Diz que é uma espécie de Travian

magrebinos
A frase, “twitada” pelo deputado e vice-presidente da bancada parlamentar do PSD, Carlos Abreu Amorim, tem cerca de dez dias, mas eu diria que se arrasta no tempo. Ou, se preferirem, que é um bom exemplo do que está na génese dos dois vergonhosos episódios a que pudemos assistir, este fim-de-semana (pena os tomates não terem aço suficiente para levar a falta de comparência até ao fim). Aceito que, por esta altura, estejam a vociferar qualquer coisa do género: «foda-se, Cherba, mas o que é que nós temos a ver com a guerra entre estes dois clubes de merda?!?». Tudo, infelizmente.

A escalada de violência nos jogos entre porto e benfica, independentemente da modalidade ou do escalão de formação que disputada o desafio, é uma realidade incontornável. E, parece-me, essa realidade resulta de um desejo comum, dominar. O problema é que, para torná-lo real estabeleceu-se uma regra: não há regras. É um vale tudo, entre actos e palavras, que começa nos dirigentes e termina nos adeptos e que conta com a contribuição da nossa comunicação social, sempre pronta a fazer manchete ou notícia de abertura qualquer barrote que ajude a alimentar a fogueira. Sobre ela, um enorme caldeirão onde vai sendo cozinhada a vontade de transformar o desporto nacional numa dicotomia assente numa guerra entre o norte e o sul. A infeliz twitada do Amorim, mais não fez do que, pela enésima vez, transmitir esse espírito pequeno.

E nós? Nós surgimos com o ingrediente que não deixa apurar a receita. Pior, agora, que parecemos querer cortar, drasticamente (e finalmente), com o nosso papel de capachos a que um rol de dirigentes sem espinha dorsal votou uma instituição com mais de um século de história (a propósito, não deixa de ser curioso que os outros intervenientes sintam necessidade de mentir na data da sua fundação). Quanto mais fortes estivermos, mais complicado será alimentar esta guerrilha. Quanto mais alto rugirmos, mas baixo soarão as alarvidades proferidas por azuis e vermelhos. A verdade é que, goste-se ou não, o desporto nacional, o mesmo que bebe do nosso ecletismo e da nossa capacidade formadora há décadas, precisa de fortes pinceladas a verde e branco. A verdade é que, entre a força provinciana dos Teutões e a grandeza periclitante dos Romanos, há uma aldeia gaulesa de Leões que se apresenta como último baluarte da resistência de algo que nos apaixona: a competição em busca da glória; assente não em estratégias inquinadas, antes em esforço, dedicação e devoção!

Anúncios

57 thoughts on “Diz que é uma espécie de Travian

  1. os lampioes nunca teriam coragem de levar a ameaca até ao fim. foi sempre bluff. desde o inicio. iam deixar de disputar a final da champions da modalidade q nunca ganharam ?! claro q n!

  2. Fantástico texto! É daqueles que tem que ir para o livro Cherba! Ainda bem que aqui vim e vou deitar-me com vontade de gritar Sporting bem alto!
    Até amanhã leões!

  3. Parece um daqueles posts cheios de “sobranceria e arrogância própria dos Benfiquistas”. :P

    Palavrões e insultos à parte, tenho de concordar que infelizmente o futebol tomou proporções vergonhosas, com um ponto de ignição bem identificado. Só acho pena que consideres o teu clube como parte não integrante desta guerra desmesurada e sem sentido no mundo do Desporto. Todos sabemos que a razão de nos últimos tempos o Sporting estar um pouco à parte de tudo, derivar do facto de estar a passar por uma crise muito profunda. Mas no fundo são todos iguais. O culpado é o tal “ponto de ignição” que trouxe esta toada ao desporto em Portugal.

    Saindo um pouco do tópico, fico feliz por ver o vosso novo presidente querer afastar-se desse foco e ponto de ignição, não para se aproximar de outros, mas sim a pensar no Sporting. Parabéns a essa atitude.

    Um abraço Benfiquista.

  4. Mensagem aos morcões portistas:

    O vosso clube regional é dirigido por corruptos condenados na justiça desportiva. Todo o país sabe, via youtube, como ganham campeonatos. Tenho vergonha alheia quando vejo o povo portista a festejar nas ruas novas conquistas. Ou quando leio o Miguel Sousa Tavares e ouço o Guilherme Aguiar sobre assuntos futebolísticos. Ou quando vejo o Rui Moreira a fugir de um programa de televisão para não encarar e comentar a verdade. Era só isto. Já me irritou, depois comecei a achar divertido, nos últimos anos é tão constrangedor e repetido que já tenho pena de quem sabe que não tem motivos para festejar, nem acreditar na grandeza das suas vitórias, mas prefere continuar a acreditar que sim. Faz lembrar aqueles órfãos de ditadores que continuam a acreditar que esses regimes, porque se habituaram a eles durante toda a vida, eram coisas absolutamente fantásticas. Get real, o futebol é um desporto, e das regras não fazem parte o recurso a prostitutas e outros métodos manhosos. Festejar um título do Porto faz tanto sentido como sair à rua só porque uma equipa de arbitragem qualquer acumulou um record no cartão de pontos do bordel da esquina. Minto, não faz tanto sentido, é exactamente a mesma coisa.
    _________________________

    Mensagem aos chorões benfiquistas.

    Muito poderia ser dito, mas vou ser sintético e usar um exemplo actual.

    Se não se pode brincar com o adversário quando ele perde tudo depois de tudo festejar antes do tempo, por que haveríamos de lhe chamar adversário?

    Se os benfiquistas acreditam ser adeptos do maior clube do mundo, que se aguentam à bronca. Que não nos chamem “pequenos” por escolhermos como adversário principal, precisamente, aquele que dizem ser o “mais maior grande” da galáxia. É que nós, sportinguistas, também nos achamos grandes ( à nossa humilde e realista escala terráquea, obviamente) e portanto escolhemos como adversário principal um outro clube grande, e não um regional FCP.

    Ou preferem os benfiquistas que os tratemos como um “clube simpático”? Bem, para isso teriam de começar por o ser no trato com os adversários, relevando algum fair play e capacidade de encaixe.

    Saudações leoninas e limpinho-limpinhos para todos.

    PS- Quando é que o Rui Gomes da Silva ou outro benfiquista oferecem as escutas do Vieira ao Correio da Manhã, para que este também as possa divulgar na CMTV?

    • Bolas, vale a pena vir aqui de madrugada…

      Dois excelentes textos, um em post do Cherba, outro em comentário do Mokambo!

      Parabéns aos dois,

      SL

      PS: dois textos em sintonia, e sintomáticos – sintomáticos da recuperação e afirmação de uma identidade leonina, que vai lenta mas seguramente alastrando no universo dos adeptos Sportinguistas.
      Uma identidade segura de si, finalmente liberta das cumplicidades que fracos reis teceram com rivais, dissolvendo-a lentamente, esvaziando a alma dos Leões quase ao ponto do conformismo perante o primado da corrupção e do compadrio entre aqueles que sendo periféricos ao jogo, ocupam o protagonismo que devia ser de jogadores.
      Cada vez mais, na pior época desportiva do Sporting, se sentem os ventos de mudança, que nos devolvem a esperança de ver este Clube no lugar que é o seu.

    • Mokambo, este é um dos melhor comentários que já li no grande cacifo. Isto devia ser emoldurado em post “hoje escreves tu” pelo Cherba. Como há tanta gente de outros clubes a frequentar isto, seria uma óptima oportunidade para ganharem dois dedos de testa. Da minha parte vou enviar este comentário a todo o adepto manhoso do clube da fruta, e ao outro adepto parvalhão do clube do outro lado da estrada. A caracterização que fazes do adepto da fruta é simplesmente genial. É uma espécie de explicação para o que se passa sempre que ganham um campeonato. Consta que, na sua sua própria cidade, juntaram 30000 pessoas para comemorar um título que, ainda por cima, foi tirado a ferros! Ora, das duas uma: ou os próprios adeptos deste clube fraude estão a começar a perceber isso mesmo, que as conquistas do porto são tudo menos conquistas no plano desportivo, levando-os a perder a motivação para festejar, ou então simplesmente aquele clube de merda nem consegue arranjar simpatizantes, tal é a pequenez e desumanidade que grassa por ali. Em resumo: estes gajos são uma autêntica e valente merda!
      Alguém tem o email ou qualquer coisa do género para se enviar este comentário ao atrasado-que-nada-canta-e-só-diz-merda-naquele-programa-de-merda-de-domingo-à-noite,-junto-ao-senil-do-Sporting-e-o-gordobern?

  5. Para quem vê de fora acho um piadão aqueles que criticavam os sportinguistas por festejarem títulos de modalidades, de escalões de formação e do ‘berlinde’ porque não contavam, agora só falarem em campeonato de juvenis e taça europeia de hóquei…
    É que ao contrário de uns e outros, o SCP sempre foi um clube eclético e as modalidades fazem parte de uma história construída com mais de um século… não precisamos de inventar sobre datas de fundações nem de ter uma roda de bicicleta no símbolo quando isso nada lhes diz…

  6. Escrevi em tempos, aqui no Cacifo, que a nossa missão de agora em diante seria a de elevar o Sportinguismo, nao porque não o quiséssemos anteriormente, mas porque agora temos pessoas dignas que nos representam e nos fazem sentir realizados ao olhar para o projecto que está a nascer, e que, com o tempo irá crescer.

    Dentro deste tal Sportinguismo está obrigatoriamente o conceito de ecletismo.

    Esquecer fenómenos como Carlos Lopes, António Livramento ou Joaquim Agostinho e dar exclusivo mérito ao futebol sénior da maior potência desportiva portuguesa é, esquecer de ser, em parte, Sportinguista.

    A vitória do andebol do Sporting na Taça de Portugal é por si só um marco histórico, não porque não tivessemos nenhuma no historial (e contando-as bem, já moram, com a mais recente, 16 no museu) mas porque cada uma destas “vitórias dos novos tempos” resultam dessa tal vontade superior que as gentes (as massas) do Sporting querem para o futuro de um clube tão bonito como os maiores de sempre.

    Viva o Sporting!

  7. mas se formos a ver na de hoquei, os jogadores acabaram pro dar uma lição de fair play aos adeptos, com os jogadores do porto a assistirem á entrega da taça e a cumprimentarem os adversarios apos o jogo e a felicitá-los. é que se formos a ver daqui a uns dias provavelmente vao estar do mesmo lado ao serviço da selecçao.

    quanto ao jogo de juvenis, vamos ver os castigos, mas em termos de futebol o que anda a acontecer entre porto e benfica, não é culpa nem de um nem do outro, é dos 2 e de toda a gente quer adeptos quer especialmente dirigentes, e só vao parar quando acontecer uma tragedia a serio.

    quanto a não falta de comparencia, o benfica ha uns meses ganhou uma supertaça europeia por falta de comparecia do liceo da corunha e disse que estes não tinham fair play nem respeitavam a modalidade ao faltar ao jogo, achas mesmo que se iam contradizer?

    • Da mesma forma, foi possível ver os jogadores do Benfica a consolarem os jogadores do Porto após a derrota. Resta é saber se teria sido igual sem as reclamações do SLB antes da partida.
      Já nos juvenis foi uma vergonha de parte a parte.

    • Também gostei do “fair play” do vice-presidente do fcporco em Tavira… com o nosso presidente.
      É ver as capas do jornais de hoje…
      Cherba: Isto merecia que não passasse apenas por este off-topic. Vale um post disto?
      SL

  8. O clima está a aquecer o que é normal para quem faz do desporto um jogo sem regras.

    Isto é de parte a parte.

    Uns mataram um adepto leonino no final de um taça de Portugal e nada foi interrompido, há uns anos invadiram um jogo de juniores à pedrada e por pouco ia compensando. Se o SCP não tem recorrido dessa decisão (decisão da direcção do Bettencas) ainda eram penalizados por levar com pedras.

    O FCP tem feito de cada jogo um campo de batalha e começa a ser contestado. Recordo-me bem do Paulinho Santos, Jorge Coste, Emerson ou mais recentemente Bruno terem carta branca para dar porrada e acabarem épocas com somente um ou dois amarelos.

    Por isso estou farto de defender que o SCP tem de ser contra tudo e contra todos. Temos de fazer das tripas coração e ter guerreiros em campo e não copos de leite.
    Daí que o meu perfil de jogador seja um guerreiro que morre em campo em vez do artista. Daí que prefira o Capel ao Carrilho sempre.

    SL

  9. Contraplacado de aço chinês, revestido com liga de diamante e cornadura de boi manso. E não está a estalar, foi dinamitado e já não existe. E assim, já podemos respirar ar puro.

    Os gajos lá de cima devem pensar que o novo presidente se importa por suas excelências corruptas o deixarem de mão estendida. Na famosa escuta em que o bimbo-mor insulta o Paulinho, também se gaba de ter deixado o bettencas de mão estendida “à frente de toda a gente” ( ena, tão mau e adulto que ele é…). Aquilo deve ter perturbado tanto o cabeça-de-giz que não descansou enquanto não conseguiu reatar a relação pessoal ( aposto que, tal como o Godo, também tinha “muito respeito e admiração” pelo corrupto de Madelena City) com esse mafioso desgraçado. Para celebrar a reconciliação até lhe ofereceu o nosso capitão a preço de saldo. O bimbo-aprendiz Caldeira quis imitar o patrão.

    Estes protegidos do guarda-abel são doidos.

    É para partir tudo. Que vá tudo abaixo.

    PS- Poderão dizer, mas assim, com o Bruno de Carvalho a tratá-los como inimigos, no próximo ano vamos começar a ser roubados logo de início. Ao que eu pergunto: e já não seríamos roubados na mesma? Valeu-nos de alguma coisa a política dos bananas que antecederam o Bruno de Carvalho ? Claro que não. Desde que tivéssemos indícios de futebol promissor e hipóteses de sucesso, o sistema cortou-nos sempre as pernas atempadamente e/ou em momentos-chave. Por muito que esses gajos se dissessem e fingissem nossos amigos.

    • É isso mesmo roubados vamos ser sempre, ainda me lembro que há dois anos foi uma vergonha greves, gamanços e conluios para não haver castigos aos árbitros.

      No ano passado fomos afastados da taça e da Europa por arbitragens não esqueço as capeladas assim como o penalty do Paços e o penalty que dava a vitória no último minuto da eliminatória da taça.

      Temos medo de quê????????????????????

      Vamos partir tudo e cagar nestes gajos, também me lembro da época do Josic em que jogávamos muito e éramos roubados como nunca.

      Sem medo sempre.

      SL

  10. A nossa nova camisola vai ser aquela que o pasquim publica no site? É que se for, é nice. Faz lembrar a que vestimos há dois anos e que para mim foi a mais bonita da última década, no mínimo.

    • De andebol? Porra, não deves ter visto as conferências de imprensa e os flache interviús dos treinadores da bola nos últimos vinte anos. Até rasgar camisolas de sportinguistas serve…

  11. Vencemos uma Taça em Andebol, atenção que agora já ninguém nos pára, e os outros vão habituar-se às derrotas.
    Bruninho, calma, humildade, senão já parecemos as papoilas ali ao lado.

  12. a questao que levantas, Cherba, tem sido usa e abusa desde há muito, e nós olhamos à distancia para este enredo.e digo mais: nao participamos nestes enredos e com orgulho. uma coisa é o nosso Presidente fazer voz grossa e começar a por na ordem os miseraveis do futebol portugues (a começar pelos empresarios). Outra coisa é o clima de violencia gratuita que se assiste en jogos de miudos que devem encarar o desporto como uma escola de virtudes humanas e nao como tubo de ensaio de bullying.

    A diferença entre BdC e o novo Sporting para os lampioes e tripeiros, é a diferença entre o gorila que só precisa de dar um urro e um bando de chimpanzés que atiram fezes descontroladamante. Na selva, é assim. E há muito chimpanzé que já pensava que o machoalfa gorila estava adormecido para sempre.

    Cabe a nós tambem fazermos ouvir o nosso urro.

  13. OFF-TOPIC.

    Dêmos uma olhada a estes números:
    ________________________________________________________________________

    – 50 MILHÕES DE EUROS DE CLAUSULA DE RESCISÃO;

    – 900 MIL EUROS DE SALARIO NA PRIMEIRA EPOCA;

    – 2 MILHÕES DE EUROS DE VENCIMENTO EM 2013-2014;

    – 500 MIL EUROS PAGOS AO PSV EINDHOVEN POR DIREITOS DE FORMAÇÃO;

    – 35% DO PASSE;

    – 2017, ANO DE VALIDADE DO CONTRATO;

    – 27 JOGOS REALIZADOS;

    – 15 JOGOS COMO TITULAR;

    – 1.309 MINUTOS jogados

    – 3 golos.
    ________________________________________________________________________

    Estes numeros não são apenas o espelho duma GESTÃO DANOSA. É um exercício perfeito do mais ATROZ BULLYING, em que a VÍTIMA se chama Sporting Clube de Portugal. Por isso (e remetendo-me ao post do Cherba) não precisamos que os rivais nos atirem pedras ou persigam os nossos jogadores. Vai ser penoso sairmos desta masmorra a que nos submeteram.Não é justo para a atual direcção tentar ressuscitar um clube falido e moribundo que os outros, impunemente, condenaram.

    PS: já agora, e para quem ainda nao percebeu, os numeros de cima referem-se a Zakarias Labyad, um jovem promissor que nao precisou de carregar no acelerador porque viaja em 1ª classe, num lugar VIP que alguem lhe destinou, num avião que ameaça despenhar-se a qualquer momento.

    • Pergunta do Queijo…
      Quem é o responsável por este tipo de negócio?
      a) Godas Flopes;
      b) Carlos “manitas” Freitas;
      c) Luís “Barrigadas” Duque;
      d) O Boda;
      e) A Troika;
      f) O “IA”…

      Aceitam-se respostas a enviar para a Quinta da marinha, para uma certa moradia que cá sei… Que por estes dias o mais provável é estar fechada…

      • gostava de ver os responsaveis na barra de tribunal, por este e por muitos outros negocios ruinosos. seria um caso inedito em portugal: SPORTING vs GESTÃO DANOSA.

        Ai ai o que vem aí na Auditoria…! cheira-me que o benfica nao vai ser o campeao das capas de jornais neste defeso…

      • Tudo o que resulte em mandatos de prisão e expulsão de sócios esta de bom tamanho para mim… Mandato internacional! Com Interpol metida ao barulho e tudo…

        PRISA COM ESTA CANALHA!!!

  14. E o salário de 2,5 milhões do profeta Elias? Que vergonha.

    Contrariamente ao que foi noticiado, estamos a pagar metade do ordenado (80 mil balas/mês).

    • É o chamado profeta da desgraça… alheia!
      Só o vi a jogar bem em Paços de Ferreira e na Luz… na 1ª época… Depois? Escondeu-se… sumiu… se escafedeu!

  15. Este é um tema deveras interessante. Aqui vai o que penso:

    O facto de o nosso Presidente ter ficado de mão estendida perante o Capo Bastone (ou Consgliere, ainda não percebi bem o papel do caldeira na máfia azul) deve ser entendido como uma evolução no sentido da nossa reafirmação. Num passado não muito longínquo a mão seria apertada por entre gargalhadas, sorrisos e falsas palmadinhas nas costas. Ou esfregavam a mão com merda para depois se rirem da brincadeira. Não apertar a mão do nosso Presidente tem um significado muito claro e simples: Não gostam dele. E isso já é suficiente para mim, Quer dizer que alguma coisa boa está a ser feita.

    O peidoso, supra-sumo desta merda toda, está assustado. Muito assustado. Bruno de Carvalho representa tudo o que ele não é mas gostava ser: Antes de mais, é um presidente jovem. E quer queiramos quer não, a juventude é o “Santo Graal” para a terceira idade. O peidoso tem muita experiência do dirigismo, ganhou muita coisa e tal…mas provavelmente, o Bruno consegue passar uma noite inteira a aviar cartucho enquanto o bufas mal conseguirá metê-lo em pé. E isso é importante. Na velha luta de quem tem a piça maior, o Bruno provavelmente ganhará em tamanho e resistência. Depois, o discurso. Tirem lá a ironia ao velho e verão que não lhe resta mais nada. A forma pausada dele falar é fruto do medo constante em dizer merda e começa a ser enfadonho e repetitivo. O nosso Bruno não. É formado, fala bem e tem voz grossa. Depois, obviamente, a barba. O bufas por mais que quisesse, só conseguiria deixar crescer uns pentelhos no queixo. O nosso Bruno ostenta uma barba mais rija que o adamantium do Wolverine. Por fim, a calvície. Nem vale a pena aprofundar muito. Não conheço um gajo com cabelo que gostasse de ser careca e todos os carecas que eu conheço usam aquele produto japonês para ver se cresce alguma merda. E o nosso Bruno tem ali uma juba que o peidoso nunca terá nem nos seus melhores sonhos.

    São pequenos pormenores que assaltam o espírito do bufas. O gajo olha para o Bruno e vê ali a sua “versão honesta”. E como qualquer vigarista, sente-se ameaçado.

    • E já agora, ao nivel duma primeira dama… damos uns 50 – 0 de avanço!!!

      Foda-se… tou tão feliz por sentir que o Sporting voltou a ter quem mande… Estamos muito mais perto da Gloria!!!

      Não tenho a minima dúvida… E com um presidente que vibra como o vi vibrar nas conquistas das Taças de Futsal e Andebol… tenho a certeza que festejava da mesma forma se fosse ao chinquilho ou à bisca lambida!!!

  16. O último parágrafo devia ser o lema de nós todos, e o que ensinamos (e ensino!) aos nossos filhos. os leões do futuro.
    Porque é correcto, porque nunca devia deixar de ser verdade e está no genoma do Clube, e porque é mais que suficiente, até nos tempos de desilusão e derrota.

    E todos os que não se contentam com isso (e muitos parecem não se contentar…) deviam procurar satisfação noutras paragens.

    Porque, e mais uma vez acertaste “na mouche”, ISSO é que é Ser Sporting.

  17. Para além de maus jogadores formam maus seres humanos. Uma vergonha que tem que acabar no nosso MUNDO DO DESPORTO. Saber ganhar, saber perder…enfim..saber estar no DESPORTO é um valor muito importante. Pena que nao ensinem isso o suficiente nas academias….a nossa tb tem alguns exemplos de maus homens (montinhos e caneiras), apesar da maioria serem bons seres humanos.

  18. Do Reino dos Algarves, especialmente dedicado ao Bimbo Amorim (alto, loiro e de olhos azuis) , segue o sincero desejo que um enorme cacete de burro mediterrânico lhe entre pelo rabiosque e lhe preencha a mui nojenta e podre boca tripeira!!
    Passa pelo Algarve neste verão e serás recebido como uma loira nórdica…..

  19. Para esse tal Carlos Amorim, deixo-lhe este vídeo da emissão de ontem do Porco Canal:

    eh eh

    Pena, que duas das derrotas deles impliquem dois títulos para os lamps…

    SL

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s