Um estúpido será sempre um estúpido

Caro Rui Oliveira e Costa,

confesso não ser seguidor de nenhum dos programas televisivos que, supostamente, servem para discutir as incidências do nosso futebol. Acho-os, regra geral, muito maus. E uns dos principais culpados são, precisamente, os paineleiros, entre os quais o caro Rui.
Eu entendo que com o elevado taxamento das bebidas destiladas, a que se junta o fim da farra que era a sua ida a Alvalade, em dias de jogo, mamar cinco mil euros mensais para debitar alarvidades é um achado. Mas o que o caro Rui se esquece, é que não está a ser estúpido em nome próprio (até porque, dessa forma, não seria novidade); está a fazê-lo como sendo um representante do Sporting.

É verdade que ninguém, com efectivas responsabilidades, o escolheu como representante. E que deverão contar-se pelos dedos os Sportinguistas que se revêem nas suas inacreditáveis opiniões (por cada ROC haverão, pelo menos, 100 mil Leões). Mas, ainda assim, somos obrigados a sentir vergonha alheia quando o caro Rui resolve largar mais uma das suas barbaridades.
E, tendo em conta o que me chegou, diria que a última ultrapassou todas as marcas. Afirmar que o presidente do benfica não podia falar em faixas encomendadas, pois esse é o tipo de discurso que o Paulinho tem lá no roupeiro (aqui, a partir do 1m20) é uma tremenda falta de respeito por alguém que, há anos, mostra um amor genuíno pelo Sporting. Ao contrário de si, que se serve do Sporting ora para ter um belo extra mensal, ora para comer e beber à conta antes de gritar, lá do alto, que o Labyad tem que jogar porque a selecção da holanda espera por ele.

Caro Rui, faça-nos um favor: vá para a real pila que o empale. Mas caia de boca, para ver se, de uma vez por todas, nos livramos do seu sportinguismo pequenino e alcoolizado.

Anúncios

Mas o desespero é assim tão grande?

Caro Rui Caracolinhos Santos, caro Manha, caros Caras de Pila que descobriram a pólvora com aquela “estória” do Sporting e do Sporting B terem jogado no mesmo dia. Isto passou-vos despercebido?

liga

Caro Joaquim Mete Nojo Evangelista, está tão preocupado com o Bojinov e todos os outros jogadores ligados (ou anteriormente ligados) ao Sporting, e deixa passar em claro uma situação como esta?

miguel lopes

METAM UMA COISA NESSAS CABEÇAS DE MERDA: QUEREM GUERRA, TÊM GUERRA!

A confirmação do merdas que és

 «Sei da dedicação do engenheiro Nobre Guedes à situação financeira do Sporting», Rui Oliveira e Costa.

Fight and resist!

leão

Fight and resist! Que mais poderia eu escrever depois de ler isto:
«Chegou-nos a informação que Eduardo Barroso, depois de ter almoçado ontem com o Godinho, inverteu as suas intenções de dar voz aos sócios de imediato e estará com a intenção de adiar a AGE para finais de Fevereiro ou princípios de Março», in facebook do Ideal 1906.

O pior, é que temo que seja verdade, depois das declarações de EB proferidas ontem:
«Há aspetos fundamentais da vida do Sporting para resolver. É fundamental respeitar o mercado de janeiro, é agora que se fazem dispensas, que se compram jogadores e que se ganha dinheiro [nota do Cacifo: até tremo quando penso no que esta ideia, materializada pelo Godinho, possa significar] para tornar mais saudáveis as finanças do Sporting […] Depois há uma reestruturação financeira que está em marcha e na qual deposito grande esperança. E por fim há a convocação de Assembleia Geral, se forem cumpridas as condições estatutárias. Tenho a obrigação de contribuir para que o Sporting possa serenamente encontrar uma solução».

Aproveito, igualmente, para dizer, que qualquer candidato será riscado do meu mapa, caso inclua o nome de Eduardo Barroso na sua lista. E nem tem a ver com este rumor (embora já comece a cheirar mal tanto tempo para confirmar assinaturas), antes com tudo o que este senhor tem vindo a dizer e a fazer, parecendo um moinho de vento, sendo a rabanada mais forte aquela que ele mesmo proferiu (e que deveria merecer uma investigação séria e uma justificação perante todos os Sportinguistas):
«Quanto às irregularidades, Barroso explicou que «houve 400 sócios que votaram sem passar nos computadores» e revelou: Dias Ferreira [candidato] disse: “Impugnem as eleições porque eu só não impugno porque perdi por muitos.” De acordo com o agora presidente da AG leonina, «houve outro [candidato] que pôs uma providência cautelar». Barroso explicou por fim: «Só não impugnou porque sportinguistas responsáveis como eu dissemos para o não fazer. Foi tudo mal preparado. Os votos foram metidos nuns sacos, nem sequer houve recontagem. Todos os candidatos souberam que houve irregularidades, que foram colocadas de parte em nome do Sporting.» (in MaisFutebol).

Estabilidade, caros Leões. Estabilidade. (puta que pariu!)