Fala, Leo Jardim!

«Queremos ter um grupo de vinte jogadores, que pode ir aos 22: 20 jogadores mais dois guarda-redes. Tendo, como já disse, por trás uma equipa B que nos vai permitir modificações e outras soluções ao longo da época. Em relação a esse grupo de vinte jogadores pouco posso dizer, o mercado está aberto, pode entrar mais alguém, há jogadores que podem ser excedentários, por isso é difícil falar de nomes, mas o objetivo está definido: vinte jogadores mais dois guarda-redes»

«Contamos com todos os jogadores que estão a trabalhar no plantel. Sabemos, porém, que o clube pode transferir alguns deles. O Rui Patrício é o guarda-redes titular da nossa seleção e pode sair até 31 de agosto. Como o Rui há mais jogadores, aliás. Mas temos sempre a esperança que eles fiquem e eu conto com o Rui Patrício.»

«O que posso dizer é que se o Bruma voltar ao Sporting, será bem recebido. Mas neste momento não posso alongar-me mais sobre esse caso.»

«Quando o Sporting procura jogadores define um perfil qualitativo, em termos de jogador e profissional e em termos económicos também. Não vamos falar do jogador A ou B, se ainda não está cá […] Quando vamos ao mercado temos de falar nestas três áreas e quando existem duas que preenchem requisitos, a área financeira por vezes não permite que isso se desenvolva. Temos de viver com o que somos»

«Jeffrén e Viola? São jogadores do plantel, que juntamente com outros ficaram na equipa B porque tínhamos de apresentar na Taça de Honra oito jogadores usados na época anterior. Ficaram cá e representaram bem o clube, porque vencemos a prova. Pertencem ao Sporting, e neste momento estão enquadrados na equipa B, porque existem alguns jogadores da equipa B que estão na A. Ao longo do ano esta alteração de equipas vai ser notória, porque o plantel vai ser extremamente curto»

«Faço um balanço positivo deste tempo de preparação. O primeiro objetivo era avaliar o plantel, temos 12 jogadores que transitam do plantel anterior, temos seis que regressam de empréstimos e temos mais meia-dúzia que subiram da equipa B. Fizemos essa análise, criámos identificação das ideias de jogo e trabalhámos a base técnico-tática do que será a equipa, por isso faço um balanço positivo […] A base parte do 4x3x3, mas mais importante do que se falar em 4x3x3 ou 4x4x2 é ter um modelo que capaz de criar dinâmicas, para se potencializar ao máximo as características dos nossos jogadores e também os da B»

«Tenho 38 anos e vi o Sporting ser campeão quatro vezes. Nos últimos quatro anos o Sporting esteve uma vez no pódio. Não me preocupa o que vamos atingir, estou mais interessado no processo que vamos desenvolver […] Os adeptos do Sporting já o são há alguns anos e sabem que era mais fácil estar aqui a iludi-los com um objetivo que, porventura, podíamos não conseguir. Eles sabem que o clube vive um momento de dificuldade a todos os níveis, como é publico. Teve de reestrutrar-se o futebol e vamos trabalhar para sedimentar a equipa e partir num pressuposto crescente, para formar bases para um futuro promissor.

Anúncios

161 thoughts on “Fala, Leo Jardim!

  1. Fala, e fala muito bem!

    – objectivo, concreto, ambicioso, realista, frontal, racional e metódico.

    Nao tem medo de falar abertamente sobre a estrutura tática do clube, sobre a estrategia face aos jogadores e sobre a situaçao atuial do clube.

    Das muitas frases que a CS destacou, principalmente a “polémica” (ou talvez nao) frase sobre o Bruma (perfeitamente compreensivel e aceitável), destaco uma: “Temos de viver com o que somos».

    Temos de viver com o que “SOMOS”, não com o que temos. Não é um lapsus linguae . é uma afirmação da nossa identidade!

    O Sporting É MAIS SPORTING com Leonardo Jardim, o nosso melhor reforço dos últimos anos.

  2. “Os adeptos do Sporting já o são há alguns anos e sabem que era mais fácil estar aqui a iludi-los com um objetivo que, porventura, podíamos não conseguir. Eles sabem que o clube vive um momento de dificuldade a todos os níveis, como é publico. Teve de reestrutrar-se o futebol e vamos trabalhar para sedimentar a equipa e partir num pressuposto crescente, para formar bases para um futuro promissor.”

    Clap, clap, clap!!! Nem mais, grande Lionheart!

      • Completamente. Acho isso uma lufada de ar fresco, que me faz sentir muito orgulhoso. É por isso que acho uma piada àqueles que insistem em comparar o presente com o passado recente, como se isso não implicasse comparar factos com (des)ilusões e fantasias.

        Força Sporting, iremos, passo a passo, a cada decisão, a cada discurso recuperar aquilo que nos pertence: Esforço, Dedicação, Devoção e GLÓRIA!

  3. OK, se o plantel A fôr de 20 jogadores sem contar c/ GR já concebo a contratação de Welder de modo a ter 8 defesas.
    O plantel deve ficar algo como:
    2GR
    4 centrais
    4 Laterais
    5 Médios centro (1 trinco puro, 1 box-to-box, 1 play-maker e 2 intermédios p/ dar alguma flexibilidade)
    4 extremos
    3 avançados

    continuo a achar q p/ cerca de 35 jogos a sério q terá a época inteira chegavam 18 tendo em conta a “almofada” da equipa B p/ qq eventualidade. De qq modo compreendo a decisão pq será certamente um plantel muito jovem, ou seja ainda c/ um grande grau de incerteza qt à sua rentabilidade.

    • Vejo uma certa logica na tua interpretacao, tendo em conta as recentes declaracoes dos treinadores Leo e Abel… um plantel principal curto com solucoes na equipa B. Se levarmos em linha de conta aquilo que Abel disse em relacao a equipa B e seus objectivos verificamos que nao existe o problema de arriscar desfalcar a mesma pois ha sempre o recurso ao plantel U19 e o objectivo da B nao passa por ganhar titulos mas sim fazer a transicao entre formacao e equipa principal. Estou confiante, o Sporting precisava de trabalho de base e qualquer um ve que esse trabalho esta a ser feito!

      • Concordo, acrescento apenas, o objectivo da B não é ganhar competições, objectivo da B é ganhar o jogo seguinte!

      • Não, o objectivo da B é preparar os craques q já não são juniores p/ poderem vir a ser alternativas válidas p/ a equipa principal. Recordo q se a equipa B ganhar a 2a liga não é promovida. Os resultados da B interessam pouco. O q interessa é os putos crescerem e serem capazes de competir numa liga profissional c/ jogadores experientes. O q interessa é eles estarem preparados p/ entrarem na A a qq momento.

      • Sim Rugido o que disseste está correcto,mas o que o Pumba disse também está do correcto,temos de pensar em ganhar sempre o próximo jogo,cultura de vitória é sempre necessário,seja em infantis,seja em juniores,na b ou na A,pouco interessa,por isso ambos estavam certos!

        SL

  4. De destacar que é das primeiras vezes que o jardim fala! Parece-me que este ano vai haver uma grande rotação com a equipa b o que é muito bom para jogadores como o esgaio e o joão mário que vão ter minutos.

  5. gosto muito do discurso mas gosto mais do trabalho. acho que é de facto um excelente treinador, metódico e com experiência. foi uma boa escolha.

    no que concerne ao plantel, gostava que não mexessem mais. por mim nem o maurício tinha entrado. e ficava só com 20 jogadores e não 20 mais 2 GR.

    não quero nem gerson magrao nem luiz antônio. creio que temos valor no plantel que finalmente, porque finalmente tem um treinador, pode mostrar o seu trabalho.

    continuo com a minha opinião, um LE e dois PL era o que bastava! tudo o resto só se houvesse saídas.

    SL

    • É assim: se o Sporting comprou o Maurício é porque alguém achou que valia a pena. E esse alguém inclui pelo menos o Inácio, o BdC e o Leonardo Jardim (porque nao acho que ele nao tenha avalizado todas as contratacoes).

      Contratacoes de baixo risco nao vejo drama nenhum. O valor da transferencia é baixo, o salário também deve ser baixinho (duvido que um Maurício ganhe mais do que Esgaio ou o Joao Mário) e portanto nao vai criar ondas no plantel. Tendo em conta que se a coisa nao correr bem, é muito fácil de despachar: jogadores com salários de 150-200 k por ano (brutos) encaixam facilmente em qualquer Marítimo ou Guimaraes ou, em última análise, regressam facilmente ao Brasil.

      Trocar um Arias que auferia 600k brutos e que seria suplente do Cédric por um Welder emprestado em que pagamos talvez 50% do salário é, financeiramente, uma medida excelente. EXCELENTE. E nao deixa os miúdos da formacao como única alternativa decente para as posicoes. Idem para o Schaars (que é quem penso que o médio que propaladamente se procura virá substituir no plantel).

      Até as pessoas perceberem que é preciso
      (a) reduzir custos
      (b) reduzir custos
      (c) reduzir custos
      (d) assegurar opcoes mínimas aos jovens da formacao nas posicoes chave do plantel

      vamos continuar todos alegremente a criticar a política de contratacoes do Sporting.

      • Petinga. para mim até ao momento só mesmo o Mauricio é criticável. nunca o achei grande espingarda. contratações de baixo risco? sim, concordo em absoluto. esta era mesmo desnecessária. e nem se trata de criticar a politica de contratações. mas tb não sou daqueles que pensam que tudo o que esta direcção fizer vai ser perfeito. não acho o mauricio em nada superior ao Nuno Reis. pronto.

        em relação ao welder, nada a dizer. “continuo com a minha opinião, um LE e dois PL era o que bastava! tudo o resto só se houvesse saídas.” houve a saída do Arias, colmatou-se com a entrada do welder. gerson e luiz antonio? só mesmo se alguem saisse. não é pelo risco que a contratação acarreta, é pela necessidade. acho que não vêm acrescentar nada de mais.

        SL

      • tiago
        mas preferes ter o mauricio que tu nao achas grande coisa sentado no banco da A ou o Nuno Reis??enquanto se Mauricio nao for O central que ganhe o lugar na A o Nuno jogara e evoluira na B, e nao estagna…e que provavelmente ganhara o mesmo ou ate mais do que o Mauricio, nao esquecer que este scontratos veem do passado…

      • preferia ter 3 centrais e 4 na B. mas mesmo tendo 4 na A o mais provavel seria só convocar 3, um poderia sempre jogar na B.

        SL

      • Bom comentário Petinga.

        A verdade é que todos sofremos do mesmo que aqueles que compram jornais desportivos, na ansia de ver uma novidade que cure as maleitas…

        Mas é preciso ter calma. Nao há razao para duvidar das competencias desta equi[a dirigente e técnica, por isso tenham calma.

        Toda a gente aqui manda bitaites, com a legitimidade que qualquer adepto tem, mas nao se esquecam que quem lá está sao pessoas com experiencia, treino e qualificacoes que sao mil vezes mais habilitados que nós demais. É assim em qualquer profissao e eu fartar-me-ia de rir a ver o Leonardo Jardim a fazer o meu trabalho assim de repente…

        Por isso, relaxai, e vamos ver o que acontece.

      • Tiago,

        Sem querer entrar em discussao por causa de jogadores que só sao do Sporting para o jornal A Bola (amanha escrevem que “afinal o negocio nao se concretizou” e entretanto já tu perdeste o sono a pensar no Magrao e no Luiz nao sei quantos) – nao te esquecas que saiu o Schaars.

        Maurício:
        Lá está, sao opcoes de gestao. Tu achas que nao devia ter sido contratado. Eu dou o benefício da dúvida.
        Se por um acaso ele se revelar um jogador do caralho e pegar de estaca a titular para sair no final da época por 7 ou 8 milhoes, ganhou o Sporting. Se for uma merda e permitir a ascencao definitiva do Dier ou do Nuno Reis (sobre o qual tenho mais dúvidas que certezas), ganha o Sporting e nao tenhas problemas que ele nunca será um peso-morto como o Onyewu (que até prometia bastante mais à chegada), porque (a) nao deve ganhar quase nada e (b) é sempre facil de recambiar.
        O óbvio aqui: NENHUM jovem da formacao terá quaisquer dificuldades em atropelar estes reforcos e lhes gamar os lugares na equipa A se eles nao forem bons. O que é diferente de lhes entregares os lugares de bandeja (a meu ver).

    • Petinga, também é verdade, há uma série de jogadores que só são do Sporting pelos jornais, quase que para depois dizer que afinal o Sporting não teve condições ou para ir para o carnide dizer que nunca teve duvidas etc etc etc.

      de facto saiu o Schaars. mas o Schaars nunca entrou (para mim) na equação. jogadores até aos 25 anos para mim são de manter. o Schaars já ia nos 29, só com mais um ano de contrato. ou era agora ou não era.

      em tudo o resto concordo que são opções de quem está lá e de quem tem a responsabilidade de decidir.

      no entanto volto a dizer, acho esta equipa dirigente muito mais séria e competente que as últimas que por lá passaram. mas não me peçam para concordar cegamente com tudo.

      portugueezza, não se trata de acreditar em tudo o que vem nos jornais desportivos que nem os leio nem os compro. trata-se de saber a gravidade da situação do clube, e, por isso, ter na minha ideia que esta época deveria ser plantel de 20 jogadores, mantendo dos estrangeiros só aqueles que estivessem abaixo dos 25 anos e apostando fortemente na “prata da casa”, colmatando só as necessidades preementes de 1DE e 2PL.

      SL

      • @ Tiago – no offence, dude, nao me referia a ti; apenas generalizei.

        @ Petinga – gosto da idéia de os leozinhos terem a motivacao e a capacidade de atropelar os reforcos. Só lhe faz bem os reforcos lá estarem!

      • jogadores que tinham sido treinados por ele e que já tinham mostrado muito potencial..acho que é um pouco diferente de ser dispensado do figueirense!!

      • não se trata de preferir..eu preferia que não viessem. não se gastava dinheiro. toda a gente tece loas ao João Mário mas depois vem um gerson e acenam-nos com os bojinovs ou pranjic…a malta por não gostar do gerson não quer dizer que tenha gostado da trampa que foi feita antes.

      • Mas nao podemos jogar só com jovens, temos que apostar noutros mercados, é assim tao elevado o risco nesses jogadores que se tem falado? Vêm ganhar milhoes por ano?? (mais uma referencia da minha parte a bojinovs e pranjics…)

      • não sei mas acho que não. mas aqui trata-se de querer-mos sol na eira e chuva no nabal. queremos por exemplo que o João Mário suba rapidamente à primeira, mas queremos ao mesmo tempo que venha um gerson ou um luiz antônio precisamente para o seu lugar. só isso.

      • Tiago

        Acho que a nossa diferenca está num ponto subtil:

        Queremos que o Joao Mário suba rapidamente à equipa A? Queremos.

        Queremos que ele tenha o lugar entregue de bandeja, por “default”? Nao.

        Queremos ir buscar um Iniesta para lhe tapar o lugar? Se tivessemos os recursos talvez, mas nao seria a melhor maneira de ele “subir rapidamente à primeira”, por isso…. nao.

        Queremos ir buscar um jogador de baixo custo que também tenha potencial mas que em absoluto seja ultrapassável pelo Joao Mário AO SEU MELHOR NÌVEL DE DESENVOLVIMENTO? Sim.

        Eu vejo isto como Win-Win situation. Se o Joao Mário for só rodriguinhos e fintas lindas nos jogos da Taca de Honra (coisa que muito me surpreenderia) mas depois fizer ronha durante a temporada, temos cá um jogador mais sénior que cumpre os mínimos para lhe poder tirar o lugar. Se o Joao Mário confirmar o potencial do caralho que tem (que eu acho que vai acontecer), o outro vai sentar-se no banco muitas vezes… Um gajo contratado de fora por menos de 300k no Sporting actual, para mim, é um jogador para completar posicoes no plantel e que se arrisca a ser suplente de um miúdo (com a ressalva: nao vem a ganhar 10 vezes o que ganha o miúdo, mas sim quase o mesmo!!).

      • Só mais uma coisa: o que eu penso que o Sporting está a fazer é também moralizar a sua estrutura salarial. Nao é bom teres um Pranjic que mal consegue marcar um penalti na final da Taca de Honra mas que ganha 8 ou 9 vezes o salário do Joao Mário que se farta de dar bigodes aos jogadores do Benfas durante 90 minutos. Nem esse Pranjic é um bom suplente para o miúdo, nem o miúdo vai jogar contente e satisfeito no lugar do outro sabendo que ganha muito menos que ele.

        O Maurício dificilmente ganha mais de 250k brutos por ano (minha estimativa). O Ilori provavelmente anda a pedir mais do dobro disso para renovar. Porque o Rojo deve ganhar praí 1M brutos por ano e o Ilori já percebeu que a dupla de centrais é ele mais o argentino, portanto quer ganhar o mesmo que ele. E eu nao posso criticar demasiado, porque a moralidade na estrutura salarial acaba por dar alguma (só alguma) razao ao Ilori.

        O Schaars ganhava 1.4M brutos ou o que era. Se o Joao Mário tiver subido para uns 400k brutos já é muito bom. Como é que mantinhas estes dois no plantel ao mesmo tempo? Mas como é que manténs concorrencia no plantel para o Joao Mário? E como é que podes ter o Schaars a suplente do Joao Mário mas com aquele peso em termos de salários? Solucao: encontra um gajo bonzinho, descoberto pela prospeccao, que seja barato em termos de passe e que nao ganhe mais de 300k brutos. E tens o teu equilíbrio restabelecido no plantel.

    • Gerson Magrão é mais um jogador que não brinca nas selecções que se valoriza.

      Este é mais um argumento que se enquadra na minha teoria.

      • É pá não deixas escapar uma! Fantástico!
        Com tantos argumentos, a tua teoria está completamente irrefutável

      • EM 38 ANOS O ZMERDING SÓ FOI 4 VEZES CAMPEÃO !!! Foi o comedor de mulheres de presidente que o disse ! Fascismo volta! Foram nos anos áureos do fascismo que o desportivo do lumiar colecionou mais títulos. Eram tipo brindes da Farinha Amparo!

      • EM 38 ANOS O ZMERDING SÓ FOI 4 VEZES CAMPEÃO !!! Foi o comedor de mulheres de presidente que o disse ! Fascismo volta! Foram nos anos áureos do fascismo que o desportivo do lumiar colecionou mais títulos. Eram tipo brindes da Farinha Amparo!
        PS: O LEAO DE TRAFALGAR GOSTA DE LEVAR NA PEIDA. PREFENCIALMENTE DE MACACOS !!!

    • Esse não vai brincar à selecção, logo deve estar muito valorizado.

      Este é mais um argumento que se enquadra na teoria do outro.

  6. grande leo jardim. :)

    ja dei por mim a fazer isto: golas..riquicho..dier..llori..mica..palhinha..joão mario..esgaio..chaby…iuri..betinho..

    mais..mais mané..tobias figueiredo..nuno reis..guedes..wilson manafá..luka..and so on and so on..inacreditavel o potencial que temos nas nossas mãos..deixem estes meninos jogarem regularmente 2 epocas seguidas..o futuro do futebol português será nosso!

  7. Luís Miguel, oh Luís Miguel, falei há bocado com o teu psiquiatra, ele está muito zangado porque andas a faltar às consultas. Ao menos estás a tomar as gotas, Luís Miguel??

  8. Gostei da entrevista e gostei mais ainda por ter sido a primeira e só agora.

    Caladinho e a trabalhar, acho muito bem assim. Quanto mais falam maior a probabilidade de sair merda.

  9. De boca, fala bem. Veremos se as acções correspondem às palavras.
    Contento-me em ver coisas há muito ausentes de alvalade

    – boa condição física
    – movimentações sem bola
    – concentração

    • Quase tudo dito!….tanta, tanta vez no passado recente dei comigo a dizer “Mas?….caralho……pressionem!”

      Sempre notei que uma qualidade afamada em equipas alemas era a capacidade física, e veja-se o quao longe eles vao – ilustres desconhecidos até chegarem a uma final qualquer.

      Quem joga futebol regularmente sabe que, sem pulmao e pernas, um gajo pode ter muita técnica mas a execucao vai para as orelhas da bola.

  10. Os meus 22 (realistas) (com […] o back up da Equipa B):

    Marcelo Boeck e Victor Golas [Luis Ribeiro];

    Cedric/Weldinho [Riquicho]

    Dier/Illori
    Rojo/Mauricio [Ruben Semedo/Tobias Figueiredo]

    Jefferson/(Rojo) [Mica]

    Rinaudo/William Carvalho [Fokobo]

    Adrien/João Mário [zezinho]

    Labyad/André Martins [Chaby]

    Carrillo/Bruma (acho que renovará) [Carlos Mané]

    Capel/Diogo Salomão [Ponde]

    Montero/Cissé [Betinho]

    Para o fim deixo o meu joker (o 20.º jogador do Plantel A) – Ricardo Esgaio, acho que será muito útil dado o seu potencial e a sua versatilidade.

    Saudações Leoninas

    • Concordo com quase tudo….
      Tirava o Salomão e punha o Viola e acho que o Wilson Eduardo vai ficar no plantel.
      O A.Santos é uma dúvida para mim acho que ía dar jeiito mas nao sei como será a sua situação e honestamente acho que nos falta um Acosta de resto está tudo fixe.

      • o nuno reis, para mim ficava (para além de rojo, ilori e mauricio) porque o dier vai jogar a médio. é onde rende mais e a dupla rojo/ilori complementa-se muito bem.
        eu também acho que a dúvida está na permanência de andré santos, adrien e william carvalho, ao nível do meio campo. mas talvez saia o adrien porque tem mais mercado e um ordenado mais elevado.
        eu emprestava o viola a um clube do meio da tabela da primeira divisao.
        não sei muito bem o que fazer quanto ao wilson eduardo (merece uma oportunidade) e ao diogo salomão. gosto deles mas não sei se têm qualidade suficiente

      • Acho que o Nuno Reis deveria ser emprestado a um Clube da 1.ª divisão para jogar mais um ano. Não acho que deva ficar 1 ano como 4.º central sem jogar. Gosto do jogador mas acho que com os centrais que temos agora + os miúdos da B o Nuno Reis ficará tapado. Podendo ser injusto, preferia ter Nuno Reis a Maurício, mas como temos Maurício acho que devíamos emprestar NR.

      • podes crer! por mim, ou vem um bom avançado com caracteristicas diferentes dos que já temos, ou não vem mais ninguém.

        já agora, que é que se passa com o rubio? vai ficar na equipa A, na equipa B ou vai ser despachado? porque é que não jogou no fds passado?
        eu emprestava-o a um clube da primeira divisão

  11. Serenidade, é o que sinto após ouvir (ler) o nosso Mister.

    Mostra saber o que tem em mãos, falta saber se está preparado para o que lhe vai surgir extra-futebol (arbitragens, jornalismos de algibeira, etc)
    de resto bastante conciso e directo em todos os pontos abordados, os meus parabéns (especialmente por ter conseguido só dar uma entrevista agora, esperemos que a dar seja só ao nosso jornal)

    De facto, se conseguir colocar em práctica o teorizado, sou apologista da ideia apresentada.

    A equipa B pode e deve ser local de preparação para a A.
    Quer sejam jogadores anteriormente agregados ao clube, quer sejam novas contractações, quer seja por motivo de lesão (para retomar o ritmo competitivo)

    Falou bonito, “trabalhar para sedimentar a equipa e partir num pressuposto crescente, para formar bases para um futuro promissor”
    agora é deixarem o Leão Jardim fazer o seu trabalho, e termos muita paciência para os erros dos nossos meninos (e do treinador) que vão surgir, naturalmente, neste processo de evolução

    SL a todos e sábado lá estaremos ;)

    • Concordo plenamente contigo narasimha, há que ter paciência e nunca criar um clima de desconforto(assobios e etc) para a equipa. Cabe-nos a nós estar lá para apoiar mesmo nos momentos menos bons inerentes a este trabalho de base que está a ser feito. Espero que todos compreendam isso, e felizmente acho que isso está progressivamente acontecer.

  12. As palavras de Leonardo Jardim constituem um oásis de ponderação e assertividade. De forma lúcida e transparente analisa diferentes aspectos da realidade do Sporting respondendo até onde é possível e/ou conveniente.
    Talvez por essa razão transmite calma, crença e confiança ao plantel e aos adeptos sportinguistas. Estamos na base da montanha, confrontados com uma escalada épica. Nestas circunstâncias, quem for paciente, descobre o caminho. Quem resistir, alcança a vitória!

  13. Foi a nossa grande contratação, o Leonardo Jardim. Há muitos anos que não ficava tão satisfeito com uma contratação, fosse de jogadores ou treinadores.

    Espero que esta travessia maldita nos tenha ensinado, como Sportinguistas, a ver melhor o futebol, a valorizar quando as coisas saem bem e a apoiar quando tudo corre mal.

    Com este treinador e as fornadas que continuam a sair da Academia, mais cedo ou mais tarde o clube vai ter direito aos títulos que merece.

  14. http://www.abola.pt/nnh/ver.aspx?id=417329

    As negociações para a contratação do italiano Mirlo Bigazzi chegaram a bom porto e o jogador é esperado nas próximas horas em Olhão para assinar contrato válido por uma época.

    Com 24 anos, Bigazzi joga a médio-ofensivo e chega por empréstimo do Livorno, terceiro classificado da Serie B italiana na última época.

    ——————–

    ———————–

    Bigazzi é mais um jogador que não brinca na selecção que se valoriza.

    Este é mais um argumento que se enquadra na minha teoria.

  15. EM 38 ANOS O ZMERDING SÓ FOI 4 VEZES CAMPEÃO !!! Foi o comedor de mulheres de presidente que o disse ! Fascismo volta! Foram nos anos áureos do fascismo que o desportivo do lumiar colecionou mais títulos. Eram tipo brindes da Farinha Amparo!

    • Eu em 21 anos vi o Sporting campeão 2x, sem contar com 2004/05, o ano em que estalou o apito dourado e deram o campeonato ao benfica.

      Mesmo assim, contando com esse, vi o benfica ser campeão 3x e ganhar 3 taças de portugal, contra as 4 do Sporting.

      Supertaças foram 5 para o Sporting e 1 para o benfica. Campeões intergaláticos…

      • E porque não limitas a partir de 2004/2005 ? Foi no ano em que o filho do meu vizinho nasceu e o rapaz nunca, mas nunca viu o zmerding ser Campeão. Tive que lhe explicar que isso foi antigamente! No tempo do Fascismo !

      • Ò Bernardo se o puto tem dois anos melões verdes viu ele muitos. Perder a Taça com a Académica, viu o zmerding na luta por não descer de divisão, viu o zmerding ser eliminado pelo poderoso …. Videoton! èpá fuma aí umas ganzas que acalma !

      • e o miudo ainda vai ficar mais confuso quando for á igreja e lhe disserem que tem de ajoelhar perante Jesus… e ele responde : nao, nao o Jesus é que ajoelha e depois leva chapadoes pos paraguaiose argentinos quando perde as tacas…

    • Ó Nunca, seu filho de uma égua, agora fizeste-me rir como o caracas!! E contribuiste para a felicidade de mais uns quantos sportinguistas por aqui.

      Fui fazer um pouco de pesquisa para, como defensor do seu clube que se digne, “spinnar” as estatísticas e encavar-te como deve ser, e encontrei esta pérola!

      Seu filho de uma grandessíssima benfiquista, aposto que nem tens coragem de ir ver a imagem (linda!!!, o fotógrafo merecia uma puta, perdao: um pulitzer) num blogue que ainda por cima me parece lampiao…..

      Ora vejam lá (eu ainda nao consegui parar de rir) :
      http://ofutebolfalado.blogspot.co.uk/2013/05/as-derrotas-do-benfica.html

  16. Há umas horas felicitei um colega jornalista de Belo Horizonte, especializado em futebol, pela conquista do ‘seu’ Atlético Mineiro (de Rever, Bernard, Jô e… Alecsandro – lembram-se deste? Era de primeira e diziam que era mauzinho, imagine-se as ‘vedetas’ de segunda que andam a contratar…) pela conquista da Libertadores, ao que ele gracejou dizendo que após a Copa de 2004 poderia ir ‘buscar’ Rever para o ‘meu’ Sporting.

    Mas depois fez-me uma observação interessante que deixo à consideração dos cacifeiros…
    “Meu Deus… o Sporting esta a negociar com Gerson Magrão??? Ele é muito ruim!!!”.

    Mas é claro, não quero colocar em causa a sabedoria e genialidade na atual gestão desportiva do clube, concerteza que quem a dirige (Inácio?) é um génio comparando com qualquer, simples e apaixonado, cacifeiro… é que estes preocupam-se apenas com o seu Sporting… E este gestor terá concerteza muitas outras preocupações.

    E Bruno de Carvalho parece não perceber ‘puto’ de futebol e de certeza não percebe nada de comunicação. Então faz um belo discurso sobre Patrício e depois desvaloriza todos as ‘vedetas’ contratadas por um tal de Freitas para as quais urge arranjar uma solução? Ou essa solução é reintegrá-los no plantel?

    Por isso… Evaldo em treinos na equipa principal??? Jefferson, Rojo (lateral esquerdo de uma das melhores seleções do mundo), King, Mica, Turan… Evaldo??? Que grande confusão reina neste plantel… (que afinal sempre deve ter 22 elementos! Óbvio.).

    Oxalá, nem Welder, nem Gerson… Ao que parece, Luiz Antônio é um jogador a sério e faz as duas posições dos outros dois, ora ai estava uma solução interessante… Leonardo Jardim sobre a gestão desportiva atual do clube…”Quando o Sporting procura jogadores define um perfil qualitativo, em termos de jogador e profissional e em termos ecónomicos também.” No caso de Gerson, Welder e Mauricio… perfil qualitativo baixo, tecnicamente e fisicamente limitado e indisciplinado, em termos económicos… sem potencial de valorização e caro em termos salariais. Definida e explicada a estratégica só ha que concordar ou discordar. Para mim, está completamente errada. Apoiado nas palavras de Leonardo Jardim “Temos de viver com o que somos”, o Sporting é um dos melhores clubes do mundo em termos de formação, logo é nesta realidade que têm que apostar e não nas fantasias absurdas e patéticas do costume para continuar a encher os bolsos de quem se serve do clube!!!

    A política desportiva do Sporting mudou… Em vez de prováveis ou, em muitos casos, decadentes ‘vedetas’, a aposta é clara em confirmados ‘marretas’! Mas se um deles se tonar uma vedeta, esta gestão faz um autêntico milagre! Vamos acreditar! Fé… Porque a competência dá-nos mais do mesmo…

    • E antes que venham as palermices sobre a opinião que cada um pode e deve ter… Sublinho, uma vez mais, que considero, em termos financeiros, uma excelente mudança no rumo do Sporting a chegada de Bruno de Carvalho, naturalmente. Mas em termos de gestão desportiva tem estado quase tudo errado ou pelo menos, pobremente confuso.

    • Ora vamos lá dissecar diarreia.

      Dizes que o “jornalista especialista em futebol” disse que o Magrão era ruim. O treinador (esse sim, especialista em futebol porque trabalha no meio) gosta dele já dos tempos em que estava no braga. Com todo o respeito, prefiro acreditar no nosso treinador em vez de um amigo teu. Só assim naquela, para a coisa ter alguma seriedade.

      Podemos perfeitamente colocar em causa “a sabedoria e genialidade do Inácio”. Resta saber em comparação com quem. Porque se for contigo (ou com o teu colega jornalista) mais uma vez, com todo o respeito, vou pelo Inácio. Se estamos a falar de futebol, sabe mais ele a dormir do que tu acordado. Se o tema for lagares de azeite, o Inácio que me perdoe.

      Agora perdi a paciência e vou deixar os bons modos. És parvo. Quem desvalorizou os fabulosos jogadores do freitas foi….exactamente. Eles próprios. Qualquer declaração sobre esses “craques” vem sempre acompanhada de uma série de imagens mentais das magníficas exibições que eles fizeram no Sporting. Ou seja, o presidente até podia dizer que eles são os maiores. A minha reacção seria sempre um ataque de riso.

      E qual é o problema do Evaldo estar a treinar? Se quiseres ser tu a dar os treinos ou a definir quem os integra, manda o teu currículo ao Jardim. Pode ser que tenhas sorte.

      Ui ui! Temos “especialista”! O teu penúltimo parágrafo é literalmente uma (tentativa de) resposta à minha sugestão anterior. Podes concordar ou discordar com o que quiseres. Se a estrutura quer contratar um jogador, é livre de o fazer. A grande diferença é que agora só gastamos aquilo que podemos. Qualquer erro de avaliação custa pouco. E uma eventual surpresa positiva é exponencialmente rentável. E já agora, “fantasia patética e absura” foi o que se faz antes ao gastar 100M para depois não se conseguir pagar salários. O que se está a fazer agora são aproveitar oportunidades de negócio de baixo risco. Se resultar, espectáculo. Se não resultar, perde-se pouco. Exactamente o que é preciso fazer nas cirunstâncias que vivemos. Numa coisa concordo contigo, eu preferia só contratar um avançado e o resto preencher com os nossos jovens. Daí a criticar negócios de tostões sem sequer perceber aquilo que eles valem em competição é que é, passo a citar-te, “patético e absurdo”.

      Gostava de ter a certeza que tu tens. Não conheço Maurício nem Welder, conheço razoavelmente Cissé, Montero e Magrão. E conheço bem o Jefferson. Dos que não conheço, vou esperar para ver. Assim poupo nas críticas e não me arrisco a ter que as engolir. Dos que conheço razoavelmente, acho que são jogadores com qualidade e que precisam de um desafio como o nosso para potenciar a mesma. O que conheço bem foi só o melhor lateral da liga no ano passado, talvez atrás do alex sandro. Mas tu é que és o especialista em futebol (só um “especialista” de merda é que critica o Magrão e depois propõe o Luiz Antonio). Tu é que és o iluminado. Agora leva a tua luz divina (ou o lampião) para outras paragens que essa merda pode nos cegar de tanto brilho.

      Não percebes um caralho disto para te colocares ao mesmo nível do treinador do Sporting ou do seu director para o futebol. Já para umas tertúlias com “jornalistas especialistas em futebol” é capaz de chegar.

      • Resposta merecida ao mete-nojo.

        Embora o Magrão seja, à semelhança de Weldinho, Maurício e Jefferson jogadores fortemente criticados por montes de brasileiros pela internet fora.

        Hoje procurei saber mais sobre a opinião generalizada que os brasucas tinham sobre o Welder.

        E olha que nem o Pranjic aqui é tão gozado. Era vê-los a dizer que até o iam levar ao aeroporto. O que mais me preocupou foi o facto de terem tido que não era estranho o Sporting ir buscar o Weldinho, para quem já tinha contratado Maurício e Jefferson.

        Eu Maurício nunca vi, mas Jefferson mostrou argumentos o ano passado. Ou os brasileiros sabem tanto de bola como eu de armazenamento de frios ou o rapaz aprendeu a jogar o ano passado. Espero que seja a primeira hipótese, para bem de Maurício, Weldinho ou Magrão.

        Já do Luiz António, do pouco (muito pouco que li) falam muito bem.

      • Vou deixar o conteúdo de lado porque a argumentação é boa e não precisa de sublinhado. Também não estou com paciência para escrever muito.

        Mas venho por este meio apenas exaltar a eloquência da frase “Se o tema for lagares de azeite, o Inácio que me perdoe”. clap, clap, clap.

        A partir daí já não fui capaz de ler o texto da mesma maneira, Sá.

    • ó reino: “colega jornalista”, dizes tu, e ainda escreves “concerteza” (e logo a dobrar, para garantir que não é gralha). sei lá se o magrão é uma merda ou não e se é o inácio ou o jardim quem o quer. mas tu não me enganas.

  17. O Gerson não me parece assim tão ruim. Do que vi no Tube, tem bom pé esquerdo e quando arranca leva tudo à frente, e sabe procurar o jogo interior, coisa que tem faltado nesta equipa.
    Diria que é um médio interior esquerdo, sem ser extremo. O único problema é as imagens que vi já eram antigas…que idade terá o gajo agora? será que ainda corre?

    Também estou um bocadinho renitente em comprar no mercado brasileiro. Ultimamente têm sido barretes atrás de barretes.

    • Também estou, mas vou dar o beneficio da duvida obviamente. Temos gente seria e que realmente gosta do Sporting. Podem até estar a arriscar nestas contratações, mas ao menos têm baixo custo, todos têm direito a errar.

  18. curioso, eles acham que nosso futebol é mais fraco.
    mas todos querem vir para cá jogar.

    o mauricio dou-lhes de barato. parece-me muito fraquito…

  19. A todos os amigos do Cacifo eu Capitão Moura informo que estou num dilema, Não sei se levo no cu ou se faço uns broches. Tal como o Jardim eu só vi o SCP ser campeão 4 vezes. É uma vergonha porquanto o SLB tem 18 titulos e o porto 16 no mesmo período. Respondam-me meus amigos o que devo fazer. É que eu fiz uma promessa para alterar esta nossa sina de sermos sempre os quartos dos ultimos! Como gosto de levar no cu e fazer broche o sacrificio não é grande. Mas qual escolher? Ou não será melhor optar por ambas as hipóteses. Obrigado pela Vossa compreensão. Como bons sportinguistas que são, levar no cu e fazer umas brochadas fazem parte do vosso/nosso modo de vida. Fazem parte da génese do ser sportinguista. Bem hajam!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s