Jesus pecou ou não?

Tenho mesmo que colocar-vos esta pergunta, até porque sei que existem vários fãs do trabalho de Jesus (e o homem, apesar das indicações que o levaram a dizer tanta estupidez na press, a seguir do derby, é do Sporting): o que é que nós diríamos, se víssemos o nosso treinador abdicar da identidade da equipa no jogo que decidia o campeonato?

Anúncios

122 thoughts on “Jesus pecou ou não?

  1. Sim, fez, não por sofrer um golo daqueles, que tem uma boa dose de sorte, mas por montar uma equipa que jogou para o empate, totalmente diferente do Benfica desta época. O dominio do Porto foi óbvio, e sejamos sinceros, quer queiram admitir ou não, JJ não teve os ditos para ir ao Dragão com uma equipa de ataque. Este Benfica a defender é demasiado mau, se quer alguma coisa do jogo com o Chelsea, monte a equipa como tem feito até ao jogo do Estoril.

    Roderick então no lugar do Gaitan foi a última gota.

      • JJ não é nenhum génio, é um homem de equipas ofensivas, gosta de equipas que mantenham a bola na área adversária, e monta as equipas sob essa “garra”. Táticamente? Um autêntico flop, quando precisa de jogar com cabeça, ou seja, com equipas semelhantes, inventa coisas que não lembra a ninguém.

        Vejam o caso da Liga Europa, a única equipa assim “boazinha” foi o Fenerbahce, e valeu o herói de jogos anteriores, os postes.

  2. Sinceramente ainda nao entendi se, com Jesus, o caso sera abdicar da identidade da equipa por opcao ou nao.

    Face a pressao, Jesus inventa.. Mexe sempre em qualquer coisa… Ou no Onze, ou na tactica… Nao sei se o faz para tentar ser “genial” e ser elogiado mais tarde ou se o faz a medo do adversario… O homem deve ser alergico a facilidade… Mas, para dizer a verdade nao perco o meu sono a pensar no assunto…

    E verdade seja dita, Portuguezismos a parte… Nao me importava que esa semana fossem apanhar meia duzia a Holanda… So para rebentar com a epoca dos meninos…

    (desculpem a escrita… Teclado estrangeiro…)

    SL

    • nesse caso, o pior foi que essa adaptação já tinha dado para o torto umas duas ou três vezes… no sábado, por aquilo que percebi, não foi a adaptação de um jogador, foi utilizar uma táctica nunca antes usada. E o que eu acho curioso é que, se corresse bem, seria uma ensaio para o Chelsea.

      • Exatamente Cherba, podemos dizer que ele já não inventa tanto como antes mas vai lá jogar com cagaço na mesma, e viu-se logo isso quando meteu o Roderick

  3. No jogo que decide o campeonato, não sei… No jogo que permitia evitar a pior época de sempre, se não jogasse assumidamente para ganhar, como o devia fazer sempre, por muita boa vontade (e eventual sportinguismo), diria que não é treinador para o Sporting Clube de Portugal…

    • Não mesmo, nem temos possibilidades financeiras de montar uma equipa à sua imagem!

      Um trinco todo o terreno que saiba distribuir jogo ( Ramires e agora Matic) médios ofensivos tecnicamente dotados e móveis ( Aimar na altura, agora gaitán) e quase 6 extremos de qualidade para aguentarem com a pedalada que este estilo de jogo tão exigente.

      Dos avançados nem falo.

      • Não me estava a referir ao JJ…

        O Cherba que me perdoe, respeito a intenção do post, mas ’tou-me bem a cagar para o JJ.

  4. Diria que era um cagado como o são todos os treinadores que mexem na equipa a pensar no que o adversário irá (ou não) fazer ao invés de pensar no que a própria equipa terá de realizar em campo…

    Jorge Jesus no Sporting é uma fantasia! É que tendo em conta o seu salário e as actuais restrições financeiras…. é simplesmente impossível contratar o gajo.

  5. Teve um azar do caralho. Não sei se pecou: os gajos já não podem com uma gata pelo rabo e a estratégia conservadora era se calhar a única possível. Talvez tenha errado nas substituições.

      • Para mim o homem está a fazer melhor do que se previa. Em Setembro ouvi imensa gente dizer que com as saídas do espanhol e do belga, a equipa ficava desequilibrada. O gajo mostrou dote na evolução do matic e do enzo. Acho que, sem o Jesus, o Benfica não estava a lutar até ao fim.

      • Defendo isso. É apenas conjectural que tenham perdido estes pontos agora, normal seria que isso já tivesse acontecido antes.

    • Curiosamente, sofre o golo quando o Fernando sai e a sua equipa se começa a superiorizar fisicamente ao Porto e está a tentar chegar à frente. Enquanto tentou empatar, empatou, quando pensou em ganhar (a equipa, e não JJ), perdeu.

      • COncordo… ele até sofre o golo em contra-golpe!
        Acho que o Benfica perde o jogo por acaso. Mas perde o campeonato com o Estoril! Ai sim! No Porto… é jogo de tripla!

  6. Eu sou fã do Jesus, adorava vê-lo no Sporting, mas se fosse o Sporting a perder um jogo daqueles da forma que perdeu eu culpava o Jesus o Bruno de Carvalho até o Cacifo do Paulinho oh caralho…

  7. Sinceramente não creio que tenham jogado para o empate, mas a pressão era mais do que muita para aquela equipa, e sejamos sinceros golos nos ultimos 2 minutos é daquelas coisas que acontece uma em mil, portanto creio que é natural que a partir de determinado momento em campo, o benfica defendesse o resultado, pois o arriscar no ataque poderia dar em contra-golpe o oposto.

    Portanto, a única situação que realmente duvido que tenha sido a melhor hipótese, é a de meter o rodrick ou lá como o moço se chama.

    E apesar de estar sempre a rir-me com o “Portugûes” do JJ, não me importava nada de o ver no banco do Sporting.

    SL

  8. Não gosto de JJ. Não o acho um bom treinador.

    Vive obviamente acima do que vale fruto de uma cs que limpa tudo e todos os que passam pelo benfica.

    p

  9. Eu diria que o Benfica perdeu uma oportunidade imperdoavel de esquecer os complexos de inferioridade que tem em relação ao Porto. Considero o facto de ter perdido a identidade, uma demonstração de medo que não lhes permite ultrapassar a barreira. Continuam na fronteira e “culpo” o Jesus por isso (na verdade quero mais é que se lixem os outros clubes, mas pronto).

    Independentemente do bom trabalho que tem feito, que de facto é muito bom, faltou-lhe para além da humildade, ultrapassar a barreira dos complexos de inferioridade.

    Considero que os lampiões este ano não tinham razões para ter medo.

    Eu não perdoaria o nosso Sporting se, nas mesmas condições, perdesse a identidade na casa de um dos rivais.

    SL

  10. Aconteceu ao Jota, aquilo que aconteceu ao Peseiro quando perdemos o titulo na luz. Vai jogar para o empate e fode-se. Simples.

    Se uma equipa constrói uma identidade ao longo de uma época, sou da opinião que essa identidade deve de ser mantida mesmo em jogos em que baste o empate… Os encornados se vão jogar de igual para igual com o porcos, sujeitam-se a ganha aquela merda, tal como nós na luz aqui à uns anos na luz.

    • Excelente exemplo. Um gajo que (depois de espremer o Liedson até ao tutano) joga com o Douala a “ponta de lança” e deixa o Pinilla no banco – que entrou para fazer a falta do golo … não se pode queixar do Luisão e/ou do Ricardo e/ou do Paraty. Só se pode queixar de azar quem faz pela vida.

    • Pera lá que em 2005 não foi assim tão “limpinho, limpinho”. Apesar de no fim de contas ir dar ao mesmo, na minha opinião aquela falta do Luisão sobre o Ricardo no lance do golo faz toda a diferença para o jogo de sábado no Dragão.
      Independentemente disso os lampiões entraram todos borrados, por um motivo muito simples (tal como nós) não sabem e têm muita dificuldade de jogar “tudo ou nadas” sob pressão ainda por cima no estádio mais difícil do pais.
      O Porto viria á Luz (ou a Alvalade) jogar este jogo na boa, como já veio tantos outros incluindo há dois anos em que festejaram à meia-Luz e com rega ligada.
      A confirmar-se, os benfas perde o campeonato em casa com o Estoril e não no Dragão.
      Jesus no Sporting? Então temos lá o um dos melhores treinadores portugueses e pelos vistos vamos manda-lo embora porque ele não aceita (como eu e todos os grandes treinadores do mundo não aceitaria) responder ao presidente por interposta pessoa, e íamos buscar o chiclas? O chiclas aceita responder ao presidente via Inácio, duvido?

  11. Eu acho que o problema do Jesus, se calhar contrariando o que a maioria acha, é motivacional.
    Acho que ele não sabe motivar os jogadores em situações de pressão. Durante o jogo com o Estoril ele parecia mais nervoso que os jogadores. Como se pode acalmar e puxar por uma equipa quando se demonstra nervosismo exagerado?

  12. Acobardou-se… Jogou como uma equipa pequena na casa de um grande usando e abusando de anti-jogo qual esperteza saloia… só o ola john rebolou que se fartou por aquele relvado…

    Estou convicto que se tivessem jogado o jogo pelo jogo não teriam perdido!!

    • Há inclusivamente um lance em que se vê o Ola John a perguntar se é para se mandar para o chão ou não.. o fair-play é mesmo uma treta.

  13. Ainda continuo a sonhar que podemos ter o Jorge Jesus no Sporting na próxima época. Sonho com isso que hei-de fazer. Sempre fui fã do homem desde os tempos da “viuva negra” de Felgueiras. Apesar de até chegar ao benfica nunca o ter achado treinador para o Sporting. Agora tenho de admitir que o vejo como um excelente treinador.
    Diz barbaridades? Sim. Inventa? Sim. Não resiste a apanhar os louros? Sim. Tem dificuldade em gerir o balneário? Parece.
    Mas o que é certo é que pega no Coentrão (sucessivamente emprestado), no Di Maria (depois de uma época de banco), no Cardozo (também depois de um ano de banco a favor do grande Suazo), pega no Javi (vindo do Ossasuna), no Matic (depois de andar dois anos no banco, no Jardel, no Enzo Perez, e faz deles jogadores apetecíveis para os grandes da Europa a troco de muitos milhões.
    Não serve para o desculpar, nem tenho nada com isso, mas não podemos esquecer que este homem desde que o campeonato começou ficou sem Javi Garcia (20M), sem o Witsel (40M), sem Bruno Cesar (não sei quanto mas não perderam dinheiro) e sem Nolito (para mim um incapaz ao nível do Djaló) e para colmatar estas saídas foi buscar o André Gomes e o André Almeida. Mesmo assim, fez a época que fez, sem ganhar nada bem sei, mas andou lá a lutar até ao fim. Com adaptações de alguns e grande evolução de alguns jogadores. Mesmo assim acho que o problema da sua eventual vinda para o Sporting não seria o dinheiro.
    Quanto ao jogo com o Porto, volto a dizer, levar 5 no dragão deixa mesmo marcas, este homem nunca mais volta ao dragão da mesma forma. Apesar de também não entender a entrada do Roderick (sem ritmo, sem experiencia, sem qualidade), se era para defender que entrasse o Jardel ou o Melgarejo para a esquerda e metia o Andre Almeida ao centro, tudo menos este pseudo-jogador da bola.

    • fónix …

      “Diz barbaridades? Sim. Inventa? Sim. Não resiste a apanhar os louros? Sim. Tem dificuldade em gerir o balneário? Parece.”

      e ainda o queres no Sporting…

      Prefiro ficar como estou … 1000 vezes.

      p

      • OK Paulo, respeito, as sim queria o homem no Sporting a fazer do Joaozinho um lateral esquerdo de 20M vendido para a Juventus, ou o Zezinho um médio todo o terreno a vender por 20M ao Liverpool, ou a transformar o Ilori num Pepe (mas limpinho e leal), a fazer do Viola um Derlei, a pegar no Betinho e fazer dele um Van Basten. Delirios se quiseres, mas eu comecei por dizer que “continuo a sonhar”. Por isso tenho desculpa.

        Tenho e admitir o transtorno de quem nasceu em 1977 e nunca imaginou o que é estar fora da europa.

      • Por acaso, acho que se ele está (ainda) no benfas depois de ter sido papado de seguida pelo caloiro AVB e pelo ainda mais caloiro VP é precisamente pela capacidade de valorizar (MUITO) os activos de que dispõe – é verdade que dispõe de jogadores com grande potencial, mas conseguiu desde que está no benfas multiplicar por muito o valor de mercado de grande parte dos jogadores.

    • Vamos por partes:

      1- o Jesus pecou. Qualquer treinador de equipa grande q joga p/ o empate, ainda por cima c/ um rival directo é à partida um erro enorme.

      2- o ponto acima não implica q se jogue sempre da mesma forma, independentemente do adversário. Por exemplo jogar contra um ManUtd q tem um jogo muito directo ou um Barcelona implica alterar a forma de jogar mesmo p/ uma equipa como o Real Madrid, agora tem é de se assumir uma clara estratégia p/ ganhar o jogo e não alterar em demasia os automatismos (uma coisa é fazer recuar mais Gaitan, outra é trocá-lo por Roderick)

      3- Ao contrário de muitos, não acho o JJ um génio da táctica (Bielsa, sim). Onde eu acho q o JJ é realmente em potenciar talentos e em pôr a equipa a jogar p/ o ataque

      4- O ponto 3 é muito importante numa equipa de um grande ainda em formação como é o caso do Sporting. Portanto, não sendo perfeito, p/ o ano até preferia JJ ao JUJU (não gosto de chamar Juju ao Prof. mas nesta frase por oposição a JJ até fica giro).

    • Lion Lizard,

      Não me parece que JJ tem ou tenha tido dificuldades em gerir o balneário, só se me tem escapado algo, até lhe realço o sentido prático em relação a quem mete a jogar, quem dispensa, quem amua ou quem não rende e precisa de ser “encostado”, tudo acontece sem grandes alaridos.

      • Lá está, uma estrutura unida, desde a comunicação até ás decisões “invisíveis”, ajuda e muito o trabalho de um treinador.

  14. Eu gosto é disto! Agora o Jesus… Que fizesse o mesmo que fez contra o Newcastle, em vez de se acobardar e defender, meteu um ponta de lança e espetou uma batata.

    Se viesse para o SCP, seria a primeira jogada de mestre do nosso Presidente, dando uma ferrada num rival directo, que sem ele, para a próxima época, não luta pelo campeonato.

    SL

  15. Eu estou à vontade porque não o quero como treinador do SCP e tão pouco me interessa se é ou não Sportinguista. Acho que dizer que o homem abdicou da identidade é tão parvo como chamá-lo idiota caso jogasse da mesma maneira e as coisas não resultassem, o que era ainda mais certo.
    Já se percebeu que a maneira como as galinhas jogam só serve mesmo para o campeonato nacional e para todas as equipas menos o Porco, Braga, Estoril (este ano) e nós (em condições normais). Para todas as outras aquilo é um autêntico suicídio e não resultaria. O que o homem fez foi uma alteração que equilibrava a equipa e a verdade é que ia conseguindo o que queria até um galo marcar um golo que nunca mais marcará e ao minuto 91… Contra isto o que é que se pode fazer??! Poderão criticá-lo e mesmo isso ia caindo por terra, nas substituições que fez. No entanto acho que se há coisa que o Jasus já mostrou é não saber ler porra de jogo nenhuma…

  16. O Roderick era a grande “promessa” da formação encarnada!! eheh

    Sem dúvida, o Jesus seria um grande treinador para o SCP.
    continuo a defenderer o seguinte: Já que não vamos lutar pelo, precisamos de um treinador que entusiasme as bancadas e coloque a equipa a jogar um futebol ofensivo. Caso contrário, em Novembro já andamos deprimidos e com um clube em alvalade “cinzento” e poucos adeptos.

  17. A estratégia do Benfica muda de jogo para jogo. O Benfica ao jogar frente a uma equipa mais acessível (ex: Setúbal), é uma equipa que assume o jogo, pressiona a equipa adversária, marca um golo e continua no ataque à procura de mais, já quando o adversário é mais forte (e jogar no Dragão não é fácil) é uma equipa que procura jogar mais no contra-ataque. No jogo com o Porto não foi a primeira vez que o Benfica jogou assim, já tinha jogado da mesma forma em Inglaterra frente ao Newcastle, e na Turquia foi igual. A diferença é que o Porto é uma equipa que se sente confortável com a posse de bola tem em media 70% de posse de bola, já o Benfica está habituada a jogar um futebol rápido, não se sente tão bem em ter a bola. Um empate servia ao Benfica por isso do Benfica ter “dado” todo o domínio de jogo ao Porto. A estratégia do JJ para este jogo não foi mal pensada e por muito pouco dava resultado.

  18. O Jesus é daqueles treinadores que não aprende mais. É aquilo e pronto. Será sempre assim.

    Já defendi que o gostava de ver no SCP mas pensei, reflecti e cheguei à conclusão de que afinal não o quero ver no SCP e digo-vos porquê:

    1- Equipas super ofensivas, pouco equilíbrio táctico. As compras todos os anos sugerem isso mesmo: 300 homens para o ataque e 0 contratações para a defesa. Lá adapta um dos que contratou para o ataque à lateral defensiva.

    2- Aposta nula, ou quase nula na formação. Vai apostando nos portugueses por imposições da UEFA…

    3- Salário alto, muito alto.

    4- Gestão de balneário. Ao longo de 4 anos de benfica foi público várias desavenças entre ele e o jogadores. Recordo-me por exemplo de Saviola ou Quim…

    5- “Cobardia” nos momentos chaves da época que o leva a cometer imensos disparates como a célebre adaptação do David Luiz à esquerda nos 5-0 do porto lá no norte e também em Liverpool.

    Posto isto, não obrigado. Mas entre ele ou Jesualdo, venha de lá o Jesus foda-se.

    • Estou genericamente de acordo com a análise, embora tenha a sensação que a ausência de aposta na formação tenha que ver com “estratégias” da direcção – há que fazer negócios chorudos (dão muito dinheiro a alguns), e é mais fácil, e sobretudo mais rápido vender por um valor elevado jogadores que quando chegam ao benfas já vêm “meio feitos”, do que dar rodagem a putos crus.

      • “Jesus é um obstinado, dedica-se 24 horas por dia ao trabalho. Acordava-me às 8 e 10 da manhã de um domingo para ver o PFC (canal brasileiro de futebol) porque estava a dar o Ceará-Fortaleza.”

        Palavras de Carlos Freitas. Os 2 estiveram no Braga.

  19. O Jesus armou-se em Peseiro na Luz há uns anos, estava na frente foi atrás do empate fodeu-se. Mas nós ainda fomos gamados.

    Se está a fazer um bom trabalho, é relativo, um orçamento de 100 milhões de euros para ficar em segundo e não passar da fase de grupos da champions, parece-me pouco. Quatro anos 1 campeonato ganho ao Braga e talvez uma taça de Portugal e uma final da Liga Europa não me parece grande coisa para o alegado maior orçamento de Portugal.

    É este o problema de equipas muito estrangeiradas desintegram-se quando é preciso dar o litro pelo clube. Temos um exemplo no nosso SCP quando abdicamos de portugueses foi quando mais nos afundamos.

    SL

  20. dizíamos que era um banana, e chamáva-mos- lhe Jesualdo…
    entre o que ele foi fazer lá acima, e o Juju a jogar com 2 trincos contra Olhanense e Moreirense, talvez compreenda melhor o Jesualdo, porque a nossa equipa, comecou realmente a jogar em equipa há coisa de 4 ou 5 meses…
    o limpinho, nao sei qual a desculpa…má condicao fisica?? nao serve de desculpa até porque tem acontecido sempre nas ultimas 3 epocas que la esta, já devia ter aprendido…

  21. Não percebo essa do Jesus ser Sportinguista. Como não percebo quando dizem que o Vitor Pereira (da arbitragem) é Sportinguista. Se o Sportinguismo é compatível com fazer parte de esquemas corruptos que prejudicam o Sporting e negação explícita de um roubo histórico contra o clube que apoia, épá foda-se…
    Em relação ao pecado, o Benfica não sabe jogar à defesa, mas naquela fase para jogar ao ataque era precido que o Jesus tivesse um par de tomates do tamanho de duas melancias. E isso, amigos, ele não tem.

  22. Epa mas o merdafica é isto muita sorte muito colinho e pronto receita para o desastre quando se apanham equipas mais jeitosas.

    Claro que se te apanhas a jogar grande parte dos jogos contra dez, quando tens defesas que podem fazer o que quiserem claro que te desleixas e na hora de verdade não jogam um boi andam a mandar-se para o chão.

    O melhor jogo que os vi fazer foi com os turcos e foi porque esses vieram cá cagados e vá lá tiveram um arbitro isento.

    As vitórias do merdafica contra nós foram na primeira volta a equipa toda rota e os gajos na maior claro quebramos na segunda parte. Na segunda volta foi uma capelada com o Maxi penaty com rédea solta.

    SL

  23. Orçamento milionário, 400 mil euros por mês, colinho dos árbitros e perder o campeonato para uma equipa treinada por Vítor Pereira e não passar a 1ª fase da Champions num grupo muito acessível, não me parece um cartão de visita muito atrativo… E aquela falta de dignidade no fim do jogo com o Sporting é imperdoável.

  24. Claro que o JJ é sportinguista. Por isso, perdeu de propósito: para dar uma alegria aos sportinguistas. Só isso explica a substituição do Gaitan pelo Roderique.

  25. Muitos falam da estratégia conservadora de Jesus, do excesso de jogos, e de mais um par de botas, quiçá induzidos em erro por uma comunicação social que vai elevando ao estatuto de deuses quem é dos clubes do sistema. Mas a verdade é que as equipas de Jesus têm sempre os mesmos pecados e Jesus comete sempre os mesmos pecados:

    1) Não há ano nenhum em que as equipas de Jesus não dêem o estoiro. Felgueiras (da Europa à despromoção foi um instante), Belenenses (se mantivesse a cadência, tinha ficado ainda melhor classificado), Braga e agora Benfica. Venceu “aquele” campeonato pelos milhafres pelo facto do Braga não ter aguentado a pressão da luta, e estando tripalhada e Sporting muito abaixo do que podiam e sabiam.

    2) Mais uma vez, as adaptações que Jesus faz dão jeito quando é contra pequenos. Com equipas grandes, as adaptações dão porcaria. Os tripas não souberam (e aqui mostra a pobreza de Vitor Pereira) aproveitar mais o lado direito porque a única vez que o James (paupérrimo, diga-se) decidiu lá cair, passou pelo supra-sumo da formação milhafre como faca por manteira no Verão. Até o Lucho o comeu de cebolada.
    E não esquecer as maravilhosas adaptações com Chelseas e Liverpools…

    3) Posto isto, e como não quero que venham estragar o futuro dos nossos miúdos, Jesus é o último treinador que quero ver no Sporting. Sendo sportinguista ou não (um verdadeiro reagiria de maneira completamente diferente e, quiçá, nunca poria os coutos como treinador de milhafres e/ou tripas), basta ver o corropio de entradas e saídas (já se aperceberam porquê?) nos clubes onde está e o súbito desaparecimento de certos jogadores ao fim de um par de anos, ou quando mudam de clube (o javali garcia, o coentras, o ti maria, entre outros, vão ser corridos do real pelo que não fazem).

    Respondendo à pergunta, era para lhe perguntar porque raio a equipa perdeu 3/4 do fulgor físico que detinha há um mês atrás, e onde é que estava a porta de saída.

  26. Concordo com a análise feita pelo Bruno. Acrescento um ponto para reflexão: JJ fez a sua carreira em clubes secundários até chegar ao Braga e, principalmente, ao Benfica. Creio que, por essa razão, não supera da melhor maneira os momentos de tensão elevada e não consegue que os jogadores estejam ao nível emocional adequado. A própria táctica mais recuada que JJ utiliza nessas ocasiões constitui uma mensagem que os jogadores captam: o mister está com medo!

  27. Se o JJ tivesse jogado com dois pontas diziam que tinha usado uma táctica suicida e que não sabe adaptar as equipas a cada jogo concreto.

    Enfim… é só especialistas da bola.. quando já viram o jogo … aí já sabem tudo.

    Tenham juízo. Futebol é aquilo…

      • «Uns ganham… outros perdem… às vezes empatam..

        é a sorte…

        A bola quando beija a rede é golo.. e ponto final..»

        Hum… o futebol é um pouco mais do que isso, ora pensa lá bem.

  28. tenho quase a certeza que nao foi a primeira vez esta epoca que ele tirou um dos PL para meter um 10. j
    o porto teve bola mas marcou das 2 vezes golos do nada e para alem disso criou uma chance em fora de jogo. isto no jogo do titulo em casa e com o 11 titular.
    se isto nao é um bom trabalho do jesus…

    o jogo com o estoril em casa, isso ja é outra historia.

  29. Jesus não pecou: Jesus foi igual a si próprio: cobarde em jogos difíceis.
    Os Milhafres jogaram DESCARADAMENTE para o empate, e quando isso acontece… Pimba!

    É engraçado pensar que, caso os andrades ganhem o campeonato, o Jorge Jesus, o auto-apelidado “Catedrático da Bola”, o treinador dos €4M/ano, vai ser NOVAMENTE ultrapassado pelo Vítor Pereira, treinador mal-amado nos próprios andrades, isto não obstante o Cadastrado ter posto à disposição do JJ todos (ou quase!) os milhões necessários para reforçar a equipe. Equipe esta que é sensivelmente SUPERIOR à dos andrades há dois anos…

    Pensemos no seguinte cenário: caso os Milhafres percam a final da Liga Europa, em QUATRO ANOS e muitos milhões volvidos, o JJ ganhou um campeonato (acho que uma tacita ou outra também). O campeonato-dos-túneis, ainda por cima.
    Muita pouca coisa para €4M/ano e todo o dinheiro disponível para o plantel.

    A falta de sucesso dos Milhafres na Europa é sintomático de quem é o JJ: treinador para “consumo interno”, incapaz de jogar “de igual-para-igual” em condições adversas.
    Tal como se viu Sábado no Estádio do Ladrão.

    SL

  30. Era despedido, como fizemos ao Peseiro (Não terá sido só por isso mas ajudou muito)

    Nessa época, perdemos porque jogamos para o empate.

  31. Tem pontos enqt treinador que de fato gostaria de ver no Sporting….penso que geriu mal a carreira sobretudo com a historia do limpinho …de qq das formas se bem me lembro ele e o INacio nao se podem ver partantos….

  32. Eu acho que o Jesus não errou, mais acrescento, se tivesse o Rui Patrício na baliza da equipa dele, a esta hora não se podia com os festejos…

    O modelo de jogo do Jorge Jesus, parece-me, assentar no ataque, criativo, e “descurar” a defesa. As aspas do descurar devem-se ao facto das defesas dele saberem “mexer-se” em grupo como poucas.

    O modelo do Victor Pereira, parece-me. assentar numa defesa sólida (que dado o critério largo da maioria dos apitos nacionais, para as suas cores, se torna intransponível). A pecha está no ataque, tem de recorrer ao pressing alto para conseguir roubar a bola na transição do adversário e ficar com o caminho facilitado para chegar à baliza. Falta criatividade ao seu ataque ( e se virmos a frequência com que recorre ao Varela, até fica a impressão que esta fase não lhe rouba muita atenção).

    Daí, o Jesus escolheu esperar pelo adversário e cortar todos os movimentos perigosos na origem.

    Se atentarmos no ar de desepero do banco e assistência, nos minutos finais do jogo, o Jesus estava a atingir os seus objectivos.

    Depois, uma transição mal feita (arremesso da lateral desleixado), um passe bem esgalhado e indefinição da oposição ao Kelvin. e o Artur a deixar entrar uma bola cruzada daquelas: “já fotes” como se diz em Setúbal.

    • Ora nem mais. Totalmente de acordo. A obrigação de ganhar o jogo era do foculporco, logo não me parece má táctica apostar nas transições rápidas. E até marcou primeiro. Não fosse o futebol um mar de imprevistos e tinha mesmo resultado.

  33. quando leio alguns comentarios a apontar o dedo a Jesus fico a pensar que ha quem nao perceba nem um pouco de futebol, peço desculpa se estou a atingir alguem mas ha coisas que nem da para ler.
    O JJ é muito forte na vertente tatica e no crescimento de jovens jogadores, contra si tem a sua teimosia e a nao noçao de como deve lidar com os jogadores em alguns momentos e o caso da gestao (falhou nos ultimos anos, neste nao), para nao falar dos 4M anuais que ganha que faz comichao a muita gente.

    Este ano, com uma plantel muito inferior ao do fcp (tem certas individualidades melhores, mas como 11 o fcp ganha claramente) conseguiu dar luta ate ao fim do campeonato, ta na final da liga europa (que nao acredito que ganhe) e na final da taça de portugal. a juntar a isto tem um futebol de ataque e criativo, algo que é sempre bonito de ver ao olho do adepto comum. Tem uma equipa cheia de lacunas a nivel de banco (no meio campo o martins nao serve, o aimar ta velho e nao me fodam com o andre gomes porque se ele é o jogador que o fazem ser isto anda muito mal… trinco simplesmente nao existe que o roderick nao é jogador de futebol. na defesa ter o jardel pros jogos em que ha castigados serve, em caso de lesoes nao, e a laterais falta mais um jogador nao sendo nenhum dos titulares grandes espingardas…) e conseguiu gerir a equipa sempre da melhor forma.

    quanto ao campeonato (que ja esta perdido) quero que me digam que culpa é que o JJ tem que o fcp marque um golo nos descontos quando ja nada o previa e em que o empate praticamente dava o titulo (jogaram a defesa? pois foi e se o kelvin nao marcasse a esta hora tinha sido uma grande estrategia bla bla bla e o jesus era o maior porque bastava nao perder com o moreirense na luz) alias, vou mais longe. que culpa é que o JJ tem que o slb nao tenha saido do intervalo com o estoril ja a dar uns 3-0? o mesmo serve pro VP que nao tem culpa nenhuma de a 1 mes ter perdido a liderança por causa por exemplo do simples detalhe do jackson ter falahado os penaltis. esta merda é futebol caralho, se a melhor equipa ganha-se sempre, se nao houvesse o fator sorte nao se jogava, dava-se 3 pontos a melhor equipa e tava feito…

    mentalidade tuga é assim, tem de haver sempre o bode espiatorio, com, ou sem razao. nao pensasse-mos assim e talvez nao tivesse-mos na situaçao em que estamos

    • Concordo meu caro…

      O futebol é assim.. o que interessa é quando a redonda beija a rede… essa é a ciência.. o golo..

      Até lá é tudo conversa…

      O Jesus é um grande treinador.. e o pereira tem feito um trabalho positivo..

      Espero que o jesus traga o caneco quarta… não pelo benfica, não pelos benfiquistas, mas pelo futebol português e pelo nosso país (apesar da ausência de jogadores portugueses) … e acho que ele merece enquanto treinador.. ponto.

    • Excelente análise (mesmo não concordando com tudo). Dito isto, é um facto que há treinadores que conseguem montar equipas para empatar – no sentido de não deixar jogar o adversário, consumir o tempo de jogo, forçar paragenes e não permitir posse de bola nos últimos 30 metros e, claro, nunca permitir ao adversário um contra-ataque (tal como há equipas que têm essa “cultura”) – e há outros que não conseguem. Assim, se calhar, mas valia a esses treinadores (ou aos treinadores de equipas sem essa “cultura”) não tentarem jogar para o empate, porque acabam sempre por levar um golo estranho aos 91 minutos… São as leis invisíveis da bola.

  34. Os benfiquistas que conheco (meus amigos e näo säo broncos , pois tiveram que amochar com a capelada durnate duas semanas) querem o jesus dali para fora… o homem näo tem discurso, e as equipas morrem no útlimo terco do campeonato (desculpem a falata de acentuacäo).
    A equipa está de rastos e näo dá para mais… mas eu quero que eles se fodam e näo sei se näo é melhor manter o Juju…tenho dúvidas…

  35. JJ:
    Apesar de lhe reconhecer muito mérito na valorização de jogadores, os outros aspectos menos positivos já referidos em post anteriores pelos meus colegas Cacifeiros suplantam este!

    Off topic:
    Pode não haver muitos recursos financeiros, mas, tal contexto, reforça a premência de um planeamento obsessivo e atempado!
    Sublinho obsessivo e atempado!
    BdC não me desiludas, PF!

    😜SL

  36. O homem tem um plantel do caralho, jogadores que olham de olhos fechados, e vai-me ao Dragão jogar para o empate !? Fodeu-se e os adeptos não lhe perdoam a parvoíce.
    O Benfica, querendo, enrabava o Porto com mestria … jogou para não perder, e mamou na peida. Têm mais equipa, mais e melhores escolhas ( aquela frente de ataque com Gaitan, Cardozo, Salvio, Rodrigo, Lima, Cardozo, Olha John, chegava e sobrava para o Jackson e o James ), e foram ao Norte jogar como se fossem o Moreirense … imperdoável !!

  37. Off Topic:

    Quanto a uns comentários de regojizo pelo Rojo estar, alegadamente, a caminho do Inter, apenas vos digo:

    Rojo será, a breve trecho, um dos melhores LE do mundo, reforço, do mundo! Fixem esta minha declaração e verão q terei razão!

    😜SL

  38. cherba, esta n foi a 1a vez q o benfica q o slb jogou assim. fez algo muito parecido em braga. n de forma tao evidente pois o porto é mais perigoso.

    e o jesus vai mesmo continuar no slb. é o melhor treinador em portugal e eles sabem q n arranjam outro igual.

  39. Claro que o Jesus vai renovar. Por muito que nos custe o Benfica foi claramente a equipa mais regular no Campeonato, e muito graças e ele. Quer se goste, ou não ele é o melhor treinador a atuar em Portugal.

  40. o “melhor” treinador que, em 4 anos e com os maiores orçamentos… ganha o campeonato do tunel… ok! então nem quero imaginar se ele, ao invés de ser o melhor… fosse apenas mediano…

  41. Como sendo o jesus o melhor treinador em portugal, com jogadores com muito melhor qualidade, perde duas vezes para o vitor que todos dizem tao fraquinho?

    • O golo que pôs a lampionagem a 0 ºK.

      (para quem não sabe, lê-se 0 graus Kelvin – trata-se do zero absoluto em termos de temperatura, que corresponde a -273 graus Celsius).

  42. Foda-se, por que raio estou a ver esta merda de programa? É como ir ao hospital dos maluquinhos. O Gomes da Silva é autista.

  43. Fodasssss 400 mil ao mês orçamento de 100 milhões durante quatro anos seguidos e só ganha um campeonato ao Braga de resto sempre em segundo e ainda nem ganhou uma taça de Portugal, pro caralho se fossemos nos era falta de ambição, para os anormais da imprensa e o maior ao lado do Mourinho (outro cujo mito esta a acabar).

    O homem não da mais tem tesao do mijo e pouco mais muita parra e pouca uva.

    Espero que o chelsea vença go lions.

    Para os lamps mantenho o meu argumento em 20 anos ganhamos mais do que eles e que eu não conto com taças da treta roubadas.

    Sl a todos

    • Se achas que o Mourinho é um mito que está a acabar é porque está a tornar-se numa realidade, certo? [o que faz com que parte do teu comentário não faça sentido…]

      É uma heresia comparar JJ com Mourinho.

  44. Jordao2 tem toda a razão: os corruptos estão a preparar para vender o maça podre de forma subrepetícia seja ao Mónaco seja a outro clube!👎⚡

    Por estas e por outras é q eu DETESTO os corruptos! 😡
    Admito q por ser do distrito do Porto seja mais sensível… Mas, J Toucinho e o fdp do jogador de leste o comportamento dos corruptos foi deplorável!!!😡

    E o campeonato de 2006/2007?!?😡

    Estão sempre a lixar-nos!😡

    SL

  45. Acho que o JJ fez bem. Esteve a dois minutos de sair com um resultado positivo do Dragão. E quem imaginava que o Kelvin ia meter uma batata daquelas? Acho que o Benfica teve azar. É só isso.

    Gostava de ver o JJ no Sporting embora seja quase utópico que viesse. Lembrem-se que já éramos para ter o Mourinho e foi o que se viu. Não vamos cair nesse erro outra vez. E se o Benfica não renovar com ele, já o estou a ver a apanhar a A1 lá para cima…

  46. A verdade é que Jorge Jesus teve ao seu dispor, nos anos que está no Benfica, orçamentos milionários, como nunca antes visto em Portugal.

    O resultado desportivo de tão grande investimento é pífio, (o financeiro não foi mau, mas essas jogadas algum dia serão investigadas…)

    Perdeu sistematicamente contra o adversário, que curiosamente, segundo a crítica entendida, é uma besta quadrada (mas mesmo assim ganha sempre ao mestre da táctica).

    Nestes últimos jogos teve ao seu dispor uma Capelada como não há memória e um paio descomunal (só em bolas ao poste lembro-me de umas 5 ou 5… que não entraram…).

    Diziam que Steve Jobs promovia o chamado “Campo de distorção da realidade” [http://pt.wikipedia.org/wiki/Campo_de_distor%C3%A7%C3%A3o_da_realidade] e eu pergunto:

    … perante tanta trampa que a comunicação social nos quer vender, não estaremos perante um fenómeno idêntico?

  47. Antes de mais como amante de futebol e Sportinguista tenho de fazer um reparo ao Cherbakov: Para quem estava-se a cagar se os Lampiões vão ser ou não campeões já vai em 2 post´s sobre o assunto fará se realmente se importa-se.
    Sobre o assunto como Prof. de Educação Fisica e tendo a 2ª categoria de treinador apenas digo a todos que Jorge Jesus é o melhor treinador do Futebol Português e a muita distancia de todos os outros.
    A maioria das opiniões são as normais de quem pouco conheçe o jogo propriamente digo, como o treino. Acham por se ganhar ou perder 1 jogo nos descontos o treinador é ou génio, ou um burro, o normal para quem sabe pouco de futebol. Tive o previlégio de assistir 1 semana de treinos do Jesus no seixal há 2 anos e a forma como trabalha, como prepara e realiza os treinos é genial, tendo assistido a outros treinadores nunca vi nada igual ao que Jesus fazia. Todas as vertentes são integradas, enfim não vou falar de assunto que a maioria aqui pouco percebe pois acha que a tactica é jogar em 4-4-2, ou 4-3-3-, ou 4-1-3-2 como se isso só por isso ganha-se um jogo. Depois o que se disse que as equipas de Jesus não sabem defender como se isso fosse verdade. Ele que a primeira vertente que treina é o posicionamento defensivo e todas as suas equipas são notaveis nessa fase de jogo o que é diferente de o Benfica defender como poucos jogadores mas esses poucos são brilhantes no que têm que fazer (posicionamente defensivo) e tanto mais coisas que não vale a pena referir pois repito a maioria percebe népia de futebol.
    Quanto ao jogo e estando frente a frente as 2 melhores equipas Portuguesas (com uma diferença abissal para todas as outras) o jogo foi equilibrado decidido nos detalhes, ou seja, nos erros ou jogadas de génio dos jogadores e isso nenhum treinador pode resolver. O que tinham que fazer fizeram e bem (os 2 diga-se pois Vitor Pereira é um bom treinador injustiçado por estar no clube que está onde é facil ganhar) o que fez a diferença foi um erro tecnico do Maxi (não posicional) que dá auto-golo com colaboração de Artur e outro (esse sim posicional dos poucos que houve no jogo) de Rodrick para além de falta de agressividade na disputa da bola. São contingencias de jogo que nem Fergunson, Mourinho, ou Guardiola podem alterar. Se virem bem o Porto precisando de ganhar foi dos ultimos anos o jogo em que menos oportunidades de golo teve num jogo com o Benfica no Dragão.
    Concordo o Benfica perde o titulo no jogo com o Estoril (a equipa que este ano melhor anulou o Benfica na Luz, nem o Porto fez igual).
    Quanto a Jesus olhem como sócio do Sporting era 1 sonho (principalmente do pai de Jesus) vê-lo no seu clube de sempre mas infelizmente não irá acontecer (pelo menos nos proximos anos) pois já sei que tem tudo acordado com o orelhas para renovar por 2 anos mais 1 opcção ganhe ou não os titulos este ano. Jesus no Sporting podem ter a certeza o clube mudaria em 1 ano 180º.

    P.S 1- Para perceberem um pouco mais de futebol a não estar com banalidades parvas aconselhava irem ao “lateralesquerdo.Blogspot.com” talvez aí aprendam alguma coisa.

    P.S 2- Godinho Lopes (com Duque como principal impulssionador) em Novembro tentou fazer um acordo com Jesus, chegou a ter varios almoços com ele mas Jesus sempre adiou a coisa e pediu ainda mais do que ganha no Benfica e tudo morreu rapidamente.

  48. daqui talvez se perceba tambem porque e que o ensino está como está em Portugal,
    quantos arrogantes sabe-tudos Prof.`s de Educação Fisica andam por blog`s a chamar parvos e a nem precisar de explicar porque quem aqui anda nao sabe népia, imagino o que será dito aos alunos que sejam parvos, ou tambem nao saibam népia…

    nao sei porque cheira-me a cogumelo…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s