Essa coisa, ultrapassada, do amor e das referências

«Cada vez me capacito mais de uma coisa: ídolos, referências ou símbolos não são feitos de defesas, golos ou juras de amor eterno…isso é dever profissional ou forma fácil de agradar. Ás vezes confundem-se, injustamente, estes conceitos sem que se tenha a garantia do carácter da pessoa», João Benedito.

Eu conheci o Sporting através da rádio. E dos jornais, que me ajudavam a aprender a ler. Tinha cinco anos e, nessa altura, falava-se muito do amor à camisola, a mesma que eu pedi como prenda, dois anos depois. Falava-se de craques e de ídolos. Dizia-se que o Manuel Fernandes era a alma do Leão, que o António Oliveira era um dos melhores jogadores da nossa história, que o Jordão era elegante, que o Carlos Xavier e o Mário Jorge eram diamantes a lapidar e que o Meszaros tinha um talento para defender bem maior do que o bigode com que jogava.

Depois apareceram Venâncio e Morato que, segundo os mais velhos, eram Leões de verdade. Eu nunca gostei muito deles como jogadores, mas defendia-os como se fossem os melhores do mundo. Também apareceu um gajo com nome de escritor, um tal de Rodger Wylde, e outro com nome giro para ser boneco do Match Day, o Boskovic, que, mal sabia eu, haviam de ser uma espécie de pré-aviso para a carrada de estrangeiros sem qualidade que, desde essa altura, foram tendo a honra de vestir a mais bela camisola do mundo. E, qual cometa, apareceu um puto (bem, o puto era eu, diga-se em abono da verdade) cheio de estilo, chamado Futre. Eu só ouvia falar do Futre. O mesmo que me confundiu, ao aparecer a celebrar golos com a camisola de um clube de que ninguém gostava. Felizmente havia o Manel, sempre lá, como referência de bem jogar e de amor à camisola.

O amor foi reforçado quando apareceu Damas. E o que eu chorei quando, no México 86, disseram que ele tinha tido culpa de perdermos contra Marrocos. Damas, Damas, Damas, até hoje Damas, símbolo desse tal amor, referência, craque, relegando para o banco o enorme e ilusório Katzirz, que animava o velhinho Alvalade tocando com o pé na barra durante o aquecimento. Havia, também, Litos, capítulo primeiro de toda uma história de eternas promessas que nunca chegam ao patamar vaticinado, e dois gajos com nome que ficava no ouvido; Saucedo e Eldon. Seguiu-se Raph Mead, ídolo de muito boa gente, e Duílio, ensaiando o samba no centro da linha mais defensiva. E o Manel, sempre lá. Mais o Jordão. E o Damas, claro.

Bem no coração do jogo, ia-se impondo uma espécie de arrastão, chamado Oceano. Tosco, como um artesão sem jeito, impressionava pelo que corria, pelo que destruía, pela força, pela dedicação. A camisola ficava-lhe bem. Mais à frente, um mexicano chamado Negrete, inspirava-me a tentar pontapés acrobáticos sem ter noção de que alcatrão não é relva. Marlon Brandão veio rotulado de craque, mas transformou-se num claro exemplo de que é bem mais fácil sê-lo com camisolas que pesam menos do que a verde e branca. E os dois estarolas, Houtman e McDonald, quais gigantes de torres plantados na área, incapazes de, juntos, valerem meio Manuel Fernandes (que por lá continuava, imagine-se. Com o Damas, claro).

Mas o Manel estava cansado, e deixou o balneário entregue a Damas e Venâncio, com Oceano, Morato e Xavier como guarda de honra. E tentou-se suprimir o vazio deixado na frente com o goleador Paulinho Cascavel, com o buliçoso Tony Sealy (podia ser irmão do Tom Jones) e com um puto chamado Cadete que, depois de crescer, tratou de manchar as memórias de uma noite mágica à chuva, frente ao Celtic, festejando estupidamente, naquela que foi a sua casa, um golo com a camisola dos principais rivais.

Estávamos no final da década de 80 e, num ano em que chegava um ex-lampião bom de bola, Carlos Manuel, um avançado sueco, Eskilsson, irmão gémeo do vocalista dos Europe, e despontava um jovem chamado Paulo Torres, a minha galeria de notáveis ganhava três nomes: Ricardo Rocha, patrão da defesa; Silas, craque, craque, craque; e Douglas, provavelmente o meu jogador preferido da minha história verde e branca, que se juntou a Oceano para tomar conta do meio-campo. Para todos os efeitos, eu passei a ser o Douglas em todas as peladas. E a querer jogar de meias em baixo e sem caneleiras, nos meus primeiros passos como jogador federado (sim, também usei cabelo à Douglas).

Fiquei com Douglas, mas perdi Damas. Felizmente, a memória tornou-se menos dolorosa por, para o seu lugar, ter chegado um gajo com pinta de maluco, Ivkovic (iv-iv-ivkovic! iv-iv-ivkovic!), o tal que, em pleno San Paolo, defendeu um penalti do Maradona e que viria a repetir a gracinha ao serviço de uma das selecções de que mais gostei até hoje, a Jugoslávia. Na frente, um tripas que resolveu vir terminar a carreira com estilo, Fernando Gomes, ao centro um gajo sem jeito nenhum para a bola mas com um pontapé inacreditável, Valtinho, e os primeiros passos do primeiro dos dois melhores do mundo por nós formados, Luís Figo.

Veio Luisinho, tão craque que, hoje, há quem tente ter nome igual e só consegue fazer merda. E veio um treinador porreiraço, Marinho Peres, a quem ainda marquei um golo de bicicleta, numa jogatana nas areias da Caparica. Havia um Careca, tão irritante, e a oportunidade de ver chegar duas referências polvilhadas com mais amor do que canela sobre pastéis de belém: Balakov, jogador de nível mundial, e Iordanov, o eterno mochilas (“primér gol párá Sporting, estar muito féliz”, dizia ele).  Idolatrei Bobby Robson, treinador tão fixe como um jogador, odiando Sousa Cintra por tê-lo despedido. Fiquei com o nem sempre compreendido Juskowiak, com um dos melhores do mundo que nunca chegou a sê-lo, Cherbakov (e o que eu chorei, incapaz de estudar para o teste de alemão dessa tarde, depois de saber que um gajo pouco mais velho que eu, comungando a mesma paixão, ia ficar preso a uma cadeira de rodas) e guardei mais um nome dos meus jogadores preferidos, Valckx. Paulo Sousa chegou com requintes de malvadez quase tão grandes como a sua qualidade futebolística (outro de nível mundial), mas um tal de Carlos Queiroz conseguiu deitar a perder o que teria sido uma época de sonho. Vivíamos a época dos craques, daqueles que teriam vendido infindáveis camisolas se as camisolas tivessem nomes como hoje. Aos que já lá estavam, juntaram-se o senhor Marco Aurélio, Naybet e Amunike. E apareceu um tal de Ricardo ‘Coração de Leão’ Sá Pinto.

Ia-se cantando “u-a, Outtara!”, para entreter a malta, tentando esquecer o desaparecimento de referências. Oceano e Iordanov aguentavam o barco, Sá Pinto dava coração, e Pedro Barbosa começava a dividir as bancadas. Um jovem chamado Beto celebrizou o festejo de golos agarrando o símbolo do Leão, Rui Jorge conquistava-nos, e Acosta aterrava em Lisboa, fazendo-me sonhar com as compilações de golos que acompanhavam a sua chegada. Schmeichel, de braços abertos ocupando meia capa de jornal, deixava-me de coração aos pulos. Um puto, Duscher, entrava para o meu top 5 de jogadores preferidos. E André Cruz era pedra basilar de uma das maiores alegrias que senti até hoje. Tivemos Babb, tivemos João Pinto (um bom exemplo de saber não cuspir no prato onde comeu), tivemos Jardel, mas eu gostava mais de Quaresma, de Hugo Viana e de Niculae. Fomos campeões. E apareceu Cristiano Ronaldo, o segundo a conquistar o mundo com a marca do Leão, até hoje exemplo pela forma de quem lhe deu bases. Paulo Bento acompanhou o surgimento de CR, e, para lá de outras questões, mostrou ser irrepreensível no que toca a respeitar a camisola verde e branca.

Entramos na última década. E, para lá de Pedro Barbosa, de Beto, de um podia ter sido, mas não foi, chamado Miguel Veloso, e do regresso de Sá Pinto, apenas me surgem três nomes com inegáveis ligações ao coração dos adeptos leoninos: João Moutinho, Izmailov, e Liedson. Muitas das nossas esperanças, numa história recente, passaram pelos pés destes três jogadores. Cada um à sua maneira, com a conivência de quem nos dirige, para quem futebol é negócio e que mostra ser incapaz de ver a clara tentativa do fcp em trepar no futebol português à conta do “empequenecimento” do Sporting, souberam atirar a matar sobre os já tão castigados adeptos.

Está visto que isto só nos magoa a nós. Que lágrimas na despedida, só valem as nossas. É enxugá-las (felizmente que a minha filha não tem idade para ter tido um deles como ídolo, e que eu não tenho que amparar-lhe tal desilusão). E, enquanto rezamos para não serem vendidos, a preço de saldo, os jogadores que ainda nos transmitem alguma alma, refugiemo-nos nas mãos de um tal Rui Patrício, esperando que as mesmas embalem e defendam uma nova fornada de Leões, capazes de voltar a fazer-nos acreditar nessa coisa, ultrapassada, do amor e das referências.

Anúncios

260 thoughts on “Essa coisa, ultrapassada, do amor e das referências

      • Foda-se tenho de pôr o meu comentário cá mesmo em cima:

        GRANDE, GRANDE post Cherba!
        Todos os nomes e sentimentos que recordas seriam exactamente os meus se tivesse sido eu a escrever um texto semelhante. Até me senti esquesito pois qt mais lia, mais parecia ter sido eu a escrever este post!

        Q viagem … Quem não percebe isto, não é do Sporting nem percebe um caralho de bola.

        Obrigado Cherba. Enquanto houver gajos como tu e como o João Benedito ainda há esperança!!

    • Cherba,

      Como tu, também eu atravessei esses mesmos anos.
      Somos gajos na casa dos 40 com muito amor por este clube e sempre com esperança em vê-lo dar-nos mais alegrias que aquelas que os contantes dirigentes de merda permitem.

      Atravessámos o grande deserto dos 18 anos sem ganhar o título mas mantivemos sempre a esperança ano após ano.

      Hoje já não é assim, o Sporting que nos dava esperança desapareceu nos últimos anos.
      Minado pela falta de ambição de Soares Franco.
      Enfraquecido pela estupidez e incompetência de Bettencourt.
      Definitivamente destruído e dividido por Godinho Lopes.

      Este Sporting é uma sombra de todos os anos que descreveste, que mesmo sem chegar ao Natal em alguns anos, nos deu sempre margem para acreditar que o ano seguinte é que era…

      SL
      José

  1. Grande post Cherba. Concocrdo contigo em tudo. Pena é que não tenhamos aproveitado todos esses grandes jogadores que já vestiram a camisola mais linda do mundo. Agora só nos resta sonhar que um dia… sim um dia… tenhamos alguém que respeite o clube como o grande Manel, Jordão, Oceano, Valckx, Douglas, Luisinho, “mochilas”, etc… Mas também te digo, que mesmo estando como estamos… eles (os galináceos e os tripeiros) ainda sentem inveja de não serem do Sporting! Saudações Leoninas.

  2. Moutinho… passou a Montinho!
    Izmailov… passou a IZmyHATE!
    Liedson… passou a LI€D$OFF!

    Ao primeiro aceitou-se a birra que queria porque queria… e foi!
    Ao 2º, ainda estamos para perceber o caracter do indivíduo… mas as palavras ficam!
    Quanto ao 3º, terá sido o mais dissimulado, mentiroso e mau caracter que eu me lembro de ver de verde-branca vestida… Mesmo mais que o Suinão!

    Este esterco saiu daqui a chorar (???) e deixou saudades… foi idolatrado à conta dos muitos golos que marcou e de dar tudo em campo na grande maioria dos jogos (Allô, Guimarães! Aquele chutão ficou-me atravessado… bem provavel que nos tenha custado o campeonato na época… isso e o sr. piteiro Ricardo).

    Infelizmente o amor à camisola há muito morreu… desejaria-se que ao menos o caracter, o respeito, a integridade permanecesse… Afinal, tem-nos passado pelas mãos alguns dos mais execráveis exemplos do que é cuspir no prato… Desde o intragável Suinão, o vergonhoso Carlos Martins, o nojento Montinho, vem agora à tona o nivel e caracter de gente que pusseram em causa se Costinha e Sá Pinto não terão sido, nos respectivos casos, triturados pela nossa cegueira ou no “querer acreditar nos nossos atletas”…

    Tudo isto acontece porque perdemos referência… a única que merece ser devidamente elevada! E essa referência é o próprio SPORTING!

    Esta ultima entrevista, encomendada, claro… do “sr.” li€d$OFF… doi na alma dos sportinguistas. Atrevo-me a dizer que doi sobretudo pela nossa ingenuidade “adoçicada” com a constante e gritante falta de “sentir sporting” das últimas direcções…

    Eu, por mim, deixarei de gritar pelos jogadores… Eu, a partir de ontem… grito pelo SPORTING!!! Esse sei que nunca me faltará, apesar de dirigido por escroques actualmente… esses também tombarão!

    O SPORTING HÁ-DE VOLTAR… e não falta muito, espero!

    SL

  3. Felizmente ainda não foram beliscadas algumas das minhas referências…
    Balakov (que senhor! QUE SENHOR!!!), Marco Aurélio, Iordanov, André Cruz (apesar de pouco tempo cá, é outro senhor!)…

    Não percam tempo a idolatrar quem pode cuspir no prato que lhe dá de comer! Não há pior sensação entre pessoas que a ingratidão!

    O sr Li€€€€€€€d$$$$$$$off revelou a sua face…

    Sujou toda uma história e carinho de verde-branca por causa de 5 meses!

    Parabéns a esse senhor… Finalmente juntou-se aos do seu nível! Faça bom proveito!

    Parece que o Bolo de arroz vai ter mais trabalho do que se pensava quando os porcos vierem cá abaixo! Só escapa o Varela, mesmo… de resto é distribuir fruta… e não, não estou a falar da do norte! Bananos, pêros, castanhadas e caneladas de ferver… É o minimo que peço!

    Vamos mas é gritar pelo SPORTING! O resto que se foda!

  4. q post…enfim!que diferença dos 1ªs paragrafos ate aos ultimos…é triste ao que se chegou!tenho pena,mas é a realidade!como ja foi mencionado aqui,referencias,idolos…bullshit!importante é o sporting.

  5. Eu sou de uma geração acima, ainda me lembro de jogos do fim dos anos 60 e de toda a década de 70. É um grande post, dos melhores que aqui tenho lido.

    Quanto ao Merdinho, ao Izgaylov (na nova grafia) e ao Li€d$on (bem achada, esta), eles que fiquem lá com os títulos ganhos no supermercado do Calor da Noite, da Marisqueira de Matosinhos e outros antros de corrupção e tráfico de influências, que a dignidade e as costas direitas não se compram nesses locais tão aprazíveis para essa canalha.

  6. Para mim o maior de todos foi o Beto,ele já jogador e eu a crescer como tal,oriundos da mesma posição fui lhe seguindo os passos,desde a célebre marcação impiedosa ao Klinsmann ao golo apontado às galinhas,aprendi a amar o Sporting tendo ele como referência,a sentir realmente o valor do clube.

  7. Depois de ler este excelente post fiquei com uma ideia que me parece, trespassa todos estes anos e esta realidade com que vivemos actualmente; Não há um fio condutor no futebol do Sporting.
    Não existe uma pessoa ou pessoas que estruturalmente, acompanhem a equipa principal e que em determinadas alturas façam sentir a sua voz no que toca a quem tem ou não carácter para fazer parte do Sporting, a quem deveria ter sempre hipotese de regressar (lembro-me assim de repente de Hugo Viana), e quem é importante manter.

    Isso passaria por ter um depº de futebol organizado, com uma estrutura sólida e consolidada. Parece-me claro agora, friso agora, que os problemas no balneário com liedson, não foram mais que sinais de uma falta de personalidade a toda a prova e que isso o impediu sempre de dar o “tal” passo de envergar a braçadeira de capitão.
    Tal como Oceano ou M.Fernandes foram passando mística por quem ia entrando, tambem alguem que esteja em permanência na sombra da equipa deve ter depois hipotese de, com tempo, ir passando esse conhecimento e sapiência, que não se ganha numa semana, a quem um dia vá ocupar o seu lugar.

  8. Não estivesse eu auto-suspenso pela merda que fiz, diria que o Cacifo é do caralho precisamente porque é fértil em posts do caralho.

    E acrescentaria que quanto maiores são as memórias maiores são as mágoas.

    Mas nada me fará apagar a memória dos jogos da Taça das Taças ouvidos junto à porta 10-A no transistor do meu Pai. Também já fui puto e teso e se agora sou velho deve ao facto da vida, apesar de tudo, me tem deixado ser do Sporting durante mais uns anos,

      • Uma das características das auto-suspensões é que a mesmas podem ser interrompidas para prestar explicações sobre a sua razão de ser.

        Como proto-anarquista que me orgulho de (tentar) ser, devo reger-me por uma ordem interior muito grande. Essa ordem interior determinou que após ter feito merda no Cacifo me devo auto-suspender por tempo indeterminado até ter a (quase) certeza de que tão cedo não voltarei a cagar asneiras.

        Felizmente que a minha ordem interior não determinou prisão domiciliária e SportTV. Auto-suspenso do Cacifo mas presente em Alvalade.

        Fim da janela de explicação, estado de auto-suspensão on.

  9. Acho que aquilo que o Liedson fez não surpreende totalmente nenhum de nós. Como nosso jogador teve várias atitudes de pouco brio e consideração pelo clube, este episódio com o Porto é apenas o corolário dessa atitude. Não lhe desejo nada nem de remotamente bom na sua nova equipa.

    Bem sei que são profissionais, esta é a vida de um futebolista hoje em dia, bla bla bla, mas também sei que estes gajos são broncos como tudo. O Moutinho sai e não precisa de mais de uns dias para se sair com um “queria era ganhar títulos” quando até tinha ganho uns quantos com o Sporting. O Liedson assim que pisa o Porto diz que já pensava nisto “há alguns anos” quando ainda se chora a sua saída em Alvalade.

    Que ganham com isto? Areia para os olhos dos tripeiros mais tansos? E juras de ódio eterno por parte de uma massa associativa que os tratou sempre nas palminhas… Cuspir no prato de onde antes se comeu é uma atitude de gente pobre de espírito, sim, mas sobretudo de curta inteligência.

    • Se calhar parte do problema é nosso, sabes…
      Não temos, hoje em dia, alguém que transmita o que é ser SPORTING! E não é com visitas ao Museu que isso se faz…
      Que saudades da 10-A e dos pelados à volta do velhinho Alvalade… Alí é que sentia o que era o SPORTING! E os jogadores sentiam no pêlo o fervor dos adeptos… para o bemn e para o mal!

  10. Que desilusão…..
    Que desilusão Liedson….
    Não se compreende….. como é possivel! Tudo isto por 5 meses! epá, sinceramente…..este gajo é a maior merda de sempre.

    Por incrivel q pareça, consigo arranjar “justificação” em todos os outros….simão, carlos martins até moutinho….e talvez izma….. pq mudaram para melhor (na optica deles) e ainda tenm alguns anos de futebol!

    Agora o liedson estraga tudo o que fez nos corações dos sportinguistas por 5 meses….
    não percebo…não consigo perceber!

  11. Cherba, que post do caralho. Até me vieram as lágrimas aos olhos…
    Estou como o Ricardo Sampaio, apenas gritarei pelo Sporting daqui para a frente.

    Ídolos (actuais) zero!

      • Certo, mas já tive mais certezas disso do que tenho agora… E não devo de ser o único a pensar assim.

      • O Rui é o único por quem ainda deixo transparecer uma simpatia, mas só depois de me ter provado (a mim e a nós todos) que dá tudo pelo Sporting. No entanto não ponho nem as minhas mãos no fogo por ele nem por nenhum outro gajo daquela equipa.

        O contacto com adeptos de todos os tipos de clubes de todas as partes do mundo enquanto vivi no estrangeiro fez-me perceber de uma vez por todas que há outras formas de viver o amor por um Clube para além de endeusar analfabetos com postura moral e princípios altamente duvidosos. Eu sou do Sporting, para Sempre, não dos jogadores, e aquilo que estou disposto a fazer pelo Sporting, nunca o faria por que jogador fosse.

        Sporting Sempre

      • so eu sei…
        Eu não digo literalmente que não se possa incentivar e apoiar os jogadores!
        Vê bem o que ganhamos em dizer: Liedson Resolve! Ganhámos que o cabrão resolveu… apunhalar todo o apoio e carinho que lhe foi dado… E se ele recebeu esse carinho e apoio foi, acima de tudo, porque (quase) sempre fez o que devia enquanto profissional…

        Agora, vai uma aposta que o cabrão do “P€S€T€RO” vai beijar o simbolo das Antas quando marcar um golo…

        Por mim, o Bolo de Arroz vai ter muito trabalho com o fqp em Alvalade!
        É acabar com a carreira desses dois traidores do ISmyHATE e li€d$off…

        E para quando a tal AGE? Já há data ou continua-se a não dizer a data até final de Janeiro??? Vai ser preciso deixar estes abutres continuarem a delapidar os cofres do clube com negócios ruinosos???

        É o que eu digo: Isto é tudo devido ao esquecimento do que é o SPORTING! Andamos aqui em lutas contra inimigos externos descurando o flanco! Depois temos de ouvir estes infelizes que fazem carreira aqui a dizer que querem ganhar titulos e que são do porco ou do bostas desde pequeninos…

        A culpa é da falta de orgulho e brio em ser SPORTING! Cospem-nos e pisam-nos à pala disto!

        Não há orgulho COLECTIVO em ser SPORTING!

        Vamos recuperar o SPORTING! Demora mas chegamos lá…

      • Nem pelo Patricio voltarei a gritar, idolatrar jogadores nunca mais!
        Quem me garante que o Rui nunca vestirá a camisola do Porto??

  12. Cherba, em 4 pontos:
    – neste momento não fazia sentido ter o liedson de volta no Sporting, pelo que (ao menos nesse aspecto) a Direcção está ilibada
    – o jogador, mesmo não estandono Sporting, tinha que ter a noção daquilo que representava (eu, pelo menos, falo no passado) para todos os Sportinguistas e nunca deveria jogar por nenhum outro clube em Portugal. Isto, se tivesse um pingo de caracter! Assim mostra não ter, confirmando aquilo que já muitas vezes tinha indiciado, mas que nós teimávamos em desculpar por causa dos golos.
    – ele diz que era um sonho jogar no Porto, mas antes ofereceu-se ao Sporting. Ou nos queria chular o clube (e então ainda bem que não veio) ou tinha o sonho ainda maior de voltar a jogar no Sporting. Por isso, estas palavras que ele disse ao chegar à casa de putas, não me melindram minimamente.
    – esta falta de consideração da parte de quem veste/ vestiu a nossa camisola é também o reflexo da descaracterização do nosso clube, mais evidente desde os mandatos do Soares Franco. Não se acautela um eventual regresso dos nossos bons jogadores, coloando cláusulas de indemnização caso eles joguem nos nossos rivais. Quando cá estão não lhes é incutida garra, nem sede de conquista. Não se lhes explica o que é o clube e as derrotas são encaradas de ânimo leve. Até por isso é necessária uma mudança de mentalidade!

  13. Epá e sem querer desmerecer o belo texto do Cherba confesso que não estou com vontade nenhuma de entrar em arcos nostálgicos e saudosismos por causa do Liedson. Eu quero é saber do próximo jogo, da marcação da AG, do Joãozinho, da capacidade do Jesualdo em pegar no boi pelos cornos. O presente é que interessa, o resto é ruído.

  14. Que grande post , fiquei sem palavras para descrever a mesma emoção que atravez das suas palavras me transmitiu …
    Continue este fantástico trabalho em prol deste grande amor que é o Sporting Clube de Portugal

  15. grande posta Cherba.

    em relação ao liedson e outros que tais remeto-vos para este texto do Leão de Estrela:

    “Parece que há sportinguistas chocados com as declarações de Liedson de amor profissional ao FC Porto. Eu não estou. Liedson, que esteve quase uma década no Sporting e nunca foi campeão, afirmou que já sonhava jogar no FC Porto há vários anos. Sejamos razoáveis. Se os presidentes do Sporting Clube de Portugal, e já foram dois (José Eduardo Bettencourt e Godinho Lopes), disseram que queriam ser presidentes “à Pinto da Costa” (presidente do FC Porto), por que é que um jogador que já nem é do Sporting não pode dizer que sonhava jogar no FC Porto, como declarou Liedson? É lógico que todos os jogadores do Sporting sonhem jogar no clube do Dragão porque é o próprio chefe máximo do Sporting quem lhes diz que o FC Porto é que é bom e ganha títulos.
    A verdade é que são os presidentes do Sporting os primeiros a escorraçar os atletas, não exigindo deles o melhor ao serviço do Sporting. Liedson só seguiu os exemplos patéticos de José Eduardo Bettencourt e Godinho Lopes. Para vergonha dos sportinguistas.
    Portanto, antes de mais, o Sporting Clube de Portugal é que tem de mudar de rumo, removendo a incompetência da liderança. Só depois será possível recuperar o clube e voltar a ganhar campeonatos. Enquanto isso não acontecer, a autodestruição continua”.

    o maior nojo do Sporting actual (e há muitos por onde escolher) é este complexo de inferioridade com os proxenetas corruptos do fcporto que estas ultimas direcções vêm promovendo nos ultimos anos.

    Espero que o proximo presidente acabe com isto de vez.

  16. Cherba e já agora todos. Como podemos esperar ter jogadores como símbolos, se o próprio símbolo do clube, que todos aprendemos a amar, que sabíamos desenhar de cor em todas as páginas do caderno da escola, foi substituído em nome do marketing??? Infelizmente o clube está como está, porque o deixamos chegar a este estado. Aconselho a ler o post do João Benedito. Para mim, juntamente com o Paulinho, os únicos símbolos do que para mim é Ser Sporting.

    • Concordo em absoluto, Jusko. Acho que já te tinha respondido noutra vez que tinhas mencionado algo semelhante.

      A identidade não é algo que se crie ou fomente artificialmente. O verdadeiro símbolo do Sporting é aquele que evolui naturalmente desde a sua génese e que se é formalmente adoptado em 1945, o tal que nos acompanhou até 2001/2002.

      O mesmo tipo de argumentação utilizaria para o Estádio. Que saudades do antigo. Não era realmente possível tê-lo recuperado (tal como o Olímpico de Roma foi sendo) em vez de construirmos um mamarracho da era dos shopping, ainda por cima carregado de taveiradas? Sendo o Sporting um Clube eclético, faz algum sentido o que foi feito com este novo estádio??

      Quando abrimos mão do que nos liga ao passado ficamos assim mesmo, isolados, sem referências. Mas o pior de tudo, é a indiferença com que os Sportinguistas encararam e continuam a encarar todos estes atropelos à Identidade Sporting, encontrando conforto moral no facto de o Sporting ir poupando uns trocos (como por exemplo neste caso Liedson).

      Nota: não defendo que devêssemos ir buscar o Liedson mas depois de tamanha fantochada em torno da sua saída, o mínimo que poderia ter sido feito era impedir legalmente o regresso a Portugal, que não para o Sporting.

      Sporting Sempre

      • … e sim, o Liedson revelou realmente o seu carácter. É isso que mais custará a quem o idolatrou incondicionalmente. Não olham para o fêkêpê mas, ao contrário de nós, eles ainda nos encaram como rivais que devem espezinhar, humilhar e ridicularizar. Que resposta dão muitos honrados Sportinguistas? “ao menos que não ganhe o benfica!!!”

        Por mim quer uns quer outros podem ir para a puta que os pariu, juntamente com os novos ricos do futebol português: o braguilha. Se há outro clube por quem sempre tive algum respeito em Portugal é o Vitória de Guimarães (nada que me ligue a eles nem à cidade), sobretudo os adeptos. A não ganhar o Sporting, que ganhassem eles. O resto é merda e uma cambada de vendidos.

        Sporting Sempre

      • è isso mesmo que tambem penso Gordi, inclusive o apreço por Guimaraes em toda a sua vertente. conheci um WA que era da mesma opiniao, ganhar era sempre o Guimaraes, vimaranenses que apoiassem o clube da terra e uma vez por ano apoiassen os orc’s, nesses, dizia ele, era porrada de meia noite…

        SL

  17. Esses três estarolas Montinho de merda, izgaylov e lied$on, são gente que interessa pouco.

    Temos tantas referência caguem nesses gajos, que lhes corra o pior possível a vida no porko e não duvidem que correrá, pois não lhes vão aturar as birras que os meninos cá faziam.

    Quando acabarem a carreira e forem só mais uns que por lá passaram, espero que não venham bater à porta do SCP ao estilo Futre (não posso com esse gajo e a sua hipocrisia). Nem sonhem em aparecer em Alvalade ao estilo antiga glória pois nem pintados de ouro.

    Precisamos que haja exigência no SCP e que os jogadores sintam que há um projecto vencedor e para tal precisamos de jogadores portugueses que tenham capacidade de liderança. Eu acho que há lá alguns que ainda nos vão dar algumas alegrias e tornar-se referências do balneário. Mas isto sou eu que sou optimista.

    SL sempre

      • Esse deve ter feito uma lobotomia para se ter esquecido que rescindiu com o Sporting para ir para a pocilga. Fodeu-se na altura, não lhe foi dada justa causa, e acabou a esmolar ajuda ao Sporting para o colocar no Celtic. Quando voltou, lá foi para a tão desejada pocilga.
        Porcos desses dispenso.

    • Eu jogava o bolo de arroz encima desses cabrões em Alvalade na 2ª volta!
      E se o Vidigal quisesse, ainda fazia uma perninha… e partia duas ou três, nesses estupores!

  18. “João Moutinho, Izmailov, e Liedson. Muitas das nossas esperanças, numa história recente, passaram pelos pés destes três jogadores. Cada um à sua maneira, com a conivência de quem nos dirige, para quem futebol é negócio e que mostra ser incapaz de ver a clara tentativa do fcp em trepar no futebol português à conta do “empequenecimento” do Sporting, souberam atirar a matar sobre os já tão castigados adeptos.”

    Sublime Cherba, sublime…

    – GODINHO RUA!!! GODINHO RUA!!! GODINHO RUA!!! –

  19. A classe dos jogadores nunca se poderá dissociar da classe dos dirigentes…….
    Quando dirigentes não se dão ao respeito……
    Quando o trabalho profissional e a cultura de exigência diminuem…….
    Quando a propaganda do Clube “usa” a história do Clube……
    Quando não se respeitam as cláusulas de contrato, “vendendo-se” jogadores em saldo, como simples “mercadoria”……..
    Quando se entrega a braçadeira de capitão a “crianças”……..
    Quando se envereda pelo “carácter queixoso” em vez de se auto-criticarem…….
    Quando os dirigentes são “soft pussies” para com os atletas………
    Quando se festeja derrotas……..

    Quando se abusa e se usa a história do Sporting para benefício próprio, o resultado está á vista…….

    Quando se potencía a quantidade, a qualidade tende a desaparecer……

    Quando se “entrega” valores competitivos a amadores……..

    Blá…..blá…….blá……..

  20. A situação do Liedson só surpeende quem não está atento ao que ele é. Ou quem não conhece o que são os brasileiros na sua larga maioria.

    Agora, leram o que escreveu o PPC no seu facebook?

    “Um talhante do bisturi, um ladainhas mansas e um menino gizam um plano. Mesmo após 246 almoços conspirativos a coisa corre mal. O talhante acaba por ser cortar porque o Chivas não perdoa, o ladainhas mansas acaba a lavar aventais e a ter que arranjar outro tacho para o incompetente do filho e o menino vai ter mesmo que procurar emprego como toda a gente.”

    Este gajo é uma nódoa. Ainda por cima de quem saiu do clube como saiu.

      • in retrospect, ainda bem que o cabrão foi apanhado senão andava que nem um abutre á volta do clube durante anos, ainda que tenha sido uma mancha para o bom nome do SCP.

      • E tu achas bonito isso que ele escreveu? Vindo de quem vem? Ou tu ja te esqueceste do que ele fez? Se não te lembras, lembro eu. Pos o nome do clube onde nunca esteve na lama, no jornal O Crime. Este PPC só apareceu no clube para se auto promover, para se servir do clube, ou para que achas que foram as cameras HD?

        Há muita gente que até pode fazer acusações, mas esse PPC é dos poucos que tem de estar calado e se preocupar em limpar o seu nome na justiça. Ou fui só eu que reparei que na entrevista que ele deu no expresso a culpa era de todos menos dele?

        Juizinho é que ele precisa.

        Ele que deixe o Sporting em paz que não precisamos dele e nem de pessoas como ele no clube.

        SL

        PS – Ainda não percebi onde estão 2 lados ai, só me parece um lado o do PPC e a lavar roupa suja. Ele parece o Cascão a dizer que os outros tem uma mancha de sujeira na camisa.

      • “Ao Dr. Daniel Sampaio nao lhe basta ter colocado o filho na Academia com uma avença?”

        Portanto, depreendo que o tenham feito com intenção de o calar (como o fizeram certamente com outras pessoas. Estou a ver… “Agora metemos aqui o puto e ficas caladinho…”

        Felizmente há pessoas que não se vendem, saiu-lhes o tiro pela culatra…

      • Não percebi o que é que achaste de interessante…
        Nem porque é que te dás ao trabalho de dar tempo de antena a um tipo que burlou o Clube.

      • leao de trafalgar

        apenas quei apresentar uma visao sem ser sempre do mesmo lado, é que muitas vezes acusam-se elementos e ex elementos da direcçao do sporting como se os outros fossem imaculados.

        quanto a ser um tipio que burlou o clube, curiosamente desde que ele saiu, que deixou de andar tudo na linha, que se começou a fazer o que se quis, digamos que o pessoal deixou de ter o “rabo preso”.

        falam que ele vigiava os jogadores, bem tambem se podia fazer como noutras paragens mais a norte onde elementos da claque andam ns discotecas a ver se os jogadores andam lá e quando os apanham avisam a direcçao e/ou daõ-lhes uns apertoes a serio.

        ah e para quem nao sabe o tal Rui machado, fez parte de uma das listas nas ultimas eleiçoes( e pela conversa pertence a mag) e nao foi da que está a frente do clube

      • Trafalgar…
        Interessante é defender o indefensável! Um pouco como aquela sensação de atracção pelo abismo… tás a ver! Há pessoal que tem atracção pelo abismo… nada a fazer…

      • Riga,

        Palavra de honra que não dá para perceber…

        Dás valor a quem manchou o nome do Sporting da forma como o fez?
        Se há coisa que nos orgulhámos sempre foi de não sermos como os corruptos do Porto ou como o Benfica do Orelhas, todos eles sobejamente conhecidos por via de apitos dourados e outros actos nojentos.

        Este PPC que é o mesmo dos contratos celebrados com empresas onde tem interesses, ou do abuso com dinheiros do clube (cartões de crédito).

        Que crédito tem este merdas para ti?

        Para mim é alguém que à força quis entrar no clube, não se importando, ele e os seus amigos, de venderem a alma ao diabo em troca de um lugarzinho na Direcção…

    • Vlado, tu leste o acórdão do Ministério Público a respeito desse tipo? Votei nesse gajo em 2009 porque sabia que o JEB era mais do mesmo mas se a desilusão foi rápida, a estupefacção foi mais recente.

      Ou aquilo que está escrito é tudo mentira ou é bem claro que esse gajo se serviu do Sporting para interesses pessoais e, pior do que isso, envolveu o Sporting num processo de tentativa de corrupção sobre árbitros, da forma mais amadora que alguma vez há memória. O pormenor do tipo que trabalha noutra empresa de PPC a ir à Madeira para depositar dinheiro na conta do lampião Cardinal e prontamente a ligar de volta para PPC à saida do banco com um telemóvel pago…… pelo Sporting (!!!!!!!!!!!!!!!!) é elucidativo.

      Pior, é claro, pelo referido no dito acórdão, que o presidente do Sporting sabia e sabe do que se passou.

      Não é mais do que mais um episódio de 17 anos de amadorismo transversal disfarçado de seriedade e “credibilidade”. Só compra quem quer.

      Sporting Sempre

      • gord_illo

        parte dos principio que por estar isso num acordão da acusação já será verdade e que PPC já é culpado? e que o ele disse na entrevista ao expresso era mentira.entao se for absolvido o que acontecerá?(ah ja teve as contas com a justiça, ou acontece com a GL que é sistematicamente chamado de aldrabao e corrupto,por ter tido um processo em tribunal do qual foi absolvido, ah pois a justiça so é feita quando é algo com que concordamos).

        mas vindo de pessoal que aquando do caso Izmailov nao descansou enquanto nao fez a folha ao Costinha( que ainda hj dizem que é um infiltrado do pdc, que nao é sportinguista , bla bla bla), mas afinal quem é que tinha razao? poisss, mas quem na altura concordava com o homem, era lixado.

        se ele for condenado, ok direi que tens razao, mas até lá , se o que dizem constantemente contra a direcçao e ex elementos da mesma é assumido como verdadeiro, porque é que o PPc diz sobre elementos da Mag nao o pode ser? é por ser o PPC a dize-lo?

      • Riga, eu sei que este acordão não tem mais valor senão para elucidar a todos os Sportinguistas exactamente aquilo que disse: é por de mais evidente que os factos (e não as alegações) atestam bem o amadorismo da gestão de “vão-de-escada” que é praticada no Nosso Clube.

        Temos de distinguir 2 questões aqui: por um lado temos a questão das câmeras HD, da empresa de vigilância, etc cujas responsabilidades devem ser apuradas e por outro, temos o acto, esse sim já provado, de pagamento a um árbitro para este não nos roubar. A forma como esse acto é efectivado é uma vergonha para o Sporting mas ainda mais o é para PPC. Alguém que trabalhou 20 anos na PJ deveria saber fazer este tipo de coisas de forma mais eficaz.

        É claro que não estou nem posso estar do lado de quem corrompe, mesmo que o faça pensando que está a ajudar o Sporting mas o facto de o ter feito seguindo um plano que parece gizado por miudos a querer assaltar a loja de gomas é ainda mais desmoralizador e humilhante por saber que nem para iniciativas lícitas nem ilícitas poderíamos contar com esta gente.

        Algo que me espanta é a aparente ingenuidade – digo aparente porque não te conheço e porque estou só a basear-me no que escreves – em aceitar o que emana das instituições sem o questionar, seja a história dos mandatos para cumprir (como se os sócios só tivessem voz de 4 em 4 anos), seja essa assumpção de que a vida em sociedade se faz de relacionamentos formais e institucionais, imunes aos interesses pessoais. Pergunto-te só, o PdC não foi condenado (foi o fêkêpê pela justiça desportiva) e tu achas mesmo que é inocente?

        Quanto ao “vindo de pessoal”, nunca me leste a defender essa questão. Há muito – como digo noutro comment – que não confundo Sporting com jogadores do Sporting. Quero que o Izmailov se foda.

        Fica bem,

        Sporting Sempre

      • imaginem que tinha sido o gl a fazer aquela asneira que o porto pelos vistos fez( e o braga tambem fez algo parecido) com a utilizalçao de jogadores na equipa b e na equipa a com menos tempo do que os regulamentos permitem, no que nao seria de excarnio e mal dizer por aqui.

        o pdc nao foi condenado porque as escutas obtidas de forma ilegal nao sao consideradas em tribunal( nao foste tu nem eu quem pos isso na lei, por isso contra isso nao podemos fazer nada a nao ser achar que….)

        e lá está, tu acreditas que ele deve se condenado com base no que leste( claro que o PPC tem muitos “amigos” na PJ e no MP com vontade enorme de lhe fazer a folha nao tem nada a ver com o assunto), eu prefiro acreditar que toda a gente é inocente até prova em contrario, ou melhor até ser transitado em julgado no eventual julgamento.

        a ti digo o mesmo que disse ao Hugo e que serve para as restantes “personagens” que por aqui andam: espero sinceramente que nao venham a ter que morder a lingua no futuro.

      • Riga, estás claramente a fazer extrapolações do meu discurso e a levá-lo para o plano normativo quando não é disso que se passa. Pergunto-te se achas mesmo que o PdC é inocente porque não foi condenado. Tal como não tenho dúvidas que o estado actual do nosso País devemo-lo ao a muitas pessoas que interagiram com a máquina estatal (políticos, pessoal da justiça, sector privado, etc) e no entanto nunca viram essa interacção negativa sancionada.

        As provas não eram só as escutas – não admissíveis em tribunal: Existiram testemunhos, análise documental, etc

        Extrapolações, dizia, porque não digo em momento algum que ache que o PPC tem de ser condenado. Ele tem, sim, de ser julgado. Mesmo depois de a instância judicial se pronunciar podem subsistir dúvidas em relação à adequação da sentença (vê http://www.jn.pt/PaginaInicial/Policia/Interior.aspx?content_id=1631187 e repara que a própria juíza do caso dos “Paquetes da Expo”, tão caro ao actual presidente, ficou com dúvidas, apesar de oficialmente não haver matéria para o condenar). Eu tenho bastantes dúvidas em relação ao comportamento e postura dos dirigentes do Sporting desde há 17 anos, sobretudo em função de uma muito rápida análise à evolução dos activos e passivos e a comparação com os resultados desportivos e financeiros obtidos e gostava que os responsáveis fossem apurados, julgados e condenados porque não chegámos aqui aos dias de hoje por azar, por culpa dos árbitros ou por acção dos sócios. Chegámos por opções e critérios de gestão dos sucessivos Conselhos Directivos do Sporting.

        Não me metas é no mesmo saco de outros comentadores porque aqui (acho) cada um pensa pela sua cabeça e ainda não viste da minha parte rotular quem quer que fosse. Quanto a morder a língua e admitir o erro caso exista, sou capaz de fazê-lo, e na hora. A única pessoa viva em Portugal que “nunca se engana e raramente tem dúvidas” é o Presidente da República.

        Sporting Sempre

      • Riga mais uma vez completamente refutado.
        Nunca te vais cansar?
        Continua a defender cegamente quem roubou e pôs o nome do Sporting na lama que estás num bom caminho.

  21. Ah mais uma coisa, Pinto da Costa anda a brincar com o fogo, anda a massacrar o SCP e os seus adeptos e sujeita-se a que a direcção mude e as amizades terminem de uma forma pessima.

    • Verdade…
      Mas o que tinha para beliscar já beliscou! Eu diria mais… decepou!
      Li€d$off em Alvalade passou a valer menos que as acções do BCP!

  22. Cherba, és grande, mais um texto do caralho!
    Começaste por reproduzir umas palavras de quem realmente vive e sente o clube: “João Benedito”… esse sim, já é ídolo de muita pequenada e tenho plena certeza que não irá cuspir no prato onde come!
    SCP Sempre!

  23. A ultima demonstração do que é ser um símbolo, foi dada pelo Pedro Barbosa ( nos somos mesmo uma merda a tratar aqueles que realmente merecem o Olimpo), quando após ser expulso nas antas e segurando a gola do Martins dos santos lhe diz: eu sou o capitão desta grande instituição!

  24. Grande Post!!!

    Só de pensar que ia chorando na despedida do liedson… Fdx, que desperdicio de lágrimas!

    Desde ontem esse cabrão passou a filho da puta.

    Agora só me interessa os que lá estão! É segurar o Schaars, o Rinaudo, o André Martins, o Adrien, o Capel e o Boeck e fazer um núcleo duro com estes jogadores.
    ( O patricio dificilmente conseguiremos segurar…)

    Vamos rrrasgar o guimarães e fazer uma 2.ª volta do caralho.

    Força Sporting!

    • lulinha concordo ctg, interessam os que lá estao, para mim enquanto vestirem aquela camisola serão os maiores, quando deixarem de o fazer, serao indiferentes

  25. Fdx pa’…vai para o caralho Cherba!

    Eu todo contente por ser sexta feira e vens tu lembrar-me destas merdas? Nao ha’ direito!

    Post do caralho, num blog do caralho, por um autor do caralho!

    Quanto ao Liedson, puta que o pariu…pode ser que o bolo lhe foda as cartilagens todas…

  26. fizeste-me rir, fizeste-me chorar, fizeste-me recordar tanta coisa boa. Tu tens um dom do caralho ó Cherba que é a forma como escreves o que sentes e o que tantos de nós sentimos. O Cacifo é mesmo do caralho!

  27. “para quem futebol é negócio e que mostra ser incapaz de ver a clara tentativa do fcp em trepar no futebol português à conta do “empequenecimento” do Sporting, souberam atirar a matar sobre os já tão castigados adeptos”

    Aqui dizes tudo….

  28. Uma VÉNIA a este post!! Brilhante Cherba!

    Até fiquei com os olhos húmidos fds!

    Para mim o Liedson nunca será a desilusão que foi Moutinho. Era o capitão, o jogador titular desdes os 19, formado na cantera…para mim era um exemplo! Não valem nada como homens, não têm caracter nenhum.

  29. Este post devia ser apagado.
    Diz tudo. Um gajo lê do pricípio ao fim e assina por baixo em tudo.
    Lembra-se de todos os jogadores de quem o Cherba fala.
    Lembra-se da mítica 10A.
    Chega ao fim do post e conclui: “Estou velho como o caralho”.
    Mas continuo doido com o GRANDE SPORTING.

    Enorme post, tal como o SPORTING.
    SL

  30. Muito bom o Post.
    Pela descrição dos jogadores nos anos 80 devemos ter os dois a mesma idade (38?).

    Concordo que os dirigentes (com exceção da dupla Torcato/Manolo Vidal) destruiram no balneário a “mistica” de jogar no Sporting…. e foi depois do Sousa Cintra.

    Agora, salvo raras exceções, é quase tudo mercenários que não sentem a camisola, MESMO OS JOGADORES DA FORMAÇÃO. E isto é que é preocupante.

  31. O Morato, tal como o Futre uns anos antes, também foi directamente do Sporting para o Porto. É que esta história já é antiga, e como eu sou antigo, há muito que deixei de idolatrar quem quer que seja.
    Comecei pelo Yazalde, que ainda vi jogar, passei pelo Manuel Fernandes e Jordão…mas apercebi-me a tempo quando o puto do Montijo deu de frosques.
    O João Rocha ainda combateu o caso Futre indo buscar Jaime Pacheco e Sousa mas, daí para cá, nunca mais os beliscámos. Foram inúmeros os jogadores que passaram pelo Sporting e acabaram vestindo a camisola do bufas, e alguns vieram em sentido contrário, mas quase sempre ficámos a perder. Só me recordo de uma troca proveitosa quando despachámos o Peixe e Costinha e recebemos Rui Jorge e Bino.
    Bem proveitosa foi a vinda de Jardel…em certa medida a do Derlei, enquanto o Edmilson foi para a pré-reforma.
    Também recebemos o carismático Fernando Gomes, alguém com mais afinidade com o Porto do que Liedson alguma vez terá com o Sporting.
    Claro está que me refiro àquela afinidade à moda antiga, e não ao endeusamento que se faz a qualquer trolha que aí aparece, sedentos que parecem estar os nossos adeptos por alguém que consiga dar dois pontapés na bola.
    Clayton, Postiga, Paredes, Maniche, Pedro Mendes…foram mais uns cromos para esquecer.
    Do Sporting para “aquela casa” foram também o Inácio, outro defesa esquerdo…Fernando Mendes, e porque não outro defesa esquerdo, Nuno Valente.
    Do lado contrario da defesa lembro-me do Nélson.
    Guarda redes recordo-me do Rui Correia, e mais recentemente o Beto.
    Já agora o Capucho… o Paulo Costa, o Ricardo Fernandes, o Quaresma…até aos mais recentes Varela, Montinho, Izmailov e, agora, Liedson.

    Isto já para não falar dos que foram desviados de Alvalade, só porque o Sporting os queria.
    Falo de Paulo Assunção, de Kleber, de Adriano, de Ruben Micael, de Jorginho…

    O Bimbo do norte, desde sempre, fez das nossas fraquezas a sua força, mas parece que ainda há quem julgue ser proveitosa uma aliança…política e desportiva.
    Recebemos os excedentários para camuflar a ida dos nossos melhores atletas.
    Esta é a mesma política que o Porto faz com os clubes menores, que sempre o alimentaram.
    Nós, pelos vistos, queremos colocar-nos nesse patamar.

    Resumindo, como esta história de deserções já é antiga, quero que o Liedson se fod*, e se não for o Liedson que seja o joelho dele.
    Quero que o joelho do Izma tenha o mesmo fim, mesmo que tenha sido benzido com água benta.
    Ao Montinho não tem resultado nenhum dos maus-olhados, pelo que acredito que as forças do mal se estejam, uma vez mais, a sobrepôr às do bem.
    O gajo não torce, mesmo.
    Ao Varela não lhe desejo nada, porque o Paulo Bento é que não quis nada com ele e ele foi à sua vida.

  32. Isto merecia criar um ponto de recolha, para que todos os socios e adeptos que tenham camisolas desses merdas, as entregassem, e depois seria tudo queimado em directo na internet.

    • Estava mesmo atrás dessa baliza. Mudei-me da Sul para a Norte como se fazia na JL nesses tempos quando atacávamos para essa na 2ª parte. O Cherba era a par do Balakov o meu jogador preferido desses saudosos tempos

      Sporting Sempre!!

    • Verdade que nunca entrei neste estádio… mas ver estas imagens dá-me umas saudades do Velhinho Alvalade…
      E ainda diziam que a pista afastava os sócios, foda-se!!!
      Agora em vez de pista temos um fosso que nem para os nossos nadadores serve…
      Pó caralho, godo!

    • E este, alguém esteve lá?
      Ainda hoje guardo o bilhete naquela que foi a vingança dos 0-5 de 82-83.
      Cheguei em cima da hora e tive que ver o jogo sentado nas escada pois o estádio estava sobrelotado.
      Um jogo do caraças com 2 golos do Cadete, uma equipa do caraças treinada por sir Bobby Robson.
      O Costinha na baliza é que era uma verdadeira andorinha…

      • Eu estive. Muita chuva e 85.000 em Alvalade. Nós éramos 8 para 5 lugares (neste jogo ficamos nas laterais sul do lado da pala).

        Que grande recordação e grande ambiente

        Sporting Sempre!

  33. Ídolos de camisola verde vestida, por tudo o que representaram na altura, tenho apenas 2: Yordanov e Acosta….(de Damas não me lembro bem para o ter como tal)

  34. Para mim o mais filho da puta dos 3 é mesmo o cabrão do Izmailov. Um fdp que se recusa a jogar pelo clube que lhe paga, que inventa dores semana sim / semana sim, que mama o ordenado e não joga porque se quer ir embora, que não respeita o grupo. Este é o mais nojento e mau profissional de todos.

    O Montinho foi um fdp mas enquando esteve no SCP ninguém lhe pode apontar um dedo ao seu profissonalismo. O gajo deu sempre o litro em todos os jogos, O Liedson, ficou-lhe mal o que disse ontem, e também teve episodios menos bons, mas para mim o pior de todos é mesmo o cabrão do russo. Espero que lhe partam o que resta do joelho rapidamente.

  35. pedir amor à camisola hoje em dia é como pedir para voltarem os “almofadinha pá bolaaa, é po cu é po cu”. Os lugares são de cadeira. Futebol agora é negócio, as pessoas são diferentes de outros tempos. Não condeno ninguém. Devemos continuar a amar os nossos homens e sobretudo o nosso símbolo, mas não o que se tornou este futebol… e essa é a verdadeira perda.

  36. Deixo aqui este desabafo de um grande sportinguista:

    ” Dias Muito difíceis estes para o meu puto Tomás!
    Muitas lágrimas, muito genuíno sofrimento, muita revolta, muita incompreensão… Não consigo dar-lhe consolo, 14 anos de paixão incondicional pelo Nosso Grande Amor… metade deles tendo “o leve” como Deus, como o herói do seu culto…
    Muitas lágrimas…. só me consegue dizer o que não consegue fazer com as fotos, os pósteres, com as dedicatórias e os autógrafos que perdem agora todo o o seu sentido. Autógrafos do mesmo nome que tem impresso nas seis camisolas de vários tamanhos … aquelas com que cresceu, dormiu, vestiu à exaustão e de que fez farda de escola… aquele nome que está impresso nas camisolas que tantas vezes, e às escondidas da Mãe, foi buscar ao cesto da roupa suja, porque sim, porque tinha que ser aquela, porque queria vestir as cores do seu clube e carregar com orgulho o nome do seu ídolo…
    Liedson, como explicas ao Tomás o que acabas de fazer? As tuas declarações, as tuas opções são tiros fulminantes no corpo e na alma de um miúdo que já não carrega o seu colete à prova de balas… porque essa proteção sempre foi a tua camisola e a dignidade com que ele sempre a vestiu!
    Levezinho, tu que resolvias, resolveste estes dias converter o quarto e santuário do Tomás em galeria de horrores, resolveste profanar o Templo interior do Puto…
    Fico à espera que tenhas, por estes dias, umas palavras de conforto para o Tomás e para tantos outros miúdos que como ele hoje se foram deitar a chorar.
    Não creio Liedson que, depois das lágrimas e de atenuada a dor que agora sente, o Tomás consiga algum dia perdoar-te!
    Não creio também que consiga substituir-te, porque aquilo que lhe acabas de fazer diminui o Ídolo como ideia… Aquilo que acabas de fazer, não se faz! “

    • Conselho:
      Diz-lhe que amar, idolatrar, apoiar… só mesmo o Clube!
      Uma andorinha não faz a primavera… mesmo que seja um bando pequeno como o que se juntou nos ultimos anos!

  37. Bravo!

    Quero que o Liedson se foda, sempre quis. O seu histórico de comportamento sempre indiciou o tipo de pessoa que é.

    Viva o Sporting! E viva o Sá Pinto que lhe deu 2 bananos!

      • Pois foi… fui contra a a forma como esse dossier foi gerido e tenho aqui o arquivo do Cacifo como prova.

        Tal como com o Izmailov…quem saiu por baixo foi o Ministro Francisco da Costa.

      • Riga,querias que saisse o Liedson???O elo mais fraco era o Sá Pinto,que precisava de 1 ano para ganhar o que o Liedson ganhava num mês ou numa semana,a nivel de custos era uma decisão super fácil de se realzar.

      • exacto no caso izmailov na altura o Costinha era um infiltrado, nem era sportinguista, chamaram-lhe de tudo, agora percebeu-se quem tinha razao, la esta os sportinguistas sao assim sao rapidos a crucificar, mas depois assumir que erraram…está quieto

      • edu

        mas na hierarquia quem estava acima?era o sá pinto.

        para mim tinha-se aplicado uma multa ao liedson, mas uma multa a serio.

        assim podia ser que os jo0gadores comecassem a respeitar quem manda.

        hugo

        espero sinceramente que nao venhas a morder a lingua no futuro(ou a queimar os dedos se preferires)

      • Um dirigente do Sporting nunca se pode travar de razões com um jogador… Não sei qual é a duvida…

        O caso do Costinha foi diferente, não misturem as coisas…

      • O Costinha lixou-se porque o Izmailov nessa até parece que tinha razão, tanto que foi operado 2 vezes ao joelho. Se o Costinha reagiu assim é porque se calhar a fama do russo já era conhecida. Mas correu mal ao Costinha, tipo história da Pedro e o Lobo mas em que é o Lobo que acaba fodido. E o bandido deu 3 a zero: ficou a ser o coitadinho injustiçado que estava mesmo lesionado, livrou-se do Costinha e ainda levou com um novo contrato assim que este palerma chegou à Presidência. O crime compensa…

      • Krpan, na minha forma de ver as coisas, um jogador nunca pode fazer frente a um dirigente. E mesmo que o Liedson tivesse razão, oficialmente a Estrutura (neste caso o Sá Pinto) teria sempre de sair por cima.

        Mais…se tivéssemos outro tipo de organização e um capitão de equipa, a questão teria sido resolvida pelo Capitão e o Dirigente não tinha que fazer o trabalho do Capitão. Mas nós não tinhamos um capitão, tinhamos um merdas.

        Quanto ao Ismailov/Costinha, se bem me lembro, o Ismailov já tinha bilhete de avião comprado para Moscovo muito antes de estar “indisponível” para jogar.

      • Achas que o Sá Pinto precisava de lhe bater para mostrar que manda???

        Então se fosse assim muito eu andava à pera…

      • Acho que o Sá Pinto não lhe devia batido. Mas uma vez que bateu (e só se perderam aquelas que caíram no chão…), a estrutura devia tê-lo apoiado para demonstrar que havia…uma Estrutura. O jogador seria chamado pela direcção e levava uma reprimenda por ter desrespeitado um Director do clube. Cá para fora, negava-se a existência de qualquer tipo de incindente. Se o jogador não quisesse entrar neste “acordo” seria encostado.

  38. Muito bom o teu post cherba.
    Hoje em dia as referência do clube temos de ser nós adeptos.
    Mesmo isso, está difícil, os sportinguistas hoje não se entendem, estamos a passar por uma profunda convulsão onde em todo o lado, em todo o sítio, se vêm adeptos sportinguistas a ofenderem-se mutuamente apenas por discordarem de aspectos estratégicos do clube.
    O mais importante somos nós, fomos sempre nós que fizemos do nosso clube um exemplo a nível de valores e de espiríto clubistico. Só nós, com um rugido de união é que podemos devolver o futebol do clube onde ele pertence, ao topo.

  39. Está no teu top 5! Grande texto, muito bem resumido, de leitura obrigatória!!! A lágrima ao canto do olho de o ler… há muito tempo que não me identificava tanto com um texto. Bravo!

    Os meus parabéns!!

    • MALTA URGE ORGANIZAR-MO-NOS ECRIAR UMA ENORME FORÇA PARA IMPEDIRMOS QUE O PINTO DA COSTA CONTINUE COM A SUA MAQUIAVÉLICA ESTRATÉGIA DE IR PASSO A PASSO TORNANDO O SPORTING MAIS FRACO.
      É PENA QUE QUEM VEM DIRIGINDO O SPORTING DÊ GUARIDA A ESTE INCRIVEL ATAQUE AO SPORTING CLUBE DE PORTUGAL.
      NÓS SÓCIOS É QUE SOMOS CULPADOS. CHEGOU A HORA DESTES SENHORES QUE TANTO MAL TÊM FEITO À NOSSA INSTITUÇÃO SEREM AFASTADOS, SIM, SEREM AFASTADOS PORQUE JÁ VIMOS QUE POR SUA LIVRE INICIATIVA JAMAIS DEIXARÃO DE ESTAR NO PODER E NESSA ALTURA SERMOS DIRIGIDOS POR QUEM SENTE A VER4DADEIRA PAIXÃO LEONINA

      • “O PINTO DA COSTA CONTINUE COM A SUA MAQUIAVÉLICA ESTRATÉGIA DE IR PASSO A PASSO TORNANDO O SPORTING MAIS FRACO”

        Acreditas mesmo neste disparate? Se nós vendemos o Liedson e depois não o quisemos de volta, o que tem a ida para o porto a ver com o Sporting. E o Izmailov, foi o pc que apontou uma caçadeira aos dirigentes do Sporting e os obrigou a fazer a troca pelo Miguel Lopes e Ventura? Deixem-se de teorias da conspiração infantis…

      • Trocar um jogador com contrato por outro livre para assinar no final da época?
        Há outra explicação para além da caçadeira? Há mas leva tempo e não vale o esforço.

      • lol, ao ponto a que se chega para defender o Godas. Agora até o PC é um anjinho papudo…

        Deixo só um de muitos exemplos para refrescar a memória. É a partir do 2:54:

  40. Cherba, que orgulho ser do Sporting, aconteça o que acontecer. Estes cacifeiros, ou a grande maioria deles, não deixarão nunca que este clube morra. Somos grandes. Tão grandes como o BENEDITO.

  41. Penso ficar por fazer uma homenagem aos 5 violinos e ao grande chirola,e nas modalidades idolos também não faltam,desde o Livramento ao Carlos Lopes passando no Mamede e acabando no Joaquim Agostinho.
    Realmente somos um clube de valores e de idolos,pena que certos individuos deitem tudo a perder.

  42. Sou dos que nunca viram em Liedson um símbolo do clube. Gostei dos golos dele, claro, mas nunca o perdoei por termos perdido um campeonato em plena Luz. Forçou um amarelo. Fez de propósito, não quis jogar.
    Beto Acosta, cabelos brancos, irá estar sempre noutro patamar. Mais que os golos de Liedson e Jardel juntos.

    • Fartei me de mencionar isso mesmo no post anterior.Acosta no entender dos sportinguistas deveria sempre estar no patamar acima de Liedson e Jardel juntos,aquele campeonato valeu ouro.
      Cada vez que se lembrarem do Acosta vão se lembrar do campeonato que ganhámos ao fim de 18 anos,do Jardel além do titulo foram os golos de longe superados pelo Chirola,esse sim merecedor de uma recordação por ainda ninguém ter conseguido marcar tantos golos no campeonato português.
      Liedson,apenas destaco os 8 anos de dedicação,desperdiçados por uma persoonalidade fraca.

      • o mesmo acosta que quando chegou era um velho acabado e com ciatica, isto segundo os grandes entendidos deste clube , que sao os adeptos sportinguistas

      • Exactamente todos deviam olhar para o Acosta como um exemplo, os assobios tornaram-no num melhor jogador e ao fim de duas exibições como deve ser era ídolo dos adeptos. Como o serão todos os que tiverem estofo e derem tudo em campo, veja-se o Rui Patrício.

        Meninos que amuam e viram a cara à luta, não obrigado.

  43. O que eu gostava era que mostrassem ao li€d$on o vídeo das pessoas a chorar na bancada quando ele se despediu, e lhe perguntassem: “o que tem a dizer sobre isto?”

    A história do montinho no porto está recheada de sucesso e joga sempre, mas a do russo e do brasileiro ainda está por contar…e se houver justiça, as lesões hão-de minar o caminho destes mercenários, que não sabem respeitar os clubes por onde passaram, com discursos que em vez de respeitarem o passado só causam indignação.

  44. GRD POST!!!!! diz tudo sobre o que são os ídolos e os outros….aqueles a quem os adeptos acham piada ou simpatizam por algo.

    Aquela frase do joão benedito ( um grd ídolo, sem dúvida!!) é bem o resumo de qual devia ser a mentalidade dos dirigentes dos SCP.

    E digo-te Cherba, o meu pai, sportinguista ferrenho, leu este este texto e disse-me: belas memórias!!

    Obrigado Cherba!

  45. Teoria da conspiração:
    Declarações de Li€d$off:
    “Fico contente por o porco ter voltado a confiar… (pausa)… por confiar em mim… ”
    “Há muitos anos que queria jogar no porco”…

    Isto é apenas impressão minha ou tem gato escondido com o rabo de fora…

  46. Este post diz tudo. Reforço apenas, em relação ao último parágrafo, o impacto negativo que tem ver as 3 referências dos últimos anos a jogar num rival. Quantas crianças/jovens não trocarão de clube? Quantas não ficarão desiludidas com o clube? Quantas não abandonarão o mesmo?
    Quando era criança, o Sporting era, destacadamente, o segundo clube em adeptos de Portugal. Hoje, 30 anos volvidos, já somos o terceiro. Minguámos na mesma proporção que o porto tem crescido. Basta ver, por exemplo, o número de fãs no Facebook, onde o porto tem mais do dobro dos fãs do que o Sporting. É triste, mas esta conivência, ano após ano, com o porto, e o constante pensamento: “antes o porto que o benfica”, tem funcionado muito mais contra nós, do que contra qualquer outro. Temos que mudar essa mentalidade, pensar só em nós, e ver os dois rivais da mesma maneira, sem dar preferência a um em relação a outro.

  47. FODA-SE!! Cherba, já foste convidado para alguma lista?
    É que se dirigires como escreves…Tens o meu voto! E com o que já provaste(na escrita),nem precisas de apresentar programa. Geres por instinto!
    Parabéns! Post do caralho!

    • Cherba a motivar o plantel e a dar lições do que é ser Sporting!Grande texto Cherba,mais um para não variar!Quando pensamos no que já fomos e no que somos agora dá-me vontade de chorar,foda-se,quero o meu Amor seja aquilo que já foi…saudades!o Cacifo é do Caralho mesmo!
      SL

  48. Palavras de João Benedito após conquistar o campeonato de futsal em plena ETAR, com três vitórias consecutivas na final:

    “É de pensar que o Sporting é muito grande. É são estas coisas que valem muito para um clube. São estas coisas que trazem sportinguismo ao clube. Isto não é quantificavel… Isto não é 6 ou 7%… ISTO É O SPORTING! Isto traz coisas muito importantes ao clube… FERVOR SPORTINGUISTA acima de tudo!”

    Li€d$off… seje homi! Vá tomar no seu cú!!!

  49. Dedicada a todos os “montinho”, “loves”, “P€S€T€ROS”, “calhaus” e afins… VÃO MAS É TOMAR NO…

    EU GRITO PELO SPORTING!!!

      • Porra mas porque é que estes cabrões meteram na cabeça que este saía a todo custo?
        Filhos da puta!!!!!!!!!

      • GL DIXIT:

        “Só decidi por modo próprio. Sou duro a negociar. Não tenho dois chapéus…”

        rascord.xl.pt/Futebol/Nacional/1a_liga/Sporting/interior.aspx?content_id=686883

        SPORTING: INSÚA NO ATL. MADRID AVANÇA MARCA

        A Marca avança que Emiliano Insúa vai deixar o Sporting para representar o Atl. Madrid. O diário espanhol dá o negócio como feito e por 3,5 milhões de euros.

        Fonte: Maisfutebol

        Diria que era uma proposta irrecusavel…

      • O Ínsua deve ter sido colocado num site de leilões, mas com uma base de licitação baixa…
        Ao Atlético compram caro o ruim, e vendem barato o bom
        Puta que pariu!

        Desculpem lá, mas vou voltar aos insultos:

        Godinho és um Filha da Puta!
        Godinho vai pó caralho!
        Croquetes vão pó caralho!
        Rua com todos os vermes, parasitas e rastejantes que dizimaram o Sporting Clube de Portugal!

        E o mercado que nunca mais fecha… ainda vamos ficar sem o Ricky e sem pl alternativo… e a AG? sai a data ou não?

        Foda-se, nunca mais chega a hora de fazer a “cruz” as estes FdP.

      • Bom negócio…

        Pagámos-lhes 15 milhões pelo Elias e pelo Pongolle…eles dão-nos 3,5 pelo Ínsua….

        E sabendo das relações entre o LFV e o Atlético, não é muito dificil imaginar onde é que o Insua vai estar brevemente…

  50. Eu só imagino se esta merda fosse com as galinhas…moutinho…izma…liedson..etc..
    Enfim…fait divers…
    Haverá uma altura em que vamos apenas olhar para nós próprios..n me parece que seja agora…e já agora…bela merda de post..se queres desvalorizar icons, referências que outrora passaram por cá tás a vontade, não mascares é isso com a ideia que essas referências são apenas piões num jogo complexo que se chama o lodaçal português.
    Somos a equipa B dos corruptos e vamos continuar assim, pq o nosso desejo, que esta fundido algures na nossa génese de ver as galinhas no fundo do poço leva-nos a
    a cometer actos de loucura profunda.
    Talvez um dia a nossa identidade seja mais forte.

  51. Oh Riga, “3,5 milhões por 35% do passe… grande negócio” … foi isto que tu disseste? É que, se sim, então toma lá o meu primeiro “vai para o caralho”!
    Foda-se, isto não nos está a acontecer. Peço perdão pelas asneiras, mas estou para lá de possuído. Até o almoço cai mal.

  52. O melhor post que já li, aqui e em qualquer lado. Cherba, muito obrigado. Este post é um oásis num deserto de tristezas. O Godo nunca entenderá os sentimentos que aqui narras – e é aqui que está o problema.

    SL

  53. A gestão de Godinho em 24h.

    “06:00 – Marcelo Boeck acorda e esmurra o despertador
    06:15 – Rui Patrício sai da cama com uma grande intervenção em voo
    06:30 – Schaars chega da casa de fados ainda meio tonto
    08:00 – Começam a chegar alguns jogadores à academia
    08:15 – Pereirinha, num Opel Corsa, tenta entrar na academia mas os seguranças dizem não saber quem ele é
    08:16 – Boulahrouz chega à academia, partindo a cancela à cabeçada
    08:30 – Jogadores reúnem-se no balneário
    08:31 – Godinho Lopes vai ao balneário apresentar Jesualdo Ferreira como novo treinador
    08:32 – Godinho Lopes apresenta Makambu, avançado ganês, como novo reforço
    08:33 – Makambu é emprestado ao Cercle Brugge
    08:35 – Xandão veste o equipamento ao contrário
    08:37 – Capel já está equipado há 6 minutos
    08:38 – Insúa sorri
    09:00 – Início do treino
    09:01 – Jesualdo Ferreira é despedido do cargo de treinador do Sporting
    09:02 – Pedro Barbosa é o novo treinador do Sporting
    09:10 – Wolfswinkel levanta o braço para tirar uma dúvida sobre o treino
    09:11 – Notícia do jornal Record: “Wolfswinkel mostra o dedo a Pedro Barbosa”
    09:15 – Começa o treino com uma corrida à volta do campo
    09:16 – Capel completa a segunda volta
    09:17 – Pereirinha entra na academia
    09:20 – Pedro Barbosa é despedido do cargo de treinador do Sporting
    09:21 – Beto Acosta é o novo treinador do Sporting
    09:22 – Carrillo já fintou 6 colegas de equipa mas entretanto perdeu-se
    09:25 – Jéffren lesiona-se
    09:28 – Boulahrouz atropela Pereirinha, que não cai devido a grande intervenção de Rui Patrício
    09:30 – Jéffren desencrava a unha do pé e já está apto
    09:45 – Peladinha
    09:46 – Beto Acosta coloca a equipa A contra os apanha-bolas
    09:48 – Boulahrouz é expulso
    09:50 – Joãozinho, apanha-bolas, marca o seu segundo golo
    09:52 – Joãozinho é vendido ao FC Porto
    10:00 – Beto Acosta é despedido do cargo de treinador do Sporting
    10:01 – Balakov é o novo treinador do Sporting
    10:02 – Insúa sorri
    10:15 – Makambu é emprestado ao Beira-Mar
    10:30 – Rui Patrício já leva 22 defesas
    10:31 – Capel continua a correr à volta do campo
    10:35 – Xandão apercebe-se que está a jogar pela equipa contrária
    10:37 – Schaars bebe mais um copo
    11:00 – Resultado final: Sporting 2 – Apanha-bolas 11
    11:01 – Marcelo Boeck esmurra o banco de suplentes
    12:00 – Almoço
    12:15 – Alguns jogadores do Sporting chegam a um restaurante indiano
    12:16 – Pereirinha é barrado à porta, mas acaba por entrar devido a grande intervenção de Rui Patrício
    12:20 – Schaars pede mais uma garrafa
    12:21 – Sunil Chhetri acaba de apontar os pedidos
    12:25 – Wolfswinkel falha o prato
    12:27 – Insúa come um prato estupidamente picante
    12:28 – Insúa sorri
    12:29 – Jéffren lesiona-se a caminho da casa de banho
    13:00 – Wolfswinkel pede a conta
    13:02 – Notícia do jornal Record: “Wolfswinkel mostra o dedo a colegas de equipa”
    13:15 – Makambu é emprestado ao Gil Vicente
    14:00 – Balakov é despedido do cargo de treinador do Sporting
    14:02 – Paulinho é o novo treinador do Sporting
    14:30 – Godinho Lopes diz que vai ao Canadá buscar investidores
    14:35 – Jéffren tira finalmente um bocado de comida dos dentes e já está apto
    15:00 – Alguns dos jogadores do Sporting vão para casa jogar Call of Duty
    15:05 – Carrillo e Capel correm pelo mapa
    15:06 – Boulahrouz já matou toda a gente
    15:07 – Pereirinha não consegue jogar porque o seu nick não é reconhecido pelo jogo
    15:08 – Xandão dá um tiro em si próprio
    15:10 – Rui Patrício é morto por um jogador adversário
    15:11 – O jogador adversário é contratado pelo FC Porto
    15:15 – Marcelo Boeck esmurra a televisão
    15:20 – Insúa sorri
    18:00 – Godinho Lopes regressa do Canadá com um jogador de hóquei no gelo
    18:02 – Wolfswinkel estende a mão para o cumprimentar, mas falha
    18:15 – Schaars bebe whisky canadiano para celebrar
    18:25 – Makambu é emprestado à Académica
    19:30 – Paulinho é destituído do cargo de treinador do Sporting
    19:32 – Godinho Lopes é o novo treinador do Sporting
    20:00 – Schaars vai para uma casa de fados
    20:15 – Pereirinha está à porta de casa à espera que o deixem entrar
    21:00 – Boulahrouz adormece à cabeçada
    21:10 – Wolfswinkel apaga a luz
    21:11 – Notícia do jornal Record: “Wolfswinkel provoca adeptos do Benfica”
    21:15 – Marcelo Boeck esmurra a almofada
    21:45 – Makambu é vendido ao FC Porto
    22:00 – Godinho Lopes demite-se
    22:15 – Insúa sorri”

  54. Este post, apesar de ser lindo, é uma grande injustiça e uma grande ingratidão. E os comentários que aqui leio acerca de Liedson, Izmailov e Moutinho são tristes e são infantis, como os de crianças birrentas. Disse e redigo: como cada um de nós, o nosso Clube tem, apenas, aquilo que merece. Ao Senhor Jordão e ao Senhor Manuel Fernandes, ao Senhor Oceano e ao Senhor Carlos Xavier, ao Senhor Pedro Barbosa e ao Senhor Rui Jorge treinadores medíocres e dirigentes conta-tostões impediram de acabar de leão ao peito. Todos foram ingloriamente despachados, impedidos de fechar a carreira onde (ou, no caso do Senhor Pedro Barbosa, como) mereciam. E a poucos deles foi dada a hipótese de voltarem a ajudar e a simbolizar o Clube. Ao Senhor Iordanov, que, como nenhum outro, corporizou o espírito de um campeão, foi-lhe negado o direito contratual a um jogo de despedida. E quando os Tribunais o reconheceram (após intermináveis recursos desta gente que elegemos para nos representar) poucos foram os Sportinguistas que foram ao estádio render-lhe a justa homenagem. Acolhemos de braços abertos um Caneira que nos aldrabou, um Cadete que nos ofendeu, e teríamos acolhido um Simão que fez isso tudo e ainda nos cuspiu para cima, se o Espanyol não se tivesse chegado à frente. Vaiámos, com entusiasmo, Futre (esse vaiei eu, que era miúdo, e não pensava), Nani e Rui Patrício. Vaiámos e devolvemos a camisola verde-e-branca a João Moutinho, que a deve ter suado como poucos. E, agora, entretemo-nos a insultar Moutinho, Izmailov e Liedson – os três jogadores que mais fizeram pela nossa camisola nos últimos sete/oito anos. O que fez Liedson que o Fernando Gomes, Rui Jorge e João Vieira Pinto não tenham feito? O que fez Izmailov senão sair do clube que o tentava vender, a cada defeso, por todos os meios, mesmo a calúnia mais reles? O que fez Moutinho senão sair de um clube de segundo plano, que trata mal os seus ídolos e que não se respeita, para um clube campeão, que acarinha os seus jogadores e que jamais venderia o seu capitão a um rival? O que estes excelentes – repito – EXCELENTES PROFISSIONAIS fizeram foi: primeiro, dar tudo de verde-e-branco (pelo que terão a minha eterna gratidão e admiração); e, segundo, fazer aquilo que tinham de fazer para avançar na sua PROFISSÃO. Quem criou as condições para que fosse assim? Quem criou as condições para que eles não ganhassem nada no SCP, para que eles não contassem com nada por parte do SCP (nem com o respeito pelos contratos assinados, nem com o respeito dos adeptos)? Quem fez os negócios, quem assinou as transferências e quem recebeu o dinheiro. Cresçam, caralho! E, se não querem mais disto, apareçam (a começar pelo dia da Assembleia-Geral)! SL

      • Tote, infelizmente tens toda a razão, uma vénia.
        Na AGE lá estarei e venha Juve Leo, venha quem vier não vou sair de lá enquanto não tirar do meu grande amor este cancro que é a corja.

      • Claro que vou. Já me cheguei um bocadinho à frente para que a coisa se fizesse, e, assim que sair a data, pago as minhas quotas todas em atraso (para aí umas 20…), e vou lá eu, mais os meus 29 anos de votos, para o que espero seja o dia mais feliz da minha vida de Sportinguista, desde aquele Domingo de Maio no Vidal Pinheiro.

    • Onde é que “excelentes profissionais” se encaixa em:
      – levar cartões amarelos de propósito para não jogar alguns jogos
      – simular lesões para não jogar
      – recusar treinar como forma de pressionar a saída

      Já agora, o Sporting Clube de Portugal não é o Godinho, o Bettencourt, o Sousa Cintra, nem sequer o Bruno de Carvalho…o Sporting somos nós. E esses merdas que defendes não mostraram um pingo de respeito ou gratidão por…NÓS.

      o JVP, por exemplo, conseguiu prosseguir a sua carreira, indo para um rival, sem nunca ter sido ingrato ou ter faltado ao respeito ao benfica. É só um exemplo. É só a diferença.

    • Concordo que o post é brilhante, mas este comentário põe realmente o dedo na ferida. Os jogadores estão para o clube como os actores para um filme. Podem ser muito bons, mas se o filme não presta estão simplesmente a desperdiçar-se. E o filme “Sporting” tem sido demasiado mau porque os produtores têm sido desastrosos.

      SL

    • O que fizeram??? Nunca ouvi o Paulo Sousa, o João Pinto, o Rui Jorge, o Jardel e outros, a dizerem que era uma vontade de há muitos anos. Se o anão repositor não tivesse dito isto, não me tinha custado nadinha a ida dele para lá, como já o disse aqui.
      Ou vais-me dizer que o “há muitos anos” vai até exactamente o dia após ter chorado em alvalade na despedida?

      Pelo Sporting nos últimos 8/9 anos fiz eu muito mais que esses porcos. O meu idolo é o Leão Rampante que foi colocado num simbolo que não é o meu.

    • Tote, para quem ganha 30, 50, 100 mil euros por mês, ser excelente profissional é uma obrigação, não é nada de elogiar. E pelo contrário todos eles tiveram casos de mau profissionalismo: Liedson, quando prolongou as férias do Natal no Brasil por mais uns dias em 2005 se não me engano; Izmailov quando inventa lesões; Montinho quando forçou a saída (primeiro em direcção ao Barça – até inventou que o pai estava com dificuldades financeiras, segundo para o Everton, terceiro com o Porto). Quanto aos adeptos, diz-me em que clube jogadores importantes não foram já insultados e alvo de comportamentos mais ingratos? Isso faz parte do futebol, os jogadores sabem que é assim e isso em caso algum deve servir de desculpa para justificar comportamentos menos éticos.

    • Claro que vou. Já me cheguei um bocadinho à frente para que a coisa se fizesse, e, assim que sair a data, pago as minhas quotas todas em atraso (para aí umas 20…), e vou lá eu, mais os meus 29 anos de votos, para o que espero seja o dia mais feliz da minha vida de Sportinguista, desde aquele Domingo de Maio no Vidal Pinheiro.

      • Discordo dos comentários acima, e já discordava na altura em que as coisas ali referidas aconteceram. Aliás, acho que eles servem perfeitamente bem para explicar o triste fim que isto tudo teve. O Liedson e o Moutinho, pelo que objectivamente fizeram dentro de campo (tal como o Izmailov – obviamente, em menor medida), que é o que interessa, não são beijinhos no emblema, entrevistas a prometer amor eterno, e saltinhos no banco, eram credores de muito mais consideração dos Sportinguistas do que a que tiveram. Por exemplo, alguém acha que se o Benquerença desse um amarelo ao Hulk, como deu ao Liedson, afastando-o do jogo do título, um único portista ia dizer que o jogador é que esteve mal? Alguém ia dizer que ele queria descansar para a final da taça UEFA? Alguém ia dizer, EM 2013, que ele, EM 2005 regressou atrasado do Brasil?Já nós emprenhamos de ouvido com as alarvidades de um qualquer Rui Santos, ou, no caso do Izmailov, do empregado do comissionista que o queria vender. E, com estas conversas de gaja, minamos a nossa própria equipa. Pensem lá, o Vítor Baía fez isto e pior (e já nem falo da trupe latino-americana que raramente chega a horas das férias), e alguma vez houve este paleio de alcoviteira? Nem pensar, pelo contrário! O FCP fez uma guerra por causa do Vitinho não ir à selecção, quando tinha sido o Pinto da Costa a pedir para ele não ser convocado! E isto é porque somos mais parvos que os outros? Não: é porque os outros (e estou a falar nos corruptos) têm LIDERANÇA. E, como diria o Jardel, a liderança lidera. No Porto as víboras não se ouvem, só se ouve o mangusto. No Sporting é isto: qualquer merdas pago à hora envena a reputação dos melhores jogadores e dos melhores treinadores que nós tivemos. Ou alguém andou a envenenar todas as semanas acerca do Hugo Viana, do Farnerud, ou do Alecsandro? Não, só acerca do Moutinho, do Izmailov e do Liedson… E alguém andou, todas as semanas, a deitar abaixo o Carvalhal, o Paulo Sérgio, o Sá Pinto ou o Vercauteren? Não, pois não… e o resto já nem vale a pena dizer. SL

  55. E lá conseguiu o grande Godo despachar o Insua, em negócio, mais uma vez, com o Atl. Madrid, clube a quem comprámos os 2 jogadores mais caros da nossas história e a quem agora oferecemos o melhor defesa esquerdo do campeonato

    • Epa temos o Joãozinho, fodassssssssssssssse é mesmo a gozar.

      Esse cabrões do Atlético espetaram-mos os dois maiores barretes da história por 6,5 e 8 milhões, que nem calçavam lá e agora oferecemos um titular, melhor defesa esquerdo em Portugal, por 3,5 milhões.

      Ainda bem que o saco de merda do godo é duro a negociar, contra o SCP.

      A direcção tem de ir para o real caralho que os foda.

      No Domingo quando o barrete João e Miguel Lopes derem merda quero ver quem são os responsáveis.

      Morte aos filhas da puta da direcção do SCP, já!!!!!!!!!!!!!!!!

  56. “Este meu clube deve ter os piores adeptos do mundo. Antes de ontem (Insúa) ia para o Brasil e era um péssimo acto de gestão, ontem já não ia ser vendido e… era um péssimo acto de gestão. Hoje é vendido e adivinhem… é um péssimo acto de gestão. Mas o que se passa? É só criticar? E querem vocês um clube melhor? Um clube vencedor? Assim? Merecemos isto.”

    SCP_TorresVedras, in Record

  57. De certa forma invejo-vos a todos, por terem vivido o Sporting de outra forma. Ainda apanhei uns anos do Velhinho Alvalade, do símbolo antigo e de verdadeiras referências como Beto, Barbosa, Acosta e André Cruz. Mas soube a pouco. A partir daí foi sempre a descer.

    Quanto ao Li€d$on, não entendo como há quem o desculpe. Quem disser que no Sporting não lutou por títulos está a ser desonesto. Num campeonato sério, esse cabrão teria sido campeão pelo Sporting pelo menos duass vezes – 2005 (jogo com o estoril no algarve / golo do luisão com falta sobre o ricardo); 2007 (mão do Ronny) e ainda há 2009 com o sistema a funcionar numa derrota em casa com o Braga enquanto o Porto era levado ao colo jogo pós jogo.

    Por outro lado, quem disser que o Liedson vai ganhar a sua reforma, que pare e pense: o zuca vai por empréstimo, ganhar exatamente o mesmo. Vendido de merda…

    Realmente, amor, amor, é esfregar o dedo no indicador…

  58. Grande post!

    Acho que todos tivemos simbolos e jogadores que nos faziam todas as tardes estar na superior sul várias horas antes do jogo, fizesse sol ou chuva, verão ou inverno. Aponto mais alguns que me fizeram sonhar e ser do Sporting como o Fernando Mendes, Felipe, Peixe, Di Franceshchi, Leandro, Quiroga, Duscher, Delfim, Rochemback, Nani, etc etc….

    Podia estar aqui horas a falar de jogadores que de uma maneira ou de outra foram marcantes….para mim como Sportinguista.

    O que me preocupa realmente é que neste momento temos jogadores que poderiam estar numa lista assim daqui a 10 anos não fosse o nosso clube estar entregue a panhonhas e a interesseiros que querem ir para o lugar dos panhonhas…
    Por exemplo jogadores como Rinaudo, Schaars, Carrillo, Capel, Patricio, Insua etc deveriam ser inegociaveis neste momento se queremos algum dia sair do poço onde nos meteram…..

    Força Sporting!

  59. Agostinho da Silva:

    “O oportunismo é, porventura, a mais poderosa de todas as tentações;(…)

    (…) é muito difícil lutar contra uma tendência que anda inerente ao homem, à sua pequenez, à sua fragilidade ante o universo e que rompe através dos raciocínios mais fortes e das almas mais bem apetrechadas(…)

    (…)tempo virá na Humanidade – para isso trabalham os melhores – em que só hão-de brilhar os puros valores morais, em que todos se voltarão para os que não quiseram vencer, para os que sempre estacaram ante o meio que lhes pareceu menos lícito; eis a hora dos grandes; para ela desejaríamos que se guardassem, isentos de qualquer mancha de tempo, os que mais admiramos pela sua inteligência, pela sua compreensão do que é ser homem, os que mais destinados estavam a não se apresentarem diminuídos aos olhos do futuro. “

  60. Em relação ao Liedson fiquei estranhamente muito menos fodido do que quando o Porto contratou o Quaresma, por exemplo. Pode ser por eu já ter mais dez anos em cima, pode ser por nunca ter considerado o Liedson um verdadeiro símbolo (como um Acosta ou um Barbosa), mas acredito que seja mais por estas sucessivas direcções de merda, compostas de oportunistas e de gente que não sente o Sporting, me terem tirado paulatinamente o fervor pelo Sporting e eu já ter chegado a um ponto em que nem me importa de ver um dos melhores marcadores do Sporting no clube das putas.

    Em relação ao Insua, e à possibilidade de ele ir para o Atlético, só me apetece perguntar “quanto tempo falta para acabar Janeiro?”. O idiota do Barroso nunca devia ter permitido que aquele filho da puta ficassem durante o mês de transferências. Deixou andar, deixou andar e os resultados estão à vista. Já vi que o riga acha esta possível transferência um excelente negócio. Por ele, o Insua até podia ser dado. Desde que estivesse lá a assinatura do Godo, ele balia como linda ovelha que é.

  61. Adorei o texto, principalmente a referência ao meu jogador preferido de sempre, não é o melhor mas é o meu preferido, Marco Aurélio.

    Quanto aos 3 filhos da puta, Moutinho foi uma grande perda e um mau negócio, Izmailov já aqui disse que não me chateia nada e quanto ao Liedson com 35 anos…deixem ir, só é triste perceber a falta de carater das pessoas, enfim.

    SL

  62. Parti-lho com todos uns excertos de uma entrevista que Godinho lopes deu ao Expresso em Março de 2011,

    “O projeto é para ganhar, não quero ficar dependente da venda dos jogadores. Há vendas em função do projeto e não em função das necessidades – e esta é a grande diferença. Vender a qualquer preço só para permitir que se paguem salários não. Jamais venderia um jogador para um rival. Mas veja: faz sentido falar num modelo integrado.”

    “A independência passa por isso, tenho de ganhar. Se baterem uma cláusula de 30 milhões é outra coisa, vender um jogador para depois aguentar uma época desportiva ou algo do género acabou. A grande mudança é essa – eu, Luís Duque e Carlos Freitas viemos aqui para ganhar, não para vender os jogadores e equilibrar o passivo.”

    Cumprimentos e SL.

  63. Bem já só falta despachar o VW o Patrício e o Capel e pronto já temos a equipa mais merdosa dos últimos 40 anos.

    Quero ver a coragem desses dirigentes de merda do SCP de irem de cachecol ao pescoço quando formos à luz a braga e quando recebermos o porko com os joãozinhos da vida a titulares. Quero ver quem é o responsável por este descalabro.

    Quero ver se o Juju faz milagres.

  64. Sobre o post pouco mais há a dizer do que, é um post do caralho!!

    PS: Adios Insua! No te preocupes que nos vamos a quedar con el Joãozinho. Dicen que és un jugador de puta madre! Quien lo dice? Pues no sé, pero alguien en el mundo lo creerá… aunque sólo sea su padre.
    Y más… el chaval tiene que ser bueno, porque tiene cojones. Llega y dice (aunque se habló de cambiarle el nombre en la camiseta) que él és Joãozinho y ya está! Que nadie le vá a cambiar el nombre en la camiseta! Y aunque algunos digan que eso demuenstra que ya nadie nos respeta (hasta un mocoso que viene del Beira-Mar llega y dice que él és el que sabe y que el club no manda una mierda) yo no lo creo. No lo creo porque nosotros estamos muy, pero muy fuertes! Requetefuertes!!

    Bueno… lo dicho, adios Insua.

  65. Fodasssssss o Joãozinho emprestado pelo Beira mar directamente a titular do SCP, isto é ascensão meteórica. Quando o gajo se revelar a merda que é tou para ver quem é que se responsabiliza.

    Joãozinho!!!!!!!! Isto é nome de jogador de futsal ou do campeonato brasileiro. Puta que pariu

  66. Ah só mais um pequeno aparte às merdas de notáveis que andam a comentar o estado do SCP e a necessidade de estabilidade, ai está o resultado dela.

    A direcção anda a fazer uma sangria do plantel e dos melhores jogadores sem se preocupar com os resultados desportivos.

    É para isto que querem estabilidade cabrões e se acabarmos num lugar humilhante em 10 ou em 12, é que com as merdas de jogadores que andamos a receber Joãozinho, ventura e Miguel Lopes, pode mesmo acontecer, quero saber de quem é a responsabilidade, deve ser dos adeptos e dos sócios da AG, só pode.

    Pires de Lima que se cala ele até é dragão de ouro é mais um infiltrado de merda, aposto que o porko recebe mais do que nós da super bock.

    SL sempre

  67. Que grande post Cherba! Brutal! Já aqui alguém disse e eu vou reforçar: se alguém anunciar o Cherba e o Benedito na sua lista tem o meu voto!

  68. Meu Deus que post fantástico!!! Que SPORTING gigante este. Amo-te tanto SPORTING!!! continuação do fantástico trabalho, do melhor blog de futebol português! SL

  69. Pingback: Rebajas!!! « O Cacifo do Paulinho

  70. Este é o sportinguismo que precisamos.
    É por isso que somos diferentes! Não temos apitos dourados, nem fruta, muito menos eusébios do regime.
    Temos a mística e a raça do nosso querido Sporting Clube de Portugal. Os verdadeiros “símbolos” são poucos e reconhecem-se à distancia. Não se iludam. Não são izmaioves, nem liedsons. São o velho Manel, o Damas e o Oceano e mais recentemente o Beto, o Benedito e o Sá.
    Topam-se logo, são leões na forma como correm, no sportinguismo que respiram, na paixão que mostram ao usar a camisola mais bela do mundo. O resto, passa com o vento. Adulterando a velha máxima oliveiriana: “Por cada moutinho que sair, novos leões se levantarão.”

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s