Já não há palavras para isto

Ou melhor, até há, e foram proferidas pelo único dos lados que se preocupa, efectivamente, com o essencial: a modalidade. E o motivo de tais palavras explica-se depois de ter-se transformado um pequeno torneio de verão, numa batalha onde nem faltou uma patética ameaça de abandono de campo.

35 thoughts on “Já não há palavras para isto

  1. Futsal em Portugal baseia se em 2 clubes,nós e os lampiões,não existe competitividade em Portugal.
    Este senhor falou bem,mas reparem viu se bem como os lampiões foram campeões este ano,com muita ajuda.As tais agressões partiram sempre do lado dos lampiões,basta recordar os episódios do Gonçalo Alves na final,sem respeito nenhum pelo clube que o formou,assim como muitas declarações quase que repugnantes do tecnico Paulo Fernandes que já treinou o nosso clube,cheio de arrogancia.
    Estes lampiões querem mandar em tudo mas no futsal ainda estão a léguas,quando se iniciaram já nós cá andávamos.Tem que haver respeito e dignidade.
    Formamos jogadores para mais tarde irem para os lampiões(desde Ricardinho a Gonçalo Alves),depois vêm com atitudes de raiva e desprezo,sem respeito nenhum pelo clube que os formaram.Até no futsal somos comidos.
    SL

    • Eu não diria que somos comidos… mas que somos muito desconsiderados (veja-se sobretudo o caso daqueles que ja vestiram a camisola), somos… Gostava eu de saber o porque de tanto ódio e raiva (Bébé, GA, PF… sobretudo destes…)

  2. Mas como querem que os nossos jogadores não sintam raiva quando jogam contra esse lixo? Toda a gente viu bem como é que o último Campeonato Nacional foi ganho, toda a gente viu as agressões de vários elementos do Aviário, aliás, as câmaras estavam lá, gravaram tudo mas de nada serviu.

    O mais certinho foi terem andado ameaçar que batiam com a porta no Futsal se não fossem campeões…

    Lixo de gente, sem qualquer tipo de valores morais e profissionais, literalmente, lixo.

    • ameaças ou não, e apesar do enorme nojo que meteu o último campeonato, tínhamos TUDO para sermos campeões no 2º jogo em casa. foi um festival de golos falhados.

  3. Quando há do outro lado PORCALHÕES RESSABIADOS como o Gonçalo “Merdas” Alves, O Bébé(do do ódio), o Daví (que desconheço porque, não jogou) e até o nosso ex-técnico (que parece já ter interiorizado o estado de espirito daquelas pobres gentes), não é de admirar… Ms pronto, compreendo que passar de Leão para milhafre não seja propriamente uma promoção… Mas há que saber viver com estas coisas…

    E pelos vistos, lá foram buscar mais um ex-Leão, o Nenê (que francamente nem me lembro)… Enfim… continuam a ganhar alguma coisa à custa daquilo que o SCP deixa para atrás (ou é obrigado a deixar)…

    Um aparte… Não sou a favor do que foi feito ao Paulo Fernandes quando saiu de Alvalade nem agora ao nosso recente ex-técnico Orlando Duarte (de quem lamento a saída)… Algo de muito desagradável se anda a passar na secção… Isto nnão são métodos que sejam condizentes com o que é o SCP… Ou será que eu estou a ver a coisa ao contrário, e Paulo Fernandes e Orlando Duarte não mereciam mais consideração? Quem conseguir dar uma achega em relação a este assunto, agradeço…

    • Concordo com o que dizes acerca do paulo fernandes mas quanto ao orlando duarte, segundo sei, foi feita uma oferta para renovação e ele é que quis sair. E se fores ver, o orlando não é necessariamente um treinador calmo e ponderado. Mas sim, no ano passado a secção foi “profissionalizada” e alguns dos que lá andavam por carolice desde o início foram afastados…

      • Concordo que o OD não seria um poço de calma… mas geralmente era… quando não era confrontado com uma enormidade de ocasiões em que fomos nitidamente prejudicados… Quem não perderia a calma depois de perder o campeonato da forma que perdemos?

        Se foi proposto ele renovar e não quis, acho que muito se deveu à tal podridão que começa a surgir até no futsal (lembro-me que há uns anos a esta parte o futsal era um desporto em que os rivais se respeitavam, inclusive em jogos entre SCP-slb)… muito por culpa de situações como as que fomos obrigados a confrontar na época passada… Lembro-me dele ter referido que não queria fazer mais parte “disto”… Se houve mais alguma coisa além disso, desconheço. Mas não creio que ele não tivesse defendido a equipa quando tal se exigia… bem pelo contrário… mas fartou-se de ser roubado e perceber que talvez não tivesse o poder nas suas mãos para contrariar isso e decidiu sair (NOTA: TAnto quanto sei, não está a treinar… o que vem dar força às suas palavras)…

        Quanto à profissionalização… olha que ter levado “profissionais” não acrescentou nada por aí além… é que de bicampeões passámos a 2º e nem taça nem supertaça ganhámos… parece-em que estavamos melhor com a carolice… digo eu, até ver… espero que esta época seja melhor… (não sei o que vale o Nuno Dias, mas tenho fezada no sportinguismo do Zézito)… além disso, temos de novo o nosso “DIVA”… E quem diria, o Cardinal agora está a jogar numa equipa semi-profissional da Russia… As voltas que o mundo dá… Os ingratos nem sempre se safam…

      • E digo-te mais… prefiro um treinador que se consegue “revoltar” nas devidas horas e que puxa dos galões, mas que geralmente é um gajo low profile do que um, passo a citar um cacifeiro, “cona de sabão” anesteciado que não se mexe, gesticula e passa o jogo a dormitar no banco… Acho que o Sá está a perder-se um pouco entre estes dois extremos… mas anda a pender mais para uma “domingização”… caindo em lugares comuns e teimando em não ver os jogos como eles são, apelidando-os de bons jogos e sempre satisfeito com as enormes exibições que temos feito… e eu não tenho visto!

    • Mas o que é que se passou em relação ao PF e OD? Que eu saiba, nada. Os respetivos contratos chegaram ao fim e o Sporting informou os técnicos que não iriam continuar. Parece-me a atitude correta.

      O Paulo Fernandes saiu campeão, mas antes teve 2 épocas de merda. No ano em que foi campeão o díficil era não ter sido com uma equipa que tinha Divanei e Cardinal a jogarem para caralho.

      Já o Orlando Duarte ganhou praticamente tudo no primeiro ano, mas no segundo os objetivos ficaram mt longe de serem alcançados e o clube decidiu apostar num gajo ambicioso que ainda não ganhou nada.

      Não me parece que tenha havido falta de consideração, apenas opções que não passavam pela continuidade dos anteriores treinadores. Nada mais do que isso. Não sei a que métodos te referes, mas tomára todas as secções do Sporting terem a qualidade e o profissionalismo da do futsal.

      SL

  4. E atenção que no dia anterior, os galináceos jogaram contra uma equipa espanhola e adivinhem: houve batatada! Andaram todos à pancada… Agora qual é o elemento comum nesta história: o benfas! Eles fazem literalmente o que querem, e o engraçado é que piorou quando foi para lá o Paulo Fernandes treinar. No Sporting era um xoninhas, como galinha um autentico xunga!!!

    • Eu até respeitei a decisão de PF de sair para os merdas… afinal, foi empurrado a sair e também não gostei da atitude que tiveram com ele. Mas a verdade é que o convivio naquela fossa a ceu aberto também o contaminou, tal como ao cabresto do G. Alves e do Bébé… respira-se muita toxicidade naquela merda… e a pessoa parece perder todo e qualquer bom senso… enfim, é o que há… Mas que PF está um belo merdas, lá isso, não destoa do resto…

    • O porco do gonçalo alves e sei-o de fonte seguríssima, é e sempre foi Sportinguista… e um dos melhores amigos do grande Benedito. O que ainda me faz estranhar mais todo o seu comportamento nojento para com o Sporting e os seus jogadores. Será ressabiamento de não ter sido convidado a ficar quando se julgava um símbolo? Já o bébé é apenas um anormalito chunga a quem a camisola assenta que nem uma luva.

  5. Oficial: R PATRICIO renovou até 2018, c.r.: 40 M€! Agora falta renovaçao do ADRIEN mas, sobretudo, a contrataçao de um PL – URGENTE CARLOS FREITAS!!! SL

  6. Não concordo Münchenlöwe, no “não gostei” do Esgaio…teve bem, quando recuou para DD cumpriu, e demonstra grande maturidade. Iuri hoje não esteve nada bem.

    PS: Chaby é classe, dêem tempo ao míudo que vai-se tornar num caso sério…

    SL

  7. Em relação aos Bs, só vi o jogo a partir do penalty (75mins) e fiquei um pouco preocupado com…o Golas. Pareceu-me um pouco inseguro nos cruzamentos (no golo do Atlético fiquei com a ideia que teria tempo para se sair ao cruzamento). De resto gostei do que vi.
    O terceiro golo nasce duma falha incrível da defesa do Atlético, muito bem aproveitada pelo Etock.

Deixe uma Resposta para Ricardo Sampaio Cancelar resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s