Ponto final, experiências

Há duas formas de olhar para o jogo de ontem: olhar, apenas, para o resultado, dizendo que isto é mais do mesmo e que o melhor é nem renovar a gamebox; olhar para o jogo e perceber que este Sporting, continuando a ter um longo caminho à sua frente, é um Sporting que apresenta excelentes indicadores.

A primeira parte é perfeito exemplo disso mesmo. Só quem pretender ser tendencioso, ou mesmo parvo, pode afirmar que ao longo dos primeiros 45 minutos houve outra equipa em campo que não o Sporting. O Braga, salvo aquele remate à entrada da área que passou perto do poste de Patrício, foi completamente estrangulado no seu meio-campo não conseguindo, sequer, sair em lances rápidos de contra golpe. Os onze leões foram uma equipa, tanto a defender como a atacar, apostando na pressão constante, na procura da bola e inventando formas suficientes para chegar ao golo. Faltou isso mesmo, o golo, algo que o adversário conseguiu no segundo dos dois únicos remates que fez durante o jogo. Claro que a eficácia também conta, e muito, e que as vitórias morais valem o que valem, mas, neste caso, nem é apelar a este tipo de sentimento; é olhar para uma equipa à procura de sê-lo, com jogadores que treinam juntos há duas semanas (ou menos) e que procuram assimilar as ideias de um técnico em quem devemos confiar plenamente (a primeira parte de ontem é mais um ponto a favor de Leonardo). É olhar para um trabalho que, ao fim de um mês, nos permite ver coisas que andaram tão distantes no último ano e meio (pelo menos). É olhar para um trabalho que se quer de fundo, criando bases que vão muito além desta época. E, não me lixem, só um cogumelo pitosga não consegue ver que essas bases começam a ganhar alguma consistência.

Acontece que, a partir de agora, esse solidificar terá que ser promovido em competição e com muito menos margem de erro (e quase todos os golos sofridos resultam de erros um bocado primários). E com muito menos margem para experiências, algo em que o nosso treinador apostou ao longo destes amigáveis (e bem, digo eu, pois servem exactamente para isso). No domingo, frente à Fiorentina, a equipa que entrar de início deverá ser a equipa que Leonardo Jardim já tem na sua cabeça como titular, mesmo que, uma semana depois, frente ao Arouca, um ou dois dos protagonistas ceda lugar a outro.

Pensando no que foi este mês de preparação, diria que há jogadores que são titulares de caras. Patrício, Cédric (cada vez mais consistente), Dier, Maurício, William, Adrien, Carrillo e Montero. Faltam três.

Posso dizer-vos que, pese os elogios recebidos ao longo de toda a época anterior, nunca fui muito fã de Jefferson. E continuo a não ser. Parece-me um jogador preso, talvez pelo peso da camisola, e a jogar constantemente em esforço. Deverá ser titular, até porque, espero, Evaldo não passa de uma brincadeira de mau gosto. Seja como for, e esta parece-me ser uma discussão eterna, continuo a defender que Rojo é defesa esquerdo. Ah e tal, é muito rápido e agressivo para central e coloca bem a bola à distância. O problema é que o argentino continua a mostrar graves lacunas posicionais, o que me lava a perguntar: porque raio é que todos os treinadores apostam no gajo a central, quando até podíamos ter ali um defesa esquerdo completo?

Faltam dois.
Acredito que André Martins completará o meio-campo, ao lado de Adrien e de William (está em melhor forma do que Rinaudo, claramente, embora Fito tenha entrado muito bem, ontem). Seja como for, a primeira aparição de Magrão deixou excelentes apontamentos, tanto técnicos como físicos (bolas disputadas) e deverá ser a próxima boa dor de cabeça de Leonardo Jardim. (e ainda há João Mário, que gostava de ter visto, pelo menos durante 45 minutos, a fazer de André Martins).
Falta um, para a ala.
Capel ou Wilson Eduardo? Eu acho que Capel dá uma alma à equipa que, muito provavelmente, nenhum outro jogador consegue dar. Dá experiência e, já o mostrou, resolve jogos. Wilson fez bons jogos de preparação e, ontem, foi um dos agitadores de serviço, permitindo, ainda, transformar o 4-3-3 em 4-4-2 quando se chegava a Montero e oferecia a ala a Magrão. Resultado? Que bom é poder ter opções.

Depois, depois olhamos para os que sobram, entre plantel principal e equipa B, e somos levados a sorrir. E, permitam-me o desabafo, não acreditar nesta matéria humana e no que ela poderá dar-nos a médio/longo prazo é um exercício de profunda má vontade.

Advertisements

104 thoughts on “Ponto final, experiências

  1. Concordo com os teus titulares. Mais Jefferson, Wilson e Magrão, que precisa de jogar, e domingo é uma boa ocasião.

    Julgo que a equipa não andará muito longe disso. Gostava de ver, se a adaptação for rápida, e ele o justificar nos treinos, o Slimani a 9 e o Montero a 10/9,5. Com Jefferson e Wilson na ala esquerda. Faz os onze. Com esses jogadores podíamos jogar facilmente em 4-3-3 e em 4-4-2, ou mesmo em 4-1-3-2 (ou 4-1-4-1) como variantes.

    Mas no global gostei. Pena as duas derrotas, mas como escrevia Fernando Pessoa,

    Quem quer passar além do Bojador
    Tem de passar além da dor.

      • Não. Foi o Fernando Pessoa na Mensagem.

        Na 2ª estrofe:

        Valeu a pena? Tudo vale a pena
        Se a alma não é pequena.
        Quem quer passar além do Bojador,
        Tem de passar além da dor.
        Deus, ao mar o perigo e o abismo deu,
        Mas nele é que espelhou o Céu!

    • A pancada pelo Rojo a defesa esquerdo, só pode vir da selecção argentina.

      As selecções são um cancro.

      Na Rússia, Rojo jogava a central num esquema de 3 centrais.

      Rojo simplesmente não tem competência táctica, ou seja, tem falta de inteligência, para “ler o jogo”, antecipar movimentações adversárias, não consegue pôr ninguém em fora-de-jogo, não tem combatividade, nem rapidez mental nem física. Enfim, Rojo é um coveiro pirileiro ao nível do Hugo.

      Só na Liga portuguesa, existem vários centrais que poderiam estar no Sporting e por valores relativamente acessíveis.

      • E eu que sempre fui defensor do Rojo como central, mas há que dar a mão à palmatória.

        Esta descrição do rapaz é a melhor coisa que o Superleão já nos ofereceu…

        Afinal até pareces perceber um pouco de bola. Assim sim!! Sê bem vindo ao debate e deixa lá as palermices e teorias pacóvias…

      • Mas também não vou á bola com o Rojo. Mas parece que tem mercado em itália, mas estão todos á espera dos saldos do SCP

    • Ou seja, voltamos às vitórias morais…
      Tou pra ver se as desculpas continuam a ser as mesmas depois do Arouca.

  2. O rojo devia ser o LE titular; o andré martins fez uma má pré-época mas acredito que quando for a doer vai subir o nível; o capel esta pré-época está muito melhor menos individualista e mais objetivo (ontem cruzou muito bem). Maurício e William Carvalho acho que ainda não têm o lugar garantido.

  3. Concordo com a maior parte do teu post, discordo de:

    1 – Maurício, sinceramente penso que tem que tirar os tijolos e arranjar uns pés para poder ser jogador de futebol;

    2 – André Martins, na minha opinião é já um vicio gostar dele, seja a 8 ou 10 pura e simplesmente não rende, não me lembro de ter visto um único remate dele em toda a pré época e além disso só aguenta 60 minutos a 100 %. É como digo, tornou-se “de bem” gostar do André Martins, mas na realidade não acredito que alguém consiga ver rendimento efetivo neste gajo,

    3 – Montero. Este está a fazer-me engolir muitas das críticas que lhe fiz aquando da sua contratação. É indiscutivelmente um belíssimo jogador, tal como também é indiscutível que de PL não tem rigorosamente nada. Portanto das duas uma, ou jogamos em 442 e ele tem tudo para ser dos melhores jogadores da equipa ou se vamos jogar em 433 não tem lugar, a não ser que jogue numa ala;

    4- William, pode estar em melhor forma do que Rinaudo, mas a experiência e capacidade de roubo de bola e sentido posicional do capitão são ainda muito superiores. veja-se que quando a equipa tem mesmo que defender, como aconteceu com o West Ham, o rapaz borrou-se todo. Claro que numa primeira parte como a de ontem onde toda a equipa está a atacar e a pressionar alto, onde o Braga mal viu a bola, qualquer um joga a trinco, mas quando o teve que mostrar serviço falhou completamente,

    Concordo com a boa surpresa que está a ser para mim o Wilson Eduardo, muito bom suplente, o Adrien está um senhor (espero que a lesão não seja grave) e estou a rezar para que este Slimani seja alguma coisa de jeito senão estamos muito atrapalhados para fazer golos.

    Grande equipa B e boa possibilidade de os fazer crescer jogando.

    SL

    • Marco Aurélio, é isso que penso em relação ao Montero. Claro que ainda é cedo para o avaliar cabalmente, mas, fazendo essa ressalva importante, ontem fez-me lembrar o Postiga (com o devido respeito) : bons pés, mas depois quando é para matar, não mata. Parece-me jogador para bons pormenores e grandes golos, bom jogador de equipa, mas se calhar não para marcar muitos golos, ou pelo menos com muita regularidade. Admito que isto seja extemporâneo, mas foi a impressão que me deixou.

      • Andre martins e o jogador que mais sabe ler o jogo em todo o plantel e o que impoe mais ritmo aos colegas. Nao e moda gostar dele ele e de facto um excelente jogador ainda a desenvolver

    • Concordo com o Marco Aurélio:

      2 – O André Martins só se for por falar bem da Academia porque o rapaz não foi feito ara isto… é muito fraquinho. Não é 8 nem 10. Não tem intensidade de jogo. Não tem físico. Não sabe/não remata à baliza… nem força para tal tem. Tem que dar 50 passos para fugir a qualquer jogador que dê 5. Não ganha uma bola dividida. é completamente inconsequente na pressão…. eu também gostava que ele fosse o nosso Pirlo mas… foda-se!

      3 – Montero é bom jogador, sim. Mas ou jogamos num sistema de 2 avançados ou então não é ele a soulção (eu acho que deviamos jogar com 2 avançados, sempre!).

      Discordo do Marco Aurélio:

      1 – O Mauricio tem dois tijolos sim senhor mas não me parece assim tão má opção… 3ª opção (Dier e Rojo).

      4 – William Carvalho também me parece um bocado verdinho quando o põem muito em jogo mas o Rinaudo (seja Deus ou não) está a jogar mal comó caralhinho! O Rinaudo em campo parece rídiculo, maluquinho e só enterra.

      PS: O Wilson Eduardo é uma boa opção mas não para titular. O Adrien está a jogar muito bem (ainda bem que está a provar que eu estava enganado), que assim continue. O Slimani… desconheço por completo, vamos ver. O Cissé (espero novamente estar enganado mas…) é fraquissimo. O Capel tem que ser sempre titular…

      O onze (e as 2as opções) neste momento seria este:

      Patricio

      Cedric – Dier – Rojo (Mauricio) – Jefferson (Rojo)

      William (Rinaudo)
      Adrien (Rinaudo)
      Carrillo (Capel) Capel (Wilson Eduardo)
      Montero (Magrão)
      Slimani (Betinho)

      SL

  4. Já agora uma das coisas que me preocupou ontem foi o anti-jogo do braga (especialmente o eduardo). Estamos num jogo de pré-época contra um adversário europeu e eles recorrem ao anti-jogo! Então o que esperar de equipas como arouca, académica…?

    • Tambem n gostei nada, sei que os jogos são todos para serem ganhos, independente de ser a feijoes ou n, mas aquilo é uma vergonha, tal como foi com o West Ham. Não percebo essa ideia de perder tempo em amigáveis, senão querem jogar então nem entrem em torneios!!!

  5. nota previa:desculpem lá, mas vou postar o meu ultimo comment aqui, dado que continua-se a falar do jogo de ontem. espero que com o teu post, cherba, se fale mais de futebol e do nosso SCP e menos de parvoices.abc.)
    —————————————————————————————————-

    (atenção: esta minha análise é extensa e tem como destinatarios todos os que gostam de debater futebol. exclui-se os fait divers e cogumelices diversas)

    A primeira e mais fácil ilação a retirar do jogo de ontem é ter sido uma segunda derrota, consecutiva em 48 horas, apenas a 15 dias do inicio oficial da epoca. Certo? Erradíssimo!

    É bem positivo concluir que o unico negativo é termos sido derrotados. confusos? eu explico: na pré-epoca passada, o menos grave eram os resultados. comparando com a falta de atitude, de garra, de fio de jogo, de preparação fisica, etc, etc, os resultados eram o espelho da exibição. e ontem, a derrota nao foi o espelho da exibição, foi um infortunio dum jogo em que um pormenor ditou a sorte final.um jogo em que dominamos 2/3 do tempo inteiro, apos uma primeira parte em que criamos, contei, 4 oportunidades flagrantes de golo (2 de Montero, uma de W.Eduardo e 1 de Magrão). Depois, uma seginda parte em que tomámos um golo completamente contra a corrente e ainda tivemos mais 2 ou 3 oportunidades claras de golo.

    Razões para preocupação? Não. Razões para estarmos atentos ao crescimento duma equipa que apresenta com 1 mês de trabalho mais disciplina táctica, atitude, fio de jogo, combatividade e qualidade do que qualquer outro grupo de trabalho nos ultimos 10 anos.Há que continuar a crescer e esta equipa quer crescer.

    Sim, porque não se iludam: esta equipa está em construção. ontem, jogaram 6 elementos novos face à epoca passada: Jefferson, Mauricio, William Carvalho, Magrão, Montero e Wilsonm Eduardo.7, se contarmos com o “novo” Adrien, e já se vêm os chamados automatismos de jogo que na época passada inteira nunca chegámos a alcançar.

    Mas é tudo perfeito? longe disso! e ainda bem que não.Esta equipa acentua ainda um defeito dos ultimos anos, desde as epocas de Paulo Bento: tem demasiado criativos, demasiadas notas artísticas, mas com pouco sentido de baliza: Carrillo, André Martins, Capel (principalmente estes 3) tem uma notória falta de sentido de baliza! Não é por acaso que Leo Jardim ontem deixou de fora Andre Martins e não me admirava nada se o mantivesse para o futuro. Magrão criou mais perigo e foi mais intenso em 45 minutos do que André Martins na preepoca toda. E isto torna-se mais grave para o portugues se tivermos em conta que foi o primeiro jogo realizado pelo brasileiro.

    No Sporting atual há ainda muita insistencia do rodriguinho, do meinho, do toque de bola. São os resquicios do passado. O Sporting desde há muito (desde os tempos de PB) que é a equipa que mais futebol ofensivo produz. É um gene que se deve a uma escola excelente de medios e estremos tecnicistas. Mas é tambem um mal da nossa formaçao: nao temos formado homens de area e com sentido de golo. talvez agora hajam 2 excepções: Guedes e Betinho. Esperemos…

    o ultimo homem com sentido de golo puro foi Liedson. Mais do que o próprio Wolkswinkel. O Sporting é desde há muito a equipa que mais oportunidades cria e que mais as desperdiça. Em condições “normais” ontem acabávamos a primeira parte a dar pelo menos 3 a zero ao Braga. E essas condições normais seria ter tido um “Cardozo” ou um “Falcão” ou o proprio Liedson. Mas atenção: longe de mim criticar o Montero. Muito antes pelo contrário! Montero vem duma realidade tão distante do futebol portugues que acaba por ser natural ter falhado como falhou. Aliás, ontem pareceu-me um jogaodr cansado, o que é perfeitamente normal dada a diferença de ritmos a que estava habituado e o facto de se notar que esta pre-epoca o trabalho fisico tem sido desgastante (ontem houve um treino de 1 hora da parte da manhã).

    Mas há alguem com tino na cabeça que nao veja a abissal diferença de atitude, competitividade e fresura física desta para a pré-epoca passada?!!

    Nem tudo é perfeito. Há ainda muito para trabalhar, apurar e corrigir. Mas os moldes estão criados.
    Vamos entao ver o que já HÁ:

    Há um Guarda Redes excelente, que transmite confiança à defesa (que é quase totalmente nova.)

    Há uma defesa que com 1 mês de trabalho já apresenta nítidas evoluções. Destaco principalmente o traalho dos laterais e já os notorios mecanismos de acção entre os centrais (ontem , Rojo falhou uma vez: deu golo é certo, mas fou uma falha. Mauricio nao falhou uma unica vez. Leva 4 jogos e continua a calar quem lhe chamava de tosco).

    Há um meio campo defensivo que se tem pautado pela regularidade e acerto. William Caralho é tao bom ou melhor do que Rinaudo a recuperar bolas e joga muito mais com a cabeça levantada. é um pendulo nesta equipa.

    Há um meio campo ofensivo com critério, mais criativo, mais dinâmico e mais experiente. Há um Adrien transfigurado para melhor (a continuar assim, o casmurro do Paulo Bento nao tem outra solução senao convocá-lo). E há…Magrão. no seu primeiro jogo, com uma exigencia física enorme, Magrão ontem disse: presente! Quais as diferenças sobre aquele que vai subsittuir? sentido de baliza, lá está.É o tal factor X: a bola ontem quando passou pelos pés dele, teve mais criterio. Mais sentido de golo. Um meio campo a carburar com Adrien e Magrão (e com AM à espreita) e ainda com a ajuda preciosa do renascido W. Eduardo (que grandes jogos que tem feito!), torna-se um meio campo muito mais intenso, criativo, rápido. Porque a rapidez não é motora nem fisica é mental.É antes de receber a bola já estar a pensar onde se a vai colocar.

    Ontem, o meio campo do Sporting teve momentos de EXCELENCIA. ficou na retina a jogada de 3 passes de primeiro toque entre WE, Adrien e Magrão que foi concluida com um remate do brasileiro que roçou as malhas. Mas teve tambem excelentes combinaçoes no flanco esquerdo entre WE e Jefferson e no direito entre Cedric e Carrillo.

    Mas, acima de tudo, o que demelhor retiro da exibiçao de ontem (principalmente na primeira parte, foi o asfixiamento que pusemos no meio campo. ALem da pressao alta, foi o nao deixarmos os bracarenses trocarem a bola. O Braga pura e simplesmente nao existiu na primeira parte!

    Sinais menos? Tambem os houve claro, tem que haver numa derrota. Acima de tudo, um sinal teimosamente insistente que é a quebre fisic e mental de alguns jogadores, noemadamente Carrillo. Continua a decair entre partes, além de (como eu já disse) revelar inquietante falta de discernimento e sentido prático no momento de passar a bola. Carrillo peca do mesmo defeito de Capel, cabeça baixa e quando a levanta…já é tarde. Capel tambem é assim, mas ganha por tenacidade. nunca desiste da bola, mas dribla e fura de cabeça baixa e muitas vezes centra ainda de cabeça baixa. Poderá servir para o Slimani mas para Montero nao serve. Montero não tem altura nem resistencia fisica para ganhar de cabeça os centros tensos de Capel. E nao tem rapidez e sentido matador para adivinhar o que Carrillo quer fazer quando só falta levar a bola para casa.

    É esta a tal falta de sentido de baliza que eu falo. Mas prefiro que, nesta fase da pre-epoca sejam estas as lacunas (falta dum matador, dum “jardel” ou dum “liedson”) do que falta de preparação fisica ou de fio de jogo.

    ultimas notas: Rojo não pode ser crucificado. Ontem falhou uma bola.apenas isso.
    No entanto, há que incluir DIer na Defesa, talvez mais como trinco de auxilio aos centrais. Isto porque continuo a achar um erro colocar ROjo a DE, simplesmente porque me parece que essa posição é de Jefferson. Jefferson é mais rápido nessa posição.

    Talvez seja altura duam vez por todas de Leonardo Jardim começar seriamente a pensar num sistema com 2 atacantes. Ontem, provou-se que Montero pode ser um excelente “9,5″, com um 10 nas costas (Magrão) e um puro 9 á frente (Slimani)=.

    De resto, deixem.se de merdas e apoiem o Sporting. O Arouca é que conta.

    Viva o Sporting!

    • A pancada pelo Rojo a defesa esquerdo, só pode vir da selecção argentina.

      As selecções são um cancro.

      Na Rússia, Rojo jogava a central num esquema de 3 centrais.

      Rojo simplesmente não tem competência táctica, ou seja, tem falta de inteligência, para “ler o jogo”, antecipar movimentações adversárias, não consegue pôr ninguém em fora-de-jogo, não tem combatividade, nem rapidez mental nem física. Enfim, Rojo é um coveiro pirileiro ao nível do Hugo.

      Só na Liga portuguesa, existem vários centrais que poderiam estar no Sporting e por valores relativamente acessíveis.

    • William Caralho?! LOL.

      Anyway, excelente análise. Nao tenho acompanhado os jogos, mas conheco alguns destes putos dos anos da formacao, e posso dizer o seguinte:

      – William CarValho é uma espécie de versao ‘melhorada’ do Renato Neto. Se aquele teve lugar na equipa, este tem, nem que seja a suplente.

      – Wilson nao é ala. É um avancado ‘rato’ nos moldes de Liedson, que descai para as alas mas nao pode ser ‘estacionado’ lá. E também já se devia ter estreado há 1 ou 2 épocas.

      – Cédric é excelente se o deixarem ser. Nos Iniciados, subia e descia que até cansava ver.

      – Dier é craque e nao engana. Ainda bem que o recuperámos ao Everton!

      – André Martins nunca achei tao bom como toda a gente dizia. Na posicao sempre preferi o Rabiu (inacreditável a novela com ele, perdeu-se completamente e a culpa foi exclusivamente nossa!) ou até o Zezinho (que joga MUITO bem a 10 e devia ser promovido á A.)

      – Continuo a achar que Amido Baldé tinha lugar nesta equipa, sendo um ‘pinheiro’ que também se mexe….

      • E já que falamos em Braga, anda por lá outro que deixámos fugir, um tal de Antoninho Silva. Quem o viu jogar sabe do que falo…

      • pera ai o rabiu foi culpa nossa?

        nem foi de se ter descoberto que ele tinha mais idade do que realmente tinha

        e alias ele no psv não ficou, no celtic também não, no kilmarnocl também nao

      • Isso foi culpa do temperamento dele. Mas a culpa inicial foi nossa porque fodemos as negociacoes beyond all reason…o que se chama FUBAR.

        E pera aí, quando é que se provou que o Rabiu tinha mais idade? Nao estou a argumentar, quero mesmo honestamente saber, porque se me escapou essa notícia.

      • foi na holanda ou já na escocia, quando perceberam que ele não era assim tao bom como se dizia, e cheguei a ver noticias que ele tinha idade adulterada.

      • Tivéssemos acabado a formacao dele como deve ser, logo se veria se nao era tao bom…Se bem que ele era de birras, como nao querer jogar no Real Massamá, e isso também faz diferenca (nao é, Fábio Paim?)

  6. Não gostei do jogo com o West Ham. Gostei muito do jogo de ontem. Quem joga assim como nós jogámos, em 10 jogos contra o Braga ganhamos 9. E ontem só não ganhámos porque o Montero teve duas falhas clamorosas.

    Gostava de destacar o Adrien, o Wilson Eduardo e….o Jesualdo Ferreira. Ouvi algumas declarações dele hoje na rádio e foi muito respeitador da grandeza do Sporting, nunca sequer tentando por o Braga num nível comparável com a grandeza do Maior…um senhor.

    Gostava que o nosso 11 base fosse mais ou menos este:

    Rui Patricio
    Cedric
    Eric Dier
    Ilori / Mauricio / Nuno Reis
    Marcos Rojo
    William Carvalho
    Adrien Silva
    André Martins / Magrão / João Mário
    Wilson Eduardo
    Carrillo
    Montero / Slimani

    É isto. Estou confiante. SL.

  7. Telegráfico.

    1. Sim, sim, sim! Rojo a lateral-esquerdo. Já!;
    2. Com o que temos hoje, 4-4-2, com o Slimani, com o Carrillo a fazer de Nani (fora Capel) e com o Montero a fazer de Montero.

    Se o Bruma se prestar ao “voltas, estás perdoado”, a coisa muda de figura.

  8. Isso mesmo, ponto final ás experiências.
    Do pouco a que assisti nesta pré-época, acho que deu para tirar conclusões:

    1- Rojo não pode ser central, NUNCA!! Dier e Ilori (Mauricio) seriam os meus centrais
    2- Gosto de Cédric, o miudo tem potencial, assim a equipa o queira.
    3- Rinaudo não é o trinco que precisamos
    4- Capel e Evaldo dificilmente cabem numa equipa do fundo da tabela, quanto mais no SCP.
    5- Adrien a surpresa e AMartins não dá mais que isto, é pena. Aqui parece-me claramente que ele tb não quer. Porque ASantos não teve oportunidade?
    6- Dos reforços, destaco FMontero, parece-me bom jogador mas tem de jogar acompanhado….ao contrário de Cissé, muito trapalhão. Espero que este Magrão e Salim sejam mesmo mais valias, pois são 2 posições chave.

  9. Parece-me um bom timming para Jardim definir o seu 11 titular.

    Cherba, não concordo com a nota negativa ao Jefferson. Acho que jogou muito e bem. Quem centra melhor do que ele, nesta equipa?

    Falta resolver a questão dos centrais. Rojo e Mauricio são uma dupla fraca no jogo aérea. Especialmente Rojo. Precisamos de altura e peso. Dier é muito propenso a lesões. Vai falhar muitos jogos. Ilory ou Semedo, precisamos de um deles.

    No meio-campo, Adrien e William estão garantidos. Sobra um lugar.

    No ataque, Montero já mostrou que tem técnica. Se calhar demais.
    Vamos ver se Slimani não lhe tira o lugar.

    A grande supresa para mim foi Wilson Eduardo. Sabia que tinha um remate forte, mas nunca me tinha percebido que sabia centrar tão bem. É objectivo (Carrillo não é) e tem um jogo muito vertical. E finaliza bem. Candidato a titular.

  10. Ontem é verdade, o Braga foi feliz. Sinceramente perdemos, mas gostei da nossa equipa e de alguns jogadores que deixaram boas indicações, mas…

    Como é que o Braga consegue?! Como é que uma equipa com um orçamento substancialmente inferior ao nosso, consegue ano após ano apresentar equipas competitivas quando ao pouco dinheiro, ainda junta o facto de todos os anos perder vários jogadores… Sim, nós queixamo-nos mas a verdade é que o nosso orçamento é bem superior ao do Braga. Aliás, em toda a liga só duas equipas tem um orçamento superior ao nosso…

    Enfim, mas como dizia o outro: “não interessa como começa mas sim como acaba!”

    Cumps
    Al

    • Resposta fácil: nós andamos a reconstruir equipas, ano após ano, eles já estabilizaram o modelo e vão colmatando as poucas saidas com jogadores iguais e “trabalhadeiros”….

      Por isso é que este é o nosso ano zero. Expectativas realistas, para se poder criar uma equipa, uma identidade, uma base, que depois será melhorada onde apresentar claras deficiências. Pedir mais do que isto não é honesto, na minha humilde opinião

      SL

      • assim de repente o Braga de ontem tinha menos 5 ou 6 titulares que a equipa tipo do ano passado.. o braga de este ano perdeu mt gente… e boa gente.. assim de repente Hugo Viana, Salino e Mossoró…

      • Também não creio que seja “só” uma questão de “reconstrução” da equipa, Kadechima. Ao Sporting tem faltado muita coisa, inclusive, com o GL, a “gravitas”, sem a qual nenhuma organização vai a lado nenhum.

    • Eu digo porquê. Lá contratam um brasileiro desconhecido e apoiam-no e trabalham-no. Nós mal chega um Brasileiro é automaticamente o pior que já passou pelo Sporting, pior que o jogador dos benjamins da academia, que devia jogar no lugar dele. Simples.

    • A vitória do Braga ontem foi episódica. Fizeram dois remates e tiveram sorte com a nossa azelhice à frente da baliza. A jogar assim nem passam o play-off da LE.

      Z

  11. A pancada pelo Rojo a defesa esquerdo, só pode vir da selecção argentina.

    As selecções são um cancro.

    Na Rússia, Rojo jogava a central num esquema de 3 centrais.

    Rojo simplesmente não tem competência táctica, ou seja, tem falta de inteligência, para “ler o jogo”, antecipar movimentações adversárias, não consegue pôr ninguém em fora-de-jogo, não tem combatividade, nem rapidez mental nem física. Enfim, Rojo é um coveiro pirileiro ao nível do Hugo.

    Só na Liga portuguesa, existem vários centrais que poderiam estar no Sporting e por valores relativamente acessíveis.

  12. Bom dia.
    A nossa equipa está em construção, ainda é bastante ‘incipiente’ para se saber impor a conjuntos que jogam em cima e dão no osso, como o WestHam e o Braga. A equipa ainda não está entrosada, e para além disso quando as coisas começas a correr menos bem no jogo, quando sofrem golos, parece que os jogadores que constituem o ‘núcleo duro’ do conjunto deixa transparecer um certo trauma resultante da época desastrosa que fizeram o ano passado.
    Os golos que sofremos são quase sempre mais consentidos que bem conseguidos pelos adversários. Rojo tem muita vontade de fazer bem, mas às vezes parece que lhe para o cérebro e, como ontem, não tem clarividência para se antecipar ao Edinho numa bola que até seria fácil de cortar. Além disso os nossos atacantes têm sido pouco “venenosos”, e perdem golos quase certos, como aconteceu ontem com o Montero.
    Sendo dado adquirido que nunca devemos esperar qualquer tipo de facilidades por parte dos adversários (arbitragens incluidas) teremos que ser mais acutilantes, falhar menos em todos os sectores, porque só assim os poremos ‘em sentido’. Se não nos respeitarem ganham atrevimento e crescem no jogo com a ajuda das faltinhas de caracacá que os ábitros costumam marcar-nos para condicionar o nosso jogo.
    Mas há ali MUITA qualidade, e devemos esperar coisas bonitas deles. Se for preciso é de sacrificar o ‘jogo bonito’ até se consolidarem os métodos de jogo e as mecanizações entre todos os sectores. Uma equipa com garra faz esquecer muitas vezes a falta de génio, e se no fim ganhar os jogos ou uma competição ninguém vai falar que não temos Messis, ou Ronaldos. Lembro-me de uma equipa Inglesa, O Notingham Forest, que foi campeã europeia só à base da garra e do querer, sem ter grandes nomes.
    Não esqueçam que esta equipa do Sporting tem muitos jogadores de tenra idade, estavam há pouco tempo nos júniores, e entraram de repente na alta competição jogando com mastronços já batidos na 1ª Divisão que conhecem as manhas do futebol. Têm que aprender a impor-se a eles usando a sua indiscutível qualidade. Não podem é sentir que das bancadas e da comunicação social lhes chega a descrença, o insulto e falta de apoio.
    Por isso não tirem ilações precipitadas, e não deixem de apoiar a equipa, acreditem neles para que eles sintam que contam com a nossa FORÇA BRUTAL.
    Saudações Leoninas.

    • Esse Notingham tinha um ponta de laça muito tosco e bruto, o Peter Withe (é mesmo assim, não é White, como às vezes vejo), mas que as metia lá dentro de uma maneira ou de outra! Outros tempos.

  13. Concordo com a apreciação no entanto continuo a achar que faltará à equipa alguem mais criativo e que empurre o jogo para a frente. Ontem foi claro que com a saida deste novo Adrien o jogo deixou de ser nosso
    André Martins será o tal 10 mas não sei se terá rendimento durante uma época inteira.
    Labyad e Bruma parecem cartas fora do baralho (apesar de ainda acreditar que o Bruma irá fazer um video como o paraguaio ;)). Quanto aos nossos futuros maestros (João Mario, Chaby e Esgaio) tenho o mesmo sentimento que o André Martins, numa época dura com adversarios mais “velhos” e matreiros podem não conseguir aguentar a epoca toda em alto rendimento.
    Daí que gostaria de ver o plantel composto por mais um “10” experiente. Magrão terá vindo com esse proposito mas não fiquei convencido se pode fazer a função. Acho que não faria mal dar uma oportunidade ao André Santos que sempre foi um grande profissional.
    SL

  14. Não pude ver o jogo de ontem.
    Mas pelo que vi desta pré epoca e dos comentários que li ao jogo de ontem:

    RP – sem par à altura

    Cédric Dier Mauricio Jeffreson

    WCarvalho
    Adrien – Este bem me calou
    Magrão (Chaby)

    WEduardo Esgaio (Capel)

    Slimani ( espero que seja o matador )

  15. 1) A derrota contra o braga, apesar de injusta, acho que pode ser útil para voltarmos a perceber onde nos encontramos e assim sermos mais compreensivos com a equipa. Tudo o que for do 4º para cima é bom. Ficar atrás do braga, depois da última época, não envergonharia ninguém. Aliás, parece-me mais inteligente e prudente passar a pressão para o braga.

    2) Rojo desiludiu-me imenso. Está igual. Muito lento nas marcações. E se é bom nos passes longos, por vezes faz passes curtos à queima que podem causar muitos problemas.

    3) Maurício, não sendo nenhum craque, tem raça e acredito que com a classe pura de um Dier ao lado fará a melhor dupla de centrais da equipa.

    4) Nas laterais não há dúvida. Cédric e Jefferson agarraram o lugar. Cédric está muito melhor defensivamente e claramente Jefferson ainda está preso por questões técnicas e acho muito bem. Primeiro ter rotinas defensivas e só depois saber atacar. Por isso é que se chamam defesas…

    4) Rinaudo é suplente. Custa dizê-lo, mas as suas entradas imprudentes, aqueles passes à queima, tornam este jogador bastante perigoso para uma equipa. Parece-me um gajo ideal para entrar quando as coisas não estiverem a correr bem, para dar injecção de moral. De resto, William Carvalho parece-me mais consistente. Faz-me lembrar o Fernando do fcp.

    5) Adrien, indiscutível. Claramente o melhor jogador do Sporting neste início de época. Garra, determinação, pressão alta, qualidade no passe, está lá tudo. Paulo Bento, claramente a dormir, ou então não… O Queiroz também se “esqueceu” do Moutinho, não foi? Enfim… outras contas, de outros rosários…

    6) Carrillo, também me parece indiscutível. É o único jogador, até ver, que claramente tem magia suficiente para surpreender e rasgar uma defesa. Está a defender melhor, já ajuda e tudo.

    7) A partir daqui é que a porca torce o rabo. Nenhum dos 3 que faltam para fechar o onze me entusiasmou. O estilo do Montero faz-me lembrar o Matias. E se assim for, o seu lugar é a 10 e não a 9. É preciso mais para perceber melhor. Cissé é um menino, tem que crescer muito mesmo. Acho que se o Slimani vier deveríamos emprestar o Cissé ou colocá-lo a jogar na B. Quanto ao Slimani, desenganem-se os que pensam que o gajo é excelente. Os vídeos do youtube apenas mostram o melhor. O gajo é tosco, acreditem. Tecnicamente, por exemplo, Ghilas é melhor. Mas no futebol a técnica não é tudo e Slimani parece ter instinto de área e capacidade de luta. Acho que não temos isso em Montero nem em Cissé e como tal parece-me uma boa aquisição.

    8) Na ponta, Capel parece-me demasiado inconsistente. Gosto do gajo, mas enerva-me muitas vezes. Apesar de Wilson Eduardo não ter aquela garra de saltar para cima do defesa, é um gajo que posicionalmente joga muito melhor do que Capel. Além disso cruza mil vezes melhor e remata também melhor. Uma mistura dos dois era perfeito. Talvez, pela experiência, desse a titularidade a Capel, mas o meu coração diz-me Wilson.

    9) Por fim, a posição mais importante para o renascimento do Sporting. O 10. Este lugar é a essência do futebol clássico. É o gajo que recupera uma bola e em dois toques cria uma situação de golo. Por muito que aprecie a vontade de André Martins, o puto é demasiado conservador e não tem rasgo suficiente para partir uma defesa. Se as indicações dadas ontem se confirmarem, o nosso 10 chama-se Magrão. Muito inteligente no posicionamento, tecnicamente muito evoluído. Claramente em baixo de forma criou duas situações claras de golo só através de um bom posicionamento e isso diz muito da classe de um jogador.

    10) Para finalizar, quero dizer que estou optimista, e voltando ao ponto 1) acho que devemos assumir a posição de “underdog”. Nada de expectativas elevadas. Entrar por baixo e sair por cima. Nada sabe melhor.

    SL

    • Ao que chegamos, ficar atrás do Braga que nem metade do nosso orçamento tem já nem é considerado vergonha, tudo bem que há 4 anos que ficamos atrás deles, mas se é pra isso continuar não tínhamos corrido cos croquettes.

      • Tudo tem o seu contexto. Ficar em 4º ou pior frequentemente, com grandes orçamentos, é que é vergonhoso.

        Ficar em 4º circunstancialmente, atendendo à profunda reestruturação em curso, num ano em que se reduziu consideravelmente o orçamento, e desde que isso signifique uma melhoria clara da equipa, da sua confiança e estabilidade, permitindo traçar objectivos mais ambiciosos para o futuro, atendendo também à juventude da mesma, não me parece nada absurdo.

        Pensar no curto prazo apenas tem sido catastrófico para o Sporting. Há que assumir que, mesmo com o terceiro maior orçamento, a estrutura do clube ainda está muito aquém do slb e do fcp, e até mesmo do braga, como se percebeu nesta pré-época em termos de movimentações no mercado. E pensar a médio prazo não é compatível com exigir que uma equipa passe de 7º para 1º numa época.

  16. Do jogo de ontem destaco obviamente as rotinas que já vão estando presentes, pressão, troca de posições, definições tácticas (1-4-3-3 e 1-4-4-2), indices fisicos elevados. E é precisamente para trabalhar estes aspectos que serve uma pré-época, ficando apenas a faltar a finalização e o rectificar de certos erros básicos (Rojo).

    Concordo com os jogadores que apontas para titulares, apenas incluiria o Jeffersson que me parece ser um jogador muito confiante das suas capacidades, tem uma técnica acima da média, tem sentido posicional e ataca com critério.

    O Rojo para mim é um jogador muito básico, só pode ter um grande padrinho no futebol, porque de jogo percebe zero, tempo de entrada às bolas, inteligência e conhecimento táctico não tem, como ficou ontem bem provado (mais uma vez!!). Penso que seria de bom tom vender o rapaz antes que volte a causar mais dano em jogos importantes, o uma equipa como o Sporting, que se quer exigente, não pode NUNCA jogar com um gajo tão básico.

    Gerson Magrão foi uma agradável surpresa, é rápido, ataca bem e tem poder de recuperação de bolas.

    De resto foi semelhante aos ultimos jogos, Patricio, Cedric, Mauricio, Adrien, Jeffersson, Carrillo e Capel em bom nivel.

    Sinceramente gostava de ver o Bruma nesta equipa, faria muitos estragos!

  17. Boas,

    Gostei muito da pré-época, comparada com a do ano passado estamos muito melhores, sem sombra para duvidas.
    estou de acordo com o post do Cherba, e estamos a um mês de preparação.
    Aguardo com entusiasmo o inicio da época, que tal como prometido pelo presidente, vai ser muito melhor que a ultima.

    SL

  18. Apenas vi o resumo (que vale o que vale), mas depreendo que poderíamos facilmente ter metido 3 golos, todos originados por boas jogadas de ataque. Do Braga vi muito pouco. O golo do Braga é um belo golo. É certo que o central que está na marcação ao Edinho não se posiciona da melhor forma, mas para mim o mérito vai para a elevação e cabeceamento do Edinho, sem quaisquer hipóteses de defesa.

    Há que dar tempo à equipa para crescer. O Braga é muito forte e tem uma equipa que vem de anos de trabalho contínuo, orientada pelo treinador que, há 10 anos, iniciou o trajecto vencedor do clube. Nós estamos a começar quase do zero, montando uma equipa inteira sobre ombros de um conjunto de jovens corajosos e promissores.

    Vamos com calma. Há imenso potencial nesta equipa e, como adeptos, temos de criar um ambiente propício ao crescimento destes jogadores. Quando olho para um 11 inicial em que temos Patrício, Cédric, Dier, William e Adrien, encho-me de orgulho. Que outra equipa no país, ou mesmo continente, começa o jogo com metade (ou mais) do 11 composto por jogadores da formação? Para críticas desmesuradas e pressões despropositadas já chega a comunicação social. Nós estamos cá para lutar contra isso e fortalecer estes jovens, para que nos tragam troféus no futuro.

  19. Peço desculpa, mas discordo em, quase, toda a linha. Montero é muito bom jogador, mas não está talhado para jogar sozinho. Quem quiser que renda tem que lhe arranjar companhia na frente (seja Slimani, seja um Magrão que dure mais de vinte minutos). André Martins só pode ser o “gémeo” de Adrien, não sobe à área, não remata, não desequilibra.

    Desculpem-me o desabafo, mas estou farto desta MERDA que se entranhou no Sporting em que se ache absolutamente normal atacar com 3 elementos (um dos quais encravadíssimo entre os centrais). Venha Slimani, que seja bom reforço, e que jogue COM Montero.

    PS Marcámos menos 24 golos que o Braga do que o ano passado, parece-me impossível que se continue a bater na mesma tecla.

  20. O Carrillo é uma autêntica merda. Salta à vista que a solução passa por Wilson Eduardo, um jogador muito mais perigoso e versátil. O 11 do Sporting deverá ser este:

    Patrício( ou Boeck, se Patrício for vendido por bom dinheiro)
    Cedric, Dier, Maurício, Jefferson;
    Wilson Carvalho;
    Adrien Silva e André Martins;
    Capel, Montero e Wilson Eduardo.

    Chaby é quanto a mim ainda melhor alternativa que o Carrillo, pois basta ver o jogo de ontem para se perceber a quantidade de bolas que aquele burro de merda perde durante um jogo. Com Wilson Eduardo a equipa ganha um ala que muitas vezes joga a 2.º avançado, e que marca golos.

    • Realmente o futebol é fantástico! Vemos a mesma coisa e concluímos coisas totalmente diferentes.

      Não concordo nada com a análise ao Carrillo. É dos poucos virtuosos que podem fazer a diferença de um momento para o outro, como, aliás, ontem se viu.

    • O Carrillo não é um jogador de merda, é um jogador q ainda n está totalmente trabalhado. Eu por vezes tb vou à lua com algumas decisões q ele toma, mas se for trabalhado e se soltar a bola mais cedo, pode ser um jogador nuclear neste Sporting . É o unico que consegue desiquilibrar no um para um, e qd resulta é um perigo, o problema e esse mesmo, por vezes exagera e perde a jogada.
      Vamos ver como o LJ trabalha o gajo, mas digo-te já tb, para mim é mais esse ano de tolerância com o Carrillo, se n se afirmar entao pode ir de vela.
      SL

      • 1. WILLIAM Carvalho, it’s not hard, people.
        2. Sabem quem é que também era um ‘agarrado’ e uma merda e nunca passava a bola? O Nani…

  21. Haja fé nos putos e no mister!!!

    Temos bons jogadores, temos um bom treinador e estamos a construir uma equipa!

    Uma equipa com falhas (e vai continuar a falhar…) mas que revela: garra e colectivo. O resto virá com o tempo….

    Primordial? Varrer os craks do Godo/Duque/Freitas, incluindo o sr. Labyad 2 milhões por época. Quanto ao Carrillo… já não acredito: vai para a 3ª época no Sporting e continua a mesma merda inconsequente… Esse quer putas & vinho verde

  22. Ainda algumas notas sobre o jogo de ontem e os seus reflexos para o futuro:

    1- O Rojo não é o mesmo gajo que acabou a última época e voltou à mediania que o vinha caracterizando. E não digo isto por causa do golo de ontem (quem jogou futebol sabe que muito dificilmente algum defesa conseguiria impedi-lo) mas por tudo. Para mim, a defesa é Dier e Maurício (com Ilori à espreita).

    2 – Sempre gostei do Cedric. Gosto de defesas que atacam. Acho piada aos que o criticam no golo de ontem. Como se um gajo lesionado e deitado no chão pudesse fazer alguma coisa para impedir um golo. Enfim…

    3 – Mais que o Rafa, quem gostaria ver no Sporting era o Edinho. Um bom pinheiro para ter no banco. Melhor que Cissé, que ainda tem muita pedra para partir.

    4 – O Carrillo está em altas, mas para alguns parece que ainda não chega. Devem querer o Messi ou o Ronaldo. Só pode.

    5 – O Capel não está em forma, mas vale pela alma e pelos amarelos que consegue sacar. Por mim, fica e entra sempre nos últimos 20 minutos.

    6 – Gosto da nova postura do Sporting. Equipa subida e a pressionar alto. Sufocar o Braga não é para todos.

    7 – Devo ser o único a achar isto, mas o Montero vai marcar golos.

    8 – Rinaudo perdeu definitivamente o lugar para W. Carvalho.

    9 – W. Eduardo ainda vai a tempo de explodir. Pode vir a ser um novo Varela.

    10 – Enquanto houve Adrien, não houve meio-campo do Braga. Só P. Bento para achar que R. Micael, é superior.

    11 – Gosto do Maurício.

    12 – O Magrão não entrou mal, nem bem, antes pelo contrário.

    13 – Estou fdd com o resultado, mas se tivéssemos jogado o que o Braga jogou ontém e tivéssemos ganho, estava muito mais.

    14 – O Braga tem uma defesa de merda e um ataque remendado, mas vai ser duro de roer.

    É isto.

  23. Há uma coisa que se diz e é totalmente verdade nesta situação: Em jogos amigáveis, prefiro uma derrota e um jogo bem conseguido, do que uma vitória e um jogo de merda.
    A doer, e era importante ganharmos à Fiorentina, as bolas têm de entrar e aí será diferente.

    Quanto à equipa, na baliza, fica uma sensação estranha, é cada vez mais importante segurar Rui Patrício, Marcelo não me pareceu em forma, algo perdido com os colegas.

    Defesa: Cedric é dono do lugar, basta vez o jogo de ontem. Gostava de ter visto mais Dier, penso que seja o central mais completo nesta altura, Mauricio por enquanto o lugar é dele, não dá uma bola por perdida. Completa a defesa, Jefferson, boa capacidade para os cruzamentos e livres e competente a defender. (Curioso pensar ou até comparar este ao Joãozinho, e ontem ficou comprovado).

    Médios: William e Adrien parecem me indiscutíveis nesta altura. A duvida mantém se em André Martins ou Magrão. Penso que será o primeiro, pela falta de condição física do ultimo, mas a curto prazo vai ser uma luta interessante e que trará mais opções na vertente táctica.

    Avançados: Carrillo, o lugar é dele, quanto a Capel ou Wilson, gosto dos dois, trazem coisas diferentes, mas em casa e contra o Arouca acho que a escolha vai recair pelo o Capel. A ponta de lança é o lugar que mais duvidas me cria, vou esperar para ver Slimani, no domingo, logo dou a minha opinião. Montero parece-me um bom jogador, mas ainda pouco entrosado e nesta altura precisamos é de alguém que marque golos jogando bonito ou não.

    SL

  24. Tenho pouco tempo para comentar…vou tentar ser sucinto.

    Ideias chave: Nesta pré-época é notório o crescimento da equipa. Ontem criámos ainda algumas situações de golo, falta concretizá-las. Adrien…está um espectáculo! Rui Patrício dá-me muita confiança, Marcelo ainda não. Defensivamente as bolas aereas tão a fazer mossa. Gosto da movimentação da equipa a meio campo.

    O 11 com que começava o campeonato: RP, Cédric, Dier, Rojo, Jefferson, William Carvalho, Adrien, André Martins, Carrillo, Montero e Wilson Eduardo.

    É uma pena não termos Bruma e Ilori porque eram titulares de caras. Rojo passava a lateral e W.Eduardo ia para o banco.

    Isto dos resultados em pré-época é muito relativo. Lembro-me que com o Paulo Sérgio ganhámos à Juve e ao City (se não me engano) e durante a época jogámos zero. Já Villas Boa teve uma pré-época com poucas vitórias e depois fez o campeonato que fez! O importante é que se nota já bastante dedo do Jardim.

  25. Patricio, Cedric, Mauricio, Rojo, Jefferson, William, Magrão, Adrien, Carrillo, Esgaio, Montero. Era este o onze com que atacava o Arouca !!
    Não explico porquê, digo apenas porque sim !! É um onze que me deixava contente ( para já ). Com o tempo gostava de ser o Rojo na esquerda e o Dier no meio. Magrão … Magrão … porque não temos ninguém com aquela passada e com aquele corpo no meio campo ofensivo. Em forma, o ” rapaz ” senta o André Martins ( de quem gosto bastante mas, está com um andamento lento ).
    SL

  26. Duas questões aqui para os cacifeiros:

    – Quem diz que o Rojo é bom a defesa esquerdo, alguma vez o viram a jogar nessa posição?

    – O Cissé não está a cumprir o ramadão?

    • Por acaso já o vi jogar a defesa esquerdo, mas somente na seleção argentina, na qualificação para o Mundial. No Spartak lembro-me dele à esquerda, mas parece-me que usavam 3 centrais, ficando ele no lado esquerdo.

      Ele recebeu várias criticas dos adeptos argentinos, jogando a lateral esquerdo. Eles lá sabem… eu, do que vi, até gostei das suas exibições, nomeadamente uma frente ao Uruguai.

      • Eu não gostei nada de o ver a lateral das 5/6 vezes que o vi, duas no Spartak num sistema de 4 centrais, outras tantas na seleção e outra no sistema de 3 centrais em que ele “fazia” o corredor todo.

        A conclusão que tirei é que é um jogador com execelentes caracteristicas (rápido e alto) para um defesa, mas tem uma lacuna muito grave, falta de inteligência, o que provoca falhas de concentração.

        Tivesse ele disponibilidade mental e aí sim poderia ser um jogador de qualidade.

      • Sim foi ontem, parece-me razão suficiente para explicar o “apagamento”.

        Ele faz bem melhor e vai mostrá-lo.

  27. dois sistemas, dois onzes:
    4-3-3
    patricio
    cédric maurício dier jefferson
    w carvalho (rinaudo)
    adrien andré martins (magrão)
    w eduardo (capel) carrillo
    montero (slimani)

    4-4-2
    patricio
    cédric maurício dier jefferson
    w carv. (rinaudo) adrien
    w eduardo (capel) carrillo
    montero
    slimani

    • e tenho de discordar sobre o jefferson, cherba. em termos atacantes parece-me mesmo excelente – não ninguém no plantel a cruzar melhor que ele -, e acho que ontem até já esteve mais agressivo a defender – o que só pode ser dedo do LJ.

      • O Jefferson, songue?! O Jefferson dá “todos os ares” de ser outro apreciador de croissants com os mais variados recheios. Não há dedo de treinador que resolva isso. Qualquer extremo com capacidade de “mudança de velocidade” passa por ele nas calmas.

        Já se percebeu que o Jefferson não me convence, não é?

  28. Partilho da sua opinião caro escritor. E em todo o texto só tenho um reparo a fazer em relação ao 11 inicial eleito por si.
    André Carrilo.. Apesar de notar-se que está diferente sendo desde então um jogador mais maduro, ainda precisa de ser trabalhado.
    Continua a fazer jogadas demasiado elaboradas sendo ainda um pouco rebelde a nível táctico, embrulhando jogadas de forma infantil. Melhoraria, e muito, se joga-se de forma mais simples e rápida (o que é algo que quando o faz em combinações com Adrien e André Martins por ex, desequilibra completamente a defesa adversaria).
    Do 11 que apontou… Será mesmo o único que talvez discorde por essa razão.

    Quanto ao restante texto concordo completamente.

    Penso que todos os Sportinguistas sentem-se de certa forma orgulhosos por ter um presidente como o BC, e um treinador como LJ. Estão a mostrar trabalho empenho, força e garra…e é exactamente disso que o nosso clube precisava.

    Saudações Leoninas

  29. Nao vi a segunda parte do jogo de ontem, mas os jogos que vi na pre-epoca acho que o melhor 11 e o seguinte:
    Rui Patricio
    Cedric Dier Rojo Jefferson
    William Adrien A.Martins
    Capel Montero Carrillo

    Falta-nos uma boa alternativa para o William. Seria Dier, mas assim faltaria uma alternativa para central.

    Leonardo Jardim tem ainda muito trabalho com Rojo e com Andre Martins. Para esta ultima situacao, Joao Mario podia ser uma aposta mais efectiva.

    Uma equipa que quer jogar em posse de bola nao pode ter como titulares Mauricio e Rinaudo. Sao algo limitados tanto no primeiro toque como a soltar a bola.

    Achei bastante interessante o jogo do Jefferson ontem. Bem como do William Carvalho (como e possivel dizer que so passa para tras e para o lado, e nao tem sentido posicional?) E claro de Adrien. A provar aos sportinguistas que tem valor.

    Por fim, LJ esta a superar as minhas expetativas.

    Saudacoes Leoninas

  30. Eu jogaria com Patricio, Jeffersson, Cedric, Dier e Rojo.

    Rinaudo, Adrien e Montero como 10 ou segundo avançado, parece-me que tem uma boa meia distância e recebe/segura bem de costas para a baliza.

    Na frente era Carrillo, Capel e um PL que podia ser o Betinho, o Ponde ou “pinheiro” Slimani.

    SL

  31. Desculpem a repetição, mas sendo este post destinado ao jogo de ontem…

    Espero que percebam agora o meu entusiasmo com o Slimani!

    Falta a esta equipa um 9 a sério. O Fredy é um belo avançado mas para jogar nas “costas”.

    Em grande: Adrien e Patrick Carvalho!

    Magrão ofensivamente é interessante e serei eu o único que viu o homem a ganhar 4 ou 5 “divididas”????

    Os laterais tiveram soberbos! Bem a defender e entre os 2 meteram 7/8 bolas a pingar na área. Hoje com o Slimani em campo tinhamos espetado uns 4 ao braguilha…

    Última nota para Leo Garden. Dou o benefício da dúvida por se tratar de um jogo de preparação. É a 2ª vez que experimenta o duplo pivot. Mas trocar Adrien pelo Rinaudo estando a perder ?!? WTF… Não gostei e morremos aí!

  32. O Montero é um bom jogador, só não vê quem não quer. Se bem me lembro, o Acosta só ao quarto jogo é que marcou um golo e a primeira época dele não foi um primor. Enfim… bastou uma derrota, num jogo em que nem estivemos mal, para vir toda a gente dizer que, afinal, esta equipa é uma merda… e a cereja no topo do bolo são as conversas de café, como ouvi ontem, de que o Jesualdo é que era e que este Jardim não vale um corno…
    E o campeonato nunca mais começa, que ressaca de bola!!

      • Não me referia exatamente ao que se lê por aqui, mas antes do que ouvi de outras pessoas durante o jogo, do que leio em comentários noutros lugares e, sobretudo, do imbecil que o comentou na televisão. Mas sim, 95% dos que disseram mal não interessam.

      • Ah, OK, não tinha entendido que te estavas a referir ao universo fora do Cacifo. Confesso que já não tenho grande paciência para ler opinadores do bota abaixo sistemático. Para esses é sempre tudo mau.

  33. O Montero vê-se que é craque, a nível técnico é do melhor que temos, tem é de melhorar a finalização para jogar em 4-3-3 ou então jogámos em 4-4-2 com ele nas costas do Slimani (isto é que eu gostava de ver!)

  34. Montero é um bom jogador, pode nao ser o tipico 9, não é um jogador para andar perdido na área como o cardoso, mas se o LJ enquadra-lo bem no ataque, estou convicto que será uma grande valia para a nossa equipa.
    Tem pormenores que revela ser um bom jogador.

  35. tenho muita muita pena pela situação de bruma, ilori e labyad. e cada dia que passa mais óbvio fica que nenhum deles cá permanecerá. com estes três, tínhamos um plantel competente e promissor.

    patrício
    cedric; ilori; dier; rojo (estou contigo, jefferson não me convence)
    william carvalho
    adrien; martins (ou labyad ou joão mário)
    carrillo e bruma nas alas
    montero na frente.

    tenho mesmo pena.

  36. Amigos Sportinguistas,
    Notas sumárias:
    A) Colectivamente.
    1 O Sporting apresentou-se muito dominador no 1º tempo, com uma segurança defensiva já apreciável, sendo que ao longo dos 90 minutos mostrou ser uma equipa, neste jogo, superior ao adversário que só a espaços conseguiu realizar algo do ponto de vista ofensivo.
    Houve falta de ideias no 2º tempo para destroçar um meio campo que, entretanto, foi amarrado pelo mister do Braga.
    2- Há muito trabalho pela frente mas nem os sportinguistas devem embandeirar em arco nem os adversários menosprezar o Sporting (acontece junto dos comentadores televisivos mas infelizmente para o Sporting os adversários não vão cometer esse erro).
    3- Destaque para 5 oportunidades de golo falhadas.

    B) Individualmente
    1- Onde é que andava este ADRIEN? Foi, de longe, o melhor jogador do torneio mostrando um nível futebolístico em todos os capítulos de top, destacando-se de todos os outros jogadores do torneio.
    2- Excelente jogo do CEDRIC. Como foi possível os comentadores da RTP terem passado 90 minutos sem terem destacado a performance deste jovem lateral? Temos de viver com a mediocridade dos comentadores televisivos. A industria do futebol tem de melhorar muito neste aspecto. Chega a ser confrangedor.
    3- O MONTERO ainda não está bem fisicamente mas é um jogador de categoria. Técnica e tacitamente evoluído é expert em jogar em espaços curtos onde faz uso da sua habilidade e felling. Precisa de conhecer melhor os colegas para intuir o que eles estão a pensar e vice versa. Ontem foi muito perdulário. O perfil do jogador traçado pelo comentador é de morrer a rir.
    4- O MAGRÃO é um cavalo mas está mal fisicamente e não tem, obviamente, entrosamento. Também falhou um golo após uma assistência brutal do Adrien.
    5- No último jogo contra os ingleses, chamei a atenção para o facto do ROJO ter perdido todos os lances aéreos que disputou. Ontem, apesar de ter feito um jogo relativamente interessante perdeu uma bola de cabeça que deu golo. O avançado foi mais lesto a intuir o lance e, numa fracção de segundos, o Rojo perdeu o lance proporcionado um excelente golo ao Edinho.

  37. Meus caros Cacifeiros Sportinguistas,

    Já disseram quase tudo sobre a partida de ontem. Contudo continuam algumas franjas de adeptos a entrar pela critica desabrida a jogadores acabados de chegar ao Sporting Clube de Portugal. Assim não pode ser. Ainda nem fizeram uma dúzia de treinos no clube e já estão a ser bombardeados. Além disso jogaram num batatal onde bola não rolava, andava aos repelões.

    Eu tenho confiança na Direcção Leonina, na Admnistração da SAD e, sobretudo, na equipa técnica liderada por Leonardo Jardim!!!

    Só tenho um reparo sobre a forma de jogar da equipa. Não podemos defender como defendemos (isto já vem do tempo do p.bento) no lance que deu o golo do braga. Os laterais e médios defensivos têm que atacar a bola e/ou o jogador adversário que a leva, e se necessário for fazer falta. Não podemos ficar à espera de ver o que o jogador vai fazer. Mais, contra filhos da puta como aquele rato madeirense micael, só há uma forma de jogar, é com a “faca na liga”, isto é sempre a dar-lhe nos cornos.

    SL

    P.S. – Bem vindo Slimani!!!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s