O que é que isto poderá significar?

Diogo Salomão renovou o vínculo contratual com o Sporting por mais cinco anos e com uma cláusula de rescisão no valor de 45 milhões de euros.
Mas é jogador da equipa principal? É reforço da B? É para ser emprestado?

75234

Anúncios

Mexericos

Boek emprestado, com Cássio a chegar a custo zero para morder os calcanhares a Patrício. O Cássio é bom guarda-redes. Ponto. E, depois do que vi no Guadiana, o Boek é capaz de precisar de desenferrujar durante uma época. Só continua a levantar-me dúvidas o que se perde em termos de balneário e o número de anos que serão propostos a Cássio.

Labyad a treinar com a equipa B (que luxo, o gajo mais bem pago do plantel às ordens de Abel), Nuno Reis, Salomão e André Santos a treinar com a equipa principal. A propósito; renovar com o Salomão? Para quê?

Salomices

Eu não sei o que vale Diogo Salomão. Digo-o muito sinceramente.
Os jornais pintaram-no como um diamante em bruto. Os meses em Alvalade pouco mostraram, para além de alguns bons pormenores técnicos e uma clara imaturidade para gerir os tempos e as situações de jogo. Resumidamente, continuo sem saber se temos ali uma pérola se mais um jogador com alguns fogachos a quem auguram um futuro demasiado grandioso.

A culpa poderá ser de quem não o colocou em campo, travando uma possível evolução e, quem sabe, afirmação, mas também poderá não ter sido mau de todo ele ter ficado na sombra, evitando queimar-se na verdadeira fogueira que foi a última época leonina. Chega, agora, à Corunha, onde poderá jogar com maior regularidade no Depor local, sendo clara a mensagem deixada pelos dirigentes do Sporting: acreditam nele e no seu potencial, daí terem feito um empréstimo sem opção de compra para o clube galego.

Claro que o rapazinho, que já tinha mostrado ser parvo o suficiente para encher o seu Facebook com merdas dos sem nome (e depois o Diogo Rosado é que não pensa), tratou de confirmar que não basta um aparelho nos dentes para se fazer boa figura quando se abre a boca e afirmou que o empréstimo lhe agrava muito, até por ser no estrangeiro, e que até era possível ficar no Depor. E que tal mostrares que tens lugar no Sporting, evitando que o propalado “rei Salomão” se transforme em mais um qualquer Lourenço desta vida?

 

p.s. – bem jogado o empréstimo de Wilson Eduardo, Pereirinha e Mexer ao Olhanense, clube orientado por alguém que já mostrou saber valorizar jovens jogadores.
p.s.2 – quando penso que depositamos tantas esperanças no Salomão, não posso deixar de continuar a questionar-me no porquê de não olharmos para os jovens jogadores do continente africano. Agora é Souleymane Coulibaly, da Costa do Marfim, a dar nas vistas, no Mundial de sub-17, com oito golos em 3 jogos (aqui dá para ver os 3 que espetou ao Brasil, cada um melhor que o outro http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=F1LQsbuG_Bk ). O Siena já lhe deitou a mão, mas há por lá outros diamantes africanos (como o pequeno número 7, Jean Kouassi, com pormenores a fazer-me lembrar o Amunike).