Isto não é forma de iniciar uma parceria

Diz que a CMtv vai poder transmitir os aquecimentos do benfica, a escolha de campo e os primeiro cinco minutos de cada jogo, na luz. Muito bem, isso explica o nojo de capa que foi publicada ontem, na versão papel do CM. Mas cheira-me que a parceria vai dar merda se começam a lixar o orelhas de forma tão descarada, obrigando-o ao ridículo de afirmar «não…não… não… não são estas imagens [nota: não era isto que tínhamos combinado]… se quiserem passar isto assim, se quiserem passar desta natureza, encantado da vida, eu não vou comentá-las [nota: se isto continua assim, vais filmar mas é o caray!]».

 

1, 2, 3, tentem lá outra vez

Foi o Santa Clara que pediu ao Sporting a alteração da data e a marcação da hora naquela sobreposição e o Sporting tinha a hipótese de recusar, porque o que está regulamentarmente previsto é a proteção das equipas B, mas abdicou, em seu prejuízo dessa faculdade de diferenciar as datas da equipa principal“, afirmou Mário Figueiredo, presidente da Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP).

Mas o desespero é assim tão grande?

Caro Rui Caracolinhos Santos, caro Manha, caros Caras de Pila que descobriram a pólvora com aquela “estória” do Sporting e do Sporting B terem jogado no mesmo dia. Isto passou-vos despercebido?

liga

Caro Joaquim Mete Nojo Evangelista, está tão preocupado com o Bojinov e todos os outros jogadores ligados (ou anteriormente ligados) ao Sporting, e deixa passar em claro uma situação como esta?

miguel lopes

METAM UMA COISA NESSAS CABEÇAS DE MERDA: QUEREM GUERRA, TÊM GUERRA!

Mama, Baldé!

E mama, Bebiano! (mete os 65 mil euros e a tua teoria ridícula nessa peida!)
E mama, Bruma. Agora pede aos turcos e a meio mundo que anda atrás de ti, para largarem 15 milhões e te levarem de vez!
E mama, Bufas! A estratégia de ameaçar a família do puto não deu resultado.
E mamem todos aqueles que se preparavam para festejar um falhanço do Sporting!

Mania das grandezas

Vale tudo para tentar atingir o Sporting.
Para o jogo de ontem, venderam-se cerca de 2500 bilhetes. O que é que a nossa comunicação social faz? Diz que estiveram 500 adeptos a assistir ao jogo.
Entretanto, Bruno de Carvalho, presidente do Sporting Clube de Portugal, afirmou que o seu objectivo é transformar o Sporting no grande clube de Portugal. E o que é que começa a circular, com a agravante de serem blogues afectos ao Sporting a alimentar a palhaçada? Que Bruno de Carvalho afirmou que quer transformar o Sporting num grande clube.
Perante estes “pormenores”, permitam-me perguntar-vos? Quem é que inventou que nós somos três milhões? Onde é que esses números estão provados? Então, aqui fica: há quatro milhões de Sportinguistas espalhados pelo mundo. Desmintam-me, se forem capazes!

RESPECT!!! (há quanto tempo eu sonhava com este momento)

Lion-013-2048x2048

A Direcção do Sporting Clube de Portugal e a Administração da Sporting SAD sempre afirmaram que no âmbito dos cargos para que foram eleitos e das funções para que estão mandatados, pretendem manter relações institucionais com todos os clubes e com eles trabalhar em prol do bem comum, o desporto nacional.

Foi sempre deixado bem claro que nunca seriam toleradas posições de subserviência relativamente a nada, nem a ninguém. Foi igualmente reafirmado inúmeras vezes que todos aqueles que se relacionam ou queiram relacionar com o Sporting Clube de Portugal terão que o fazer numa base de entendimento, assente no respeito mútuo.

No passado dia 2 de Junho de 2013, nos momentos que antecederam a final da Taça de Portugal, em Andebol, no Pavilhão de Tavira, os responsáveis da organização promoveram um encontro institucional de apresentação de cumprimentos entre os membros das Direcções do Sporting Clube de Portugal, representado pelo seu Presidente Bruno de Carvalho e do Futebol Clube do Porto, pelo vice-presidente Adelino Caldeira.

Naquele encontro, quando o Presidente do Sporting Clube de Portugal, no âmbito institucional e por normais princípios de urbanidade se preparava para cumprimentar o representante máximo da delegação adversária, este assumiu uma conduta inqualificável de total desrespeito pela instituição Sporting Clube de Portugal, com cenas lamentáveis que de imediato mereceram o devido repúdio e uma resposta cabal por parte dos dirigentes do Sporting Clube de Portugal.

Face aos graves acontecimentos ocorridos, que se traduziram num total desrespeito pela Instituição Sporting Clube de Portugal e após ter decorrido o tempo suficiente para que os dirigentes do Futebol Clube do Porto se demarcassem e retratassem da inqualificável conduta do seu representante, vem a Direcção do Sporting Clube de Portugal comunicar que suspende todas as relações institucionais com o Futebol Clube do Porto até que fique claro o seu efectivo respeito pela nossa Instituição, e sua efectiva vontade de estabelecer relações normais e de respeito pela Instituição Sporting Clube de Portugal.

Lisboa, 05 Junho de 2013
A Direcção do Sporting Clube de Portugal