Os invejosos

Domingo à tarde. O futebol regressa a Alvalade. O Sporting dá uma patada nos fantasmas e Fredy Montero assinala um hat-trick.
Passadas duas horas, Jorge «Limpinho, Limpinho» Jesus choraminga a não marcação de um penalti. Passa mais uma hora e Pinto da Costa, em plena tribuna do Bonfim, pede, aos gritos, que chamem a polícia!
A sede de protagonismo desta gente não tem limites…

Cardozo perto de Alvalade e outras iguarias

– Eu acho que existem jogadores extraordinários em África e a Nigéria é um dos países responsáveis por isso (volta, Amunike, e traz-me um Yekini), mas não percebo esta insistência dos jornais em quererem vender-nos um médio defensivo. Primeiro Luiz Antônio (anTônio, foda-se…), agora Ogude. William Carvalho e Rinaudo. E ainda há Fokobo. Bah!

– Evaldo até 2015, com redução salarial para metade?!? Medo, muito medo… (já agora, o empresário do rapaz é louco e acha que ele foi pouco acarinhado em Alvalade. Uma espécie de patinho feio, portanto. Eu diria que, com uma casca de ovo na cabeça, o Evaldo parecia o Calimero. Mas mais feio. E com menos jeito para o futebol);

– Sporting recusa nova proposta do Marselha e pede 7 milhões para começar a negociar. É justo e espero que esse valor não chegue a ser oferecido;

– Afinal, William Manafá não é jogador de Catió Baldé. Portanto, este personagem tratou de mandar ficar em casa um jogador que não é dele. O castelo de cartas vai abanando cada vez mais e o Bobo Bruma, se houver justiça, vai ter um futuro mais triste que o de Djaló (que nunca nos fez mal, diga-se). Ah, e sem Luciana! (o que torna o futuro mais e menos triste, simultaneamente)

– Magrão deve estrear-se amanhã, frente ao West Ham. Espero que alimente uma interessante luta pela posição 10, com André Martins, Chaby e Labyad;

– Entretanto, a azia é tal com as renovações que vamos fazendo com os putos, que a crítica passou a ser: as cláusulas são um disparate, devem estar a pagar-lhes pouco, devem! Eu encolho os ombros, recosto-me e sorrio (com tanto disparate);

– Alexandre Guedes foi um dos melhores marcadores do europeu de sub-19, com o extra de ter sido o único a marcar durante a fase de grupos e nos jogos a eliminar. Mais um para renovar;

– a Luz voltou a receber o mercado do melão. Na rússia, Hulk espetou com o melão na tromba de um árbitro.

– o futuro de Oscar Cardozo pode passar por Alvalade. O Cacifo sabe que o Galatasaray está atento à situação do avançado paraguaio e na disposição de oferecer 14 milhões ao benfica. Posteriormente, os turcos colocarão Cardozo em Alvalade, durante dois anos, pagando 70% do seu ordenado e, em troca, recebendo o jogador Bruma. A ida de Bruma para o Gala permitirá ao Sporting encaixar 8 milhões a pronto, mais dois milhões por cada época em que o extremo vista a camisola turca. O Sporting fica, ainda, com direito a 25% de uma futura venda.

Ser lampião (essa triste sina), episódio 2

Esta manhã, senti-me na obrigação de voltar a ligar ao meu amigo benfiquista (para quem não reparou, apresentei-o aqui).
«Estou, Rui. Estás bem?»
«Estou, e tu, estás porreiro?»
«Yá, está tudo bem. Olha lá, estou outra vez preocupado contigo…»
«Foda-se, outra vez?!? O que é que foi agora?»
«Tu já viste como se chama o museu do Benfica?»
«O museu?!? Já. É Cosme Damião»
«E não ficas lixado com isso?»
«Tás parvou, ou quê? Faz todo o sentido!»
«Ah… Então, está bem…»

Ser lampião (essa triste sina)

Ontem, liguei a um amigo meu, um benfiquista a quem, respeitosamente, chamo lampião.
Disse-lhe que estava preocupado com ele, ao que se mostrou bastante interrogado. «Porquê?!?»
«Foda-se, meu, então não te bastava terem posto um retardado a protagonizar a campanha da tua telefica, agora levas com o Barbas a assumir-se como gaybear, na campanha da tmn?»

O rabo da Carolina

Da caixa de comentários para as luzes do post, e pedindo desculpa às cacifeiras presentes pelo momento taberneiro, um dos mais geniais golpes de marketing dos últimos tempos:
junta-se um programa merdoso, mas com audiência + uma miúda muito gira. A miúda muito gira tem uma banda. Que, imagine-se, se chama The Girl in the Black Bikini. Ora, e o que faz a miúda gira? Escolhe o mais belo bikini preto que conseguiu encontrar e, com um sorriso maroto que diz, claramente, «eu sei bem o que estou a fazer», sobe a escadaria do sucesso oferecendo ao mundo um momento de pura telegenia.

 

Já gora, e porque as boas ideias merecem ser recompensadas, é esta a banda da Carolina.

https://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=UHwE1DRsjwY

Brunch

– Pela primeira vez na nossa história, apresentamos um avançado que não promete golos. Portanto, um ponto a favor de Cissé: tem personalidade;

– Primeira medida em relação a Maurício: alguém lhe diga que aqueles calções não se usam;

– Já se percebeu que o Bruma tem um problema com reuniões. Adormece na primeira, faz cara feia (ok, ok…) na segunda e diz que não precisa de ir porque enviou o Bebiano. No meio de tudo isto, uma pequena dúvida: mas Bruma é, ou não é, funcionário do Sporting? Assim sendo, não seria normal dizer presente quando os responsáveis do clube o chamam?!? Afinal, quem é que está a brincar com o fogo?

– Depois do Betinho ter ficado fora da convocatória para o mundial de sub-20, o Emílio Peixe convocou dois avançados do Sporting para o campeonato da europa de sub-19. Mas deixou Bruma de fora dos convocados. Resumidamente, só falta arranjarem treinadores para as selecções mais jovens do nosso país…

Carta aos criativos da Puma

Exmos Senhores,
foi com profundo desagrado que vi confirmados os meus receios, no que toca ao equipamento alternativo. Roxo, depois do laranja. Com jeitinho, e a juntar o vosso iluminado trabalho às mentes iluminadas de quem aprovou estas duas farpelas (e que, felizmente, já não está à frente dos destinos do clube), para o ano teríamos um alternativo azul ou vermelho.
Explicações para uma aposta tão medonha e desprovida de ligação ao clube (sim, caso não tenham reparado, maioria dos adeptos gostam de equipamentos que se relacionem com a identidade do Sporting) só vocês as poderão dar, mas que é notório um retrocesso no que toca às camisolas: começámos bem, com uma branca + calção preto + meias verdes, passámos para uma duvidosa verde água, depois para um bem aceitável kit com base em preto, forçámos com o laranja e vomitámos com o roxo.

Agora, das duas uma: ou vocês se estão a cagar para o que é o Sporting, ou acham que podemos ser cobaias dos vossos devaneios. O que, no fundo, vai dar ao mesmo. E olhem que, atentando no vosso trabalho, nem é assim tão complicado oferecer-nos algo que nos agrade. Senão, vejamos:

Isto, com um tom de verde diferente, não tem mais a ver com o Sporting?

Goias 2013 Puma Home + Away Kits

Isto, trocando o amarelo por verde, não teria feito mais sentido do que o laranja?

away

Até isto, que não me enche as medidas, não teria sido mais lógico do que o laranja?

7900095824_11968a6b4b_z

E uma coisa simples, sem ser simplista (a branco ou a preto, tanto faz)?

puma-kits-1024x380leicester-away-shirt-2012-13

E custará assim tanto beber inspiração em bons exemplos da concorrência, como este?

Werder-Bremen-Away-Kit-12-13

Agora… roxo?!? Roxo de raiva fiquei eu, ao ver tamanho disparate. Ah, já agora: qual é o vosso problema com a localização do símbolo?!? O Leão Rampante usa-se sobre o peito, não junto ao pescoço!

O que vos vale é que, no meio de tão palerma momento criativo, acabaram por acertar em algo: em francês, moche significa “feio” e “medíocre”. Não podia ter sido melhor, a publicidade a estampar nesta nódoa roxa.