acabado de pregar uma rabeta ao seu melhor amigo, numa futebolada de rua com balizas feitas de pedra. Nas bancadas, abraçam-se conhecidos e desconhecidos. Há quem se sente, talvez por sentir as pernas a tremer ou o coração a ceder. Grita-se Sporting. Uma e outra vez, num grito que, ao longo da semana, nos ecoa no labirinto do cérebro, como que guiando-nos em direcção à tão procurada saída: o próximo jogo.

Esta é, para já, a maior conquista de Domingos: transformou um plantel numa equipa onde todos jogam, mesmo os que ficam de fora. Ficar no banco não é um drama. Ver um colega brilhar é motivo de orgulho. Um golo é um orgasmo colectivo. E esse estado de espírito depressa se transmite às bancadas, numa comunhão que torna, a cada semana, o Sporting num adversário mais forte e mais temível.

Sob este estado de alma, percebo perfeitamente as declarações de Domingos, garantindo que não existirá deslumbramento e que há ainda uma larga margem de progressão para a equipa. Não só espicaça, ainda mais, os jogadores, desafiando-os a superarem-se, como relembra aos adeptos que a guerra ainda agora começou e que existe a possibilidade de terminarmos bastante esfarrapados algumas das batalhas. E, creio, a resposta a esses momentos valerá tanto como os três pontos que ficaram por conquistar. Serão eles capazes de olhar esse momento como, hoje, celebram um golo? Seremos nós capazes de controlar a nossa bipolaridade e, ao primeiro revés, não colocarmos em causa tudo o que de bom se vai conquistando? Se do banco à bancada o elo se mantiver, então, meus amigos, poderemos continuar a sorrir com a vertiginosa proximidade do sucesso.

Anúncios

59 thoughts on “Do banco à bancada

  1. Só sei que a última vez que senti esta confiança foi em 2002. Mesmo ganhando “quase tudo” com Peseiro, havia o tal momento de falta de confiança, o tal click em que podia deitar tudo a perder. Agora sinto finalmente serenidade ao longo dos jogos.
    É por isso que por agora estamos todos de parabéns!

    SL

  2. É isso, sente-se confiança em que dali vai sair “coisa boa”.

    Nunca fui daqueles que assobiam ou que deixam de ir ao estádio ou de pagar quotas quando as coisas correm mal, por isso espero que eu e todos nós saibamos aceitar os inevitáveis resultados negativos sem esquecermos a confiança na equipa que sentimos agora.

  3. Mais um óptimo texto. Identifiquei-me especialmente com esta parte: “Grita-se Sporting. Uma e outra vez, num grito que, ao longo da semana, nos ecoa no labirinto do cérebro, como que guiando-nos em direcção à tão procurada saída: o próximo jogo.”

    Só quero que chegue domingo. Os meus dias passam por entre gritos de “ISTO É O SPORTING” seja em casa, na rua ou na faculdade.

    Tenho 19 anos e, como disse o coiso, não vivo algo assim desde 2002, mas agora sou bem mais consciente desses sentimentos.

  4. No excelnte post anterior o Douglas disse que o Cacifo ficava bem entregue e não se enganou. Mais um belo texto e um olhar pertinente sobre o nosso clube. Sem dúvida que é fundamental que nos saibamos manter unidos!
    SL

  5. A verdade é essa, é que temos EQUIPA, mais do que jogadores temos colectivo, e é assim que se constroem as conquistas!

    Falaram de Peseiro, e embora o futebol praticado fosse bom, o sentimento não era este. Existia ainda algum mau estar no balneario (relembro o episódio do Roca manda o Peseiro ‘tomar no cú’).

    Esta equipa pode chegar longe, e se quisermos fazer a comparação com a equipa de então digo:
    Patricio vs Ricardo : que são Patricio fique muitos anos, é claramente melhor e ainda está em fase de crescimento
    Onyewu vs Enakarhire : Prefiro o americano que embora menos dotado a nivel de classe tem uma atitude que o nigeriano nunca demonstrou.
    Polga vs Polga : erm…. pois….
    Joao Pereira vs Rogerio: JP sem dúvida, mais rapido, mais novo, com mais vontade.
    Insua vs Rui Jorge : O grande Rui Jorge já estava na fase final da carreira, e sou grande apreciador do Insua, por isso para mim é o vencedor.
    Rinaudo vs Custódio: É preciso dizer alguma coisa?!
    Schaars vs Rochemback: O Roca sempre foi um jogador que gostei bastante, mas tenho de admitir que o holandês é mais completo, regular, não tem barriga, não é respondão…
    Elias vs Moutinho: Claro que o ELIAS é melhor, mesmo que não fosse o elias e fosse um monte de merda seria melhor que o outro judas.
    Jeffren vs Barbosa : Pedro serás sempre capitão, mas quer-me cá parecer que o espanhol é melhor que tu…
    Capel vs Douala: Douala corrias muito, fazias umas assistencias e até marcaste golos, mas o capel põe-te no bolso com uma pinta q nem imaginas
    Wolfswinkel vs Liedson: A única posição em que tenho dúvidas se, no dia de hoje ambos fizessem parte do plantel, quem jogaria….Liedson é enorme, o Ricky para lá caminha…

    Antes que digam ah e tal mas falta o viana, paito, tello etc, acho que este equipa tava perto daquilo que seria a equipa tipo. Mas, mesmo considerando os que tão de fora:

    Tiago vs Tiago
    Nelson vs Marcelo
    Hugo vs Rodriguez
    Miguel Garcia vs Arias
    Mario Sergio vs Pereirinha
    Beto vs Carriço
    Paíto vs Evaldo
    Carlos Martins vs Andre Martins
    Hugo Viana vs Matias Fernadez
    Tello vs Carrilho
    Tinga vs Izmailov
    Mota vs Bojinov
    Sa Pinto vs Rubio

    Acho q era so isto.

    Enfim tanta merda e a unica coisa que queria dizer, é que esta epoca não vai ser como essa, porque entre tudo o que já citei, temos ainda algo muito importante: um treinador que sabe que não se inventa em momentos decisivos!!!

    Abraço

    FORÇA SPORTING

    • Lá está mais um a embarcar na euforia, depois queixem-se.
      Comparar Barbosa o ultimo grande capitão com um jogador que fez um golo e lesionou-se a chutar na bola e dizer que esse jogador é melhor que o Barbosa penso que está tudo dito.

      Tamos a jogar como à muito não se via, mas muitas das comparações dai são ridiculas (pelo menos para já), vamos lá a ter os pés bem assentes no chão e dar um passo de cada vez.

      SL

      • Boas,

        Não sei porque dão tanta importância a ‘embarcar na euforia’. Se estamos a jogar bem, a ganhar jogos e se a equipa cada vez mais responde de forma clara, porque raio não devo pensar e sentir que iremos ganhar este ano? Só se pode ter fé nisso na ultima jornada? Não concordo nem um bocadinho, e nós, adeptos temos de transmitir confiança porque se não a tivermos, certamente que não serão os nossos adversários a ter.

        Não disse por ventura que o Barbosa será sempre capitão? Não escrevi também que me parecia que o Jeffren era melhor? Continuo a pensar que sim. O Barbosa foi um grande capitão com muitas qualidades, e estarei eternamente grato pelo serviço que nos prestou durante anos, mas continuo a achar q que o Jeffren é bem capaz de ser melhor jogador, não tanto por aquilo q já demonstrou no SPORTING mas por aquilo que demonstrou no barça.

        Se achas que as comparações são ridiculas tudo bem, mas lembra-te que as comparações vão sempre surgir, é inevitável, e num passado próximo só com esta equipa se podem fazer comparaçõe, porque para comparar com os ultimos anos, mais vale estar quieto…

        Cumprimentos!

      • Se achas que euforia e confiança são a mesma coisa força, eu acho que devemos não devemos já começar a embandeirar em arco, mas com confiança claro que estou. Quanto ao Jeffren e as comparações, Rinaudo queira que tenhas razão.

      • Os líderes leoninos reiteram que entrar em euforia é um erro. Porém, não será um erro ainda maior não o fazer? A verdade é que os campeonatos também se ganham com a galvanização dos adeptos e a última vez que tal aconteceu pelas bandas de Alvalade arrastaram-se multidões nos jogos do Sporting, em casa e fora. Portugal cantou a uma só voz “Só eu sei” com dezenas de milhares de discos vendidos e acabámos no Marquês de Pombal.

        http://cuatidiano.wordpress.com/2011/10/26/os-grandes-so-nos-pareciam-grandes/

        Diogo Bernardo also known as Schmeichel ;)

      • Eh pá, acho que nem é comparavel, Penso que o Jeffren é bem diferente do Barbosa, para começar é mais rápido, e o Barbosa parado fintava uma equipa inteira, o Jeffren acho que é um gajo mais de velocidade pelo flanco, embora com boa capacidade de drible…

      • AHAHAHAHAHAHAHAH

        Estes lances do Barbosa matam-me! Em camera-lenta finta meia equipa contrária, podia ter sido maior que o Figo, e, em certa parte É!

      • Nesse jogo o Barbosa foi “do caraças”… Entrou e partiu os rins aos Holandeses todos, com aquela calma caracteristica dele… De facto foi muito bom.

      • Existem 2 lances BARBOSA que nunca esquecerei…um golo nas antas em que ele tira um gajo da frente e depois mete a bolinha no canto com o baía a acompanhar com os olhos e uma finta ao cordoba (Inter) que o deixa deitado mesmo á entrada na área…para mim era um génio apenas traído pela pouca vontade em jogar futebol em muitas ocasiões (jogos pequenos então!!).

      • O pedro barbosa teve tudo para ser um dos melhores jogadores do mundo da sua geração… tinha uma técnica absolutamente extraordinária, excelente visão de jogo e jogava com ambos os pés. Mas tinha pouca vontade e isso criou algumas incompreensão nas bancadas e não permitiu que fosse mais longe. Tivesse ele um décimo da dedicação do ronaldo e, para mim que sempre o idolatrei, poderia ter estado à altura de um zidane.

      • Muito cabelo arranquei com nervos do Barbosa mas o estilo dele era irresistível. Não se pode, realmente, comparar um jogador que esteve 10 anos no Nosso Clube e que deu o que deu, com alguém que ainda nada mostrou (mas que desejo ardentemente que o faça e, inclusivé que nos faça esquecer o croissants).

        Posto isto, e atendendo a que os vídeos sobre o nosso antigo capitão não abundam, peço-vos que usem cerca de 20 minutos da vossa vida para ver o seguinte antes de sugerir estas comparações:

        Pedro Barbosa, o Génio incompreendido: A Classe (parte 1 de 2)

        Pedro Barbosa, o Génio incompreendido: Os Golos (parte 2 de 2):

        Para mim, ele não foi um profissional exemplar e muitos foram os jogos em que simplesmente se estava a cagar para nós e para o Sporting em geral mas a ele perdoei-lhe mais desfeitas do que a qualquer outro jogador por tudo o que nos deu em troca: a Classe e os Golos.

        Sporting Sempre

        PS – De resto a nossa equipa é superior em todos os aspectos à equipa de 2004/2005 e é provavelmente o nosso melhor plantel desde a época do Jardel.

    • Concordo com quase tudo, mas Wolfswinkel vs Liedson… Pode ser que no fim da época mude de opinião (era tão bom!…), mas acho que melhor do que Liedson é quase impossível.

      • Gosto muito do Wolfs, mas dai a compara-lo já ao Liedson é completamente ridiculo…
        Espero um dia poder compara-los, vai depender do Wolfs, mas comparar alguem que está cá a 3 meses (até podia ser o Messi) com o nosso melhor jogador durante 8 anos mais do que ingrato é não ter memória.

      • em cheio Luis D, só tenho camisola do Sporting com nome de jogador nas costas – Liedson, que infelizmente foi embora sem ser campeão, e que será uma ironia do destino se formos campeões em alguma das próximas 3 épocas, tendo ele decidido acabar a carreira noutro lado….espero que consiga ser campeão brasileiro, mas até para ele deve ser amargo pois tem mais de 200 jogos pelo Sporting e praí uns 30 pelo corinthians.

        SL

        ps:com nº só tenho a do Balakov com a publicidade do queijo castelões por cima do 10(lol) e a do Jordão “le coq sportif “tamanho de criança com calções e meias(o topo de gama lá da escola…em 82!!) religiosamente guardadas, as outras são todas sem nome e sem nº, e a deste ano é LINDAAAAA, com riscas nas costas e tudo….

    • Dass que um gajo faz uma comparação é ver as balas a passar!

      Claro que ha muitos jogadores diferentes e sublinho que só comparei uma equipa com a outra (que por acaso é a mesma :)).

      Descansem, enquanto me lembrar não faço outra comparação!!!

      Abraço e FORÇA SPORTING

  6. “Disse desde a primeira hora que o treinador estava escolhido, pelo Luís Duque e Carlos Freitas”.
    “[Domingos] é um excelente treinador, Freitas conhece-o muito bem”
    “Faço parte do momento em que o Sporting andava na frente”.
    “Tenho as pessoas certas para colocar o Sporting no topo nacional”.

    Até agora tem sido verdade e congratulo-o por isso. Assim continue o nosso Sporting Sr. Presidente ! A equipa está com alma … não quero parecer visionário e parecer autista em relação ao passado mas, penso que esta chama há décadas que não se sentia !! Saudações Leoninas

  7. Caro Cherba,

    Não tenho palavras para descrever o que senti ao ler este post. Soberbo? Talvez seja pouco.

    O Cacifo contigo como timoneiro (que lindo…) está mais do que bem entregue.

    Importa é que o resto da malta (nós, os comentadores) saibamos remar só para a frente.

    Nunca mais é Domingo!!!

  8. Restringir o que se passa ao Domingos e aos jogadores é pouco. É um trabalho de equipa que também se estende ao corpo clínico, à estrutura da SAD, aos nossos dirigentes e termina nos maravilhosos adeptos que não abandonam a equipa. Por tudo isto se diz que “o Sporting está de volta”.

    Ah, e já agora, o Cacifo é mesmo do caralho.

  9. Tenho de vos confessar uma coisa. Estive a ler um blog lampião (e que me penitencio perante vós, cacifeiros) mas deixou-me com um sorriso nos lábios. O título do post é “preocupação”. Aqui fica um excerto:

    “Eis que, aparentemente regressados da letargia das últimas épocas, os *** GRANDES SPORTINGUISTAS*** já põe as cabeças de fora da areia e já marcam golos em barda. E isso preocupa-me. Preocupa-me por causa do ódio visceral que eles nos tem. Se a isso juntarmos um treinador que destila ódio ao Benfica por todos os poros, podemos estar perante um problema duro de roer. Os mais optimistas dirão que a ***MAIOR POTÊNCIA DESPORTIVA DE PORTUGAL*** ainda não jogou contra nenhum clube a sério. Eu sei disso. Mas já os mais pessimistas dirão que muitas vitórias seguidas dão uma moral a qualquer equipa e só por aí a coisa compõe-se. Vejam o campeonato 2009/2010, onde os corruptos de braga estiveram taco a taco com o Benfica até ao final. Isto porque a época começou bem , com algumas vitórias consecutivas e depois, quando se está a ganhar, as coisas são mais fáceis, há menos pressão e todos nós sabemos como funciona a cabeça de futebolista…”

    o terror aumenta. o que está entre *** são expressões porcas típicas dessa gente.

    • P.S: enquanto escrevo isto, estou numa aula, em que o professor é daqueles lampiões mesquinhos, arrogantes e nojentos. Tinha acabado de postar o comentário quando ele diz “Os Sportinguistas também acham que vão ser campeões. Este brilharete do Domingos é só para venderem gameboxs”.

      O meu sorriso aumentou. Cheira a terror nesta sala de aula.

      • Cada vez mais compreendo o absentismo escolar…
        Com professores desses!!! Dasss…..
        O objectivo de um professor não é ensinar os conteúdos programáticos com base no que é definido pelo Ministério da Educação?
        É por estas e por outras que eles temem a avaliação…
        Os comentários deveriam guardá-los para eles. Opiniões próprias e que podem ferir a susceptibilidade alheia não serão bemvindos numa sala de aula!

      • Ele já fez bem pior Ricky. A minha faculdade fica em benfica, e posso dizer-te mais ou menos como foi a apresentação desse professor, na 1ª aula:

        “Sou do glorioso. Quem não for do glorioso deve abster-se de comentários futebolísticos. Já tive a ver o nosso calendário de aulas e só não faltarei porque não temos aulas às terças ou quartas. Se assim fosse, poderia faltar, porque já comprei o red pass para a Champions.”

        Depois manda boquinhas tipo “mas à quinta feira posso ver contente”. O pior que os lampiões só se riem quando ele explica a piada: “…contente com os resultados das outras equipas”

      • Não contes essas histórias que só desprestigiam a tua faculdade. Quando os professores são broncos dessa grandeza… Pede transferência já! Devias insinuar, ou melhor tentar, para que ele entendesse a relação entre 6 milhões de benfiquistas e o atraso atávico do nosso país e que esse sinal do seu profissionalismo nada mais é que um reflexo desse mesmo mal. Ele não ia perceber… pede transferência!

  10. É verdade Cherba,mais um grande texto…tu nunca deixes o Cacifo morrer…continua com os post que aqui os comentadores não te deixaram ficar mal…sempre presentes a comentar…!minha gente domingo tudo a Aveiro que os bilhetes são baratinhos…10 ou 15euros…dependente do sítio…vamos mostrar que o Sporting e a Onda Verde está de Volta…!comigo directamente de Vila do Conde vão 2 carrinhos cheios…10 pessoas,9 Sportinguistas e só um intruso que é a minha namorada que para grande tristeza minha é da merda dos lampiões mas estou a tentar converte-la e já foi comigo este ano ver alguns jogos do Nosso Amor e grita pelos nossos golos…!espero que o Rinaudo me ajude nesta conversão…mesmo.lol!TI AMO SPORTING.SL

  11. Domingos está a trabalhar muito bem a sua mensagem, os próprios jogadores estão plenamente emersos no espírito “vamos dar o máximo de nós, logo se vê se ganhamos títulos ou não” que eles próprios transmitem. Gosto de ver uma equipa motivada com objectivos simples, sem preocupações mais profundas que o próximo jogo, sempre o jogo seguinte.

    Deixem os jornais fazerem o que quiserem para se venderem mais, nós temos estado e espero que continuemos de olhos postos no relvado, tal qual Capel, a dar o nosso melhor em cada jogo.

  12. mais nada.
    a equipa puxa pelos adeptos e os adeptos pela equipa. o bom momento que atravessamos deve ser potenciado a todos os niveis fazendo acreditar a todos ser possivel fazer coisas lindas. campeonato, uefa cup, taça portugal ?? quem sabe ??
    uma coisa é acerta, assim, estaremos mais perto do que em anos anteriores.
    euforia ? quem não é ambicioso não anda cá a fazer nada !!!!!!!!!!!!!!!!

  13. Este comentário de BdC deixa-me satisfeito.
    Demonstra elevação, bons princípios e carácter.

    Quem, como eu, votou na equipa dirigente actual, votámos sobretudo por se encontrarem nela LDuque e CFreitas, bem conhecidos e merecedores de admiração dos que têm gratidão pelos bons serviços prestados há cerca de uma década atrás, sabendo-os humildemente reconhecer como francamente meritórios.

    Ou seja, já os conhecíamos bem, e queríamos mais do mesmo.

    Já o BdC reuniu sobretudo à sua volta os descontentes com o passado recente, os revoltados que queriam “partir tudo”. Não era um homem conhecido, tinha um projecto que parecia ser sério mas, ao lado daqueles 2 tubarões da outra lista, afugentava os menos atreitos a revoluções e a tiros no escuro.

    Está-se a posicionar para fazer parte do futuro do clube. Parece-me bem.

  14. Isto caminha bem.
    Capitão America, o primeiro, esta correto depois vieram os outros.
    Os Vingadores a la Sporting, agora chega o Tony, atenção à fonética para não confundir com alguém que anda com os garrafões atados ás canelas como um carro de recém casados cheio de latas.

    O Homem de ferro já sabemos quem é, o cacifo tratou disso pois nada escapa ao cacifo, o resto dos Vingadores vão chegar num futuro próximo, não sei quem são nem quero arriscar a não ser em dois!

    Não, não é o Rinaudo pois Rinaudo é Rinaudo e não há margem para confusões!

    É o todo poderoso Thor, sim esse não engana por motivos de.
    Bem são demasiadas obvias as semelhanças, Thor é Elias ou Elias é o Thor como preferirem!

    Mas os Vingadores também contam nas suas fileiras com um Monstro Verde, outra vez peço-vos para não confundirem com o produto amarelo, fruto de uma dor de barriga de Godzilla que ao soltar uma bufa saiu aquilo, como curiosidade Godzilla é do Japão e o Japonês ao ver aquilo soltou uma expressão de asco do tipo, HUGGG, e assim surgiu o clone pois a fonética tem coisas do caralho, hugggg, hukkk …. .

    O Monstro verde surge cada vez maior a cada jogo, a sua voz causa pánico ao inimigo e fortalece o espirito dos Vingadores, ´e imortal e todos sabem que quando solta a sua fúria ninguém o consegue parar, hoje esta por todo lado, seja em que estádio for, esta lá cheio de força.

    Como também sabemos nunca se ganha todas as batalhas, os rivais nunca jogam limpo e tentam sempre encontrar a fraqueza dos herois, usam todo o tipo de fruta e pós de café até usam uma arma nova, sofá de psicanalise e aconselhamentos vários isto para além de contarem nas suas fileiras uns personagens de negro que estão sempre prontos a atrapalhar os herois mas o Vingadores, tal como o nome sugere, vingam-se e assim que perdermos uma, somos vingados na outra a seguir, além de que mais tarde ou mais cedo os Vingadores vingam sempre na sua história.

    O Monstro Verde é praticamente incontrolavel mas este Monstro Verde confia nestes Vingadores e por isso estará do lado deles.

    • epá.. essa merda da fonética e falares depois de cafés e pózinhos, faz-me questionar, sobre esse tal que oficialmente se chama Givanildo, que merdas é que andou a tomar enquanto esteve suspenso os 3 ou 4 meses depois do episodio triste no tunel da etar…

      é que eu, se soubesse que ia ficar uns meses sem competir e podendo treinar, provavelmente tb passava as primeiras semanas no ginásio a encher e a tomar ovomaltine com essas merdas..!

  15. Pingback: Thread Oficial - Sporting Clube de Portugal - Page 4818

Deixe uma Resposta para Oscar Neves Cancelar resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s