Mexericos

Boek emprestado, com Cássio a chegar a custo zero para morder os calcanhares a Patrício. O Cássio é bom guarda-redes. Ponto. E, depois do que vi no Guadiana, o Boek é capaz de precisar de desenferrujar durante uma época. Só continua a levantar-me dúvidas o que se perde em termos de balneário e o número de anos que serão propostos a Cássio.

Labyad a treinar com a equipa B (que luxo, o gajo mais bem pago do plantel às ordens de Abel), Nuno Reis, Salomão e André Santos a treinar com a equipa principal. A propósito; renovar com o Salomão? Para quê?

Super Slim

Parece que vou ter que dizer à minha filha que há um super herói mais cool do que o Homem Aranha! (ainda por cima o gajo usa uma mochila a fazer lembrar a do Iordanov!)

 

O que já foi, o que ainda está e o que há-de vir

Em declarações ao jornal do Sevilha, Daniel Carriço recordou o tempo em que vestiu de verde e branco e deixou uma nota elucidativa: «Os últimos anos foram complicados porque mudámos muitas vezes de presidente e treinador. Eu  era capitão, tinha apenas 21 ou 22 anos e tudo mudava. Éramos jogadores da casa, mas em dois anos chegaram 25 ou 26 jogadores novos e os que já lá estavam sentiam-se deslocados».

Entretanto, Labyad é uma estranha ausência na lista de convocados para o Torneio do Guadiana. Numa altura em que as opções começam a ser mais finais, será que está de saída?

Cardozo já deu a conhecer, através do seu empresário, que nem quer ouvir falar em jogar no Spartak de Moscovo. «Só se eu fosse estúpido é que voltava a equipar de encarnado e branco!», terá dito o paraguaio, segundo confidenciou, ao Cacifo, o seu irmão, Rámon Carodozo. Tacuarita, disse-nos, ainda, que Oscar Cardozo está «entusiasmado com a possibilidade de ir para o Sporting. Ele ainda hoje fala na noite em que, com o estádio da Luz cheio, só conseguia ouvir os adeptos do Sporting

Cardozo perto de Alvalade e outras iguarias

– Eu acho que existem jogadores extraordinários em África e a Nigéria é um dos países responsáveis por isso (volta, Amunike, e traz-me um Yekini), mas não percebo esta insistência dos jornais em quererem vender-nos um médio defensivo. Primeiro Luiz Antônio (anTônio, foda-se…), agora Ogude. William Carvalho e Rinaudo. E ainda há Fokobo. Bah!

– Evaldo até 2015, com redução salarial para metade?!? Medo, muito medo… (já agora, o empresário do rapaz é louco e acha que ele foi pouco acarinhado em Alvalade. Uma espécie de patinho feio, portanto. Eu diria que, com uma casca de ovo na cabeça, o Evaldo parecia o Calimero. Mas mais feio. E com menos jeito para o futebol);

– Sporting recusa nova proposta do Marselha e pede 7 milhões para começar a negociar. É justo e espero que esse valor não chegue a ser oferecido;

– Afinal, William Manafá não é jogador de Catió Baldé. Portanto, este personagem tratou de mandar ficar em casa um jogador que não é dele. O castelo de cartas vai abanando cada vez mais e o Bobo Bruma, se houver justiça, vai ter um futuro mais triste que o de Djaló (que nunca nos fez mal, diga-se). Ah, e sem Luciana! (o que torna o futuro mais e menos triste, simultaneamente)

– Magrão deve estrear-se amanhã, frente ao West Ham. Espero que alimente uma interessante luta pela posição 10, com André Martins, Chaby e Labyad;

– Entretanto, a azia é tal com as renovações que vamos fazendo com os putos, que a crítica passou a ser: as cláusulas são um disparate, devem estar a pagar-lhes pouco, devem! Eu encolho os ombros, recosto-me e sorrio (com tanto disparate);

– Alexandre Guedes foi um dos melhores marcadores do europeu de sub-19, com o extra de ter sido o único a marcar durante a fase de grupos e nos jogos a eliminar. Mais um para renovar;

– a Luz voltou a receber o mercado do melão. Na rússia, Hulk espetou com o melão na tromba de um árbitro.

– o futuro de Oscar Cardozo pode passar por Alvalade. O Cacifo sabe que o Galatasaray está atento à situação do avançado paraguaio e na disposição de oferecer 14 milhões ao benfica. Posteriormente, os turcos colocarão Cardozo em Alvalade, durante dois anos, pagando 70% do seu ordenado e, em troca, recebendo o jogador Bruma. A ida de Bruma para o Gala permitirá ao Sporting encaixar 8 milhões a pronto, mais dois milhões por cada época em que o extremo vista a camisola turca. O Sporting fica, ainda, com direito a 25% de uma futura venda.

Mas quem é Zé Love?

«Ele é muito forte e rápido. Ganhou a Taça Libertadores, valorizou-se e foi para Itália, mas não jogou muito. O Zé Eduardo é um atleta técnico mas o forte dele é na área, porque remata em força e tem muita velocidade», explicou, em declarações à Bola Branca, Muricy Ramalho, técnico que conduziu o Santos à vitória na Libertadores, em 2011, com Zé “Love” Eduardo a jogar ao lado de nomes como Neymar, Alex Sandro, Danilo ou Ganso.

Pouco mais se sabe deste rapaz com um nome inacreditável, que fazendo dupla com Neymar festejou 60 golos pelo Santos (mas apenas 18 foram dele). Quer dizer, sabe-se, também, que o rapaz tem um conceito de beleza bastante narcisista, pois quando jogava no Brasil dizia ser o jogador mais bonito do país e uma das primeiras afirmações que fez quando chegou ao Génova, foi «sou mais bonito do que o Totti, não sou?».
Epá, Zé Love, eu acho que tu és doente. E que precisas de espelhos.
(já agora, tinha sido um sonho ver o Totti com a camisola do Sporting).

 

Se o ridículo matasse

«O Sporting está interessado no extremo-esquerdo do Levski Sofia, Garry Mendes Rodrigues. O clube búlgaro ainda não recebeu qualquer oferta oficial da parte dos leões, mas o jogador, de 22 anos, está bem colocado na lista leonina».

Quem o diz é um tal de foradejogo, mas é bem possível que esta estupidez chegue a algum diário desportivo. Depois, quando assinar pelo Guimarães ou pelos lamps, vão dizer que nos roubaram mais um jogador.

Para já, a omeleta segue sem Montero

«Não vai haver com certeza absoluta nenhuma novidade no estágio, não vai chegar ninguém. Montero? Não vem ninguém diretamente para o estágio […] Fariña? Tenho ouvido uma série de jogadores dizerem que receberam propostas do Sporting, mas optaram por outra equipa. Deve haver um Sporting paralelo, não sei o que se passa… Já ouvi um dizer isso e foi para o Paços de Ferreira. Não os conheço. Do Fariña não sei se o Benfica suplantou uma oferta do Sporting ou não, o Sporting colocou uma questão e não quis prosseguir. Se os outros clubes o querem acho muito bem», Bruno de Carvalho in O Jogo online.