A não notícia e a questão que levanta

Dier será trinco – Leonardo Jardim prepara jovem inglês para nova posição.
É desta forma, cheia de certezas, que o Record coloca o Sporting na capa da sua edição. Lá dentro, o mesmo de sempre: não há uma única declaração do treinador que sustente a chamada de capa e, a meio, os escrivães de serviço lá resolvem dizer que não está descartada a possibilidade de Dier ser utilizado a central.

Chouriços mal enchidos à parte, esta brincadeira acaba por levantar uma questão (ou recuperar uma velha): onde utilizar o inglês? Eu continuo a achar que o lugar dele é ao lado de Ilori, mesmo acreditando que as suas características físicas e técnicas lhe permitem jogar no meio-campo.

Anúncios

263 thoughts on “A não notícia e a questão que levanta

    • então o Jeffershon foi contratado para quê?

      Numa equipa de tesos como a nossa o Dier vai jogar onde for preciso, a central ou a trinco ou a médio centro. É um miúdo fantástico que joga bem em qualquer lado

    • mas adaptar a quê, Pirlo?!! foda-se voces falam como se o miudo passasse 30 anos a jogar como central! se é para adaptar é agora, não é aos 30, caralho!

    • O Dier não passou 30 anos como central, isso é um facto. Mas para quê queimar etapas na sua formação enquanto central, pondo-o a jogar em 2 ou 3 posições diferentes?

      A meu ver, isso só prejudica o seu crescimento. Em vez de ser ótimo numa posição, fica bom em duas. Eu sinceramente prefiro que ele seja ótimo a central.

    • Ainda não percebi essa ilusão com o Arias, é de quem não vê a equipa B, de certeza… O Arias não vale nada, e se quer sair porque não joga na equipa A quando nem sequer na B faz o suficiente para ser titular… Está apresentado, para mim…

      • Nem tanto ao mar nem tanto à terra. O Árias não é uma merda nem deve ser o titular. Se formos inyteligentes, e ele assim se esforçar, pode ter futuro. Para já… equipa B

      • Talvez não tenha visto muitos da equipa B, mas há 2 anos quando jogou pela A esteve sempre muito bem, e também via uns quantos jogos dos putos da Colômbia e quem se destacava era ele e o James…mas lá está, haverá também quem ache certamente o James uma merda ;)

  1. porque não ser considerado para o meio campo? como se viu resultou bem

    e se o rojo não sair, e o ilori ficar, eles os 2 como dupla já se estavam a entender bem, para alem disso em principio o jefferson foi contratado para titular do lado esquerdo.

    • confesso que me irrita um bocado estar com adaptações, tendo em conta que o Dier acabará por tapar o lugar, por exemplo, ao João Mário. Mas, provavelmente, o problema até começa com outra adaptação: a de Rojo

      • o rojo sempre disse que prefere jogar a central, na selecçao joga adaptado

        é semelhante ao dier, existe um treinador que percebeu que pode explorar melhor as suas características noutra posiçao

      • pronto, são opiniões. O Paulo Bento achava que o Djaló podia ser um número 10; eu jogava com o Dier a central e o Rojo à esquerda

      • Cherba,

        Mas desde quando é que Dier adaptado a trinco tira o lugar a João Mario?!E essa conversa do JM, desculpa lá, mas já me irrita.Voces já viram o Joao Mário jogar na primeira liga!? É que eu nunca vi! devo estar distraído! Como é que um jogador que ainda nao calçou, tu já o dás como titularíssimo no Sporting? Mas que garantias maiores é que o JM dá em detrimento do Dier?

        Lembrem-se do Salomão.Quando foi para o Sporting era a oitava maravilha da terra, agora é uma valente merda que nem merece claçar no Sporting. Porr, charba, decidam-se.

      • A defesa com Dier a central e Rojo na esquerda ficaria um osso duro de roer, mas o Jefferson foi comprado por alguma razão.

      • O Dier a trinco, tira é o lugar ao Rinaudo. E pode ser um novo Fernando. Também o acho melhor a trinco. Para jogar acima e assumir um 8 tem de ter a intensidade que já possui mas melhor jogo de pés e mais rapidez. Para isso já tenho dúvidas. Agora, um 6 que segure o meio-campo, acho-o perfeitamente capaz. E não me parece que faça a diferença, enquanto central, que pode fazer no meio-campo.

  2. Ele é claramente central, mas tem características que podem fazer dele um grande trinco. E depois há dois pormenores na minha opinião:
    – Como central ilori tem ainda mais potencial que Dier… na minha opinião vai ser central de topo mundial!
    – Continuo a achar que ao lado de um jovem temos que ter um central experiente.

    • sem dúvida: Ilori é muito mais central do que Dier porque é muito mais rápido!E concordo contigo. Tem que se contratar um central experiente para concorrer com o Rojo pelo lado esquerdo da posiçao de central. Ilori é titularissimo e vai ser dos melghores centrais do mundo.por isso é que tem que jogar uma epoca inteira a titular no Sporting. Eu apenas defendi que só sairia, só no caso de naã quisesse ficar, porque só faz falta que quer cá estar!

      • Central experiente para quê?!! André Cruz só houve 1… Tou farto de Bolos de Arroz…

        Ilori, Dier e Rojo têm estofo e classe suficiente para tomar conta da defesa.

        Preocupante é o ATAQUE, precisamos de 2 RReforços fodasss e não é de agora…
        já no tempo do Liedson se achava que com 1 ponta de lança apenas se era campeão em Portugal, vê-se…

        SL

      • Converge essa teoria é um bocado irrealista…tu dizes que o Ilory é mais central do que o Dier porque é mais rápido?acho que só isso não chega,cada um tem as suas qualidades,e é a mesma coisa dizeres que o Beto era mais central que o André Cruz…porque era mais rápido!Para mim o Dier é central e tem todas as condições para ser um grande central,assim como o Ilory se tiver mais concentração e não ter as suas paragens cerebrais,mas também é um miudo e está na altura disso mesmo!Temos nós todos de ter paciência…!a defesa por mim era Cedric,Ilory,Dier e Rojo,porque temos de ter calma com o Jefferson,não é a mesma coisa jogar num qualquer estoril desta vida,do que jogar no Sporting,a camisola pesa!

      • OK, koki, tu achas que a velocidade e a capacidade de antecipaçao não é essencial para um Central . Eu acho que é. Mas vou-te dizer uma coisa: poucas vezes vi o Dier jogar como Central. E sabes quantas vezes o vi jogar como Central no futebol senior? ZERO!

        Mas devolvo-te a pergunta, aliás pergunto a todos: Quantas vezes viram o Dier como Central no Futebol Senior?

      • Ainda jogou a central com o Estoril fora, salvo erro jogou a 2ª parte com o Braga (Vercauteren) em casa, e penso que ainda fez outro em casa, e lembro-me de ser ele a pegar na bola atrás e “dar sarrafadas” no jogo e a sair com classe para o ataque, dando claros sinais aos outros colegas que estavam todos ali pra jogar futebol de ataque e não para passinhos para trás e para os lados.
        Admiro-me até de haver um número considerável de comentários a “puxá-lo” para trinco, porque não me recordo de ele ter jogado melhor a meio-campo, aliás, ele até estava melhor que o Ilory na função..

  3. Pronto, Ilori + central experiente (Rojo???) + Dier a líbero, de vez em quando a subir e a partir aquela merda toda. E não se fala mais nisso! :-)

  4. Dier é daqueles que pode jogar em qualquer lado… lateral, central, estou convencido de que se lhe derem umas luvas, até senta o Boeck.
    A questão é que trincos há muitos (salvo seja), centrais de elevada categoria (para os pasrões actuais, em que o central tem que fazer mais que mandar charutos pró quintal do vizinho) são raros. Ele tem todas as qualidades exigidas a um central: rapidez, altura, técnica. Por isso…

  5. Na minha humilde opinião deveria ser unica e simplesmente central. Tem algumas boas caracteristicas para trinco ou mesmo 8, como posicionamento, garra, remate meia distância, etc., mas muito mais completo a central.

    Para que ter um bom trinco quando pudemos ter um excelente central?

  6. Sou pouco adepto de adaptações, mesmo que sejam bem sucedidas. Por uma razão muito simples, como acham que se sentiria, por exemplo, Zezinho que em princípio será o trinco suplente do Rinaudo? Quando se adapta um jogador está-se a mandar a mensagem de que as alternativas para o lugar não prestam.

    Obviamente que o interesse da equipa é soberano. Para haver uma adaptação, tem de ficar bem claro que com Dier a trinco somos realmente melhores do que com Rinaudo ou Zezinho. E eu não acho que isso seja verdade.

    Isso não invalida que em determinados jogos em que precisamos de segurar um resultado, se coloque o inglês nessa posição ao lado do Rinaudo. Em prol dos interesses da equipa para esse jogo.

    Essa notícia é um verdadeiro disparate. Primeiro, porque Fito é titularíssimo e o capitão de equipa. Segundo, porque não vejo como é que um jornal poderá saber algo que o próprio treinador ainda não saberá. Terceiro, porque já todos sabemos que as notícias do record são tentativas de mandar barro à parede porque já não têm acesso a informações da forma que tinham no passado.

  7. É uma boa questão, mas que ainda levanta outra…se realmente ele está pensado para jogar no meio campo quem vão ser os centrais do Sporting?

    Ilori e Rojo os titulares, isso parece-me claro, mas e depois? Não temos mais nenhum ou temos? Ou os dois centrias suplentes vão ser da equipa B?

    Enfim, contenção eu percebo, entrar no ridículo de ter 3 centrais com menos de 20 anos e o central “experiente” ter 23 parece-me estupidez.

    Se for para ir contratar centrais, então não valia mais pensar em Zezinho para fazer sombra ao Rinaudo, continuar com o Dier a central e gastar o dinheiro num PL?

    Ligeiramente off topic, li hoje que o Sporting só negoceia o Ilori pela clausula de rescisão, isto sim parece-me gestão com pés e cabeça. Por outro lado e para refletir no valor do RP, o barça oferece 23 M pelo Handanovic com 28 anos. Será que vale o dobro do Rui? Eu não acho

      • Uma coisa é preferir outra é o valor do jogador e para mim nunca na vida o Handanovic vale 23 M e o RP 10.

      • Não faço ideia nem me interessa, aliás, se foi muito caro então mais me ajudas. Estou a comparar o que acho que deve ser comparado, a qualidade e o futuro dos dois e nunca na vida o Handanovic vale mais do dobro do RP. É a minha opinião

    • por isso, Marco, o Sporting está no mercado para comprar um Central. Isto porque acredito que LJ continue a apostar no Rojo para Central, mas há que ter uma alternativa, até porque Rojo também pode ser alternativa mais do que válida ao Jefferson.

      • Ok percebo isso, não me parece é que se deva considerar uma prioridade, temos posições bem mais carenciadas

  8. God (Fito) is everywere…

    Por isso, Dier tem de ficar é lá atrás para levar uma piçadas do Boeck e ligar o radar e as anti-aéreas junto com o Ilori para varrer os “bombardeamento inimigos”… coisa que faz e MUITO BEM, este nosso Almirante!!!

      • não entendo esse deslumbramento pelo Rinaudo, que é muito inferior ao Fernando e ao Matic. O Porto até parece que vai apostar no André Leão. Será que não podemos ser mais humildes e ir buscar um jogador a um clube com menor dimensão (ainda me lembro do Marco Aurélio, que foi contratado ao Nacional; mas agora só queremos jogadores que saíram há pouco tempo dos júniores ou estrangeiros sem experiência no nosso campeonato, o que se traduziu na nossa pior época de sempre),

  9. Para variar mais uma não noticia, eles não sabem o que escrever, neste momento dentro do Sporting ninguém sabe o que se passa, felizmente!

    A casa tem de ser arrumada, com calma, ponderar bem todas as escolhas.

    Dier é central, só jogou noutras posições em situações muito especificas. É central e para ser titular sem dúvida. De invenções já estamos todos fartos, é colocar os jogadores onde rendem mais que não estamos em tempo de brincadeiras.

    Não quer dizer que num jogo ou outro não possa jogar noutra posição, não o faz com a mesma qualidade, mas é sempre competente, o que é importante no futebol moderno.

    • Acho vergonhosa a maneira leviana com que se anda a brincar com Deus Fito!
      Isto de colocar o Almirante a trinco é passar um atestado de incapacidade ao nosso omnipresente…

      É uma heresia, é o que é…

      Fito é trinco e tem mais que capacidade para jogar lá sem muletas… só tem de melhorar a vertente tactica que muitas vezes o desposiciona (sobretudo porque muitas vezes tinha de fazer as dele e as de outros)…

      In Fito we trust…

      • Também acho que as fases em que ele se desposicionava estavam muitas vezes ligadas à falta de capacidade dos jogadores da frente. Obviamente que tem de se conter e que aprender a comportar tacticamente, coisa que também não se aprende na Argentina, bem pelo contrário, é uma anarquia completa, e essa base ele só está agora a adquiri-la.

        Fito não dorme, está bem atento a quem pratica blasfémia e irá castigá-los sem dó nem piedade!

      • Espero que o Leo Jardim o consiga “formar” como daqueles trincos que saem a jogar e até começar a jogada ofensiva. Só tem de o conter lá no lugar dele e deixá-lo jogar como sabe. Eu quando vejo gente a criticar o Fito sem perceber realmente a sua capacidade de 1ª fase de construção fico um urso! E colocar um gajo ao lado dele é limitar-lhe a acção e fica um jogador banal… Fito precisa do seu Reino para poder reinar nele como bem sabe! Destroi jogadas adversárias como ninguém e sai a jogar limpinho, assim lhe dêem linhas de passe, claro. Quando as tem, é um luxo vê-lo jogar…. É divino! Não fosse ele… Fito!

        I’m a believer… in Fito i trust!

      • Se ele tiver gente competente à frente dele tenho a certeza que vai ser disciplinado tacticamente, como fez na ultima fase da época.

        Quantas vezes teve de ser ele o trinco, o box-to-box, o médio ofensivo, o extremo por apatia dos colegas de equipa? Claro que ele exagerou muitas vezes, mas também é ele que não tem medo de assumir as decisões, de carregar a equipa, um verdadeiro capitão!

        Fito is everywere!

      • Ricardo,

        O Fito é excelente como recuperador. Mas precisamos de mais. Precisamos dum trinco ofensivo, que se desdobre em funçoes ofensivas, não um gajo que se limite a passar para o lado. O Sporting não é o Gimnasia La Plata. O Jesualdo já tinha revelado essas limitaçoes táticas. Ou ele evolui nesse sentido ou começa a ter concorrencia seria.

      • Devo ser só eu que vejo o Fito a correr kms, desarmar adversários e começar a lançar jogo… e sim, ele muitas vezes jogava para os lado porque ninguém lhe abria linhas de passe… e muitas das criticas do seu desposicionamento eram à conta disso mesmo: Do muito pouco que os dois gajos à sua frente faziam…

        Fito, my opinion, é o melhor a destruir E (reforço… E) a entrar na primeira fase de construção de jogo… haja quem corra e se desmarque à sua frente… seja aqui ou na Argentina… um gajo não pode fazer tudo! Fito tenta… daí a alcunha de “Deus”… porque ele quer estar em todo lado… e muitas vezes está.

      • oh Converge, então ele é acusado de sair da posição dele para atacar e agora dizes que não ataca? há coisas do diabo!

      • exatamente, Fito! chegaste onde eu queria, vi muitas vezes o Fito a pegar na bola e tentar construir jogo porque mais ninguem o fazia. Porque nao havia ainda Andre Martins, porque o Labyad nunca se assumiu como tal, Adrien idem idem aspas aspas, e era muitas vezes (antes da porpria inclusao do Dier , já na epoca anterior era a mesma merda) o Rinaudo a fazer de playmaker,. O Rinaudo, santo deus! e depois o que acontecia: perdia a bola e ficava descompensado…

        tantas e tantas vezes vi esse filme. O Rinaudo não pode ser acusado pelo excesso de voluntarismo. Agora nao passa é a ter qualidades que não as tem!

      • Estou baralhado, dizes que precisamos de um trinco ofensivo, então mas o Rinaudo não é ofensivo?

        Raras foram as vezes que o Fito perdeu bolas, não é nenhum organizador de jogo é um facto, mas também não é nenhum “parvo” a fazer jogo…bons são os matics e os fernandos a fazer passes para o lado.

        O problema é mesmo de a equipa não funcionar, e de só 2 ou 3 jogadores não estarem apaticos.

        Ninguém é obrigado a gostar do Rinaudo, assim como de outros, mas quando se criticar que seja com sentido, como por exemplo dizer que ele muitas vezes faz pressão alta quando não é ele que tem de a fazer, e isso sim descompensa! o problema é sem bola, não é com bola!

      • mas ó Fito, um trinco ofensivo quer-se construtor de jogo. senao o que adianta ser ofensivo? ser ofensivo é pegar na bola e tentar entrar à força na baliza, sem tino, como vi tantas vezes o Rinaudo fazer?. O que faz o David Luiz ser o jogador que é, por exemplo? muitas vezes vejo-o na posiçao 6 a entrar no meio campo adversario, com tecnica, posse de bola e poder de choque e tantas vezes desiquilibra. Como o Matic, por exemplo.

        Aliás diga-se de passagem que a tua frase “…bons são os matics e os fernandos a fazer passes para o lado.” diz muito da tua avaliação daquilo que ´deve ser um trinco. se achas que Matic e fernando só fazem passes para o lado, entao metade dos grandes clubes da europa está enganada e tu é uqe estás correcto. Uma coisa é o Matic ser lampiao, outra coisa é eu nao reconhece-lo que é um trinco fabuloso, só porque me apetece…

        O Rinaudo é vitima das lacunas sectoriais da equipa, muito bem. Mas não faças dele o construtuor de jogo que nunca foi.

      • Para mim são os três distribuidores de jogo, a meu ver é a função deles para além da função de recuperação de bolas e dever de dar equilibrio a uma equipa.

        O matic e o fernando são dois grandes jogadores, o 1º na distribuição (ligação entre sectores) e o 2º na recuperação de bolas e equilibrio táctico. O matic é um jogador um tanto desequilibrado tácticamente, daí não perceber as criticas ao Rinaudo quando o matic, o david luiz, o khedira entre outros jogam da mesma forma e acham-nos excelentes!

        Mas um construtor de jogo não é um Xavi, um Iniesta, um Lampard, um Ozil, um Montolivo?
        Isso são para mim construtores, jogadores que têm mais liberdade para sair da rigidez tactica, a que está sujeito um trinco.

        Dos 3 trincos de Portugal, o Rinaudo é aquele que menos tempo tem de futebol europeu, que menos formação táctica tem, que joga numa equipa desequilibrada a quase todos os niveis, eu espero para ve-lo jogar quando tivermos a casa arrumada e jogadores competentes e esforçados, tenho a certeza que a ideia de muitas pessoas vai mudar.

      • Na minha opinião o rinaudo encosta este ano. Eu também sou um apreciador da sua garra, atitude, desarme e agressividade, no entanto, é factual que possui limitações graves ao nivel do posicionamento táctico (quer no processo defensivo, quer no ofensivo onde nao consegue assumir o papel de ancora/referencia ao nivel das coberturas ofensivas) e sobretudo ao nivel técnico (incrível a quantidade de passes falhados pelo argentino no decorrer de uma partida e ainda mais incrível que nao consiga fazer uma recepção em condições). Já sei que vão chover criticas ao meu comentário, mas é a minha opinião de sportinguista.

        Aconselho-vos a revisionista o jogo na mata real desta época, sintomático de muito do que referi sobre o jogador.

        SL

      • não entendo esse deslumbramento pelo Rinaudo, que é muito inferior ao Fernando e ao Matic. O Porto até parece que vai apostar no André Leão. Será que não podemos ser mais humildes e ir buscar um jogador a um clube com menor dimensão

      • São opiniões!

        Já disse aqui mais que uma vez que o André Leão é um grande jogador.

        Mas para quem queira um trinco ofensivo, o Leão não serve, só faz passes para trás e para o lado e não sabe entrar pelo meio campo adversário.

  10. Dier é central. Ponto final. De preferência com um central mais rápido ao lado, seja Rojo ou Ilory. Assim de repente, os 2 melhores centrais estrangeiros que vi jogar em Alvalade também não eram sprinters, longe disso, mas tinham o dom do posicionamento: Luisinho e André Cruz.

  11. Lá vamos nós outra vez, there go us other time …

    Do meu ponto de vista…of mine point of vist…

    ERIC DIER É…..IS…..!!!

    Central…!

    Sentrale…!

    Qendror…!

    Zentrale…!

    !…مركزي

    Կենտրոնական…!

    Mərkəzi…!

    কেন্দ্রীয়…!

    Цэнтральны…!

    Središnji…!

    Централен…!

    ಕೇಂದ್ರದ…!

    Centrální…!

    中央…!

    본부…!

    Santral…!

    Središnji…!

    Centrálne…!

    Srednja…!

    Centra…!

    Keskne…

    Keskeinen…!

    Centro…!

    Canolog…!

    ცენტრალური…!

    Κεντρικός…!

    કેન્દ્રીય…!

    המרכזי…!

    केंद्रीय…!

    Centraal…!

    Központi…!

    סענטראַל…!

    Pusat…!

    Lárnach…!

    Centrale…!

    セントラル…!

    Tengah…!

    ສູນ​ກາງ…!

    Centralis…!

    Galvenais…!

    Centrinis…!

    Централно…!

    Ċentrali…!

    केंद्रीय…!

    !…مرکزی

    Centralny…!

    Центральный…!

    Централни…!

    Kati…!

    ศูนย์กลาง…!

    மத்திய…!

    సెంట్రల్…!

    Merkezi…!

    Trung tâm…!

    Dier é Zhōngyāng…..Zhōngyāng…caralho…aralho…ralho…alho…lho…ho…o…!

  12. Para mim, de caras, é apostar no Dier a trinco. E nao tem nada a ver com estas putativas notícias do Record. Sem quaisquer dúvidas, seria essa a minha aposta. Tenho alimentado uma acesa discussao com o nsso amigo Leao à Solta sobre esta materia e insisto na ideia de que Eric Dier tem todas as caracteristicas para dar um fenomenal trinco, mais do que uma especie de 8, como foi usado pelo JF. e as minhas razões são:

    1 – A Dupla de Centrais está mais do que cimentada. Ilori e Rojo acabaram a epoca em grande E o facto de Rojo ser Lateral esquerdo na Argentina nao quer dizer nada, porque eles têm lá “apenas” o Garay e o Campanaro. E a formaçao de Rojo nas camadas jovens passou muito pelo posiçao de Central.

    2 – Dier tem 19 anos. Adaptar-se agora à posiçao de Trinco é a altura ideal. É muitas vezes comum no futebol, os centria adaptarem-se a+posiçoes mais adiantadas. Vejma o célebre caso do Bareis ou do Beckenbauer.

    3 – Para mim, a razao mais importante: Rinaudo precisa de concorrencia. E digo mais, se calhar neste momento vejo mais o Dier como titular a trinco do que Rinaudo. Rinaudo tem limitações. É um excelente recuperador de bolas (um dos melhores da atualidade) mas falta-lhe profunidade no seu futebol. Rinaudo raramente sobe de cabeça levantada e distribui. O futebol ofensivo começa precisamente aí. Na capacidade de recuperar a bola, mas logo de imedaito coloca-la com discernimento à frente. Penso que Dier faz isso muito melhor que Rinaudo

    4 – Dier não é tão lesto quanto Ilori e Rojo. Mas destroí melhor.Ora, aí está uma capacidade fundamental para um trinco.Dier pode ser o melhor apoio para Ilori e Rojo: É alto, bom de cabeça, e tem muito mais profundidade numa situaçao de contra ataque do que Rinaudo.

    5 – É certo que o Dier é sempre uma optima possiblidade para Central, mas como alternativa, nunca como nº1, porque não tem a rapidez de Ilori e Rojo. Sier é muito mais pesado, bom no confronto corpo a corpo mas os centrais querem-se rápidos. e bem posicionados na antecipaçao. Eric Dier é mais pesado, mas tem muito melhor visao de jogo do que Ilori e Rojo. Nao tenho dúvidas de que Ilori e Rojo a centrais com Dier como primeiro apoio dão muito mais segurança e fluidez ao nosso futebol.

    A minha dúvida será sempre: serão Dier e Rinaudo compativeis? Neste momento (e sei que o que vou dizer é polemico para a maior parte dos cacifeiros), via o Dier muito mais a titular do que o Rinaudo, na posiçao de trinco. Com o Dier a 6, e o Andre Santos (na saída do Schaars a 8), jogando o Andre Martins como 10,o nosso futebol ganhava muito mais profundidade e segurança.

    • se formos a ver no futebol moderno os trincos não são apenas aqueles jogadores que destroiem jogo, também já sabem jogar de cabeça levantada( é isso que se ve o matic fazer no benfica, o fernando no porto e mesmo lá fora) o dier acaba por ter essas características e tem a vantagem de poder ser ele quem transporta jogo caso seja preciso e tem uma rotação mais elevada, mais raça, mais entrega.

      falam do joao mario: ninguém questiona que tem bons pes, que coloca a bola onde quer, mas a critica que quem percebe de futebol lhe faz é que falta intensidade de jogo, ainda faz tudo muito em suplex.

      • nao podia estar mais de acordo contigo, rigaboss. há aqui no Cacifo uma série de mitos em relaçao aos nosso putos que eu não compreendo. Principalmente porque nestas idades a polivalencia e a capacidade de adptação estão ainda embrionárias.

        o exemplo perfeito que deste do Matic. Mas alguem tem dúvida de que o Benfica chegou onde chegou muito graças ao Matic e não fora o Artur teria ganho tudo o que havia para ganhar. Matic carrilou a equipa toda. Já o disse várias vezes: não basta um carregador de piano. O futebol moderno hoje em dia exige um carregador de piano que saiba tocar piano e que saiba dirigir a orquestra. Matic é isso. Fernando é isso. Moutinho (mais adiantado) é muito isso.Pirlo é isso. Dier pode ser isso.

        já Rinaudo…é apenas um excelente garregador de piano. Nada mais. Pode evoluir tecnicamente? Claro que sim. Mas Dier tem muita mais margem de trabalho.

      • o Moutinho dá a intensidade e a rotatividade a 8. o pirlo nem sequer é trinco( em italia são poucas as equipas que jogam com um trinco puro) o pirlo até podia sentar-se numa cadeira que metia a bola onde quisesse de olhos fechados, mas mesmo nas equipas inglesas nenhuma joga com um chamado trinco puro apenas para destruir.

        quanto aos 8 , os chamados box to box têm de ter capacidade física e intensidade para poderem ajudar nas 2 áreas.

        o rinaudo tem características apenas para destruir, alias até chegar o Jesualdo eram mais as vezes que ele deixava a sua zona desprotegida, do que as vezes que la estava.

        os jogadores da academia são bons, mas estão em idade em que ainda podem e devem ser moldados

      • Não concordo contigo Converge, actualmente em Portugal (e que se faz há anos no Ajax), a adaptação dos jogadores é feita desde muito cedo para que tenham a noção real do que é jogar noutras posições que não a “posição base”, o que ajuda o jogador a ser mais competente na sua posição e as tarefas dos colegas nas outras posições.

        Prova disso temos o próprio Dier que faz as laterais, meio-campo com competência mas a sua posição base é central.

        Temos outros, tais como o Esgaio, Ilory, Zezinho.

    • È certo que existem casos de sucesso em adaptações de jogadores. Mas esses são as excepções face à quantidade de tentativas efetuadas. Claro que dos casos de sucesso toda a gente se lembra; já dos fracassos, alguns se lembrarão de casos pontuais, ou porque lhes estão ligados directamente, ou pelo absurdo da tentativa. No entanto a % de sucesso é muito inferior à % de tentativas. Portanto, vir com casos de sucesso não prova pontos de vista.

      Alguém me explique o que difere o caso de Pepe, central de raiz, quando foi utilizado por Queirós na selecção a trinco, e este de Dier? Olha se Pepe tem apanhado o Queirós no Marítimo ou no Porto, teimando que o jogador dava um excelente trinco? Se calhar hoje tínhamos o Pepe trinco na Académica ou Setúbal, com todo o respeito, e não central mundialmente famoso no Real Madrid.
      È por demais evidente que as adaptações surgem de necessidades da equipe ou rasgo de visão e teimosia dos treinadores. No caso de Dier, isto não se aplica! O SCP necessita de mais um central de qualidade (ver o meu outro comentário para entender a minha opinião) porque de trincos está servido. Trincos de raiz, e não adaptações!Não faz sentido alguém durante a sua formação seguir um caminho, adquirir rotinas de uma determinada posição e depois, quando for a sério, ter de aprender tudo novamente num local diferente! Não faz sentido. Ainda mais no caso concreto de Dier, que tem, a meu ver, as condições ideais para ser o melhor central do Sporting no próximo ano! È talvez menos rápido? Sim, talvez…. mas lembram-se do Luisinho? Era lentinho….. mas o melhor! Parem de inventar o que já está inventado!

      SL

    • Concordo em absoluto, no entanto, o andre santos, depois da época que fez no Desportivo da Corunha, parte claramente em inferioridade perante outros candidatos (excluindo o scaars).

      A serio, fui só eu que vi os jogos da equipa B? Malta nao se deixem enganar pelo professor juju, o zezinho tem condições para jogar na nossa equipa e caso optemos pelo duplo pivô, é mesmo a melhor solução para jogar ao lado do Dier. O miúdo fez jogos do caralho na B e era na minha opinião o melhor jogador da equipa (atenção que vi muitos jogos da B ao vivo) ate subir à principal. Outro jogador que merecia pelo menos a pré época é o kikas que também fez uma época enorme!

      SL

    • Epa Converge,

      Percebes tanto de bola como eu de mandarim… Ou deja, NADA.

      Eric Dier será o futuro defesa central da Selecção Inglesa, mas queres inventar o quê??? A roda?

      Eric Dier tem que jogar no lugar que é dele, ou seja, CENTRAL!!!

  13. Aliás, temos ainda que pensar de outra forma. Se o Dier é para jogar a trinco só vejo duas realidades, ou vai ser suplente do Rinaudo, o que me parece maus para a sua evolução, ou vamos jogar com dois trincos, o que me parece mau a todos os níveis.

      • Pela mesma razão que Boeck suplente de RP, Rubio suplente de Ricky, Bolo de Arroz suplente de Ilori…uns são melhores do que outros e os melhores jogam e os outros sentam.

      • esse sofisma em que te baseias adequa-se ao Dier, um miudo de 19 anos? És assim tao assertivo e tao dogmático em relaçao a um miudo que leva apenas uma epoca de alta competiçao? E consideras assim tao fabuloso o Rinaudo como trinco que nem sequer penses na hipotese dele ter concorrencia forte?

      • Nem uma coisa nem outra, nem acho o Rinaudo assim tão bom nem considero o Dier um mau jogador. Aliás, até acho o Dier melhor jogador do que o Rinaudo mas a jogar a central. A trinco o Rinaudo é melhor e por isso acho que o Dier ia passar a maior parte da época no banco.

        Por outro lado, o que me parece fora da nossa realidade é jogar com os dois, porque se na minha opinião o Dier não é trinco (6) , 8 é que então nem pensar e por essa razão jogar com Dier e Rinaudo seria jogar com dois trincos.

  14. Custa-me a crer nesta noticia, LJ foi apresentado dois dias antes dos jogadores entrarem de férias, Dier está na selação, onde é que houve tempo para essa preparação? Só se for teorica no papel e isso a acontecer é muito grave! quer dizer que os Bufos ainda andam por Alvalade.

    • Baseado em quê, Sá? no teu vastíssimo conhecimento de futebol? na tua inabalável convicção de que Rinaudo é Deus na Terra…ou só porque sim…?

      • Por todas as razões e mais algumas (mas nenhuma das que enumeraste)

        1) Rinaudo é trinco. Dier “pode ser” trinco. Eu prefiro um gajo rotinado para o lugar em vez de uma adaptação. Mas isso sou eu, que sou estúpido ao ponto de achar que um central deve jogar à frente do GR e que um trinco deve jogar à frente da defesa.

        2) Rinaudo é melhor trinco do que Dier, tal como Dier é melhor central do que Rinaudo. A única vantagem que o Dier leva em relação ao Rinaudo é na saída de bola e na compleição física. Naquilo que é a função principal do trinco, que é recuperar bolas, Rinaudo está anos-luz à frente.

        3) Rinaudo é mais experiente. E numa posição tão importante como a de trinco, a experiência conta.

        4) Rinaudo é o capitão de equipa e para mim, o capitão de equipa é sempre titular

        Estás disposto a entregar a responsabilidade da titularidade e uma possibilidade em detrimento de alguém que já provou ser importantíssimo na equipa, como líder, como jogador e como homem? Assumes que o Dier será “o novo matic” sem sequer ter sido testado nessa posição e para isso estás disposto a mandar para o banco um jogador que já provou que é dos melhores que temos. Não preciso de ter “conhecimentos” vastíssimos de futebol. Basta-me ter olhos na cara e um bocado de bom-senso.

        Queres ver o que vale Dier como trinco? Muito bem. Nada contra. Mas daí a entregar-lhe a titularidade de mão beijada sem que ele prove nos treinos que é realmente melhor do que o Rinaudo, vai uma distância enorme.

      • Sá, não é entregar a titularidade de mão beijada a Dier nem sequer a de tirar a Rinaudo. Já o disse e repito: a minha tese (tao legitima como qualquer uma das vossas, penso) é a de que Rinaudo tem limitaçoes ofensivas, nao tem profundidade no seu futebol. É um excelente recuperador de bolas e é um excelente motivador da equipa, por isso é com toda a propriedade capitão. Quanto a isso, estou 100% de acordo. Deve continuar a ser um dos Capitães. Mas isso não faz dele uma prima Donna ou um insubstituível. Temos que saber superar as questoes emocionais e no Sporting há muitas: a nivel táctico e polivalente, a equipa tem lacunas: não tem ainda um verdadeiro nº10 (que eu espero que André Martins assuma em definitivo com Leonardo Jardim, e não tem um médio defensivo que carregue a equipa para a frente. repara: se tu tiveres uma especie de matic, libertas o Andre Martins para a posição de 10, em cunha, como apoio ao Ponta de Lança.E Eric Dier tem , para mi, todas as caracteritsicas para ssumir esse papel de trinco organizador , que seja a primeira peça de construçao do jogo de ataque.

    • Equaciona?!
      Espero que seja uma equação de primeira ordem!

      Oh Weeeee… Consegues resolver esta equação. Tu que és tu cá – tu lá com o Bom do Will (Good Will Hunting – o filme)…. pra ti é peanuts!

      • ______________________
        |^ ^ ^ ^ ^ ^ ^ ^ ^ ^ ^ ^ ^ ^ ^ ^ ||____
        | Last call for mr. zahavi…!!……..|||””‘|””\__,_
        | ____________________ l||__|__|__|)
        |(@)@)”””””””””””””’**|(@)(@)*****|(@)

  15. Enfim se será ou não, não sei. Ultimamente os jornais acertam muito no que se passa no scp (o que costumava ser factor de critica). Nunca critiquei JF por o meter a trinco, embora goste de o ver a central, e também não irei criticar LJ. Ao contrario de muitos, não sou um prodígio da tática e do treino e consigo compreender que os treinadores possam mais saber do assunto do que eu um simples adepto. Se LJ o fizer vai ser mais um que estará errado para muitos, eu direi que se for isso que ele vê durante os treinos ou o que pensa o mais provável é que esteja certo.

    • Rapaziada o Dier é um D/MC o que e optimo …se a meio dum jogo tiver de trocar de posiçao ira faze-lo…ah lembram-se cm ele se estreou? A Lateral direito….
      Para mim pouco importa se é a trinco se a central…é 1 profissional serio que da tudo o tem e isso para um jogo coletivo como e o futebol é o mais importante…

      PS: Só nao concordo com o endeusamento que se faz aqui de Rinaudo…é bom mas nao e nenhum Xabi Alonso, Gatuso, Makele…e nem sequer é o melhor a jogar em Portugal

  16. O Dier é central, ponto. Para trinco pode entrar o João Mário e até mesmo o Fokobo. Depois ainda há a opção Adrian que não é 10 mas no meio-campo ainda não se sabe bem o que é.
    Para mim o Léo tinha uma conversa com o gajo e dizia; “Rapaz, não és nenhum Balakov mas podes ser um Paulo Sousa. Por isso esquece lá isso de tentar ser 10 e acredita que se te aplicares podes ser excelente na tua posição – ultima chance!”

  17. Vai depender muito da tactica do Jardim. A posição de trinco é a mais importante no futebol moderno mas varia de treinador para treinador. No Olympiacos Leonardo Jardim utilizava sempre um trinco mais defensivo sempre posicionado um pouco a frente dos centrais. Se a ideia for a mesma acredito que utilize o Dier aí.

  18. O Dier é central e dos bons. Mas pode ser um otimo trinco, como já provou ser um otimo segundo homem de meio campo. Se Jefferson render o esperado, rojo e ilori continuam juntos ao meio (que bela dupla fzm) e dier fica a trinco(isto se não houver massa pa um super trinco). Se houver massa pa um trinco ele faz o duplo pivot de meio campo cm esse trinco. Se. jefferson n render bem, rojo encosta à esquerda e dier junta-se a ilori no meio. Tudo suposições e ideias… Acho msm q deviamos comprar apenas mais um trinco e um/2 pontas. http://palavrasaoposte.wordpress.com/2013/06/03/sporting-versao-20132014/

  19. Todos os artigos dos pasuins têm uma notícia…mas a possibilidade que ela não seja verdade. hehehe lindo. vai ser trinco (embora nem tenham começado a treinar e o Jardim não tenha dito nada sobre o assunto)mas…também pode ser central. foda-se estas noticias são absolutamente inúteis!

  20. Ainda, tenho noção, é muito cedo; mas isso torna o exercício ainda mais desafiante: O plantel (os tais 20 ou 21) para a próxima época + os B’s que andariam entre as duas equipes. A meu ver, claro está. Para além dos jogadores cuja saída é premente, construí esta análise sem Schaars, Capel e Oguchi. Jogadores que adoro, mas cuja continuidade é impossível.

    GK:
    Boeck: Não partilho infelizmente da onda de entusiasmo gerada à volta do nosso “Acrilic-Braker”. A meu ver, o facto de ser tão apaixonado pelo SCP, concede-lhe um capital de confiança que me parece ainda estar por provar. Concordo, no entanto, que seria ridículo não lhe dar oportunidade de provar as indicações dadas e de premiar a sua caminhada na sombra de Patricio. Até porque, com o dinheiro que há, qualquer outro que se contratasse seria uma incógnita ainda maior.
    Golas: O segundo que tem como missão dar luta e manter Boeck na linha, sendo alternativa credível em caso de necessidade. Para fazer isto, tem que ter, obrigatoriamente tempo de jogo. Taça da Liga e alguns jogos na B, quando os calendários o permitam, é a solução. Honestamente, desconheço se o valor que lhe reconhecem é suficiente. Mas, não será, com toda a certeza, inferior a Tiago que foi o nosso segundo tantos anos….

    DD:
    Arias: O principal candidato ao lugar, caso se deixe de disparates e coloque a sua cabeça apenas e só no SCP. È um óptimo jogador, embora por vezes se disperse tanto dentro como fora do campo. A aposta do ano anterior ao coloca-lo na B poderá dar frutos este ano. Embora eu continue a achar que tivesse feito falta nos A o ano passado.
    Cedric: Concorre com competência, se ficar, pelo lugar. Tem que crescer, tal como o resto do plantel, mas lutará taco a taco pela titularidade. A sua menor qualidade ofensiva, é a meu ver, o seu ponto menos forte e que eventualmente o fará perder o lugar para Arias. De resto é mais eficaz a defender do que o colombiano, pelo que poderá ser mais vezes opção nos jogos fora.

    DE:
    Jeferson: O único candidato válido para o lugar, caso Rojo seja transferido. Se jogar o que jogou no Estoril e com a mesma regularidade, estamos servidos. Preocupa-me no entanto o imenso espaço que dá nas costas devido à sua vocação atacante.
    Rojo: Penso que, é um jogador que teremos que fazer um esforço para manter. Poderá ser muitíssimo importante, tanto a central como a lateral esquerdo. Afinal é titular da Argentina e transmite algo que os outros jovens, ou pelo menos a grande maioria, ainda não atingiram: experiência internacional. O ano anterior, foi uma incógnita; este penso ser o ano da afirmação.

    DC:
    Dier: è central e ponto final. È esse o seu lugar e é ai que terá de se afirmar. Para mim, é titular de caras, sendo largamente superior a Ilori. Seria parvoíce, de novo, apostar nele para trinco. Dier terá sempre qualidades para ser um grande central e um trinco mediano.
    Ilori: O processo de renovação, aparentemente diferente do de Bruma, condicionará obrigatoriamente a sua temporada. Se ficar contrariado, não acredito que faça boa época. Se se desmarcar de Zahavi e assinar de livre vontade, com o objetivo de se valorizar, terá lugar de detaque garantido, porque qualidades tem de sobra.
    Rojo: Além do que já disse acima, o SCP terá sempre muito a lucrar com a luta Dier / Rojo / Ilori pela titularidade.
    Nuno Reis: Será o quarto central, a rodar entre As e Bs. Tem estofo para corresponder quando for chamado e mais ainda, para suprir a venda de um dos outros três centrais.
    Fokobo: Jogará mais na B do que na A. Ano de habituação e aprendisagem. Certeza daqui a dois anos.

    MD:
    Rinaudo: Será o patrão, fiel da balança e talvez jogador mais importante do SCP 2013/2014. Será ao seu toque que a equipe dançará. A garra, qualidade e disponibilidade que transmite ao plantel são inquestionáveis. Muito daquilo que será época do SCP, dependerá do seu rendimento desportivo.
    André Santos: Sabe jogar à bola. Ganhe André mais impetuosidade, perca o medo de meter o pé e arrisque mais no passe e não duvido que terá papel importante no plantel. Com André Santo em condições, não haverá necessidade de apostar em Dier para segundo trinco, e dai resultará o equilíbrio defensivo da equipa. Fará, a meu ver, muitos jogos esta época; entre titular e suplente utilizado.

    Zezinho: Rodará entre A e B. Também possui muita qualidade. Será chamado em caso de necessidade e falta de algum dos outros médios. O seu ano de afirmação será em 2014 / 2015. Parece-me tapado, neste momento.

    MC / MAC:

    André Martins: Tem lugar cativo. È um prodígio em crescimento. Acredito muito no André para este ano. Será ele o motor da equipe. O playmaker e organizador ofensivo da equipe. O funcionamento dos extremos depende largamente da sua visão de jogo e capacidade de passe, assim como a sua inteligência defensiva que é vital para o equilíbrio tatico da equipe em campo. Preocupa-me o facto de ser franzino. Deveria fazer ginásio para ganhar corpo, tornando-o mais capaz nos lances físicos de 1 para 1. Outro contra é que não aguenta fisicamente os 90 minutos.
    Adrien: Já não sei o que dizer deste jovem… não gosto dele. Não acrescenta nada à equipe. Mas será ele a alternativa a André Martins. Fraca alternativa, a meu ver….
    João Mário: Mais um diamante por explorar. 19 anos e 30 jogos a titular nos B do ano anterior. Inteligência pura a jogar. Polivalência e qualidade. A sua maturidade em campo altrapassa largamente os seus19 anos. Poderá ser a surpresa da época…. para quem não o conhece, obviamente.
    Labyad: Não sendo vital, seria muito importante segurar Labyad. Pelo seu potencial, pelas suas características, e pela necessidade que este tem de se afirmar depois da época passada. O ordenado é vital! Biaxe-se e será claramente uma mais valia. A 10 poderá ser muitíssimo importante na época que se apresenta. No entanto, a sua continuidade apresenta-se muitíssimo complicada….

    MAE / MAD

    Bruma: Uma das nossas grandes esperanças; uma das nossas grandes apostas; uma das nossas grandes certezas. Resolva-se esta parvoíce com o empresário de que forma for! Bruma tem que fazer parte do plantel para o próximo ano, dentro das nossas condições! Quem manda somos nós. È provavelmente o jogador do Sporting com mais potencial mediático e afetivo com os sócios. È aquilo que esperamos desde Nani, Ronaldo, Quaresma ou Simão antes da traição. O craque que parte tudo! E que saudades de ver um nosso “bébé” escaqueirar as defesas adeversárias. Isto é Bruma! È isto que espero dele!
    Carrilho: Tem este ano a sua derradeira oportunidade. Tem tudo o necessário para ser aquilo que penso que Bruma será. Há ali tanto, mas tanto de Nani. Assim ele queira. Em forma, é intocável no 11.
    Salomão: Cresceu em Corunha. Não é tão novo quanto se pensa (24 anos) e tem a sua derradeira oportunidade para se mostrar ao mais alto nível. Lampião, é certo. Será uma segunda linha que em forma, jogará bastante.
    Esgaio: Está demaisado verde. Mostrou-o o ano passado. A sua maturidade competitiva não se aproxima da de Bruma, por exemplo. Rodará entre A e B. Terá mais um / dois anos de aprendizagem.
    Pizzi: Justifica-se plenamente a sua contratação. Em primeiro lugar, porque Wilson Eduardo enquanto extremo é mediano; Esgaio ainda não tem o arcaboiço necessário; Labyad provavelmente sairá; o que torna Bruma Carrilho e Salomão manifestamente insuficientes. Tem qualidade para jogar neste Sporting. Assim o negócio seja vantajoso. Penso que rodará com Bruma e Carrilho na titularidade.

    Avançados:

    Wilson Eduardo: Não o considero sequer para jogar nas alas. Funciona melhor como um segundo avançado, frio na finalização, com um sentido de luta brutal e que se destaca nos grandes momentos. Merece, finalmente, uma oportunidade.
    Betinho: Já li tanto sobre este menino… que tem a mania que é vedeta, que nos B não mostrou nada….que só marca nos juniores… que não merecia ser convocado para o mundial. A verdade é só uma: é nosso, investimos na formação, tem potencial, tem qualidades e pode dar resultados sim! Esta época vai rodar, jogando mais nos B que nos A. Mas pode dar sim!
    Rubio: A meu ver é para emprestar a uma equipe da primeira liga.. Necessita de estaleca e de rotação. Como foi feito ao Wilson.

    2 Contratações: Há alguns posts atrás, divulguei uma lista de potenciais reforços, baseados nos seguintes critérios: Rácio de golos p\ jogo / Preço / Ligas em que jogaram. Ainda está a aguardar moderação por parte do Cherba. Penso que é fundamental o seguinte: 1 Jogador experiente, com provas dadas +1 jogador jovem com margem de crescimento mas que mostre já algum serviço. È aqui que terá que existir o maior investimento. Wolfswinkel faz tanta falta….

    SL

  21. Primeiro: não acredito na “notícia”.
    O plantel ainda não está estabilizado (entradas/saídas). Entre o que mais provavelmente pode acontecer estará a venda de um central (Llori e Rojo deverão ser dos jogadores com mais “mercado” no plantel).

    Segundo: esta história das adaptações cheira-me mal desde que vi o Carlos Xavier a jogar a defesa direito.
    Com as devidas adaptações: “ó Varane, és um defesa central do cara***, e poderás ser o melhor ou dos melhores do mundo durante os próximos 10 anos nessa posição; mas vou colocar-te a trinco porque acho que podes ser um bom trinco”. Faz algum sentido? Gajos como o Pepe rendem a trinco tanto como a Central? Claro que não!

    Posto isto, só num cenário em que o Llori e o Rojo ficam no plantel é que admito a possibilidade de o Dier poder jogar no meio-campo. Mas, neste caso, terá que optar-se entre o Dier e o Rinaudo porque os dois NÃO PODEM JOGAR JUNTOS! Não podem, não podem e não podem! Era o que mais faltava o SCP jogar (como o Juju fazia) com SEIS jogadores com funções eminentemente defensivas!!!

    Atenta a merda de temporada que o SCP acaba de fazer e a “revolução” no plantel em termos de entradas e saídas, o que é necessário é começar a definir o “esqueleto” titular para a próxima época, de forma a obter, o mais rapidamente possível, a coesão necessária (a este propósito, a falta de contratações – acredito que devidas à falta de vendas – começa a ser preocupante).

    O guarda-redes deverá ser o Marcelo. OK.
    A defesa (que contrariamente ao constantemente afirmado, não era lá essas coisas mesmo com Llori/Rojo) foi fortalecida na esquerda com o melhor defesa do campeonato, e o Cedric deverá cumprir na direita sem comprometer.
    Quanto aos defesas, a solução parece-me clara: vender ou Llori ou Rojo (ou o Rinaudo, se se pretender cometer a heresia de “deslocar” o Dier) para fazer alinhar quem ficar com o Dier. Naturalmente, deveria ser o Rojo a sair, uma vez que o Llori (mais rápido, joga em antecipação) e o Dier (mais combativo, mais poder de choque) complementam-se bem.
    O meio campo defensivo deverá contar apenas com UM jogador. Alguém cuja missão deverá ser (i) a recuperação de bolas (ii) iniciar o ataque. E não estou a ver o Dier a cumprir estas missões melhor do que o Rinaudo (que ainda por cima está muito rotinado na função).

    Não há que inventar. Nada de Dier a trinco. Nada de André Martins a nº 10. Não bastou a merda que o corredor central foi a época passada?

    SL

    • espera lá, que agora fiquei confuso:

      1.Aceitas a dupla Ilori / Rojo como centrais. dizes…” só num cenário em que o Llori e o Rojo ficam no plantel é que admito a possibilidade de o Dier poder jogar no meio-campo” ou seja, se Ilori e Rojo nao sairem, aceitas Dier como trinco, certo?

      2. depois, dizes que no meio campo defensivo, só um elemento. muito bem, concordo.

      3. Mas depois, acabas a dizer que ” Nada de Dier a trinco.” entao, em que é que ficamos?
      Nao achas que Dier e Rinaudo sao compativeis. eu tb acho que não, isso seria uma estrategia ridicularmente defensiva. Mas achas que Dier pode estar no meio campo com Ilori e Rojo a centrais. Entao, se nao for a trinco, fica onde? a extremo?

      4. Outra: achas que Andre Martins a 10, nunca! Entao, das duas uma: ou aceitas que joguemos sem nº10 (e terás sempre um 8 com tarefas defensivas, uma vez que só jogas com um trinco), ou então defendes que devemos ir buscar um nº10.

      Só tenho uma pergunta: partindo do principio que o medio que queremos ocntratar será o Pizzi, quem nesteplantel pode desempenhar a função de nº10, sem ser o Andre Martins?

      • Caro converge:

        1, 2 e 3- Se não se conseguir vender nem Llori nem Rojo, o SCP fica com 3 centrais que são bons activos e que há que valorizar.
        Pelo que têm que jogar os 3.
        Com o Jefferson a ocupar a esquerda, só restaria mover o Dier para a frente.

        Este não é o meu cenário mais desejável. Seria 1- Vender o Rojo e 2- Vender o Llori.
        Para mim, portanto, o IDEAL seria o Dier a central, com a venda de um dos outros.
        Caso tal não se consiga, e só aí, vejo a possibilidade de colocar o Dier a trinco. O que me parece estranho, atendendo a que (i) dos 3 ele é o melhor central (ii) não está rotinado nas funções de trinco, e ainda está para demonstrar que o Dier pode ser um BOM trinco.

        Quando digo “nada de Dier a trinco” pretendo dizer que seria apenas a ÚLTIMA solução. E arriscada.

        4- Primeiro, não acho que o André Martins tenha as características para ser um bom nº 10. Necessário mais drible, mais visão de jogo e, principalmente, melhor remate.
        Acho, isso sim, que se o SCP vai continuar a apostar em jogar com extremos (o que faz bem) necessita de um nº 10.
        Efectivamente não vejo no plantel quem possa desempenhar bem essas funções. Eventualmente o AM é o que mais se aproxima (se bem que já li algures quem ache que o Pizzi pode fazê-lo), mas não é a solução desejada (a meu ver). João Mário?

        SL

  22. A mim não me faz confusão nenhuma ver o nosso “Panzer inglês” a trinco, aliás o Dier é muito mais inteligente a jogar do que o Fito

  23. Tudo dependerá da dupla de centrais titular. Mas a trinco era uma boa opção, porque o Rinaudo, pese a sua garra, é limitado na fase de construção.

  24. Porque não adaptar o Dier a trinco?

    Fábio Coentrão de extremo passou para lateral, Miguel de extremo passou para lateral, Gareth Bale passou de lateral-esquerdo para extremo resultado desta adaptação marcou 21 golos no campeonato Inglês.

    Quem está todos os dias com os jogadores é o treinador por isso ele é que sabe qual é a melhor posição para o jogador. O Dier pode ser um bom central mas pode vir a ser um trinco muito melhor.

  25. Epa estamos a discutir putativas noticias do Record.

    Estamos na merda do defeso, aquela altura do ano de merda em que não há bola e todos os pintelhos parecem interessantes.

    Vou dar uma novidade Dier vai jogar a trinco quando o Rinaudo se lesionar ou for castigado, de resto será central.

    A noticia do Record reduz-se a isto Leonardo Jardim pensa para trinco Rinaudo e como substituto o Dier.

    Mais nada.

    SL

  26. Já aqui o disse noutro post: se o Ilori continuar permite-nos jogar com uma defesa mais adiantada e ganhar 10 ou 15 metros em campo, o que faz toda a diferença em termos de recuperação de bola e rapidez que ataque. Por isso mesmo a defesa deve ter os centrais mais rápidos que são, claramente, Ilori e Rojo.

  27. Julgo que neste momento o Dier está numa fase crucial, é agora que vamos definir o que ele vai ser, e estou certo de que se apostarmos na posição de trinco ele irá se sair tão bem como se apostarmos no Dier para central.

    A meu ver hoje é discussão desnecessária e que ao ser tão alimentada pode se vir a virar contra nós no futuro.

    Acho que estamos todos de acordo com a escolha de Leonardo Jardim, assim sendo deixem-no escolher e decidir. Ele irá tomar a decisão correcta e nós temos de apoiar.

  28. Por mais não noticias, um dos empresários do Rojo, a dizer que ele pode ir para o Inter por 5M e o Capel para o Atlético por 7M ou então menos, com o Pizzi incluido, ora andamos a criticar a anterior direcção port ter pago quase 9 ao atletico pelo Elias e iamos vender o Capel mais barato?

    • O Atlético quer o Capel começamos a falar a partir dos 15 milhões.

      Se o refugo encostado dos gajos vale 6,5 e 8,5 os nossos titulares têm de valer muito mais.

      SL

    • o que se fala Green, é que o Sporting quer 12M, mas está disposto a vender por 7M + o PIZZI. Ora isso seria um negocio do caralho (no bem sentido claro).

      e, aparentemente, é o que o LJ quer.

      • Se for assim assino por baixo.

        É um bom negócio, embora goste muito do Capel, temos de atentar ao seu salário.

        SL

      • Agora 5M por 25% do Rojo em ano antes do Mundial é de pensar, será que ele vai chegar aos 25 30M durante esta epoca ou %m será sempre o maximo aconseguir por 25%?

    • O capel custou quanto? 3M? Se for vendido por 7M, vindo o Pizzi, acho-o bem vendido. Menos que isso não. E as direções anteriores vendiam abaixo do que compravam. Neste caso, temos algum lucro e temos um novo extremo
      Na minha opinião, o Pizzi não é o supra-sumo mas cumpre e é tão bom como o Capel. Talvez mais lúcido na decisão mas com menos intensidade.

    • CENTRAL!!!!CENTRAL!!!!CENTRAL!!!!!!CENTRAL!!!!!!!CENTRAL!!!!!!!CENTRAL!!!!!!!CENTRAL!!!!!!!!CENTRAL!!!!!!!!CENTRAL!!!!!!!CENTRAL!!!!!!!!!CENTRAL!!!!!!!!

      (EU SEI QUE LEEM O CACIFO,PORTANTO DE CERTEZA ABSOLUTA QUE PERCEBEM O PONTO DE VISTA)

      • É um crime um central com enorme qualidade estar a perder-se numa posição,sejamos honestos,nem é a dele como é totalmente desconhecida até para o próprio jogador.
        Não passa nada,o meio campo ficou forte,mas PORRA o homem é defesa logo tem que defender bem,o resto é que nem mediano é,e essa é a pura realidade,existem bem melhores para essa função,portanto perde-se um enorme central(de central para central)……..

      • epá como eu sou um gajo nada casmurro, prometo que se o Dier fizer uma epoca inteira de sonho como Central ao lado do Ilori, pago uma rodada a todos os cacifeiros na roulotte da vossa preferencia.

        Viva o Sporting e o Cacifo, caralho!

  29. O Dier é central mas….quem vai para o banco?

    Ilory – se for o banco, vai amuar. não renova e sai por tuta e meia.
    Rojo – vamos deixar um titular da selecção argentina no banco, antes do mundial? péssimo desinvestimento!
    Dier – pois é…para ficar no banco, mais vale jogar no meio-campo. e sempre faz uns joguitos a central, quando alguém estiver lesionado ou castigado.

  30. Tenho poucas duvidas que o Dier vai ser médio defensivo daqui por diante. Centrais há a pontapé… Médios defensivos com aquelas características, nem por isso… Estamos a falar de um jogador super versátil e maduro, especialmente para a idade que tem. Poder de choque; estatura alta; pontapé canhão; disciplina táctica; leitura de jogo acima da média; qualidade de passe; capacidade para sair a jogar… Quantas mais características de médio defensivo querem? Depois temos a componente financeira…. Um bom central encaixamos 10 ou 15 milhões… Um bom trinco vale uma fortuna.

    Posto isto, tenho poucas duvidas onde vai jogar o Dier nos próximos anos…

    Vamos jogar com a dupla Ilori / Rojo, sendo certo que ainda deverá vir outro central para o plantel. Jefferson na esquerda, lugar que pode ser feito por Rojo em ultimo caso, e Cedric na direita, que é a zona da defesa que mais me preocupa.

    SL

    • Exato! por isso eu acho que um dos principais problemas da equipa (os outros têm a ver com a substituiçao capaz do Wolkswinkel e a assunção definitiva de Andre Martins a 10), tem a ver precisamente com a figura dum trinco moderno. E Dier tem tudo, mas tudo! para ser esse trinco. alguem com a disciplina tática que falas mas de cabeça levantada e peito cheio. alguem com voluntarsimo, tecnica, visao de jogo e velocidade, que pegue na bola e galgueie 20/30 metros. Lembram-se daquele passe de morte que ele fez para o Wolks quando jogámos contra o Porto em alvalade? É isso que se espera dum trinco fabuloso.

      Eu acho que as masi-valias de Dier a nivel ofensivo sao muito importantes para a contstruçao de jogo, mas tambem penso que as suas caracteristias fisicas (alto e bom jogo de cabeça) o coloquem entre Ilori e Rojo.Ele será o primeiro destruidor do jogo adversario e o primeiro construtor do jogo ofensivo.

      • Rinaudo a fazer aquilo que o Dier fez em Alvalade no jogo que falas. Apenas para dizer que Fito também tem lances desses. Não é motivo, mesmo a titulo exemplificativo, para justificar a opção de um sobre o outro.

        Abraço e SL

  31. O Dier a central ou trinco é um jogador do CARALHO, só o facto de estarmos aqui a debater a melhor posição para ele, e um sinal de que temos jogador.

    Só vejo vantagens neste dilema, qdo for preciso central lá estará como um muro de betão, qd for trinco vai partir e limpar tudo.

    Para mim, BRUMA e DIER são as jóias da coroa!

  32. Eu concordo em absoluto com o Converge. O Rinaudo é bom trinco mas é limitado a criar. E se há coisas em que pode mudar: melhor jogo de pés, passes longos e posicionamento nas dobras laterais, há outras em que não vai conseguir mudar. Falta-lhe físico para o lugar. Na maioria dos confrontos com médios box-to-box irá perder no confronto físico e só vai conseguir tirar a bola em falta. E não me venham com o argumento que ele tem de ganhar a posição antes. Esta merda não é basquetebol.
    É claro que ele tem excelentes índices de recuperação de bolas. Mas é porque ele está sempre em rotação alta. Sinceramente, acho que isso não é suficiente. E o Dier tira-lhe o lugar, sem grandes problemas.
    E defendo o Dier a médio por várias ordens de razões:
    1 – Acho que ele é melhor no meio-campo que a central, pelas suas características físicas (mais lento de rojo e ilori) e mas também características técnicas. Um central sai com a bola dominada, à Beckenbauer, quantas vezes por jogo? Três, quatro, sendo bom? Isso é um desperdício para um gajo como o Dier, que tem visão de jogo, passe de meia-distância e remate bons e drible no um contra um.
    2 – Um grande trinco vale sempre mais do que um grande central. E eu acho que é mais fácil ao Dier ser um grande trinco que um grande central.
    3 – Se precisássemos que ele fosse central, tudo bem. Mas, neste caso, acho que estamos servidos. E nesta equipa, um tipo a 6 como Dier iria dar segurança à defesa mas também a um meio-campo de meninos em que poucos têm intensidade defensiva, tirando o Adrien e o André Martins. André Martins, Schaars, Bruma, Capel, Labyad ou Carrillo não são conhecidos por serem extraordinários a recuperar bolas ou a pressionarem alto.
    4 – Finalmente, o futuro do Dier será a Premier League. Pensem no que é que nos dará mais dinheiro: um 6, que permite dar apoio a um duplo-pivot ou jogo mesmo sozinho? Ou um central?

    Converge, neste caso concordo em absoluto.
    E também irei chorar cada golo do nosso wolfs no Norwich. E sei que chorarei muito.

    • posso assinar por baixo, Ralph? :P

      quanto ao Wolkswinkel, ou muito me engano, ou daqui a 2/3 anos está num grande inglês.

      Ricky Van Wolkswinkel – o caso paradigmatico duma contratação fora de tempo: 2 anos antes.

      • Aliás neste momento o que me preocupa são os avançados.

        Pelos vistos o Wilson Eduardo vai voltar mas precisamos de um matador titular e em Portugal não estou a ver grandes avançados a custo baixo à excepção do Ghilas, esse dossier que tarda a ser fechado.

        SL

      • A minha fezada é que o gajo (ou gajos) já estão apalavrados e só estamos à espera da oficializaçao da venda o Patricio. e talvez venha do mercado latino -americano.

      • Oxalá caralho, não vejo dia de ver os pontas de lança com a verde e branca nova.

        Até agora só temos mais um defesa esquerdo, bom por sinal, mas é pouco.

        Não precisamos de médios precisamos sim de avançados como do pão para a boca.

        A minha maior critica para o VW no ano passado foi a quantidade de golos fáceis falhados mas sempre atribui isso à falta de concorrência para o lugar e à exaustão de estar sempre na frente sozinho. Não existe nenhum ponta de lança em nenhuma equipa profissional que jogue sempre. No entanto graças aos iluminados do SCP o VW esteve um ano inteiro sozinho na frente e sem ninguém para substituto.

        SL

      • Soromenho,

        Chucho Benitez, do America, ou Oribe Peralta, do Santos Laguna. O futebol mexicano está um filão do caralho e evoluiu imenso. Precisamos de um “Acosta”.

      • Eonde esta o guito para pagar a esses? Concordo que no México existe mtos jogadores fantásticos mas tb e verdade que se paga muito bem no México. N temos guito para os salários desses menino.

      • porra, Soromoenho, mas tem que ser por aí. Esta Direcçao tem que gastar, nao digo as fichas todas, mas um belo quinhao num PL que nao deixe dúvidas. Repara, o Chucho Benitez teve em 2012 um salario de cerca de 2.7 M USD, o que dá cerca de 1.9m€. Epá, o Labyad com 19 anos veio ganhar isso para cá. O Chucho tem 52 golos em 70 jogos no America e foi campeao mexicano.

        Nao podemos querer galinha gorda com pouco dinheiro. Se estão à espera de ter um avançado bom, experiente, que nao deixe dúvidas e quiserem pagar 700m por epoca, entao o melhor é irem à Moviflor e comprar uma poltrona bem confortável.

      • E o engraçado é qyue o Benitez na sua seleção nem é p PL titular, esse é um que passou por cá e nos desperdiçamos.

      • na minha opinião muitos sul-americanos só rendem no 2º ano, pelo que era preferível apostar num jogador com experiência no futebol português, como poderiam ser Ghilas (que já não deve vir), Néné, Bábá, ….

    • Até digo mais Ralph tomara o Man United o City, o Arsenal ou o Chelsea contarem com um médio/defesa do calibre do Dier.

      A serio, quando vejo o David Luís a titular do Chelsea como central e especialmente como trinco e olho para o Dier só penso como é possível que estes gajos ainda não tenham vindo a Lisboa buscar um verdadeiro jogador de classe mundial por 30 milhões.

      Sabendo que o Dier tem escola ao contrário do Sideshow Bob.

      SL

    • upsss…. era para ser aqui…..

      Caro Ralph Mead;
      Não e para ser do contra, mas não partilho em nada a tua opinião! Se me permites, vou-te dizer porquê:
      1 – Em primeira análise, não se trata para mim saber se o Dier é melhor que o Fito, ou vice-versa. Isso é partir de um pressuposto errado! O que para mim é realmente importante é se o Dier é melhor Defesa ou trinco. Independentemente de quem ocupar o lugar. Porque uma coisa, é o jogador e a sua apetência para a posição, outra a necessidade da equipa. E como expliquei noutro comentário neste mesmo post, de trincos estamos servidos.
      2 – O Dier, contrariando o mito instalado, não é um portento de técnica. Aliás, a esse nível é um jogador mediano! Não vejo essas características tão marcantes e tão prementes como tu. Se calhar, limitação minha, mas honestamente não vejo. Mas mesmo não sendo um tosco, preferes um central que saia a jogar ou o regresso do velho chuto para a frente como nos tempos de Polga com uma série de treinadores?
      3 – Para central o Dier tem: Sentido de posicionamento incomum; Capacidade de elevação, força, garra, tamanho, peso e personalidade. Não tem a velocidade de Rojo e Ilori? Não, não tem. Mas teria André Cruz, Valkx, Luisinho, Ricardo Rocha, Phill Babb, Marco Aurelio? Acho que não…
      4 – Quanto ao valor das transferências: David Luiz: 25M / Javi Garcia 20M. Este é um exemplo. http://pt.wikipedia.org/wiki/Anexo:Lista_das_transfer%C3%AAncias_mais_caras_do_futebol
      Vê aqui e vê quem aparece primeiro, se um central ou um trinco. Atenção que Mendieta não era um trinco….
      È apenas a minha opinião, e o porquê de não concordar contigo!
      Fora isso, um abraço e SL

      • Também era para ser aqui.

        Centrais do bico pro´ ar do que te foste lembrar.

        Medoooooooooooooooooooooooooooooooo!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

        Mais Polgas nããããããããããããããããããããããããããão!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

      • “O Dier não é um portento de técnica” – e o Rinaudo , é? repara, Chirola, nao comparemos o DIer com o Andre Cruz ou com o Babb, ou o Luisinho ou o Aurelio. Sao outros tempos, outro contexo, outras necessidades. na altura tambem nao me lembro de ver o Sporting com tantas outras alternativas para DC.

        A questão da técnica não é assim tãoimportante quanto isso. dou-te dois exemplos, o Matic e o proprio David Luiz. Muitas vezes vejo o DL a jogar como trinco ofensivo no chelsea. Ele não é nenhum portento de tecnica muitas vezes parece que se vai embrulhar todo e no entanto, tem fibra, carrila o jogo de equipa (e estamos a falar do Chelsea). No caso do Matic a mesma coisa. Para se ser trinco (apesar do Pirlo) não é indispensavel a qualidade tecnica. é muitomais importante ter poder de choque, velocidade e qualidade no passe.

      • Converge;
        Esse ponto foi apresentado porque em mais do que um comentário disse-se que um dos motivos pelo qual o Dier seria melhor trinco que o Fito é porque tinha melhor técnica! Não fui eu que puxei esse argumento. Até acho que isso é falso. Como não acho que o Dier tenha mais poder de choque e velocidade que Rinaudo. Muito pelo contrário! Até porque se dizem que ele é mais lento que Rojo e Ilori, mas é mais rápido que Rinaudo, parece que andámos a medir os tempos numa pista de atletismo….
        Relativamente aos centrais que falei, posso puxar exemplos mais recentes: Jap Stam; Rio Ferdinand; Vidic; Sammy Hyypia… todos estes compensam a falta de velocidade com as características do Dier: Sentido de posicionamento incomum; Capacidade de elevação, força, garra, tamanho, peso e personalidade! E são ou foram excelentes!

        Abraço e SL

      • SL. Eu não acho que, em termos técnicos, o Dier seja brilhante em relação Rinaudo. Até admito que aí o Fito seja melhor. Nisso e em recuperação de bolas. Mas é melhor ligeiramente. Agora, o Dier ganha claramente em físico, posicionamento, passe médio e remate. Em intensidade são iguais. E isso faz a diferença da equação entre os dois. Por isso, prefiro o Dier a titular em vez do Fito Rinaudo

  33. Vou ser chato. Para mim o Sporting só precisa (pode) de um bom ponta de lança. É aí que se devem apostar as fichas todas.

    No resto, estamos bem servidos!

    Quem está, está. Tem de estar e tem de entrar a 100%. Não se admite o contrário.

  34. Caro Ralph Mead;
    Não e para ser do contra, mas não partilho em nada a tua opinião! Se me permites, vou-te dizer porquê:

    1 – Em primeira análise, não se trata para mim saber se o Dier é melhor que o Fito, ou vice-versa. Isso é partir de um pressuposto errado! O que para mim é realmente importante é se o Dier é melhor Defesa ou trinco. Independentemente de quem ocupar o lugar. Porque uma coisa, é o jogador e a sua apetência para a posição, outra a necessidade da equipa. E como expliquei noutro comentário neste mesmo post, de trincos estamos servidos.

    2 – O Dier, contrariando o mito instalado, não é um portento de técnica. Aliás, a esse nível é um jogador mediano! Não vejo essas características tão marcantes e tão prementes como tu. Se calhar, limitação minha, mas honestamente não vejo. Mas mesmo não sendo um tosco, preferes um central que saia a jogar ou o regresso do velho chuto para a frente como nos tempos de Polga com uma série de treinadores?

    3 – Para central o Dier tem: Sentido de posicionamento incomum; Capacidade de elevação, força, garra, tamanho, peso e personalidade. Não tem a velocidade de Rojo e Ilori? Não, não tem. Mas teria André Cruz, Valkx, Luisinho, Ricardo Rocha, Phill Babb, Marco Aurelio? Acho que não…

    4 – Quanto ao valor das transferências: David Luiz: 25M / Javi Garcia 20M. Este é um exemplo. http://pt.wikipedia.org/wiki/Anexo:Lista_das_transfer%C3%AAncias_mais_caras_do_futebol
    Vê aqui e vê quem aparece primeiro, se um central ou um trinco. Atenção que Mendieta não era um trinco….

    È apenas a minha opinião, e o porquê de não concordar contigo!

    Fora isso, um abraço e SL

    • Centrais do bico pro´ ar do que te foste lembrar.

      Medoooooooooooooooooooooooooooooooo!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

      Mais Polgas nããããããããããããããããããããããããããão!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  35. Estou convencido que Dier até a avançado cumpriria a função…

    Foda-se, claro que ele joga bem a trinco ou a DD e essa polivalência é um grande trunfo no plantel mas a posição dele é a de central.
    O facto de ele poder jogar noutras posições é óptimo para o treinador mexer no jogo.

      • Sou eu, fiz o login mal…

        “mas a posição dele é a de central”

        Nunca disse que jogava mal noutras posições, o que digo, e volto a dizer, é que é um crime adaptar o Dier a trinco porque trata-se de um centralão daqueles! Terá uma carreira de topo a jogar a central, como trinco não sei se será bem assim.

  36. Converge,

    Concordo totalmente em gastar as fichas todas em “golos” mas a minha questao nao e o valaor da transferencia, e mais o salario. Das o exemplo do Labyad mas ele n vai ficar nessas condicoes.

    Se estamos a impor um novo tecto salarial tanto ORIBE como CHUCHO pedem milhoes e devem ter a perna clubes com melhor poder de compra.

    De qualquer modo ia busca-los ao aeroporto aos dois feliz da vida =)

    • Soromoenho, vou-te confessar uma coisa. o meu conhecimento de futebol internacional não é nem de perto nem de longe o suficiente para saber neste momento qual o (ou os) jogadores que poderiam ser alvos. nem sequer jogo FM para poder ter uma ideia (embora ái, as coisas sao relativas, porque inflaccionadas).

      Sei é que há mercados que está hiperinflaccionados, como o Argentino, o Brasileiro, O Holandês, e já nao falo dos resantes mercados do centro e sul da Europa. Agora, o que sei é que o mercado colombiano , o mexicano, o boliviano tem dado excelentes PL nos ultimos tempos.

      Apesar do contexto austero que vivemos, se há jogador em que temos que pagar a sério tem que ser o PL. e quando falo a serio, falo na ordem dos 7M/8M , ou mais! Quanto ao venciment, aceito que para o Chucho seja pouco pagar-lhe na ordem dos 1M, mas que raio, há.de haver muito PL interessante por essa America fora que queira vir para um historico euriopeu.

      Agora, digo-te uma coisa: prefiro aumentar um pouco o teto salarial (mse for um PL experiente, nao causará frisson no plantel) do que estar com emprestimos. Sou, por norma, contra a politica dos emprestimos, porque depois ficamos a ver navios.

      • Concordo plenamente com o que…

        Sou da opiniao que devemos gastar as fichas Nº9 e num Nº10 de classe superior…futebol sao golos e sem estes dois as probabilidades diminuem a olhos vistos.

        O facto de nao irmos a Europa e a diference em relacao aos rivais n passa despercebido as futuras contratacoes , o que torna a coisa mais dificl.

        Para alem dos mercados que referiste penso que o mercado Africano e Asiatico nada explorados pela Liga Portuguesa e tem potencial.

  37. E da dupla Lucas & Matheus que o Sporting acabou de contratar?

    O Matheus tem 15 anos e fez mais de 100 golos nas camadas jovens do Vasco. É tido como um craque.

    O Lucas é um defesa direito e tem 17 anos.

      • O puto já pôs uma foto dele com a camisola do SCP ao lado do Inácio na net. Vê na bola está lá a notícia.

      • O Lucas ou é craque ou terá bastantes problemas a chegar a titular do SCP… É que de DD estamos bem servidos e ainda temos o Mauro Riquicho nos sub 19 que me parece interessante. Preferia que o Lucas fosse DE.

      • Kun, também garantiste que o interesse no Rusescu era real e nada. Afinal esse vai é para o Sevilha.

      • iá, já vi. o engraçado é que aparece o miudo ao lado do inacio com a camisola e depois a Bola diz que “poderão” assinar. enfim..

        e entretanto o Liverpool nao larga o pé. agora quer o Patricio.

        se ele for para Inglaterra, já estou a ver as parangonas nos jornais: com as defesas fantasticas que vai fazer “St. Patricks Day: He´s not Irish, is Portuguese”!

        http://www.abola.pt/nnh/ver.aspx?id=408393

    • Clar que o Liverpool quer o Patricio, oferecem 8M pela primeira escolha deles que é um GR do sunderland e vão querer o Patricio, querem até podem querer por sse preço é que não o levam

  38. OFF TOPIC – ou está-se a fazer a um lugarzinho ou o gajo é mesmo do Sporting…

    http://www.record.xl.pt/hora_record/interior.aspx?content_id=827314

    Jorge Andrade, antigo internacional português, acredita que existe “muita qualidade” nos jovens do Sporting que já fazem parte do plantel principal.

    “Há jogadores de muita qualidade que chegam das escolas do Sporting. Estes meninos do vão dar cabo da cabeça a muitas equipas. Para o ano, o Sporting vai ser das melhores equipas do campeonato. Este ano, o desempenho não refletiu o seu verdadeiro valor”, afirmou Jorge Andrade na Hora Record na CM TV (canal 8 do Meo).

    Relativamente às mexidas no plantel, referiu que “seria importante” o central Tiago Llori ficar e deixou elogios a Pizzi, jogador do Atlético Madrid que esteve emprestado ao Deportivo da Corunha e que tem sido associado ao Sporting.

    “Pizzi é um jogador muito interessante. Este ano foi ele e mais 10 no Deportivo. A possibilidade de ingressar no Sporting por empréstimo seria interessante”, finalizou.

    • desejo ardentemente que Pizzi desça na Portela e venha para o nosso SCP. Vi varios jogos do Depor e é como o Jorge Andrade diz: o gajo é mais 10. muito mais significativo do que Bruno Gama.

  39. Esta história de renovar com o Nuno Dias antes do tempo para mim é que está mal calculada.

    Sinceramente, e não querendo agoirar, vejo euforia a mais em volta da equipa de futsal.
    Já se viu este ano a que caminho vai dar o excesso de confiança…

    Nem está em causa o trabalho do homem, que é um excelente profissional. Mas para mim esta renovação vem completamente fora de tempo.

    SL

    • Bem, green, seria uma tragédia do tamanho da muralha da China se não ganhássemos ao Benfica. Depois uma epoca arrasadora. foda-se….

      tambem nao se dizia que o JJ devia renovar antes do campeonato acabar?
      (eheheh…mau exemplo:P)

  40. Quanto ao Post, vou mais longe e dou já o meu onze 2012/2013:

    Boeck
    Cedric Ilori Dier Rojo Rinaudo JoãoM. Martins Bruma Carrillo Ghilas

    Segunda Linha:

    Golas
    Esgaio Contratação Tobias Jefferson Adrien Zezinho Labyad Pizzi Viola Etock

    Isto considerando que o restante orçamento seria apenas canalizado para a contratação de um central suplente…
    Aguardo por notícias relativas a entradas.

    SL

  41. O que era mesmo bom era mais ou menos isto:

    EM VENDAS:

    Bojinov, Onyewu, Pranicj, Boula = 500.000€ cada

    Jeffren = 4M€

    Capel = PIZZI+SILVIO

    Rui Patricio = 15M€

    M.Lopes + Gelson = 2.5M€ ( 2M o gelson , mlopes 500.000€)

    Schaars = 4M€

    Adrien = 3M€

    Viola = o fundo que o ca meteu que o leve.

    • Tenho a ‘impressão’ que o Adrien vai ser o melhor jogador do Sporting na táctica de Leonardo Jardim, logo é bom que fique… no final da próxima época vale muito mais de 10 milhões! Este ano não teve um único treinador que o soubesse rentabilizar… O resto é tudo para ‘aviar’ (salvo Patrício).

  42. Estou em convergência com o converge sobre a relevância de Dier a meio campo. Tanto em 4-3-3 como em 4-4-2 acho que pode coexistir com Rinaudo, jogando como vértice mais recuado e libertando o argentino para pressionar alto.
    Também me impressiona o Chucho Benitez mas tenho impressão que esse já pertence a outro campeonato (fala-se no Tottenham). A dificuldade em encontrar um avançado que seja uma pechincha prende-se com a frieza dos números. Faz-se uma pesquisa no transfermakt por avançados com mais de 15/20 golos nas primeiras ligas e entramos na bandeirada dos 8/10 milhões de euros.
    Talvez seja de baixar a fasquia e olhar para goleadores como um tal de Cacia, goleador do Verona que subiu este ano em Itália. Um avançado que marque golos em Itália nunca pode ser mau.

    SL

    • por isso é que não compreendo como pode o Ghilas ser caro, quando a sua cláusula de rescisão é de 3 milhões.
      pizzi, bruma e ghilas, e já não pedia mais nada no Natal!

  43. Central ou Médio?!?
    O LJ saberá… Confio nele! Força LJ!!!!

    O q sei:

    1) Dier é um grande jogador e, tudo o indica, um grande profissional! Gosto bastante!

    2) Dupla Ilori / Rojo revelou carências notórias no jogo AÉREO… Atenção!!!! Tenho dúvidas quanto à eficácia defensiva desta dupla!

    3) Acredito q o Rojo será um dos melhores LE do mundo… Em breve! Rinaudo tem carências tácticas q são gritantes!

    4) Precisamos, URGENTEMENTE, de 2 PL’s… Um experiente ( Denis) e outro com potencial (Ghilas)!

    5) Espero q o M Boeck seja tão bom como é apregoado no nosso Cacifo! Volto a reforçar q RP devia ficar mais 1 ano até pq vai haver o Brasil 2014!

    😜SL

  44. E continuamos a falar de batatas quando o que falta é a proteína (PL)…
    Já não acredito na vinda do Ghilas, e por isso os responsáveis do Sporting tem forçosamente de se mexer no mercado externo.
    Tentar um PL experiente mas já em final de carreira, ou apostar num jovem cheio de “potencial”, mas que na primeira contrariedade (falhar golos à Ricky) é crucificado pela plateia de Alvalade???
    Eu gostaria de ver as duas opções, ou como diria JJ “ambas as duas”, e penso que o mercado para o qual o Sporting terá de procurar soluções, seria o Sul-Americano para o tal PL experiente e o Africano, na busca de uma jovem promessa com enorme potencial e fisico (há muito que deixámos de ter esta opção)

  45. TOLADAS
    Puro jornalismo cervejeiro… Falta saber na ‘tola’ do jornalista, se a preparação está a ser feita via sms ou por skype. Há cada iluminado no jornalismo português… A história do Bebé tem contornos curiosos… E que tal vender o Patrício ao Manchester e ‘trazer’ o Anderson e o Bebé para Alvalade? O senhor da fruta ficava com uma ‘tolada’…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s