A caminho de Alvalade

Deixo as portas abertas a todos os Leões que queiram fazer do Cacifo a sua bancada, criando uma corrente verde-e-branca (preparem-se para a coreografia que vai pintar todo o estádio com essas cores, daqui por quatro horas).
Que o Sporting esteja convosco!

Anúncios

Era obrigar toda a gente a ver isto antes de ir dormir

Fico com um nó na garganta ao ver a forma como um italiano, que por cá passou um ano, soube entender o Sporting, encarnar o Sporting, viver o Sporting, amar o Sporting! Mais do que palavras, o momento em que ele veste a verde e branca ao filho é um arrepio no coração.
SPOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOORTING!

 

 

 

Informação importante para sábado

Informam-se todos os sócios e adeptos do Sporting, que normalmente acedem ao interior do Estádio José Alvalade através da Porta 1, de que, no sábado, dia 31 de Agosto, no jogo Sporting-Benfica, a entrada será feita pelas Portas 2 e 4, por uma questão de comodidade.
Assim, e por motivos de segurança, a Porta 1 estará reservada aos adeptos do clube visitante.

Que saudades de sentir esta ansiedade

Faz parte do sentimento de qualquer Sportinguista que se preze: os jogos começam a ser vividos com antecedência, demasiada por vezes, num contrair do estômago que se vai intensificando à medida que se aproxima o apito inicial.
Fruto do que temos vivido nos últimos anos, com direcções apostadas em transformar o Sporting numa empresa tão emocionante quanto a farda bancária e plantéis onde não faltaram jogadores incapazes de se comprometerem com a causa leonina, esse sentimento foi-se esbatendo. Salvo raras excepções, o jogo começava a ser vivido aquando do apito inicial. E pior, era vivido com um maldito sentimento de desconfiança sobre o que podíamos esperar.

Esta época vive-se algo completamente oposto. Mesmo sabendo que há um longo caminho a percorrer e que este novo projecto e esta nova equipa têm mil e uma batalhas para travar (e que há muita estratégia por afinar), há o regresso de um sentimento delicioso: a ansiedade. Se vivi com entusiasmo o regresso a casa, na primeira jornada, se comecei cedo a imaginar o que aconteceria em Coimbra dizendo a mim mesmo  «não exageres, meu, que isto tem que ser jogo a jogo e as goleadas não acontecem todas as semanas», esta semana tenho sofrido de «stress de dérbi» como há muito não sentia.

Não vejo a hora de chegar sábado à noite e de eu poder agradecer, com o meu apoio, o facto de me terem permitido voltar a sentir algo assim!

Se não puderes ir, empresta o teu rugido!

Cerca de 36 mil lugares, quantificados em bilhetes válidos (Gameboxes e bilhetes normais), já estão reservados para o grande derby de sábado.
A questão que aqui se levanta, e isso acontece em todos os jogos que o Sporting joga em casa, é que há pessoal que tem gamebox e que por este ou por aquele motivo não pode ir. Também há sócios que não podem ir, mas que têm amigos ou familiares para quem seria uma prenda fantástica poder estar presentes em Alvalade (e só não o fazem por não terem possibilidade de pagar o preço de um bilhete de adepto).

Por isso, lanço o desafio: se não puderes estar em Alvalade, escolhe outro Leão para o ocupar o teu lugar! Todos os rugidos serão poucos para conseguirmos ganhar mais três pontos (e estes com um tempero especial)!

alvalade